quinta-feira, 26 de julho de 2018

O primeiro grande erro de Sousa Cintra

A ser verdade a falta de acordo com o Atlético de Madrid, quando estavam em causa as verbas que hoje a generalidade da imprensa anuncia, trata-se do primeiro grande erro de Sousa Cintra. Pelos valores fixos e variáveis o valor do passe seria sensivelmente apreciado em trinta milhões de euros. Desses, o Sporting receberia no imediato vinte e dois milhões + 5 milhões. Uma verba que daria muito jeito à SAD para resolver outros assuntos em aberto e que serão determinantes para o sucesso na presente época, fechando um dossier que é considerado uma causa perdida.

O acordo não seria um negócio espectacular obviamente, mas também não andaria muito longe do valor justo a pagar por um jogador frequentemente sobrevalorizado, se atendermos não ao que promete, mas ao seu real desempenho. A menos que o seu novo treinador consiga melhorias espectaculares no seu nível de decisão final, bem como na eficácia na concretização, o valor da sua cláusula de rescisão e mesmo os cem milhões que agora se diz que o Sporting irá exigir no processo litigioso que se seguirá não passarão de um delírio de verão.

Como o próprio Sousa Cintra já havia reconhecido, ao Sporting interessaria mais um acordo. Não só porque a decisão em litigância não o irá ressarcir tão cedo, caso a decisão venha a ser favorável. Mas também porque na tomada de decisão final contarão não apenas os factos que levaram à rescisão, mas também o nome dos clubes, o peso e capacidade de influência das respectivas federações. Não terá sido por isso casual que a inscrição do jogador logo após a consulta propalada consulta à FIFA pelos colchoneros. Infelizmente, como temos visto noutros processos, ter razão é uma coisa, conseguir vê-la reconhecida é outra bem diferente. 

Não posso deixar de dizer também que a atitude de Gélson Martins é de um canalha sem escrúpulos. A sua situação em nada se comparava com a de William ou Rui Patrício. Infelizmente, dos três jogadores da casa, só William se parece ter preocupado com o ressarcimento do clube que lhe deu tudo. Gélson era um dos meninos dos olhos dos adeptos na bancada, a quem nunca foram regateados aplausos e frequentemente ignorados os erros. O de se fazer expulsar por tirar a camisola foi só a confirmação que além de agora o sabermos desonesto também deve muito à inteligência. Tanta solidariedade afinal não inclui o clube que lhe deu tudo.

Talvez quem leu o titulo possa ter pensado que me iria referir ao empréstimo de Francisco Geraldes. Sim, também é um erro. E um erro que se repete pela terceira vez consecutiva, o que o torna ainda pior para o clube, que o facto de ter diversos intervenientes não serve de desagravo para o clube.

Aqui Sousa Cintra pouco mais poderá ter feito que carimbar a decisão se ela tiver origem no treinador e/ou jogador. Quem deverá explicar muito bem esta dispensa deverá ser em primeiro lugar José Peseiro. Como no passado Jorge Jesus a deveria ter explicado. A menos que o actual treinador diga que o jogador fez questão de sair, não contar com o jogador não augura nada de bom para o que Peseiro pensa por a nossa equipa a fazer.

Mas há que ir um pouco mais longe e não esquecer um outro decisor muito importante neste desfecho: o próprio jogador. Fosse ele outro e não diria isto. Mas Geraldes goza da fama (e pelos vistos do proveito...) de ser um jogador de QI superior. Ao decidir ir para uma liga onde a componente física é muito importante, ele terá obrigatoriamente que saber que está a arriscar muito mais a sua carreira do que se ficasse em Alvalade à espreita de uma oportunidade. 

Esta é uma decisão que roça o absurdo. Só não é a pior de todas, como a de cima, porque o jogador mantém ainda o vínculo ao Sporting e a esperança de cumprir os seus sonhos e os nossos sonhos de leão ao peito tem de ser a última a morrer.

18 comentários:

  1. heheheheh o primeiro grande erro do Cintra, cagativo, siga a manilha....

    se fosse o Bruno a fazer um pequeno erro, ui....fim do mundo!!!

    pequenas grandes diferenças....porque será? porque será que o Presidente que mais fez pelo clube tem uma margem mínima e, por exemplo, aquele que ia em primeiro e despede o treinador para ele ir para o porto ganhar títulos, tem uma margem do caraças, até grandes erros já pode fazer e nem interessa se está novamente no Sporting à duas semanas ou nao...agora sim papam tudo e dao margem a tudo...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Bruno, Bruno, Bruno.

      Vira o disco e toca o mesmo

      Bruno, Bruno, Bruno.

      Vira o disco e toca o mesmo

      Bruno, Bruno, Bruno.

      Vira o disco e toca o mesmo

      Bruno, Bruno, Bruno.

      Vira o disco e toca o mesmo

      Bruno, Bruno, Bruno.

      Vira o disco e toca o mesmo

      Eliminar
    2. O BdC está morto. Resta apenas o zombie que gravita por aí. Só falta mesmo queimar o zombie e enterrar o cadavérico invólucro. Mais difícil de entetrar é o "brunismo" e o Brunistão, neste momento constituído por uns tristes órfãos e viúvas da figura, que esfregam as mãos e rezam para que tudo corra mal. Não entendem (ou não querem entender) que a correr mal, a origem está no moribundo que tanto adoraram e glorificam, que instigou os tristes acontecimentos ocorridos na Academia a 15 de Maio. Mas o SCP é ENORME... E vai sobreviver ao brunismo e ao Brunistão.

      FORÇA SPORTING!

      Eliminar
    3. [...que esfregam as mãos e rezam para que tudo corra mal.]

      Isso deve ser a inspiração para a tua autobiografia e especialmente para aquilo que devem ter sido os teus últimos 5 anos de sportinguismo.

      Eliminar
    4. Anónimo26 de julho de 2018 às 19:50,

      Assentou-te a carapuça, foi? Temos pena.

      Qt á acusação torpe, os meus escritos durante esse período falam pelo meu sportinguismo: sempre a combater o zombie aldrabão e sempre do lado dos atletas do SCP! o apoio dentro do estádio e fora dele.

      Ahh és um covardolas, o que não causa espanto pq essa é uma das mais identitárias características brunaicas. Se tivesses tomates, que claramente não tens, dentificavas-teno comentário. Claro que espero sentado que isso aconteça...

      Eliminar
  2. Completamente de acordo LdA, 2 erros que na minha opinião não fazem o menor sentido.

    Precisamos de dinheiro para compor o plantel (e para fazer face aos compromissos financeiros época) e precisamos da qualidade do Francisco Geraldes no meio campo.

    Há 4 competições para disputar e o Bruno Fernandes deve ser bem gerido, coisa que JJ manifestamente não fez. Até com equipas menores da taça ele jogou.

    ResponderEliminar
  3. Caro Leão de Alvalade, assino por baixo. Escrevi algures numa caixa de comentários no "És a nossa fé" que a dispensa do Geraldes era o primeiro erro de Sousa Cintra. Chamei-lhe um erro crasso. Não sabia ainda da "negociação abortada" com o Atlético de Madrid. Os valores que o Atlético propõs, e que refere no post, são justos. Estamos a negociar um jogador que não é nosso, arte dificil em que Sousa Cintra mostrou ser mestre. Por outro lado Gelson confirma alguma falta de inteligência, que tem atrasado a sua evolução futebolística, e não mostra qualquer afectividade com o clube. Neste contexto os cerca de trinta milhões quase garantidos por 60 ou setenta por cento do passe seriam excelentes. Vamos a ver como as coisas correm. Estamos - está o Sousa Cintra - a deixar engrossar o número dos "não resolvidos", transferindo para a justiça a resolução dos conflitos. Má e, parece-me, perigosa opção.
    Quanto ao Geraldes é uma pena. Peseiro desceu muitos pontos na minha consideração. Ser incapaz de imaginar uma equipa do Sporting com Geraldes num meio-campo com Bruno Fernandes e um médio, ou dois, com características mais defensivas - Palhinha e Acuna, por exemplo -, mostra uma enorme falta de ambição. Misturar Nani nesta equação parece-me um disparate.
    O Sporting por força do tsunami da Academia voltou um pouco ao ano de arranque do consulado de BC. Fazia falta um Jesualdo, ou um Jardim, para olhar para os recursos próprios e a partir daí construir algo de sólido e duradouro. Sem gastar um chavo, dispensando os jogadores que já provaram ser irrelevantes - sem passado e sobretudo sem futuro - e apostando tudo nos nossos Geraldes, Palhinhas, Domingos Duarte - que lástima a sua dispensa - Gauld e outros. Pensewi que Peseiro pudesse imitar os seus antecessores. Pelos vistos vai mais na direcção do Jesus, que não deixou saudades nenhumas. Com carradas de aquisições dezenas de milhões de investimentos frustados jogámos nos últimos dois anos um futebol paupérrimo.
    Era uma oportunidade única para voltar a reabiliatr a nossa Academia cuja triste sina parece estar já traçada, com a condenação ao ostracismo do jogador da formação.
    Não adivinho nada de bom, mantendo este rumo.

    ResponderEliminar
  4. Vamos lá ver se o Francisco Geraldes conseguisse ser adaptado a 8, acho que faria toda o sentido que ficasse no plantel, a jogar atrás do avançado com o regresso de Bruno Fernandes, deixaria de ter a possibilidade de jogar o tempo que desejaria.

    ResponderEliminar
  5. A atitude de Gelson é como o LA diz, e a minha vontade é subscrevê-la. Mas quem já passou por Futres, Figos, Simão, Moutinhos,...sabemos bem, ou temos a obrigação de saber, a força que o dinheiro tem na modelação dessas atitudes. Todos os jogadores com mercado ( e eles sabem-no) aproveitam qualquer oportunidade, quando esta significa proventos quase inimagináveis e que o SCP está a léguas de satisfazer.
    Importante é prevenir essas oportunidades. Por isso eu digo que os prejuízos das rescisões deviam ser apresentados ao destituído para pagamento, bem como a manutenção da suspensão de sócio enquanto as contas não forem acertadas.
    No âmbito da devoção ao scp (v) dinheiro, nós, sócios e adeptos, é que nunca temos dúvidas de que lado estamos. Sorte a nossa, que nunca sentiremos o apelo do dinheiro.
    Sobre a decisão da SAD e por desconhecimento do contexto, sinto-me tipo "copo meio cheio, meio vazio". Mas se a decisão foi por unanimidade, tenho (temos?) que lhe dar crédito.

    SL

    ResponderEliminar
  6. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderEliminar
  7. Há uma coisa importante que os adeptos do SCP devem ter presente na mente até ao final da presente época que vai começar:

    O plantel da época 2018/19 será o plantel de Cintra

    Uma vez que marcaram as eleições para 8 setembro, impossibilitam ao próximo presidente de efectuar contratações ou dispensas.
    O próximo presidente ficará amarrado ao plantel de...Cintra.

    Por isso se a época 2018/19 (futebol) for um fiasco Cintra terá uma quota parte de responsabilidade. Afinal de contas foi ele que chutou Sinisa para fora do baralho e chamou Peseiro.

    Agora é só pancadinhas nas costas e sorrisos mas no final fazem-se as contas e depois não vale atribuir as culpas ao ex-presidente destituído...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Claro! Será o plantel de Cintra. Para quê atribuir culpas ao ex-coiso?
      Cintra herdou aquele magnífico treinador e um plantel fortíssimo, contas do clube em dia, uma maravilha. Não herdou problema nenhum nem instabilidade nenhuma. Um mar de rosas!
      Não tem desculpa se não for campeão.
      Esta gente que ainda anda por aqui a atirar areia aos olhos dos sportinguistas trabalha pro bono ou pro bonus, como a sra Elsa?
      Ehehe!
      Ouve-se por aí que havia um saco azul. Deve ser do que sentem falta.

      Eliminar
  8. Tivesse o Francisco Geraldes o Jorge Mendes como seu agente e jogaria de caras no Sporting este ano.
    No meu entender esta é a razão principal da sua dispensa...para infelicidade dos Sportinguistas

    ResponderEliminar
  9. ao leão?!?! das 23:46,

    Em 2013 o Sporting atravessava o período mais negro da sua história:
    – Dois últimos mandatos com 160 Milhões de prejuízo de resultados líquidos da SAD (José Eduardo Bettencourt 70,5 milhões e Godinho Lopes 89,8 milhões).
    – Sad na eminência de um PER (Plano Especial de Revitalização) ou Insolvência.
    – Equipa de Futebol em 10º lugar, a 34(!) pontos do 1º lugar e 9 pontos acima da linha de água.
    – 4 treinadores na mesma época.
    – Maioria das % dos passes dos jogadores na mão de empresários e investidores.
    – Ingerência de entidades externas (Banca, Empresários, Rivais) na gestão do clube.
    – 35 modalidades, a maioria só para “participar” e o plano era encerrar todas gradualmente e deixar apenas as que se auto-sustentavam, como a ginástica ou a natação.
    – Cerca de 80 mil sócios, a maioria não pagantes.
    – Ausência de transparência na comunicação com os sócios.
    – Sócio transformado num utilizador/cliente pagador.

    1 abraço e sl!?!?

    ResponderEliminar
  10. LdA, subscrevo totalmente. mas acho o caso de Geraldes diferente do de Gelson.
    Ou seja, o de Gelson foi claramente um erro. O de Geraldes, não é um erro, mas é uma pena.

    Na minha opinião, o caso de Gelson foi originado por excesso de entusiasmo. Estava tudo a correr tão bem que Cintra embebedou-se com o sucesso e esticou demais a corda. Até porque o pequeno canalha não vale 50M. Mesmo em circunstancias normais, não valia isso... O dinheiro que o Atlético dava podia não ser o desejado, mas era certamente um maná nestes tempos de tesouraria em baixa e mercado por atacar (faltam jogadores no meio campo). E não seria um mau negócio, mesmo noutros tempos.

    O caso de Geraldes é diferente. Noutros tempos ficaria no plantel. Mas na situação atual, basta os jogadores fazerem "buuuu" e nós ficamos logo assustados...fruto de tudo o que sucedeu...estamos fragilizados e cedemos com facilidade demais. Era difícil não o deixar saír neste contexto e querendo ele ir embora...Menos mal que é por empréstimo sem opção de compra, mas o plantel ficou ainda mais curto!

    José Gomes (JG)

    ResponderEliminar
  11. Pois é,

    mas o problema dos SPORTINGUISTAS, está à muito diagnosticado e chama-se "autofágia" e tende a piorar!!!!

    Meus caros, acreditem ou não, mas o próximo líder do nosso clube, não aguentará um ano na presidência, porque simplesmente, os adeptos em geral não perdoarão um retrocesso na caminhada que foi encetada desde 2013 (com erros é certo), mas a cima de tudo com uma presença e OBRA que salta à vista :

    -170 000 sócios;
    -1 relvado em condições (pela primeira vez desde 2004);
    -modalidades a GANHAR;
    - 1 pavilhão do clube;
    - escolha acertada de treinadores;
    - sad a dar lucro (em 20 de anos de SAD, apenas por uma vez aconteceu);
    - Luta pela Verdade Desportiva e pela Transparência ;
    - Contrato de 515M€ de direitos televisivos e patrocínio.

    e poderia continuar, mas não vale a pena,pois para minha tristeza vamos continuar neste processo de auto-destruição.

    SÓCIO Nº75 241

    SL

    ResponderEliminar
  12. Estar a colocar pontos de interrogação a cada comentário que contraria a narrativa bruneca é querer confundir o Sporting com o Bruno e isso é característico da claque do saco azul.
    Descreveu muito bem a situação de 2013 e o fiasco de GL e de Bettencourt apoiado pelos mesmos que apoiaram o Bruno e que já tinham apoiado o PPC.
    O caso é que a situação deixada pelo Bruno é um claro downgrade. O Sporting está pior que então.
    Onde está o mérito do Bruno???
    A restruturação financeira, preparada pelos bancos e pela Holdimo foi completamente desbaratada pela incompetência do "Falências". Os jogadores estavam em fuga, os sócios divididos pelo discurso do ódio e da inveja, dívidas a tudo o que mexe, etc.
    Onde está o mérito bruneco???

    ResponderEliminar
  13. Francisco Geraldes, do qual eu gosto bastante como jogador decidiu não fazer parte das opções de Peseiro. Quis sair para jogar.
    Eu que nem gosto do Peseiro, estou à espera que façam um acto de contrição e peçam desculpa ao homem e ao Cintra.....
    Abraço,
    M.Lopes

    ResponderEliminar

Este blogue compromete-se a respeitar as opiniões dos seus leitores.

Para todos os efeitos a responsabilidade dos comentários são de quem os produz.

A existência da caixa de comentários visa dar a oportunidade aos leitores de expressarem as suas opiniões sobre o artigo que lhe está relacionado, bem como a promoção do debate de ideias e não a agressão e confrontação.

Daremos preferência aos comentários que entendermos privilegiarem a opinião própria do que a opinião que os leitores têm sobre a opinião de terceiros aqui emitida. Esta será tolerada desde que respeite o interlocutor.

Insultos, afirmações provocatórias ou ofensivas serão rejeitados liminarmente.

Não serão tolerados comentários com links promocionais ou que não estejam directamente ligados ao post em discussão.

Sporting Clube de Portugal

Sporting Clube de Portugal

Prémios

Sporting 160 - Podcast

Os mais lidos no último mês

Blog Roll

Leitores em linha


Seguidores

Número de visitas

Free HTML Counters

Ultimos comentários

Blog Archive

Temas

"a gaiola da luz" (1) 10A (1) 111 anos (1) 1ª volta Liga Zon/Sagres 10/11 (3) 2010-2011 (1) 2016 (1) 8 (4) AAS (7) ABC (3) Abrantes Mendes (3) Academia (17) Académica-SCP (1) adeptos (95) Adrien (19) AdT (1) adversários (84) AFLisboa (2) AG (20) AG destitutiva (2) Alan Ruiz (2) Alexander Ellis (1) alma leonina (60) ambição (10) andebol (36) André Geraldes (2) André Marques (2) André Martins (6) André Pinto (1) André Santos (5) anestesia (3) angulo (5) aniversário "A Norte" (3) Aniversário SCP (4) antevisão (41) APAF (13) aplausos ao ruben porquê? (2) Aquilani (1) aquisições (85) aquisições 2013/14 (16) aquisições 2014/15 (18) aquisições 2015/16 (17) aquisições 2016/17 (10) aquisições 2017/18 (6) arbitragem (95) Associação de Basquetebol (6) ataque (1) Atitude (9) Atletico Madrid (1) Atlético Madrid (1) atletismo (7) auditoria (4) autismo (1) AVB és um palhaço (1) aventureiro (1) Bacelar Gouveia (2) Balakov (1) balanço (5) Baldé (4) balneário (3) banca (2) Barcos (3) Bas Dost (5) Bastidores (72) Batota (19) Battaglia (1) Beira-Mar (2) Belenenses (4) Benfica (1) BES (1) bilhetes (2) binários (1) Boal (1) Boateng (1) Boeck (2) Bojinov (7) Bolsa (2) Borússia Dortmund (1) Boulahrouz (2) Brasil (1) Braz da Silva (8) Brondby (4) Bruma (18) Brunismo (1) Bruno Carvalho (109) Bruno César (3) Bruno de Carvalho (14) Bruno Fernandes (3) Bruno Martins (20) Bryan Ruiz (5) Bubakar (1) BwinCup (1) cadeiras verdes (1) Cadete (1) Caicedo (5) calendário (2) Câmara Municipal de Lisboa (3) Campbell (2) Campeões (2) campeonato nacional (21) campeonatos europeus atletismo (3) Cândido de Oliveira (1) Caneira (2) Cape Town Cup (3) Capel (4) carlos barbosa (4) Carlos Barbosa da Cruz (2) Carlos Carvalhal (5) Carlos Freitas (7) Carlos Padrão (1) Carlos Severino (4) Carlos Vieira (1) Carriço (6) Carrillo (10) Carrilo (3) carvalhal (30) Caso Cardinal (1) Casos (6) CD Liga (3) Cedric (7) Cervi (3) CFDIndependente (1) Champions League 2014/15 (9) Champions League 2015/16 (5) Chapecoense (1) CHEGA (1) Ciani (1) Ciclismo (3) CL 14/15 (2) Claques (9) clássicos (8) Coates (4) Coentrão (1) Coerência (1) colónia (1) comissões (2) competência (2) comunicação (69) Comunicação Social (22) Consciência (1) Conselho Leonino (2) contratações (6) COP (1) Coreia do Norte (1) Corradi (1) corrupção no futebol português (2) Cosme Damião (1) Costa do Marfim (3) Costinha (45) Couceiro (13) crápulas (1) credores (1) crise 2012/13 (21) Crise 2014/15 (2) crise 2018 (30) Cristiano Ronaldo (1) cronica (3) crónica (15) cultura (4) curva Sporting (1) Damas (3) Daniel Sampaio (3) debate (5) defesa dos interesses do SCP (7) Del Horno (1) delegações (1) depressão (1) Derby (43) Derby 2016/17 (1) Derby 2018/19 (1) derlei (1) Desespero (1) Despedida (2) despertar (3) dia do leão (1) Dias da Cunha (1) Dias Ferreira (6) Diogo Salomão (4) director desportivo (18) director geral (5) direitos televisivos (4) Dirigentes (28) disciplina (6) dispensas (22) dispensas 2015/16 (1) dispensas 2016/17 (2) dispensas 2017/18 (1) djaló (10) Domingos (29) Doumbia (3) Doyen (4) Duarte Gomes (2) Ecletismo (60) Eduardo Barroso (6) Eduardo Sá Ferreira (2) eleições (20) eleições2011 (56) eleições2013 (26) eleições2017 (9) eleições2018 (2) Elias (5) eliminação (1) empresários (11) empréstimo obrigacionista (4) entrevistas (64) Épico (1) época 09/10 (51) época 10/11 (28) época 11/12 (8) época 12/13 (11) época 13/14 (4) época 14/15 (8) época 15/16 (5) época 16/17 (7) época 17/18 (1) EquipaB (18) equipamentos (12) Eric Dier (8) Esperança (4) estabilidade (1) Estádio José de Alvalade (4) Estado da Nação (1) estatutos (8) Estórias do futebol português (4) estratégia desportiva (104) Estrutura (1) Euro2012 (6) Euro2016 (1) Europeu2012 (1) eusébio (2) Evaldo (3) Ewerton (4) exigência (2) expectativas (1) expulsão de GL (1) factos (1) Fafe (1) Fair-play (1) farto de Paulo Bento (5) fcp (12) FCPorto (9) Fernando Fernandes (1) FIFA (2) Figuras (1) filiais (1) final (1) final four (1) finalização (1) Finanças (27) fiorentina (1) Football Leaks (2) Formação (91) FPF (14) Francis Obikwelu (1) Francisco Geraldes (2) Frio (1) fundação aragão pinto (3) Fundação Sporting (1) fundos (14) futebol (9) futebol feminino (4) futebol formação (2) futebol internacional (1) Futre (1) Futre és um palhaço (4) futsal (24) futsal 10/11 (1) futuro (10) gabriel almeida (1) Gala Honoris Sporting (3) galeria de imortais (29) Gamebox (2) Gauld (5) Gelson (3) Gent (1) geração academia (1) Gestão despotiva (2) gestores de topo (10) Gilberto Borges (3) GL (2) glória (5) glorias (4) Godinho Lopes (27) Gomes Pereira (1) Governo Sombra (1) Gralha (1) Gratidão (1) Grimi (4) Grupo (1) Guerra Civil (2) guimarães (1) Guy Roux (1) Hacking (1) Heerenveen (3) Hildebrand (1) História (18) Holdimo (1) homenagem (5) Hóquei em Patins (8) Hugo Malcato (113) Hugo Viana (1) Humor (1) i (1) Identidade (11) Idolos (3) idzabela (4) II aniversário (1) Ilori (4) imagem (1) imprensa (12) Inácio (6) incompetência (7) Insua (2) internacionais (2) inverno (2) investidores (3) Iordanov (6) Irene Palma (1) Iuri Medeiros (1) Izmailov (26) Jaime Marta Soares (6) Jamor (3) Janeiro (1) Jardel (2) jaula (3) JEB (44) JEB demite-se (5) JEB és uma vergonha (5) JEB rua (1) JEBardadas (3) JEBardice (2) Jefferson (3) Jeffren (5) Jesualdo Ferreira (14) JJ (1) JL (3) Joana Ramos (1) João Benedito (2) João Mário (6) João Morais (5) João Pereira (6) João Pina (3) João Rocha (3) Joaquim Agostinho (2) joelneto (2) Jogo de Apresentação (1) Jorge Jesus (47) Jorge Mendes (3) José Alvalade (1) José Cardinal (2) José Couceiro (1) José Eduardo Bettencourt (33) José Travassos (1) JPDB (1) Jubas (1) Judas (1) judo (6) Juniores (7) JVL (105) kickboxing (1) Kwidzyn (1) Labyad (7) Lazio (1) LC (1) Leão de Alvalade (496) Leão Transmontano (62) Leonardo Jardim (11) Liderança (1) Liedson (28) Liga 14/15 (35) Liga de Clubes (14) liga dos campeões (12) Liga dos Campeões 2016/17 (11) Liga dos Campeões 2017/18 (8) Liga Europa (33) Liga Europa 11/12 (33) Liga Europa 12/13 (9) Liga Europa 13/14 (1) Liga Europa 14/15 (1) Liga Europa 15/16 (11) Liga Europa 17/18 (1) Liga Europa10/11 (16) Liga NOS 15/16 (30) Liga NOS 16/17 (22) Liga NOS 17/18 (20) Liga Sagres (30) Liga Zon/Sagres 10/11 (37) Liga Zon/Sagres 11/12 (38) Liga Zon/Sagres 12/13 (28) Liga Zon/Sagres 13/14 (24) Lille (1) LMGM (68) losango (1) Lourenço (1) low cost (1) Luis Aguiar (2) Luis Duque (9) Luís Martins (1) Madeira SAD (4) Malcolm Allison (1) Mandela (2) Mané (3) Maniche (4) Manifesto (3) Manolo Vidal (2) Manuel Fernandes (7) Marca (1) Marcelo Boeck (1) Marco Silva (27) Maritimo (2) Marítimo (3) Markovic (1) Matheus Oliveira (1) Matheus Pereira (3) Mati (1) matías fernandez (8) Matias Perez (1) Mauricio (3) Meli (1) Memória (10) mentiras (1) mercado (41) Meszaros (1) Miguel Lopes (1) Miguel Maia (1) miséria de dirigentes (2) mística (3) Modalidades (26) modelo (3) Moniz Pereira (7) Montero (8) Moutinho (3) Mundial2010 (9) Mundial2014 (3) Mundo Sporting (1) Nacional (1) Naide Gomes (2) Naldo (3) naming (2) Nani (3) Natal (4) Naval (3) Navegadores (3) negócios lesa-SCP (2) NextGen Series (3) Noite Europeia (1) nonsense (23) Nordsjaelland (1) NOS (2) Notas de Imprensa (1) notáveis (1) nucleos (1) Núcleos (9) Nuno André Coelho (2) Nuno Dias (3) Nuno Saraiva (4) Nuno Valente (1) o (1) O FIM (1) O Roquetismo (8) Oceano (1) Octávio (1) Olhanense (1) Olivedesportos (1) Onyewu (7) onze ideal (1) opinião (6) oportunistas (1) orçamento (3) orçamento clube 15/16 (1) organização (1) orgulho leonino (17) Oriol Rosell (3) paineleiros (15) Paiva dos Santos (2) paixão (3) papagaios (8) pára-quedista (1) parceria (2) pascoa 2010 (1) pasquins (7) Patrícia Morais (1) património (2) patrocínios (6) Paulinho (1) paulo bento (19) Paulo Faria (1) Paulo Oliveira (3) Paulo Sérgio (43) paulocristovão (1) Pavilhão (11) pedrada (1) Pedro Baltazar (8) Pedro Barbosa (5) Pedro Madeira Rodrigues (4) Pedro Mendes (4) Pedro Silva (2) Pereirinha (6) Peyroteo (3) Piccini (1) Pini Zahavi (2) Pinto Souto (1) plantel (31) plantel 17/18 (3) play-off (2) play-off Liga dos Campeões 17/18 (5) PMAG (3) Podence (1) Polga (5) Pongolle (5) Pontos de vista (15) por amor à camisola (3) post conjunto (5) Postiga (7) PPC (7) Pranjic (2) pré-época (2) pré-época 10/11 (7) pré-época 11/12 (43) pré-época 12/13 (16) pré-época 13/14 (16) pré-época 14/15 (22) pré-época 15/16 (20) pré-época 16/17 (12) pré-época 17/18 (9) pré-época 18/19 (1) prémio (1) prémios stromp (1) presidência (1) presidente (4) Projecto BdC (1) projecto Roquette (2) promessas (3) prospecção (2) Providência Cautelar. Impugnação (1) PS (1) Quo vadis Sporting? (1) Rabiu Ibrahim (2) Rafael Leão (1) râguebi (1) raiva (1) RD Slovan (1) reacção (1) redes sociais (1) Reestruturação financeira (18) reflexãoleonina (21) reforços (15) regras (4) regulamentos (1) Relatório e Contas (12) relva (10) relvado sintético (4) remunerações (1) Renato Neto (3) Renato Sanches (1) rescisões (2) respeito (7) resultados (1) revisão estatutária (7) Ribas (2) Ribeiro Telles (4) Ricardo Peres (1) Ricciardi (2) ridiculo (1) ridículo (2) Rinaudo (8) Rio Ave (2) Rita Figueira (1) rivais (6) Rodriguez (2) Rojo (4) Ronaldo (12) rtp (1) Ruben Ribeiro (1) Rúbio (4) Rui Patricio (18) Rui Patrício (4) Sá Pinto (31) SAD (27) Salema (1) Sarr (4) Schelotto (2) Schmeichel (2) scouting (1) SCP (64) Segurança (1) Selecção Nacional (38) seleccionador nacional (5) Semedo (1) SerSporting (1) sessões de esclarecimento (1) Shikabala (2) Silly Season2017/18 (2) Símbolos Leoninos (3) Sinama Pongolle (1) Sistema (4) site do SCP (3) SJPF (1) Slavchev (1) slb (22) Slimani (11) slolb (1) Soares Franco (1) sócios (16) Sócrates (1) Solar do Norte (14) Sondagens (1) sorteio (3) Sousa Cintra (4) Sp. Braga (2) Sp. Horta (1) Spalvis (2) Sporting (2) Sporting Clube de Paris (1) Sporting160 (2) Sportinguismo (2) sportinguistas notáveis (2) SportTv (1) Stijn Schaars (4) Stojkovic (3) Sunil Chhetri (1) Supertaça (3) sustentabilidade financeira (44) Taça CERS (1) Taça Challenge (5) taça da liga (11) Taça da Liga 10/11 (7) Taça da Liga 11/12 (3) Taça da Liga 13/14 (3) Taça da Liga 14/15 (2) Taça da Liga 15/16 (4) Taça da Liga 16/17 (1) Taça da Liga 17/18 (3) Taça das Taças (1) Taça de Honra (1) Taça de Liga 13/14 (3) Taça de Portugal (12) Taça de Portugal 10/11 (3) Taça de Portugal 10/11 Futsal (1) Taça de Portugal 11/12 (12) Taça de Portugal 13/14 (3) Taça de Portugal 14/15 (8) Taça de Portugal 15/16 (4) Taça de Portugal 16/17 (4) Taça de Portugal 17/18 (6) táctica (1) Tales (2) Tanaka (1) Ténis de Mesa (2) Teo Gutierrez (5) Tertúlia Leonina (3) Tiago (3) Tio Patinhas (3) Tonel (2) Torneio Guadiana 13/14 (1) Torneio New York Challenge (4) Torsiglieri (4) Tottenham (1) trabalho (1) transferências (5) transmissões (1) treinador (90) treino (4) treinos em Alvalade (1) triplete (1) troféu 5 violinos (5) TV Sporting (5) Twente (2) Tziu (1) uefa futsal cup (4) Uvini (1) Valdés. (3) Valores (14) VAR (1) Varandas (3) Veloso (5) vendas (8) vendas 2013/14 (2) vendas 2014/15 (1) vendas 2016/17 (5) vendas 2017/18 (1) Ventspils (2) Vercauteren (5) Vergonha (7) video-arbitro (7) Villas Boas (8) Viola (1) Virgílio (100) Virgílio1 (1) Vitor Golas (1) Vitor Pereira (6) Vitória (1) VMOC (7) voleibol (1) Vox Pop (2) VSC (3) Vukcevic (10) WAG´s (1) William Carvalho (13) Wilson Eduardo (2) Wolfswinkel (12) Wrestling (1) Xandão (4) Xistra (3) Zapater (2) Zeegelaar (2) Zezinho (1)