quarta-feira, 25 de setembro de 2019

Última chamada para Frederico Varandas

Gosto de dar a cara pelas minhas opções e, sabendo o que sabia à época, se fosse hoje voltaria a fazer a mesma escolha. Isto é, voltaria a votar na lista de Frederico Varandas. Hoje não sinto que tenha errado mas não posso dizer o mesmo relativamente às escolhas que Frederico Varandas fez para o futebol. De forma muito particular, a quem tem oferecido o cargo de treinador da equipa principal de futebol. 

O seu primeiro grande erro foi aceitar meter o pescoço por uma ideia que não parece ser dele mas, como sempre me pareceu, do seu amigo e colega. Se tens que morrer, morre pelas tuas ideias e não pelas de terceiros, como parece que foi o caso. O segundo e talvez maior erro foi não ouvir os que o lhe fizeram ver que ao trocar Peseiro por um treinador desconhecido e sem curriculum estava a prescindir do seu escudo protector. 

Ora o presidente do Sporting não é o presidente do SLB ou do FCP. Ambos têm um percurso de muitos anos e conquistas, bem como estruturas suficientes que os protegem dos erros e da contestação que eventualmente possa surgir. Não têm oposição constituída. No Sporting o que mais há é oposição e, ao contrário dos outros clubes, o lugar mais frágil é o do presidente para onde todos atiram a matar.

Há pessoas com sorte e outras que não têm nenhuma ou muito pouca. A mais que provável má escolha de Keizer foi agravada pelas suas próprias conquistas. No Sporting é assim: até quando tens sorte isso pode ser ter azar. O Sporting ganhou com sorte, ambas as taças foram ganhas nos penaltys, jogava umas vezes muito pouco, mais ou menos aqui e ali, mas demasiado pouco para não ser fácil prever que a nova época ia ser complicada. Foi com essa sensação que abandonei o Jamor.

Sou insuspeito para falar de BdC. Acertou nas caras que escolheu para treinador, ainda que, na generalidade dos casos, não os tenha conseguido acompanhar e aguentar. Por razões diferentes, ambos, FV e BdC, foram confrontados com a necessidade de repensar o treinador acabado de vencer uma Taça de Portugal. BdC quis livrar-se de Marco Silva e para isso percebeu que tinha que arranjar um escudo protector para poder assumir o despedimento de um treinador que acabava de ganhar 1 Taça de Portugal. FV não percebeu que o futebol de Keizer era de tal forma incipiente que o tornava num desastre por anunciar. Se o percebeu não agiu.

A escolha do treinador de futebol é determinante em qualquer clube, no Sporting, que anda afastado dos títulos há quase duas décadas mais ainda. Por muito que os Sportinguistas se assumam como amantes do ecletismo, é o futebol que marca a saúde do clube. Só assim se percebe que desportivamente o Sporting siga pujante em praticamente em todas as modalidades e, simultaneamente, esteja mergulhado numa crise profunda. Se fosse ao contrário, pouco mais haveria que lamentos sem grande repercussão. 

Neste momento FV está completamente exposto e aparentemente num beco cuja única saída é não errar novamente na escolha. A primeira época integralmente ao seu cuidado começou desastradamente na Supertaça ainda não saiu desse registo. Mais uma vez meteu o pescoço quando,  a poucas horas do final da janela de mercado, faz uma reorganização altamente questionável do plantel, com o treinador já na porta de saída. 

A não inscrição de Pedro Mendes é irrelevante do ponto de vista do reforço do plantel, por muito que queiram fazer crer o contrário. Mas, do ponto de vista de gestão política, revela uma inabilidade total, rapidamente castigada pela sucessão de lesões comprometedoras que terminaram no golo do avançado dos sub-23. Associar a ideia de falta de jeito para lidar com o futebol profissional à falta de sorte é a última pedra no caminho.

A importância do mandato de FV transcende-o. É vital para higienização do clube, que represente uma solução de equilíbrio e o regresso à universalidade dos nossos valores, em contraponto com a descaracterização (diria mesmo o avacalhamento) e sectarismo que o clube foi e continua sujeito. É vital para a sustentabilidade do clube que os mandatos deixem de ser interrompidos, que matérias em aberto, como o da reestruturação financeira, a modernização administrativa, o reinvestimento nas infraestruturas, na formação, no scouting, o reforço do marketing, etc., fechem os seus ciclos de forma virtuosa para que o clube evolua e se aproxime dos seus rivais.

Não sei se haverá sobrevida para FV depois destes meses de instabilidade, que acima de tudo nasceram dos seus próprios erros e falhas, mesmo reconhecendo a oposição canalha a que tem estado sujeito desde a primeira hora. Para que tal seja possível, é vital não apenas devolver a competitividade ao futebol, mas também comunicar muito melhor, quer do seu ponto de vista pessoal quer mesmo institucional. Não podendo nunca ser um líder carismático, tem de ser um líder competente e não o está a ser. Essa seria a forma mais próxima de realizar a utopia de unir o Sporting.

26 comentários:

  1. "No Sporting é assim: até quando tens sorte isso pode ser ter azar. O Sporting ganhou com sorte, ambas as taças foram ganhas nos penaltys, jogava umas vezes muito pouco, mais ou menos aqui e ali, mas demasiado pouco para não ser fácil prever que a nova época ia ser complicada. Foi com essa sensação que abandonei o Jamor" Mais na mouche era impossível. Foi a réplica da vaca que levou o Sá Pinto até às meias-finais da Liga Europa (sem o golo do Adrien no Jamor). Claro que tão correcto juízo tinha era feito falta quando se andava para aí a falar na melhor época dos últimos 17 anos. Agora vai tarde. JPT

    ResponderEliminar
  2. Muito boa tarde,

    Estive a reler o seu post em jeito de balanço à gestão de Frederico Varandas passado que foi um ano da sua eleição. Não me levará a mal, mas hoje, passados cerca de 15 dias, o post surge-nos com uma decalage de uma vida tal a irrealidade nele contida.
    Um ano de FV que redunda em promessas não cumpridas e numa ausência de obra ou de reformas que facilmente se constatam. Temo que FV seja peça e não motor. Os apoios que terá obtido para a sua candidatura deverão estar-se a fazer cobrar em altíssima escala. Não é possivel acumular a desfaçatez de uma estória mal contada, sem motivo. Imagine-se o que representa uma catadupa delas. FV não é lider, não tem carisma, não arregimenta, não é minimamente credível e revela uma inaptidão para comunicar quase exasperante. As semelhanças desta gestão, na qual se acumulam sound-bytes deixados por ele ou por outros membros do actual CD, com a dos tempos de Godinho, são incríveis. O SCP reforçou-se melhor que os seus rivais, disse Zenha. Marcel Keiser deverá dispor de uma pré-época para decidir em conformidade a construção do plantel, disse ele mesmo. O plantel está a ser construído há mais de um ano. Nunca contrataremos jogadores apenas pelo nome ou passado. E podia ficar aqui em loop...
    Quando se começa a ver um rol de putativos treinadores a desfilar pelos escaparates mediáticos, com naturalidade os adeptos passam a discutir com paixão o assunto e fulanizam a questão. Como se o problema fosse o treinador e não quem está acima revelando total incapacidade para a gestão desportiva de uma SAD de futebol profissional e pior ainda, deixando que a sua arrogância (o futebol é fácil, fácil. FV dixit) transformasse as suas afirmações em bazófia. De facto "acabou o Circo no SCP".
    Isto, o que assistimos agora, não cabe nessa definição. De tão mau.
    E o grande problema é que provavelmente a única culpa de FV será a de conivente.

    ResponderEliminar
  3. Que grande tratado sobre a falta de carácter do autor do artigo, ao mesmo tempo que, canalha como aos que chama, atira sobre tudo e todos, como se tudo e todos fossem culpados do que se está a passar menos os incompetentes comprovados que lá estão.

    Continua a não interiorizar que um Clube desportivo não se gere com boa educação, eloquência e bons fatos e gente de bons costumes e de famílias nobres, gere-se com competência e com paixão. Com paixão, separado, e não compaixão. E se possível sem Paixão (Martins) também…

    Essa história dos mandatos que são para cumprir, de ser preciso é união e estabilidade ando eu a ouvir há 40 anos. É conversa que só surge e só interessa a quem não obtém nem consegue obter resultados. Infelizmente, os sócios e adeptos do Sporting são hoje os mesmos panhonhas de então, que preferem eleger gente de aparências a gente de trabalho.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. LionClaw:

      falta de caracter é uma acusação grave que deveria ser devidamente fundamentada. Mas isso deve ser pedir muito a um panhonha como o meu caro. Isto partindo do principio que estou a falar com um adepto do Sporting de hoje (como o meu caro tipifica) e não estou a falar com nenhum lampião ou andrade.

      Eliminar
    2. Falta de carácter não é uma acusação, é uma constatação. Já os adjectivos que me oferece e que lhe agradeço são eles sim insultuosos, como aliás é seu apanágio desde que aqui veio parar. Continue a vestir essa máscara de boa-educação se lhe aprouver, por trás há-de estar sempre esse José que você há-de tão bem conhecer e que, há mais de 10 anos continua a dar tiros ao lado no que ao Sporting diz respeito. Uma vez toda a gente erra, mas quatro ou cinco se calhar já não é azar...

      Talvez alguém na Disney o contacte, Stormtroopers são sempre figurantes necessários nos filmes da Guerra das Estrelas.

      Eliminar
    3. Plenanente de acordo. Não há espaço para o fim do mandato. Se em tão poucoo tempo já foi feita tanta asneira o que se faria se o mandato fosse até ao fim. Estou farto de ver o barco a afundar e as pessoas a confiarem cegamente no capitão. Quem o defende ou é cego ou tem interesses fora do desporto.

      Eliminar
    4. Plenanente de acordo. Não há espaço para o fim do mandato. Se em tão poucoo tempo já foi feita tanta asneira o que se faria se o mandato fosse até ao fim. Estou farto de ver o barco a afundar e as pessoas a confiarem cegamente no capitão. Quem o defende ou é cego ou tem interesses fora do desporto.

      Eliminar
    5. Falta de carácter é comentar primeiro com um perfil e depois com outro. Estás apresentadissimo.

      Eliminar
    6. Ahn? Eu só comentei a tua falta de educação crónica, José. Dou o nome e a cara em todo o lado, e tu sabes bem disso. Já tu é que és o "Leão de Alvalade".

      Olha lá a merda das acusações infantis.

      Eliminar
    7. Foi de facto um momento agradável, obrigado

      Eliminar
  4. Não votei Varandas e obviamente cada vez mais me convenço que tomei a opção correta. Votei Benedito e voltada a votar do mesmo modo hoje. Contudo, revejo-me na quase totalidade do teu post. Com uma exceção e uma salvaguarda.

    A exceção é a questão Pedro Mendes. Não é (ainda) o supra sumo da batata, nem podia ser, mas...era uma solução interessante quando apenas temos um ponta de lança. Não tenho duvidas que com um avançado minimamente decente (e o miúdo, pelo menos isso, já é) tínhamos resolvido o jogo com o Famalicão antes do intervalo. A quantidade de bolas que tivemos em que bastava encostar foi impressionante. Alguém ao meu lado dizia por graça (na primeira parte, quando ainda tinha graça…) que estavam a dar muitas bolas ao espírito do Bas Dost!

    A salvaguarda é a questão do treinador. Ainda pior que as mas escolhas dos treinadores, foi a escolha da estrutura do futebol profissional. Para caraterizar Hugo Viana utilizaria um termo algures entre incompetente e mentecapto. E para ser simpático… O pior é que ainda vai a tempo de emendar a mão e não emenda. A melhor opção é mandar o Hugo para o escritório do seu mentor Jorge Mendes!

    Ou FV mostra rapidamente algum espírito de liderança ou...não há milagres e cada minuto que passar no poder vai ser uma tortura para os sportinguistas.

    FV não pode queixar-se da oposição, que de facto é um vírus nocivo alimentado há muito por poucas criaturas, mas muito canalhas. Se está onde está é por culpa própria e por a generalidade dos sportinguistas não perceber patavina do que se está a passar e ver apenas desorientação e total falta de rumo.

    FV ainda vai a tempo de inverter a situação, mas está á beira do precipício e diria que com mais 2 passos em falso, vai ínevitavelmente cair no abismo!

    José Gomes (JG)

    ResponderEliminar
  5. A culpa é toda dos sócios Sportinguistas mas toda mesma .

    Os sócios Sportinguistas que são os únicos que podem eleger direções e presidentes são na sua maioria pouco exigentes, esquecidos, vulneráveis a opiniões alheias, fracos intelectualmente e principalmente não aguentam um sportinguista que exija exigência a miúdos que ganham mais num mês que muitos de nós em toda uma vida de trabalho.

    São os sócios principalmente os mais velhos com mais votos os mais culpados porque não aguentam
    ninguém novo com garra e principalmente sem medos dos poderes instalado no futebol e na sociedade ...

    E são vocês os sócios que vão provocar a queda total do Sporting Clube de Portugal e principalmente são vocês a vergonha do Fundador Visconde de Alvalade...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Meu caro,
      Dar lições de moral avulsas, tecer considerações sobre o nivel de intelectual dos sócios do Sporting e começar a ultima frase do comentário com "e são vocês os sócios" e acabar dando-nos conta do estado de espirito do Visconde de Alvalade a mim provoca-me vergonha alheia ...
      Se o meu caro amigo tem assim convicções tão profundas sobre a situação do SCP sugiro que se junte a nós, os sócios, aqueles que tanto elegeram este como os anteriores presidentes.

      SL

      Eliminar
  6. Para onde caminhas meu Sporting?

    “Num passado recente, Sporting passa de um clube competitivo, com objetivos bem definidos, (com muito erros à mistura) para um clube sem rumo. Sporting procurava jogadores de primeira linha para o campeonato português. Treinadores com trabalho reconhecido e potencial. Encurtou distâncias para os rivais. Aproximou o adepto do estádio. Voltou a fazer sentir o orgulho de vestir a verde e branca. Voltou a ser um clube respeitado e temido. Leia-se odiado. Hoje, temos um clube amorfo. Sem reação. Sem assustar os adversários. As contratações são duvidosas. Jogadores sem calibre. Atletas que procuram recuperar carreiras perdidas. Treinadores que não entusiasmam e que não dão garantias. Que treinador quer abraçar este projeto? Hoje, o Clube afasta o adepto do estádio. Mesmo aquele que nunca desiste está a perder a força. E o maior erro desta estrutura está em não aproveitar o que foi bem feito por Bruno de Carvalho. E foi muito, saliente-se. Mesmo com tantos tiros nos pés deixou trabalho para ser aproveitado. O Sporting não se esgotou em Bruno de Carvalho. Pelo contrário. Provou a si mesmo que é possível tomar um rumo diferente. Com ideias diferentes. Mas era fundamental aproveitar o que foi bem feito pela antiga estrutura do Clube. Mas estão a fazer o oposto. Estão mais preocupados em destruir o bom que ficou!

    Sporting este ano disse adeus à "luta" pelo título em Setembro. Três meses mais cedo do que é habitual. Varandas arrisca entrar num caminho perigoso e sem saída. Um caminho que ele próprio escolheu, quando poderia ter optado por uma via mais fácil.”

    ResponderEliminar
  7. Votei BC e votei na sua saida. Mas confesso, que precisamos de alguém com a fibra de BC mas sem ataques de egocentrismo e loucura que tipicamente estão associados a figuras da história da humanidade. Esperei (mal) que quem viesse fosse capaz de perceber o que estava bem feito pela direção anterior, e corrigir, aquilo que deveria ser corrigido. Atuar nos mesmos moldes c o rigor que se pedia, sem demagogias, mas c verdade desportiva. Esse era um caminho que acreditava que estava a ser bem definido (apesar de a forma ter que ser trabalhada), mas que em tudo teria que continuar, o Sporting foi e continua a ser prejudicado, enquanto outros clubes fizeram esse caminho de "impor respeito", nós (SCP) voltamos a ser a "mascote" e "chacota" de tudo o que gravita à volta do Futebol.
    Alguém que tinha que assumir a liderança desde clube, não se pode esconder atrás, tem que aparecer e transmitir a confiança, a vontade e força do clube, só assim, jogadores, treinadores, adeptos e adversários podem sentir o peso desta instituição.
    Ao invés, temos uma atuação low-profile, sem contraste, sem rumo e com pouco sentido prático do que é preciso para voltar a chamar os ADEPTOS ao Sporting.
    Se houver essa força, tenho a certeza que os Adeptos respondem, mesmo que a equipa perca, entendem o rumo, apoiam e suportam as decisões.

    Da forma como está.... tenho dúvidas que seja possível erger o clube e unir os SPORTINGUISTAS.

    Nesta fase, parece-me evidente esclarecer os Sportinguistas que existiu um grande erro de planeamento de época, que é necessário corrigir, e que seja explicado qual o rumo que se pretende perseguir, encontrar os líderes certos para levar o Sporting ao passado recente, nem que para isso seja necessário trazer um treinador que não deixe dúvidas a ninguém, que apareça nos Midia a defender os interesses superiores do clube, a colocar em sentido as autoridades e entidades que gravitam á volta do Futebol!

    Se não forem capazes, abdiquem do posto e assumam que não conseguem...

    SL

    ResponderEliminar
  8. O Sporting nunca mais terá futuro enquanto não voltar a meter o BDC à frente dos destinos do clube com carta branca para fazer uma limpeza, sanear o lixo todo que vegeta no clube, o Sporting é um clube sem futuro quando os seus sócios expulsam um presidente que:

    Deu 5 anos de resultados positivos.
    Abateu metade do passivo.
    Uma TV.
    UM Pavilhão.
    As maiores vendas de sempre do clube, record de portugal,sem comissões.
    Os melhores negócios de sempre.
    Pleno de vitórias nas modalidades.
    E campeão europeu, já que esta direcção não construiu equipas nenhumas para poder levar os louros.
    Record de idas à Liga dos campeões.

    Os sócios que vejam menos programas de televisão, menos CMTV e jornais do regime para terem juízo, são umas corja sem valores.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Salazar também deu défice zero ao País, evoluiu o País, contruiu infraestruturas e deixou os cofres cheios.
      A diferença é que não podemos ter alguém no poder, que apesar de competente, julga que é dono e senhor de tudo.
      BDC foi destituído não pelo seu trabalho mas sim por ter ido contra os estatutos do clube e principalmente por ter colocado nos órgãos sociais pessoas que não foram escolhidas pelos sócios e destituído outras.
      BDC estaria como Presidente (o que muito me agradava) se nos acontecimentos do ataque à academia, tivesse apresentado a demissão e se tivesse candidato novamente. Saía reforçado, mostrava que não estava "agarrado ao poder", que respeitava a democracia e escolha dos donos do clube (sócios) e nesta altura estaria toda a família Sportinguista contente e unida, tal como ele uniu no primeiro mandato.
      Se há culpado de alguma coisa, é o próprio BDC. Eu (como muitos) gostaríamos de o ter actualmente como Presidente mas o Presidente do primeiro mandato e não alguém completamente afectado psicologicamente e alterado como foi nos últimos meses e onde fez a cama onde se deitou e facilitou o trabalho de quem o queria derrubar.

      Eliminar
    2. "O Sporting nunca mais terá futuro enquanto não voltar a meter o BDC à frente dos destinos do clube com carta branca para fazer uma limpeza, sanear o lixo todo que vegeta no clube".

      Olhem bem a conversa deste gajo.

      Eliminar
  9. Concordo quase na totalidade com o seu post. Para mim o grande erro de FV são os homens que o rodeiam no futebol e na aposta que fez em alguns coordenadores Gerais rescindido contratos com "sportinguistas" com muitos anos de casa, citando como ex. O ex-coordenador do polo EUL Luís Dias.

    ResponderEliminar
  10. Jorge Dias sócio efectivo sempre25 de setembro de 2019 às 22:19

    Em 35 anos de vida, assisti a 2 títulos. Apesar de ter sido dois dias de grande felicidade na minha vida foram só dois e hoje que sou pai não quero que os meus 2 filhos, (sócios) tenham a mesma sorte que eu. Quero mais,tenho direito a isso quer para mim quer para os meus. Quando ouço falar em notáveis, e infelizmente só o ouço neste clube tenho a dizer uma coisa notável sou eu e milhares como eu que pagam as suas quotas sempre independentemente de quem gere ou melhor se gere. Notáveis vivos neste momento não conheço algum mas sim pessoas que pensam que por ter estudos ou viverem num estado social acima da média são mais que os outros e já não estamos nesse tempo. Por favor saiam e deixem trabalhar quem quer, pode e gosta de trabalhar.

    ResponderEliminar
  11. A meu ver é preciso unidade neste momento

    ResponderEliminar
  12. La voltaram os posts a tentar "limpar" a borrada da Direçao amiga!

    Ja foi assim com o godinho lopes.

    Quase que aposto que, quanto agora for escolhido o proximo ex-treinador do Sporting, tu vais voltar aqui a fazer um post do tipo daquele que aqui fizeste a uns anos, quando tentaste sublinhar os meritos da passagem de Jesualdo Ferreira a treinador principal do Sporting, nos tempos do godinho.

    "Hoje não sinto que tenha errado mas não posso dizer o mesmo relativamente às escolhas que Frederico Varandas fez para o futebol."

    Claro que tu nao erras. Acertas sempre. Pena é que normalmente os ciclos em que tu e outros que pensam como tu, acham que nao estao errados, coincidem sempre com o Sporting a andar nas ruas da amargura, no que ao futebol diz respeito, e tambem financeiramente.

    Diz muito daquilo que vale o que voces acham, ou deixam de achar.

    ResponderEliminar
  13. Concordo com tudo do texto mas há coisas que ninguém sabe e à qual o Presidente e a Direção estão sujeitos.
    Das duas uma. Ou há uma clara usurpação e agenda própria com o intuito de desvalorizar os activos (SAD) para que seja possível incutir a ideia de a vender, ou há uma total incompetência e nesse caso a demissão ou destituição são o único caminho.
    Ninguem consegue perceber o motivo de ainda não terem feito a reestruturação financeira (recompra das VMOCs) que era uma das bandeiras da campanha de FV e que já estava concluída a negociação com os bancos.
    Mandaram abaixo o acordo prévio, deram um novo prazo (ultrapassado), voltaram a dar novo prazo (fim da época passada) e agora voltaram a dar novo prazo (Dezembro deste ano).
    Geralmente onde "cheira mal" é porque "há esturro" e a mim ninguém consegue tirar-me da ideia que aqui há muito esturro e muita coisa que os Sportinguistas desconhecem.

    ResponderEliminar
  14. Varandas corre o risco de ficar na história do SCP como o presidente que alcançou a pior classificação de sempre no futebol sénior. Um "orgulho" para a posteridade e para a elite snob que votou na sua eleição.

    Estará conviencido que pode atirar eternamente as culpas para a anterior direcção?
    Depois de se investir 40M em aquisições é um argumento que já não faz muito sentido.

    Daqui a uns anos quando se consultar a tabela classificativa da época 2019/20 e verificar qual era o presidente da altura...

    As zero vitórias na pré-época foi um sinal preocupante que alguns ignoraram e acharam irrelevante mas que vai, aos poucos, mostrando a sua razão de ser. Enfim há muitos que demoram a perceber o evidente.

    Entretanto voltaram os tempos de andar a pagar salários a vários treinadores, resultados financeiros negativos...Só coisas boas.

    ResponderEliminar
  15. Estamos em guerra civil há tanto tempo que nos esquecemos que o problema fundamental de Varandas é o mesmo o de Bruno de Carvalho: as suas equipas dirigentes para o futebol são compostas por "yes men" e velhas glórias sem visão estratégica e com fraco conhecimento do futebol global. Só a fação a que pertencem mudou; as características são as mesmas.

    A diferença é que Bruno tinha a lucidez de perceber esta enorme fragilidade. E, não a resolvendo, tentava compensá-la escolhendo bons treinadores e dando-lhes poder - ao ponto de pôr tudo nas suas mãos, incluíndo as contratações - como aconteceu com Jesus.

    Já Varandas, não tem essa lucidez - e isso vai ser o seu fim. O que lhe passou pela cabeça para achar que alguém como Keizer podia resultar no Sporting é algo que nunca saberemos.

    ResponderEliminar
  16. Há 1 ano e dpois da hecatombe provocada pela gestão tresloucada de BDC, apresentaram-se vários candidatos às eleições do Sporting. Não me senti entusiasmado por nenhum. Confesso que desde o início me inclinei para Varandas mas à medida que a campanha eleitoral avançava, me sentia menos seguro dessa intenção, não pelo que os outros candidatos diziam mas pela forma como Varandas falava. É que realmente o discurso de Varandas é muito pobre. Claro que o episódio Barbini, que ameaçava ir ao focinho a toda a gente, também não ajudou a reforçar a convicção (ou falta dela) em votar Varandas. No final. acabei por votar em Varandas, pois parecia-me o único candidato que tinha ideias claras para o futebol. Hoje, passado um ano, é difícil achar que Varandas percebe de futebol. Assim, se pudesse voltar atrás não teria votado em Varandas.

    ResponderEliminar

Este blogue compromete-se a respeitar as opiniões dos seus leitores.

Para todos os efeitos a responsabilidade dos comentários é de quem os produz.

A existência da caixa de comentários visa dar a oportunidade aos leitores de expressarem as suas opiniões sobre o artigo que lhe está relacionado, bem como a promoção do debate de ideias e não a agressão e confrontação.

Daremos preferência aos comentários que entendermos privilegiarem a opinião própria do que a opinião que os leitores têm sobre a opinião de terceiros aqui emitida. Esta será tolerada desde que respeite o interlocutor.

Insultos, afirmações provocatórias ou ofensivas serão rejeitados liminarmente.

Não serão tolerados comentários com links promocionais ou que não estejam directamente ligados ao post em discussão.

Sporting Clube de Portugal

Sporting Clube de Portugal

Prémios

Sporting 160 - Podcast

Os mais lidos no último mês

Blog Roll

Leitores em linha


Seguidores

Número de visitas

Free HTML Counters

Ultimos comentários

Blog Archive

Temas

"a gaiola da luz" (1) 10A (1) 111 anos (1) 113 anos (1) 1ª volta Liga Zon/Sagres 10/11 (3) 2010-2011 (1) 2016 (1) 8 (4) AAS (7) ABC (3) Abrantes Mendes (3) Academia (17) Académica-SCP (1) Acuña (2) Adan (2) Adán (1) adeptos (98) Adrien (19) AdT (1) adversários (85) AFLisboa (2) AG (24) AG destitutiva (4) AG15/12 (2) AG2906 (2) Alan Ruiz (2) Alcochete 2018 (4) Alexander Ellis (1) alma leonina (60) ambição (10) andebol (38) André Geraldes (3) André Marques (2) André Martins (6) André Pinto (1) André Santos (5) anestesia (3) angulo (5) aniversário "A Norte" (3) Aniversário SCP (6) antevisão (41) Antunes (3) APAF (14) aplausos ao ruben porquê? (2) Aquilani (1) aquisições (85) aquisições 2013/14 (16) aquisições 2014/15 (18) aquisições 2015/16 (17) aquisições 2016/17 (10) aquisições 2017/18 (6) aquisições 2020/21 (1) arbitragem (97) Associação de Basquetebol (7) ataque (1) Atitude (9) Atletico Madrid (1) Atlético Madrid (1) atletismo (7) auditoria (5) auditoria2019 (1) autismo (1) AVB és um palhaço (1) aventureiro (1) Bacelar Gouveia (2) Balakov (1) balanço (5) Baldé (4) balneário (3) banca (2) Barcos (3) Bas Dost (8) basquetebol (2) Bastidores (72) Batota (20) Battaglia (1) Beira-Mar (2) Belenenses (4) Benfica (1) BES (1) bilhetes (2) binários (1) blogosfera (1) Boal (1) Boateng (1) Boeck (2) Bojinov (7) Bolsa (2) Borja (1) Borússia Dortmund (1) Boulahrouz (2) Bragança (3) Brasil (1) Braz da Silva (8) Brondby (4) Bruma (18) Brunismo (1) Bruno Carvalho (109) Bruno César (3) Bruno de Carvalho (14) Bruno Fernandes (8) Bruno Martins (20) Bryan Ruiz (5) Bubakar (1) BwinCup (1) cadeiras verdes (1) Cadete (1) Caicedo (5) calendário (2) Câmara Municipal de Lisboa (3) Campbell (2) Campeões (2) campeonato nacional (21) campeonatos europeus atletismo (3) Cândido de Oliveira (1) Caneira (2) Cape Town Cup (3) Capel (4) carlos barbosa (4) Carlos Barbosa da Cruz (2) Carlos Carvalhal (5) Carlos Freitas (7) Carlos Padrão (1) Carlos Severino (4) Carlos Vieira (1) Carriço (6) Carrillo (10) Carrilo (3) carvalhal (30) Caso Cardinal (1) Casos (6) castigo máximo (1) CD Liga (3) Cedric (7) Cervi (3) CFDIndependente (1) Champions League 2014/15 (9) Champions League 2015/16 (5) Chapecoense (1) CHEGA (1) chumbo (1) Ciani (1) Ciclismo (3) CL 14/15 (2) Claques (10) clássico 19/20 (1) clássicos (9) Coates (4) Coentrão (1) Coerência (1) colónia (1) comissões (2) competência (2) comunicação (69) Comunicação Social (22) Consciência (1) Conselho Leonino (2) contratações (6) COP (1) Coreia do Norte (1) Corradi (1) corrupção no futebol português (2) Cosme Damião (1) Costa do Marfim (3) Costinha (45) Couceiro (13) covid19 (1) crápulas (1) credores (1) crise 2012/13 (21) Crise 2014/15 (2) crise 2018 (38) Cristiano Ronaldo (1) cronica (3) crónica (15) cultura (4) curva Sporting (1) Damas (3) Daniel Sampaio (3) Dar Futuro ao Sporting (1) debate (5) defesa dos interesses do SCP (7) Del Horno (1) delegações (1) depressão (1) Derby (45) Derby 2016/17 (1) Derby 2018/19 (2) Derby 2020/21 (1) derlei (1) Desespero (1) Despedida (2) despertar (3) dia do leão (1) Dias da Cunha (1) Dias Ferreira (6) Diogo Salomão (4) director desportivo (18) director geral (5) direitos televisivos (4) Dirigentes (29) disciplina (6) dispensas (22) dispensas 2015/16 (1) dispensas 2016/17 (2) dispensas 2017/18 (1) djaló (10) Domingos (29) Doumbia (3) Doyen (4) Duarte Gomes (2) e-toupeira (1) Ecletismo (66) Eduardo Barroso (6) Eduardo Sá Ferreira (2) eleições (20) eleições2011 (56) eleições2013 (26) eleições2017 (9) eleições2018 (6) Elias (5) eliminação (1) empresários (11) empréstimo obrigacionista (5) entrevistas (65) Épico (1) época 09/10 (51) época 10/11 (28) época 11/12 (8) época 12/13 (11) época 13/14 (4) época 14/15 (8) época 15/16 (5) época 16/17 (7) época 17/18 (1) época 18/19 (2) época 19/20 (1) época 20/21 (3) EquipaB (18) equipamentos (12) Eric Dier (8) Esperança (4) estabilidade (1) Estádio José de Alvalade (4) Estado da Nação (1) estatutos (8) Estórias do futebol português (4) estratégia desportiva (104) Estrutura (1) etoupeira (1) Euro2012 (6) Euro2016 (1) Europeu2012 (1) eusébio (2) Evaldo (3) Ewerton (4) exigência (2) expectativas (1) expulsão de GL (1) factos (1) Fafe (1) Fair-play (1) farto de Paulo Bento (5) fcp (12) FCPorto (10) Fedal (3) Feirense (1) Fernando Fernandes (1) FIFA (2) Figuras (1) filiais (1) final (1) final four (1) finalização (1) Finanças (29) fiorentina (1) Football Leaks (2) Formação (94) FPF (14) Francis Obikwelu (1) Francisco Geraldes (2) Frio (1) fundação aragão pinto (3) Fundação Sporting (1) fundos (14) futebol (9) futebol feminino (4) futebol formação (3) futebol internacional (1) Futre (2) Futre és um palhaço (4) futsal (28) futsal 10/11 (1) futuro (10) gabriel almeida (1) Gala Honoris Sporting (3) galeria de imortais (30) Gamebox (3) Gauld (5) Gelson (4) Gent (1) geração academia (1) Gestão despotiva (2) gestores de topo (10) Gilberto Borges (4) GL (2) glória (5) glorias (4) Godinho Lopes (27) Gomes Pereira (1) Gonçalo Inácio (1) Governo Sombra (1) Gralha (1) Gratidão (1) Grimi (4) Grupo (1) Guerra Civil (2) guimarães (1) Guy Roux (1) Hacking (1) Heerenveen (3) Hildebrand (1) História (18) Holdimo (1) homenagem (5) Hóquei em Patins (10) Hugo Malcato (113) Hugo Viana (2) Humor (1) i (1) Identidade (11) Idolos (3) idzabela (4) II aniversário (1) Ilori (4) imagem (1) imprensa (12) Inácio (6) incompetência (7) Insua (2) internacionais (2) inverno (2) investidores (3) Iordanov (6) Irene Palma (1) Iuri Medeiros (1) Izmailov (26) Jaime Marta Soares (6) Jamor (3) Janeiro (1) Jardel (2) jaula (3) JEB (44) JEB demite-se (5) JEB és uma vergonha (5) JEB rua (1) JEBardadas (3) JEBardice (2) Jefferson (3) Jeffren (5) Jesualdo Ferreira (14) JJ (1) JL (3) Joana Ramos (1) João Benedito (2) João Mário (6) João Morais (5) João Pereira (6) João Pina (3) João Rocha (3) Joaquim Agostinho (2) joelneto (2) Jogo de Apresentação (1) Jordão (1) Jorge Jesus (47) Jorge Mendes (3) jornada 5 (1) José Alvalade (1) José Cardinal (2) José Couceiro (1) José Eduardo Bettencourt (33) José Travassos (1) Jovane (4) JPDB (1) Jubas (1) Judas (1) judo (6) Juniores (7) JVL (105) Keizer (12) kickboxing (1) Kwidzyn (1) Labyad (7) Lazio (1) LC (1) Leão de Alvalade (496) Leão Transmontano (62) Leonardo Jardim (11) Liderança (1) Liedson (28) Liga 14/15 (35) Liga de Clubes (14) liga dos campeões (12) Liga dos Campeões 2016/17 (11) Liga dos Campeões 2017/18 (8) Liga dos Campeões Futsal 2018/19 (2) Liga Europa (33) Liga Europa 11/12 (33) Liga Europa 12/13 (9) Liga Europa 13/14 (1) Liga Europa 14/15 (1) Liga Europa 15/16 (11) Liga Europa 17/18 (1) Liga Europa 18/19 (5) Liga Europa 19/20 (3) Liga Europa 20/21 (1) Liga Europa10/11 (16) Liga NOS 15/16 (30) Liga NOS 16/17 (22) Liga NOS 17/18 (20) Liga NOS 18/19 (15) Liga NOS 19/20 (14) Liga NOS 20/21 (8) Liga Sagres (30) Liga Zon/Sagres 10/11 (37) Liga Zon/Sagres 11/12 (38) Liga Zon/Sagres 12/13 (28) Liga Zon/Sagres 13/14 (24) Lille (1) LMGM (68) losango (1) Lourenço (1) low cost (1) Luis Aguiar (2) Luis Duque (9) Luís Martins (1) Luiz Phellype (2) Madeira SAD (4) Malcolm Allison (1) Mandela (2) Mané (3) Maniche (4) Manifesto (3) Manolo Vidal (2) Manuel Fernandes (7) Marca (1) Marcelo Boeck (1) Marco Silva (27) Maritimo (2) Marítimo (3) Markovic (1) Matheus Oliveira (1) Matheus Pereira (3) Mathieu (2) Mati (1) matías fernandez (8) Matias Perez (1) Mauricio (3) Max (1) Meli (1) Memória (10) mentiras (1) mercado (46) Meszaros (1) Miguel Cal (1) Miguel Lopes (1) Miguel Maia (1) miséria de dirigentes (2) mística (3) Modalidades (30) modelo (3) modlidades (2) Moniz Pereira (7) Montero (8) Moutinho (3) Mundial2010 (9) Mundial2014 (3) Mundo Sporting (1) Nacional (1) Naide Gomes (2) Naldo (3) naming (2) Nani (6) Natal (4) Naval (3) Navegadores (3) negócios lesa-SCP (2) NextGen Series (3) Noite Europeia (1) nonsense (23) Nordsjaelland (1) NOS (2) Notas de Imprensa (1) notáveis (1) nucleos (1) Núcleos (9) Nuno André Coelho (2) Nuno Dias (5) Nuno Mendes (2) Nuno Santos (4) Nuno Saraiva (4) Nuno Valente (1) o (1) O FIM (1) O Roquetismo (8) Oceano (1) Octávio (1) Olhanense (1) Olivedesportos (1) Onyewu (7) onze ideal (1) opinião (6) oportunistas (1) orçamento (4) orçamento clube 15/16 (1) orçamento clube 19/20 (1) organização (1) orgulho leonino (17) Oriol Rosell (3) paineleiros (15) Paiva dos Santos (2) paixão (3) papagaios (8) pára-quedista (1) parceria (2) pascoa 2010 (1) pasquins (7) Patrícia Morais (1) património (2) patrocínios (6) Paulinho (1) paulo bento (19) Paulo Faria (1) Paulo Oliveira (3) Paulo Sérgio (43) paulocristovão (1) Pavilhão (12) pedrada (1) Pedro Baltazar (8) Pedro Barbosa (5) Pedro Gonçalves (3) Pedro Madeira Rodrigues (4) Pedro Marques (1) Pedro Mendes (4) Pedro Silva (2) Pereirinha (6) Peseiro (6) Peyroteo (3) Piccini (1) Pini Zahavi (2) Pinto Souto (1) plantel (31) plantel 17/18 (3) Plata (2) play-off (2) play-off Liga dos Campeões 17/18 (5) PMAG (4) Podence (1) Polga (5) Pongolle (5) Pontos de vista (15) por amor à camisola (3) Porro (2) Portimonense (1) post conjunto (5) Postiga (7) PPC (7) Pranjic (2) pré-época (2) pré-época 10/11 (7) pré-época 11/12 (43) pré-época 12/13 (16) pré-época 13/14 (16) pré-época 14/15 (22) pré-época 15/16 (20) pré-época 16/17 (12) pré-época 17/18 (9) pré-época 18/19 (1) pré-época 19/20 (7) pré-época 20/21 (6) prémio (1) prémios stromp (1) presidência (2) presidente (5) Projecto BdC (1) projecto Roquette (2) promessas (3) prospecção (2) Providência Cautelar. Impugnação (1) PS (1) Quo vadis Sporting? (1) Rabiu Ibrahim (2) Rafael Leão (1) râguebi (1) raiva (1) RD Slovan (1) reacção (1) redes sociais (1) Reestruturação financeira (18) reflexãoleonina (21) reforços (15) regras (4) regulamentos (1) Relatório e Contas (13) relva (10) relvado sintético (4) remunerações (1) Renato Neto (3) Renato Sanches (1) rescisões (3) respeito (7) resultados (1) revisão estatutária (7) Ribas (2) Ribeiro Telles (4) Ricardo Peres (1) Ricciardi (3) ridiculo (1) ridículo (2) Rinaudo (8) Rio Ave (2) Rita Figueira (1) rivais (6) Rodriguez (2) Rojo (4) Ronaldo (12) rtp (1) Ruben Amorim (5) Rúben Amorim (2) Ruben Ribeiro (1) Rúbio (4) Rui Patricio (18) Rui Patrício (4) Sá Pinto (31) SAD (27) Salema (1) Sarr (4) Schelotto (2) Schmeichel (2) scouting (1) SCP (64) Segurança (1) Selecção Nacional (38) seleccionador nacional (5) Semedo (1) SerSporting (1) sessões de esclarecimento (1) Shikabala (2) Silas (6) Silly Season2017/18 (2) Símbolos Leoninos (3) Sinama Pongolle (1) Sistema (4) site do SCP (3) SJPF (1) Slavchev (1) slb (22) Slimani (11) slolb (1) Soares Franco (1) sócios (19) Sócrates (1) Solar do Norte (14) Sondagens (1) sorteio (3) Sousa Cintra (4) Sp. Braga (2) Sp. Horta (1) Spalvis (2) Sporar (2) Sporting (2) Sporting Clube de Paris (1) Sporting160 (3) Sportinguismo (2) sportinguistas notáveis (2) SportTv (1) Stijn Schaars (4) Stojkovic (3) Summit (1) Sunil Chhetri (1) Supertaça (4) Supertaça 19/20 (1) sustentabilidade financeira (46) Tabata (1) Taça CERS (1) Taça Challenge (5) taça da liga (11) Taça da Liga 10/11 (7) Taça da Liga 11/12 (3) Taça da Liga 13/14 (3) Taça da Liga 14/15 (2) Taça da Liga 15/16 (4) Taça da Liga 16/17 (1) Taça da Liga 17/18 (3) Taça da Liga 18/19 (1) Taça da Liga 19/20 (1) Taça da Liga 20/21 (1) Taça das Taças (1) Taça de Honra (1) Taça de Liga 13/14 (3) Taça de Portugal (12) Taça de Portugal 10/11 (3) Taça de Portugal 10/11 Futsal (1) Taça de Portugal 11/12 (12) Taça de Portugal 13/14 (3) Taça de Portugal 14/15 (8) Taça de Portugal 15/16 (4) Taça de Portugal 16/17 (4) Taça de Portugal 17/18 (6) Taça de Portugal 18/19 (3) táctica (1) Tales (2) Tanaka (1) Ténis de Mesa (2) Teo Gutierrez (5) Tertúlia Leonina (3) Tiago (3) Tiago Fernandes (1) Tiago Tomás (2) Tio Patinhas (4) Tonel (2) Torneio Guadiana 13/14 (1) Torneio New York Challenge (4) Torsiglieri (4) Tottenham (1) trabalho (1) transferências (5) transmissões (1) treinador (94) treino (5) treinos em Alvalade (1) triplete (1) troféu 5 violinos (5) TV Sporting (5) Twente (2) Tziu (1) uefa futsal cup (4) Uvini (1) Valdés. (3) Valores (14) VAR (2) Varandas (17) Veloso (5) vendas (8) vendas 2013/14 (2) vendas 2014/15 (1) vendas 2016/17 (5) vendas 2017/18 (1) Ventspils (2) Vercauteren (5) Vergonha (7) video-arbitro (7) Vietto (2) Villas Boas (8) Viola (1) Virgílio (100) Virgílio1 (1) Vitor Golas (1) Vitor Pereira (6) Vitória (1) VMOC (7) voleibol (2) Vox Pop (2) VSC (3) Vukcevic (10) WAG´s (1) William Carvalho (13) Wilson Eduardo (2) Wolfswinkel (12) Wrestling (1) Xandão (4) Xistra (3) Zapater (2) Zeegelaar (2) Zezinho (1)