sexta-feira, 14 de dezembro de 2012

O(s) projecto(s) de Godinho Lopes

Muito se tem falado do projecto de Godinho Lopes. Em face dos resultados todas as opiniões confluem no sentido de que ele não existe ou que morreu com  a saída de Domingos, Luís Duque e Carlos Freitas. 

Será bem assim?

Discordo da ideia de que não havia um projecto. Ele foi sobejamente explicado em mais do que uma ocasião, em entrevistas para o efeito, e que se pode resumir nestas ideias-força: o regresso de Luís Duque e Carlos Freitas, referências nos últimos títulos conquistados, para reorganização do departamento de futebol, contratação de um treinador com curriculum e reformulação do plantel. A essa reformulação corresponderiam 2 anos de prejuízos, por força do investimento realizado, e um terceiro de regresso do verde às contas. 

Estas ideias foram concretizadas com a contratação de Domingos e um elevado número de jogadores, divididos por dois lotes distintos, entre promessas para futura rentabilização (Carrillo, Árias, Turam, Rúbio) e jogadores mais "experimentados", (Rodriguez, Schaars, Aguiar, Bojinov, Capel, Rinaudo, Jeffren, Elias, Ínsua, Onyewu e Wolfwswinkel). Em qualquer dos lotes falamos de internacionais pelos seus países de origem.

À luz do que foram as reacções então - hoje a conversa é outra, e também eu hoje teria acertado nos números do totoloto de ontem... - o Sporting reuniu um plantel de valor, significativamente mais qualificado para as exigências do clube e das competições que teria que disputar. Responderam os Sportinguistas voltando aos estádios e o receio mostrado de forma corporativa pelas forças já pouco ocultas do futebol português demonstravam que algo de bom estava a ser feito. O sentimento de então era que mesmo que o campeonato não fosse alcançado, a qualidade dos jogadores e a sua média de idades, davam fundadas razões para acreditar que o tempo corria a nosso favor. Não foi nada disso que aconteceu, sabemo-lo hoje.

Ser-me-ia muito fácil dizer aqui o pensei e aqui escrevi da candidatura de GL, e do regresso de CF e LD. Podia lembrar agora que sempre me pareceu arriscar em demasia investir em contra-ciclo com a conjuntura. Mais importante do que "eu bem disse" a desmarcar-me neste mau momento, é re-afirmar o que foi a boa impressão que me deixou o trabalho então feito e como foram positivamente contrariadas as minhas expectativas. E refiro-me apenas ao futebol, porque é indiscutível que num ano e meio o clube saiu do marasmo a que se havia entregue.

De que se fala quando se fala em projecto? De um conjunto de ideias cuja aplicação prática é apenas  possível com um determinado número de pessoas ou de um modelo que pode ser executado independentemente dos actores? 


Os projectos ou modelos são ideias e não pessoas e, quando ele é bem estruturado, as ideias subsistem à perda dos indivíduos. Neste caso concreto, não pode ser esquecida a importância que a dupla CF/LD teve na vitória eleitoral e por isso, como aqui foi dito já, as eleições, pedidas por alguns desde o dia 27 de Março, deixaram de ser uma questão de "Se" mas de "Quando". Os resultados continuam a soprar nas velas do "Já" e, a manterem-se como estão, serão inevitáveis. Nesse sentido o processo já saiu um pouco das mãos de GL e dos corpos sociais, como aqui também já afirmei. Se eles fossem o inverso do que têm sido poucos se lembrariam da necessidade de re-legitimação que as saídas aludidas obrigam.

GL atirou-se ao poço agarrado a uma mó no momento em que permitiu que LD despedisse Sá Pinto sem qualquer plano B, regressasse ele próprio para o remanso do lar, deixando-lhe a criança nos braços. A oportunidade perdida teve-a quando ele, GL, deixa a mesma criança - o plantel - abandonada um mês sem se perceber muito bem o que queria fazer. Este é o momento em GL aliena o seu mais importante capital, que era a benevolência dos mais moderados, que entreviam responsabilidades partilhadas, mas que sempre lhe reconheceram dedicação e perseverança,  apesar de todas as contrariedades.

Declarar um regime presidencialista por si só, sem a mais leve indicação de como pretende refundar o departamento de futebol (e que o ideal - que não vai ocorrer - seria que essa refundação ocorresse depois de uma grande reflexão que permitisse perceber onde, como, quem e porquê se falhou), associado à hesitação inicial e à posterior contratação de um treinador que nada alterou e que não parece ser capaz de perceber o que é necessário para o fazer, foi um acto falhado. A erosão dos resultados semanais acentuam ainda mais os sinais de incapacidade para lidar com a crise.


Gestão de crise
GL, goste-se ou não, é ainda o presidente do Sporting. Já não tem muito espaço de manobra e, a cada dia que passa, é menos um dia que tem para encontrar uma solução. No seu lugar - que não queria estar e duvido que haja, neste momento quem o realmente queira - em que o barco parece meter água por todos os lados, concentrar-me-ia em perceber onde entra o maior volume de água. E aí identifico 2: o futebol e a comunicação.

A comunicação:
Aqui o exemplo é, mais uma vez, o FCP. Quem conseguiria sobreviver a um processo tão demolidor como o Apito Dourado, sem uma equipa de comunicação altamente profissionalizada?

GL sempre foi mal assessorado a este nível, o que lhe dificultou a sua afirmação como líder. Hoje tudo é comunicação e as últimas aparições públicas, dando ar de uma pessoa acossada e isolada, é-lhe ainda mais fatal. Com todas as suas virtudes e defeitos é, no entanto, e de muito longe, o presidente que mais tempo e trabalho tem dedicado ao clube, batendo aos pontos todos os que o antecederam, pelo menos desde Sousa Cintra. E essa imagem nunca passou.

GL deve neste momento uma palavra aos sócios. Explicar o que está a fazer e o que pretende fazer enquanto for presidente. A contenção dos danos desportivos e como a falta de resultados vai obrigar ou não a redefinir os planos económico-financeiros são pontos incontornáveis.

A necessidade de tréguas é essencial para se poder ter tempo para se concentrar no essencial. Ao invés de convocar apenas os que o têm apoiado ou mantido neutrais - como aconteceu recentemente - GL não faria pior em convocar todos os ex-candidatos das últimas eleições, incluindo Braz da Silva, apresentando de forma clara as dificuldades com que se debate, o que pretende fazer e ouvir e o que lhe têm para dizer. Tentar uma solução de compromisso pode ser do interesse particular de todos e do clube em geral.

O futebol
Quanto mais tempo GL demorar a perceber o equívoco em que caiu ao ir buscar Vercauteren pior. Mas, se esse não for o seu entendimento, antes de lhe permitir mexer no plantel - o corropio de jogadores em 2 anos é também um forte entrave a qualquer consolidação de um modelo - devia perguntar a Vercauteren como pretende estancar a sangria desatada que é forma como continuamos a sofrer golos. E, antes de o deixar contratar uma alternativa/apoio a Wolfswinkel, perguntava-lhe se também o iria condenar a viver isolado da equipa e com a bola a chegar-lhe pouco e mal. E perguntar-lhe-ia se não aceitaria, ao invés de um adjunto que, tal como ele, não conhece o futebol português, se não aceitaria uma assessoria técnica, ou um adjunto português.

Eu não faria nada disso, confesso. Tentaria convencer Jesualdo Ferreira - importante na consolidação do Braga, que vivia um momento muito semelhante ao nosso, com um corrupio de treinadores, tendo sido também importante no FCP de post-Adriaanse -  ou Carvalhal, por esta ordem.

Cancelaria de imediato as férias de Natal, invertendo as viagens marcadas: ao invés de irem os jogadores que viessem as famílias. Acredito que num mês já veríamos as diferenças.

Quem acha isto é uma loucura ainda não percebeu que, a mantermo-nos a jogar assim como jogamos, a loucura pode ser muito, mas muito pior. 

Há dias o meu amigo JG confessava aqui que não dormiu na noite depois do derby. Pois eu durmo mal há semanas e ainda hoje, depois de ficar a dever 2 horas ao meu descanso, uma das primeiras coisas que me veio à cabeça é que o "Manuel Machado come Vercauteren´s ao pequeno-almoço", pelo menos o que se tem apresentado nos jogos que tenho visto até agora.

Nota 1: O que aqui é dito neste post em nada muda a minha posição relativa às eleições neste momento. Continuo a achar um erro e uma irresponsabilidade fazê-las assim e agora. E, provavelmente, a AG uma perda de tempo. Quem acha que não, pense associar à actual crise a falta de pagamentos dos salários dos jogadores. Ou pergunte a muitos das centenas de funcionários que o Sporting tem sob contrato como eles encaram a situação. Que não o percebam, ainda vá lá, que vejam aí uma agenda pessoal  mais ou menos obscura de quem assim pensa  é lamentável.

Nota 2: Como alguém me dizia e com muito acerto, é lamentável que, na terrível situação em que vivemos, e que se repercute nas nossas vidas muito mais do que gostaríamos, o pior sitio para estar seja junto de outros Sportinguistas. A caixa de comentários dos últimos posts é disso a pior das testemunhas. Tenho conseguido resistir à tentação de tomar medidas mais drásticas, premiando os que não merecem e penalizando aqueles que, independentemente da opinião, se relacionam bem com este espaço. Dentro do que me é possível pelo tempo que tenho, passarei a ser mais exigente com os comentários.

57 comentários:

  1. Concordo, na generalidade, com o post. Apenas discordo, num ponto... Acho que o falhanço de GL é uma evidência, e como lider deverá ser responsabilizado!

    Em relação ao futebol, já não sei o que dizer, julgo que necessitamos de um manager, ou director desportivo, o que se lhe quiser chamar... Mas esta pessoa deverá ter poderes efectivos e capacidade de decisão. Depois deverá ser dado algum tempo para se verem alguns resultados.
    Confesso que via com bons olhos o regresso de Couceiro para esse cargo. Apenas após esta decisão se deveria pensar no treinador.

    Se o SCP perder com o Nacional, as coisas ficam ainda mais negras...

    SL

    ResponderEliminar
  2. Cá no burgo, a comunicação social e a arbitragem, qualquer um dá cabo de qualquer projecto ou de qualquer investimento, consoante... Contra as duas juntas não há nada que resista muito tempo equilibrado.

    José Mascarenhas, 2013

    ResponderEliminar
  3. leao de alvalade acho que acabou de comprar mais uma "guerra" com o pessoal que defende eleições a todo o custo.

    a minha maior duvida neste momento é fazendo a ag e sendo necessario os tais 75% para se ir a eleiçoes, se por acaso tiverem apenas 60 ou 70%, a guerra não vai acabar porque se vão achar legitimados e tudo o mais.

    o que eu faria se fosse presidente nessa altura? com o discurso do actual presidente, que acredita nas suas capacidades e que consegue dar a volta as coisa, nao me demitiria. não teria sido eu a pedir a ag para me legitimar, portanto so tendo os 75% contra veria que não queriam lá.

    e quem pede eleiçoes neste momento sao aqueles que apenas vêm a parte futebolistica e a financeira que esta associada á futebolistica.

    No caso de se ir mesmo para eleiçoes dependeria se me candidatava ou nao: se me candidatasse, iria me limitar a tentar cumpri a nivel salarial, não ia mexer mais nada em termos de equipa e apresentava-me nas eleiçoes, se ganhasse a primeira coisa que exigia era apoio de todos os sportinguistas e que se acabassem os sound bytes constantes( como têm acontecido desde as ultimas eleiçoes com campanha contra a direcao desde essa altura feita em especial em alguns blogues e nao só), se não me candidatasse sinceramene nao mexia nem mais uma pallha em termos de cumprir as obrigaçoes nem de procurar investidores, e no dia a seguir as eleiçoes ia la bater á porta exigir o cheque do dinheiro que se diz que tem metido no clube para o ajudar e quem la viesse que se desenrascasse com as dividas e os investidores( com sorte não existiram casos de jogadores a poder rescindir por justa causa de salarios em atraso, nem se teria perdido pontos por causa disso)

    ResponderEliminar
  4. Conclusão:

    Ou isto ou o caos.

    pois...

    ResponderEliminar
  5. Ainda por cima dizes que o projecto eram 2 pessoas e 1 treinador.

    Depois dizes que saiem as pessoas e ficam as ideias, mas a ideia não eram as pessoas?

    ResponderEliminar
  6. Pelo que se vai lendo, desde o a dedicação e o trabalho muito meritório em várias áreas até à capacidade financeira de Godinho Lopes, não seria mais profícua uma união à volta do presidente para reestruturar o departamento de futebol profissional em vez do caos de novo acto eleitoral, pouco mais de 1 ano e meio volvido? Inclusive sem quaisquer garantias desse trabalho tão meritório nas várias áreas. E apesar de ter chegado agora ao futebol, com uma vivência tão rica, já não estará o presidente a tratar da reestruturação necessária? Ou só passará a estar quando for efectivada pela mesma comunicação social que já vai dizendo que ela está mesmo a ocorrer mas por enquanto não conseguem dizer mais nada, a metáfora que o presidente é agora um homem isolado e sozinho que não confia ninguém? Nos adversários chamam-lhe bloqueio. Por enquanto continuo a pensar que os juízos sobre o novo treinador são precipitados.

    ResponderEliminar
  7. pois anonimo das 12.07, mas já se sabe que no sporting tem que ser tudo bem explicadinho e que os resultados deviam ser para ontem

    ResponderEliminar
  8. Isto é tudo muito bonito mas não acredito numa reunião entre GL e os ex-candidatos. Ou como é que acham que 2 miúdos de pouco mais de 20, do "Dar Rumo ao Sporting" iam desencantar 60 mil euros? Santa ingenuidade!

    ResponderEliminar
  9. Enquanto não tivermos alguma saúde financeira venha quem vier estará condenado, mas como no sporting nao há tempo para nada nao nos podemos consolidar.. e assim seremos sempre um clube de transição, seja de jogadores, treinadores ou presidentes.

    ResponderEliminar
  10. anonimo duvido é que os ex candidatos quisessem alinhar numa reuniao desse tipo

    ResponderEliminar
  11. Este comentário foi removido por um gestor do blogue.

    ResponderEliminar
  12. "a minha maior duvida neste momento é fazendo a ag e sendo necessario os tais 75% para se ir a eleiçoes, se por acaso tiverem apenas 60 ou 70%, a guerra não vai acabar porque se vão achar legitimados e tudo o mais."

    Riga/V-1-Boy, podes indicar qual ou quais os artigos dos estatutos do Sporting Clube de Portugal nos quais te baseias para afirmar que é necessário 75% para destituir a direcção e provocar eleições ou estás simplesmente a fala de cor?

    ResponderEliminar
  13. "Isto é tudo muito bonito mas não acredito numa reunião entre GL e os ex-candidatos. Ou como é que acham que 2 miúdos de pouco mais de 20, do "Dar Rumo ao Sporting" iam desencantar 60 mil euros? Santa ingenuidade!"

    Anónimo das 12:54, considera a massa associativa do Sporting assim tão pequena ou sem vontade e capacidade de ajudar o clube a livrar-se da actual direcção? Acredita mesmo nisso?

    ResponderEliminar
  14. Este comentário foi removido por um gestor do blogue.

    ResponderEliminar
  15. Basta maioria absoluta de votos dos associados presentes na AG extraordinária para destituir o conselho directivo. Para que a AG se realize, terão de estar presente associados que representem 750 dos 1000 votos que a convocaram (desde que depositem na tesouraria do Clube a importância necessária para cobrir as despesas inerentes). SL

    ResponderEliminar
  16. "a minha maior duvida neste momento é fazendo a ag e sendo necessario os tais 75% para se ir a eleiçoes...


    Tb tive dúvidas. Consultei os estatutos (à pressa) e não notei q fosse necessário maioria qualificada. De qlq forma, msm que a destituição dos OS o exija em AG, ou seja, dois terços dos votos, tal não corresponde a 75%... Mas haja alguém que possa esclarecer cabalmente este ponto.

    Qt ao post. A minha opinião sobre o percurso de GL vem de encontro ao que o LdA defende.

    A Comunicação:

    Um desastre. Há mts anos que assim é e este mandato não tem fugido à regra... O que mais me incomoda e para continuar a ser coerente cmg, tenho que concordar a 100% com quem critica a forma como o SCP se vem relacionando com o fcp, nomeadamente, com pdc. Uma afronta à nossa memória. A CS sp foi hostil, e com um SCP fragilizado e dividido encontra terreno fértil para fazer o seu trabalhinho sujo...

    A gestão da crise:

    Td aponta para q GL se tenha espalhado na escolha de Vercauteren. O que afirmei após saída de CF e LD, era a de q GL a partir daquele momento não tinha margem de manobra para mais erros e tinha de mostrar o q ELE valia, uma vez q teria q assumir-se na SAD... Por diversas razões, não acredito na entrada de nova equipa técnica, pelo q GL está dependente do que a sua escolha para a liderança da equipa (treinador) e a própria equipa (plantel) consigam (ou não) melhorar e ainda... do resultado da AG que se aproxima... Tendo em conta a gde insatisfação que perpassa pelo sentir leonino, cada vez mais o cenário de eleições antecipadas se torna real. A acontecer desejo que se processe da melhor forma possível.

    aso esse cenário se confirme, cá estarei para escolher o candidato que me pareça mais indicado para o SCP. O curioso é que o candidato q escolhi nc foi eleito... Nem qd o candidato vencedor venceu com noventa por cento...

    ResponderEliminar
  17. Artigo 42°
    (Competências da Assembleia Geral)

    3 – Salvo disposição em contrário da lei ou dos presentes estatutos, as deliberações da Assembleia Geral são tomadas por maioria absoluta de votos dos associados presentes; todavia, as deliberações relativas à alienação ou oneração de imóveis ou de participações sociais exigem maioria de, pelo menos, dois terços dos votos, o mesmo valendo para as deliberações do Conselho Leonino sobre a primeira daquelas matérias, tomadas no exercício de poderes que lhe hajam sido delegados pela Assembleia Geral.

    http://www.sporting.pt/Clube/Estatutos/estatutos_capituloV.asp


    É isto que procuram?

    ResponderEliminar
  18. Essa de que GL está isolado a decidir sozinho é precisamente o que os mesmos jornalistas chamam de regime presidencialista no Benfica e lá demorou bem tempo até começar a acertar, eles é que já se esqueceram entretanto ou fazem-se esquecidos pelo menos.

    ResponderEliminar
  19. LdA,
    Penso de forma muito semelhante, mas sinceramente acho que o futuro próximo não vai ser parecido com o que preconizamos. Quer-me parecer que GL está muito mal aconselhado no que ao futebol diz respeito e não sendo expert tem também evidenciado dificuldade em compreender os problemas. Vamos vender (com lucro mas em baixa) alguns jogadores em Janeiro e talvez comprar o tal avançado à Vercauteren (não me espantaria a chegada de um derivado de pinheiro com cheiro a Maniche marado, com todos os custos que isso implica no futuro).
    Está claro que FV não nos servirá de trampolim para lado nenhum onde queiramos estar. Preferia o Paulo Sérgio, apesar de tudo (já viram que quase se apurava na champions?).
    Nestes moldes, para além do panorama desolador em que nos encontramos, a segunda volta não me parece guardar nada de muito diferente.

    Sonho na verdade com o dia em que GL descubra no seu ipad o Lateral Esquerdo e as ideias do PB. Parece mesmo fácil ...

    E não se iluda quem quer AGs. BC, por exemplo, tinha com ele o Inácio, esse expert em futebol de há 20 anos atrás ...

    SL, MTP

    ResponderEliminar
  20. Queres o jesualdo para o futebol e ainda pedes união e todos a remar para o mesmo lado?

    Era meio caminho para a divisão total do clube.

    Pensar que jesualdo ajudaria o clube é não conhecer o clube.

    ResponderEliminar
  21. Surpreende-me o tempo que ainda se perde na defesa do indefensável e refiro-me ao post inicial.

    Acho mirabolante que se considere que houve um projecto, que houve ideias, por parte de um presidente que assentou a sua candidatura em mitos ( Duque e Freitas ), na escolha de personagens com nenhum outro objectivo que juntar cromos com notoriedade à caderneta e ganhar votos. Ponto. O tal saco de gatos, por muitos referido, era uma bomba de implosão que nem o maior crítico previu que deflagrasse em tão pouco tempo. E isso aconteceu, porque o pretenso líder, GL, figura anedótica, nunca poderia agregar estes tipos, que se servem e serviram do Sporting e nunca tiveram pretensões de trabalhar, a sério, para um bem maior.

    A prova da falta de projecto e de uma ideia para o clube, está na forma como os ratos abandonaram o navio ou foram expulsos à laia da desresponsabilização do próprio líder, pelo acumular de maus resultados em todas as vertentes. Não havia um ponto unificador e agregador, não havia um rumo, a não ser incompetência e amadorismo.

    100M de prejuízos depois, quase 30 jogadores contratados e GL descobre um novo paradigma, totalmente inverso ao trabalho feito e às medidas tomadas ao longo deste ano e meio. Projecto? Para isso tem que haja coerência. Uma linha condutora. Não há.

    Anos e anos de incapacidade provada e comprovada, GL é o homem da estocada final, vai ser o primeiro responsável da pior época de sempre no futebol, é responsável pelos maiores buracos financeiros da história, é o primeiro responsável pela mancha ao bom nome do clube e é responsável pelo gozo e vergonha que os sportinguistas que ainda têm espinha dorsal, sentem ao verem o seu presidente toureado por um qualquer dirigente de um qualquer clube, por mais insignificante que seja.

    O que se defende aqui, é que este incompetente, este amador, este fraco, este mentiroso, esta amostra de sportinguista, se mantenha por mais ano e meio no poder. Em ano e meio, este tipo fez o que fez. Imagine-se em mais ano e meio.
    Projecto? Ó meus amigos, tenham santa paciência. "Duque e Freitas, Freitas e Duque". Mais Domingos. As traves mestras não se sabe bem do quê. E os 100M. De prejuízos, bem entendido.

    ResponderEliminar
  22. Nuno Bispo,

    Pode dizer-nos, por favor, quais são os "sportinguistas que ainda têm espinha dorsal"? E quais não têm, já agora.

    ResponderEliminar
  23. O projecto de Godinho Lopes tem nome. Chama-se VMOCs. Quando o Sporting perder a maioria da SAD, no dia seguinte Godinho pede a demissão.

    ResponderEliminar
  24. Este comentário foi removido por um gestor do blogue.

    ResponderEliminar
  25. Emenda ao meu comentário!

    A GESTÃO DA CRISE:

    * A Comunicação
    - Um desastre. Há mts anos que assim é e este mandato não tem fugido à regra... O que mais me incomoda e para continuar a ser coerente cmg, tenho que concordar a 100% com quem critica a forma como o SCP se vem relacionando com o fcp, nomeadamente, com pdc. Uma afronta à nossa memória. A CS sp foi hostil, e com um SCP fragilizado e dividido encontra terreno fértil para fazer o seu trabalhinho sujo...

    * O futebol
    - Td aponta para q GL se tenha espalhado na escolha de Vercauteren. O que afirmei após saída de CF e LD, era a de q GL a partir daquele momento não tinha margem de manobra para mais erros e tinha de mostrar o q ELE valia, uma vez q teria q assumir-se na SAD... Por diversas razões, não acredito na entrada de nova equipa técnica, pelo q GL está dependente do que a sua escolha para a liderança da equipa (treinador) e a própria equipa (plantel) consigam (ou não) melhorar e ainda... do resultado da AG que se aproxima... Tendo em conta a gde insatisfação que perpassa pelo sentir leonino, cada vez mais o cenário de eleições antecipadas se torna real. A acontecer desejo que se processe da melhor forma possível.

    Assim é que faz sentido.

    SL

    ResponderEliminar
  26. Anónimo das 16h04,

    Quando as VMOCs forem convertidas o SCP irá continuar com a maioria na mesma. Lê antes de dizer asneiras.

    ResponderEliminar
  27. Nuno Bispo,

    Estou convencido que não leu o post, ou então não o percebeu. E tendo a suspeitar que, se fosse ligeiramente diferente, acabaria por nos vir aqui tentar tourear mais ou menos com os mesmos argumentos, ou não fosse o meu caro um Spotinguista de "espinha dorsal" e quem não pensa da mesma forma desprovido dela.

    Conheço algumas pessoas, sociedades e organizações que agiram e pensaram da mesma forma não as citaria como modelo.

    ResponderEliminar
  28. O meu foi apagado, o do Nuno Bispo sobreviveu, optimo para a democracia, esta a melhorar.

    ResponderEliminar
  29. Mike, tu é que devias ler mais antes de escreveres asneiras. Se as VMOCs forem convertidas ANTES do aumento de capital devido à fusão da SPM na SAD, o Sporting PERDE A MAIORIA DA SAD!

    ResponderEliminar
  30. Mike Portugal,

    http://www.forumscp.com/index.php?topic=49853.0

    ResponderEliminar
  31. Dois coisas muito simples do quotidiano do SCP que demonstram o que agora somos e o que nunca deveriamos ser:

    1º - A rábula ridicula da Juve Leo.
    2ª - Jogadores a visitar escolas.

    ResponderEliminar
  32. Anónimo das 16h22 e 16h24,

    Eu prefiro acreditar neste do que no teu: http://www.sporting.pt/Noticias/Clube/notclube_clubeinformacao_200312_90325.asp

    ResponderEliminar
  33. LdA,

    A situação actual aparenta um total desnorte, resultante duma performace desportiva continuadamente má.

    . Por muito que se altere o actual quadro, nada indicia que possam acontecer melhorias significativas no campo desportivo e financeiro no curto/médio prazo;
    . A abordagem do clube em linhas estratégicas fundamentais é, ou incompetente ou até lesiva dos interesses do clube. Saliento nestas as relações com o FCP ( a eventual saída do Izmailov para este clube por muito certa que esteja no plano desportivo, é um tremendo e devastador erro no plano de realcionamneto interno), a CS, a Olivedesportos (onde o nosso poder negocial se verá reduzido exponencialmente) e os APAF.
    . A preparação duma nova época por uma equipa totalmente descredibilizada, para além de augurar uma época idêntica ou pior ainda, motivará se calhar um afastamento maior dos sócios/adeptos, com consequências diretas na receita de bilheteira.

    Se, se aceitam os pontos anteriores como verdadeiros, é chegado o momento de se promover uma mudança, que garanta pelo menos a resolução de alguns dos problemas identificados.
    O medo real que todos temos dos D. Sebastião e/ou dos pavões que servem do clube em proveito próprio, não podem impedir a mudança até porque o que existe tem vindo a provar que não serve.

    Sendo tantos como cremos que somos, é inacreditável que neste universo não surja uma alternativa credível e congregadora. É inacreditável que as soluções debatidas sejam entre o péssimo actual e o caos futuro.

    Acho o Sporting grande de mais para se conformar com este estado de coisas!

    SL

    ResponderEliminar
  34. contas, resultados e muitas percepções erradas


    Resolvi ter trabalho com o Sporting.

    Comecei a questionar-me – como podemos sair deste fosso? Logo percebi que tinha que saber mais e então resolvi ir à CMVM e estudar as contas dos “três grandes” desde que foram criadas as SAD.

    Estudei tudo sobre o Sporting:

    (ver imagem em http://divaleonino.wordpress.com/)

    comparei a rúbrica de “custos com pessoal” com os outros dois e respectivos resultados na Liga:

    (ver imagem em http://divaleonino.wordpress.com/)

    e cheguei aos seguintes resultados:

    (ver imagem em http://divaleonino.wordpress.com/)

    Conclusões?

    Afinal a relação directa entre resultados e um plantel bem pago não é tão óbvia quanto isso, e no caso do nosso Sporting, está mesmo longe de o ser, o que desde já indica a primeira proposição:

    1) É POSSÍVEL TER MELHORES RESULTADOS COM ORÇAMENTOS MAIS BAIXOS

    De facto a história dos números do Sporting mostra bem isso. Em 1999-00 e 2001-02 conseguimos ser campeões com folhas salariais inferiores ao FCP, respectivamente menos 18,24% e 12,09%.

    Entre 2005-06 e 2008-09 conseguimos ficar sempre à frente do SLB com uma folha salarial mais baixa em, respectivamente, 43,39%, 14,41%, 27,02% e 36,09%.

    Nestas mesmas épocas ficamos atrás do FCP, o qual tinha uma folha salarial superior em, respectivamente, 49,59%, 30,81%, 45,23% e 46,25%.

    Na época em que a diferença foi mais baixa (30,81%), o Sporting ficou a apenas um ponto do FCP, tendo melhorado o resultado relativamente à época anterior, o que nos leva à segunda proposição:

    2) NUM QUADRO DE ESTABILIDADE, AUMENTOS MARGINAIS DA FOLHA SALARIAL SÃO PRODUTIVOS

    (continua em http://divaleonino.wordpress.com/)

    ResponderEliminar
  35. Ainda um dia vou perceber porque é que os sportinguistas, cada um ciente da suas convicções, andam aqui a tentar convencer-se uns aos outros do contrário? Eu também tenho a certeza que enquanto não tivermos uma direcção que cumpra no mínimo 1 mandato não só não voltamos a ganhar nada como não tiramos o clube da situação difícil em que se encontra e cada vez pior com este tipo de sportinguistas que andam um mandato inteiro a falar de eleições. Sim há muito trabalho para fazer antes de pensar em voltar a ganhar, com este presidente ou com outro qualquer. E a outra certeza absoluta é que quanto mais dinheiro melhor e bem podem guardar essa competência toda que ninguém conhece na gaveta. Por isso é muito simples e só as crianças é que não percebem, quem se quiser chegar à frente não anda de certeza a pedir dinheiro para uma caução. Parecem crianças.

    Antunes

    ResponderEliminar
  36. Acho o post muito bom ,concordo com muita coisa e com a abordagem geral que é sugerida.

    Mas estamos reduzidos ao básico,se a equipa ganhar,fala-se menos em crise,se não ganhar...
    Vercauteren vem de uma escola de treinadores que não é famosa pelas sua criatividade táctica.
    São rigorosos,profissionais,disciplinadores e bons treinadores de campo.

    Em termos de estratégia e táctica, os portugueses são melhores.
    Por isso a presença de adjuntos portugueses na equipa técnica é importante.O que temos é suficiente?
    Apesar de tudo ainda não desisti de Verc.

    Quanto à questão directiva direi apenas que estou muito preocupado por ser um grupo de jovens estudantes universitários-muitos,provavelmente, sem qualquer experiência profissional-que está a dar a cara por um movimento destes.
    Se há alguém por detrás deles(e acho que sim) o que dizer dessa pessoa em termos de coragem e liderança. E a minha preocupação é só pelo Sporting porque acho que devem sempre haver alternativas fortes ao poder.Mas assim?

    Quanto a GL, a sua única saída é reafirmar publicamente qual é o seu programa de acção,
    como se fosse a eleições.Nesse contexto,a entrada para a SAD de alguém(ou a criação de uma estrutura)com competência técnica específica no futebol era urgente.

    PS:também fico preocupado ao ler o Lateral Esquerdo.A fazer fé só contratámos incompetentes para o futebol nos últimos anos. E é capaz de ser bem verdade.

    ResponderEliminar
  37. Não compreendo bem a afirmação do prejuízo de 100 ME que está sempre a ser feita.

    O prejuízo da SAD,declarado no relatório anual foi de 45,9 ME.
    No ano anterior foi de 43.991M ME.No seu conjunto são 93.491Me,mas a GL só cabe uma parte.

    PS:Li o comentário de Divã Leonino e louvando desde logo a trabalheira que teve,achei-o muito interessante.
    O problema, como Verde CDV tinha afirmado num comentário muito interessante feito ao post anterior,essa estratégia já foi seguida(FSF) e revelou-se desmobilizadora.
    A realizar-se teria que ser muito bem vendida.

    ResponderEliminar
  38. PLF e LdA

    Não vou identificar todos os que conheço, mas conheço alguns. Reitero: a forma como GL é desmentido e calado por qualquer um que lhe queira passar por cima, devia por si, ser um sinal de fraqueza de carácter quem nos comanda. A forma como mente aos adeptos, e ele sabe que há adeptos que sabem que mente, devia ser fundamento para o fim de qualquer vislumbre de tolerância. Quem aceita isto e o quer prolongar, lamento, é o que mais abomino no neo sportinguismo, aquele que tem sangue de barata. O que desculpa, o que desresponsabiliza e assobia ao lado, tudo a favor de uma dinastia podre, que só écompetente na instrumentalização dos adeptos, em tornar a maior claque do clube na sua segurança privada, ao ponto de agredir contestatários. Vi isto com os meus olhos. É uma vergonha este mandato. Supera as minhas piores expectativas. Que já eram péssimas.

    ResponderEliminar
  39. divaleonino, grande trabalho!

    Sobre as conclusões. Claro que é possivel ter - melhores resultados com orçamentos mais baixos - a questão é que esses bons resultados conseguidos em asfixia orçamental são pontuais e o Sporting precisa de ser campeão sempre para se estabilizar.

    Posto isto e como partimos de um ponto inferior aos nossos concorrentes directos, dificilmente teremos capacidade de os ultrapassar sem primeiro investir a um nivel muito superior à concorrência durante pelo menos um médio prazo de 5 anos.

    Nós não sabemos reconhecer que ficar em segundo lugar numa actividade em que a concorrência directa tem mais recursos que nós é bom. Não entendemos a diferença entre melhorar e celebrar.

    Ninguém celebra segundos lugares, nem presenças em finais, mas seria uma melhoria imensa se nos próximos tempos o Sporting fosse o clube que ficava, sempre, pelo menos em segundo ou participava em todas as finais.

    Tenho a certeza que a ser eliminado nas primeiras rondas de uma competição nunca a irei ganhar, já se estiver na final é impossivel perder sempre.

    ResponderEliminar
  40. Nuno Bispo,

    Não cuspa para o ar! Diga quem são os invertebrados com sangue de barata. Cá estaremos para ver se vale a pena continuar a conversa.

    ResponderEliminar
  41. Cheguei agora... mas qual é o projecto de Godinho Lopes?

    Identificados que foram os erros no passado, que medidas foram tomadas para corrigir a rota?

    ResponderEliminar
  42. Há, de facto, estranhas mudanças. Por exemplo, há quem, enquanto o SCP conseguia, com um projecto sustentado, adequado aos meios económicos e ao tipo de recursos humanos de que dispõe, os seus mais consistentes resultados desde os “5 violinos”, clonava na "net" os disparates do Rui Santos e bradava aos céus que em Alvalade ninguém o apanhava. Depois, à força de Bávaros, de Duartes Gomes e de vassoureiros, o projecto sustentado foi varrido, e, para essas (antes) atormentadas almas da blogosfera, as rosas brotaram em Alvalade. De seguida, atirou-se cada vez mais dinheiro para cima de cada vez mais incompetência, no campo conseguia-se cada vez menos e, fora dele, a vergonha era ainda maior, trocou-se o aldrabão "light" do "forever" e da "maçã podre" por um modelo de aldrabão mais robusto, mas, as mesmas almas que – no tempo em que havia um projecto, decência e resultados - diziam, “em Alvalade ninguém me vê”, agora, que até os lampiões têm pena de nós, dizem que "só os fracos vacilam", que o "verdadeiro Sportinguista está sempre com quem foi legitimamente eleito" (assim, sem se rirem) e que ninguem pode faltar ao apelo de Alvalade. De facto, estranha gente. SL. JPT

    ResponderEliminar
  43. O Sporting está à beira do abismo!!!!!

    Com "o novo rumo para o Sporting" vai dar um passo em frente.

    ResponderEliminar
  44. Citação:
    20-03-2012
    Informação
    O Conselho Directivo do Sporting Clube de Portugal informa que, no âmbito do processo de reorganização e simplificação do universo empresarial do Sporting, foi hoje aprovado pelos Conselhos de Administração das sociedades Sporting Clube de Portugal - Futebol, SAD e Sporting Património e Marketing, SA o projecto de fusão por incorporação da Sporting Património e Marketing, SA na Sporting Clube de Portugal – Futebol, SAD, com a consequente extinção da primeira.
    … / …
    A operação de fusão permitirá ainda ao Sporting Clube de Portugal manter a maioria do capital social da Sporting SAD, mesmo depois da conversão das VMOC em capital da SAD.
    Finalmente, a concretização da fusão terá impacto positivo na Sporting SAD ao nível do cumprimento das regras de Fair-Play financeiro da UEFA, facilitando a obtenção da rentabilidade mínima exigida pela UEFA a partir do Exercício de 2013/14.

    Ora a SPM pertence ao Clube e a fusão ainda não foi levado a AG para aprovação.

    Artigo 42°
    (Competências da Assembleia Geral)
    3 – Salvo disposição em contrário da lei ou dos presentes estatutos, as deliberações da Assembleia Geral são tomadas por maioria absoluta de votos dos associados presentes; todavia, as deliberações relativas à alienação ou oneração de imóveis ou de participações sociais exigem maioria de, pelo menos, dois terços dos votos, o mesmo valendo para as deliberações do Conselho Leonino sobre a primeira daquelas matérias, tomadas no exercício de poderes que lhe hajam sido delegados pela Assembleia Geral.

    Portanto se for protelada a convocação da AG para aprovação da fusão, sim, o SCP pode perder a maioria da SAD.

    Citação:
    Aproxima-se o dia 20 de Janeiro de 2013, data limite para a inconvertibilidade dos VMOC's. A partir dessa data, a banca (BES e BCP) tem o direito de converter os Valores Mobiliários em Capital da Sporting SAD, e deste modo "apoderarem-se" ainda mais dos destinos da Sporting SAD.
    Ou Seja, das duas Três.
    Ou os VMOC's são convertidos pela BANCA em capital da SAD entre 2013 e 2016, e a BANCA fica accionista da Sporting SAD, e eventualmente em maioria, se os VMOC's forem convertidos antes do aumento de capital via SPM (o que duvido não venha a acontecer).
    Ou então, se os VMOC's não forem convertidos, o Sporting a partir de 2016, terá menos 47 Milhões de Capitais próprios e mais 47 Milhões em dívida Financeira no seu balanço.
    Ou por ultimo, o Sporting PAGA ao BES e BCP 47 Milhões de € até 2016.
    Tão simples quanto isso.

    ResponderEliminar
  45. Dizer que Godinho Lopes tem ou teve um projecto é o mesmo que sair de um carinho de choques a dizer que fez o circuito do Mónaco....

    Realmente o trabalho de fundo que Godinho Lopes esta a implementar é tão grandioso e brilhante como sol só que não conseguimos olhar para ele.

    Sem dinheiro ( nunca apareceram os 100M) e com toda a gente a fechar a porta ou a roer a corda como sairá deste buraco onde (ainda) enfiou (mais) o Sporting?

    Debater aqui que ele disse que eram 2 anos de prejuízo e no ultimo já equilibrava as contas é acreditar no pai Natal. Salta a vista que o homem percebe pouco ou nada de futebol. Mês e meio para descobrir um Vercauten demonstra uma visão que sinceramente não alcanço o horizonte.

    Leio muita coisa , dizem-me muita coisa , sinceramente já me cansa tudo isto. São demasiados anos a Bramar ao vento contra algo que é sempre legitimado. Tenho respeitado sempre os resultados que saem das urnas mas é cansativo ver o estado em que caiu o Sporting e ainda haver quem defenda tudo isto.

    Sl

    ResponderEliminar
  46. Mike Portugal,


    Para que não percamos a maioria da SAD tem de se fundir a SPM a SAD antes do dia 20 de janeiro, que me pareça ainda não ha AG marcada. O tempo vai passando e não me parece que vá haver.

    Vai esperando até março para ver o que dá...nessa altura pode ser que já nem tenhamos a maioria da SAD.

    ResponderEliminar
  47. Este comentário foi removido por um gestor do blogue.

    ResponderEliminar
  48. a direcção a sair e havendo dinheiro os salarios sao pagos!aconteceu quando EB saiu prematuramente.
    vamos nao cair na demagogia de ou isto ou o abismo porque no abismo já tamos!
    falo com conhecimento de causa de funcionarios do clube,que dizem que o melhor que podia acontecer era a direcçao cair!foi me dito por eles
    SL

    ResponderEliminar
  49. Este comentário foi removido por um gestor do blogue.

    ResponderEliminar
  50. Dia 20 Janeiro vai ser o primeiro dia do resto da vida do SCP,
    Onde há 28M ou 29M para pagar as VMOC´S?
    Havia um "slogam" dos anarcas depois do 25/4 que era "Portugal está á beira do abismo, agora deu um GRANDE passo em frente" podemos dizer isto no meu/nosso SCP.
    Sejam éticos alguns Sr.s que escrevem aqui e façam um AG, mas que não haja inaugurações nem "pagamentos" de cotas á última hora!!!!
    Não metam elementos da JL como seguranças, uma AG é do SCP e não da JV nem de qq claque.
    O Sr Stromp agradece certamente.
    SL

    ResponderEliminar
  51. E uma enorme irresponsabilidade novas eleicoes.!!

    ResponderEliminar
  52. A mim, custa-me a entender a lógica deste texto do Leão de Alvalade, porque ele refere que um projecto são ideias, mas na parte inicial do texto diz que o projecto de Godinho "foi sobejamente explicado em mais do que uma ocasião, em entrevistas para o efeito, e que se pode resumir nestas ideias-força: o regresso de Luís Duque e Carlos Freitas, referências nos últimos títulos conquistados, para reorganização do departamento de futebol, contratação de um treinador com curriculum e reformulação do plantel. A essa reformulação corresponderiam 2 anos de prejuízos, por força do investimento realizado, e um terceiro de regresso do verde às contas. "

    Ora bem... então sendo assim, das duas uma:
    1-Ou o projecto de Godinho eram pessoas e não ideias, e por isso esse projecto já não existe, porque na realidade nunca existiu (visto que eram pessoas e não ideias) ou simplesmente porque essas pessoas já saíram.

    2-Ou então o projecto era o tal modelo que o Leão de Alvalade refere, que pode funcionar independentemente dos actores: as ideias de ter referências dos últimos títulos conquistados, para reorganização do departamento de futebol e ter um treinador com curriculum. E sendo assim, esse projecto também já não existe, porque tal não acontece actualmente, visto que essas ideias não são praticadas no momento actual.

    A única coisa que realmente existe desse tal modelo, são os 2 anos com prejuízo nas contas.

    Dito isto, acho que quem diz que o projecto ainda existe ou ainda está vivo, está simplesmente a querer enganar-se a si mesmo ou então não consegue aceitar a realidade.

    SL

    ResponderEliminar
  53. Álvaro,

    Percebo que existe uma dificuldade em entender isto:

    Havia pessoas e ideias. Podemos discutir se elas eram as mais capacitadas ou não e se as ideias eram ou não adequadas.

    As pessoas foram as ideias podem ou não continuar a ser executadas?

    E, atendendo a que as pessoas (LD+CF) foram trunfos eleitorais, valeram votos, (e até que PPC e CB) faziam parte da lista e já sairam deveria haver uma re-legitimação do CD.

    Não me parece que seja assim tão difícil de perceber.

    ResponderEliminar
  54. Leão de Alvalade,

    eu percebi que podemos olhar para o "projecto" de Godinho como ideias, mas sendo assim, o projecto actualmente não existe na prática, porque essas ideias não estão a ser praticadas, ponto.

    Volto a repetir o que disse anteriormente...

    "2-Ou então o projecto era o tal modelo que o Leão de Alvalade refere, que pode funcionar independentemente dos actores: as ideias de ter referências dos últimos títulos conquistados, para reorganização do departamento de futebol e ter um treinador com curriculum. E sendo assim, esse projecto também já não existe, porque tal não acontece actualmente, visto que essas ideias não são praticadas no momento actual.

    A única coisa que realmente existe desse tal modelo, são os 2 anos com prejuízo nas contas."

    Onde estão as referências para reorganização ou organização da estrutura/departamento do futebol ? Não estão...
    (E obviamente que eu não quero Luís Duque nem Carlos Freitas, porque nunca acreditei nas suas capacidades e a actualidade dá-me razão. Mas existem outros no Universo do Sporting.)

    Onde está o treinador de curriculum ? Não está...

    Dito isto, como é possível afirmar que continua a existir o projecto de Godinho Lopes ?

    O projecto até pode existir, mas apenas na cabeça do senhor Godinho, porque na prática não existe, a não ser efectivamente os 2 anos de prejuízo.

    SL

    ResponderEliminar
  55. Há sportinguistas que estão tão inculcados nas suas próprias ideias, que por mais que lhes tentemos explicar as coisas, não vele mesmo a pena...

    Os projectos eram todos fracos, alguns dos 5 candidatos tinham mesmo projectos fraquinhos.
    Agora o que não se pode apregoar é o seguinte:
    - Havia um candidato; BdC, que tinham um projecto muito bom e muito válido.
    - Depois veio outro candidato; Godinho Lopes, e copiou parte desse projecto.

    Conclusão: Afinal o Godinho Lopes até tinha projecto, mesmo que fosse copiado do melhor de todos.

    Não sejamos masoquistas!
    O Projecto existia e está em andamento.
    Os 100M foram injectados no Clube como muito bem ficou explicado.
    60M para pagar dividas + 40M para investir na equipa.
    Se o Sporting gasta 5M/ mês e não gera metade dessa receita donde vem o dinheiro?
    Era obvio na altura como o é hoje que é necessário entrar dinheiro de empréstimos todos os meses.

    O projecto do Godinho Lopes existe e tem várias vertentes:

    - Dinamização dos Núcleos
    - Revisão estatuária.
    - Incremento das Modalidades.
    - Criação de Academias: Atletismo, Futsal, Andebol, etc.
    - Criação de Casas das Modalidades: Loures, Odivelas, Lisboa (Pista Mario Moniz Pereira).
    - Expansão das Academias de Futebol: Canadá, EUA, Angola, China, África do Sul, Singapura, Índia, etc.
    - Aumentar a média de espectadores no estádio
    - Aumentar o número de sócios
    - Criação da equipa B
    - Reestruturação de toda a formação do Sporting (afinal parece que é mentira a saída de todos os treinadores da Academia?).
    - Reestruturação Financeira
    - Inauguração de uma Sala de Sócios.
    - Fecho do fosso
    - Melhoramente estético do Estádio
    - Criação de uma equipa de futebol capaz de ganhar um campeonato no 1º mandato.
    - Pavilhão Multiusos.

    E muitas mais medidas faltam aqui.

    A maioria delas foi implementada e com resultados visíveis.

    As mais complicadas e importantes não foram; ainda, cabalmente cumpridas.

    - Falta uma equipa de futebol ganhadora
    - Falta a reestruturação financeira
    - Falta Pavilhão Multiusos

    Quanto ao Pavilhão não sei em que estado está.
    Se alguém tiver informações que me forneça.

    Quanto á equipa houve um enorme equívoco e estamos a recomeçar quase do zero.
    Este objectivo tem de ser redefinido e espero que haja coragem de dizer a verdade. Só lutaremos para o campeonato daqui a 3 ou 4 anos.

    Quanto á reestruturação financeira espera-se que seja feita com um mínimo de garantia.

    ResponderEliminar
  56. Verde CDV,

    reconheço o seu esforço, mas você tem que perceber que não está a falar para "parvos".

    ResponderEliminar

Este blogue compromete-se a respeitar as opiniões dos seus leitores.

Para todos os efeitos a responsabilidade dos comentários são de quem os produz.

A existência da caixa de comentários visa dar a oportunidade aos leitores de expressarem as suas opiniões sobre o artigo que lhe está relacionado, bem como a promoção do debate de ideias e não a agressão e confrontação.

Daremos preferência aos comentários que entendermos privilegiarem a opinião própria do que a opinião que os leitores têm sobre a opinião de terceiros aqui emitida. Esta será tolerada desde que respeite o interlocutor.

Insultos, afirmações provocatórias ou ofensivas serão rejeitados liminarmente.

Não serão tolerados comentários com links promocionais ou que não estejam directamente ligados ao post em discussão.

Sporting Clube de Portugal

Sporting Clube de Portugal

Prémios

Sporting 160 - Podcast

Os mais lidos no último mês

Blog Roll

Leitores em linha


Seguidores

Número de visitas

Free HTML Counters

Ultimos comentários

Blog Archive

Temas

"a gaiola da luz" (1) 10A (1) 111 anos (1) 1ª volta Liga Zon/Sagres 10/11 (3) 2010-2011 (1) 2016 (1) 8 (4) AAS (7) ABC (3) Abrantes Mendes (3) Academia (16) Académica-SCP (1) adeptos (94) Adrien (19) AdT (1) adversários (82) AFLisboa (2) AG (19) Alan Ruiz (2) Alexander Ellis (1) alma leonina (59) ambição (10) andebol (34) André Geraldes (2) André Marques (2) André Martins (6) André Pinto (1) André Santos (5) anestesia (3) angulo (5) aniversário "A Norte" (3) Aniversário SCP (4) antevisão (41) APAF (12) aplausos ao ruben porquê? (2) Aquilani (1) aquisições (85) aquisições 2013/14 (16) aquisições 2014/15 (18) aquisições 2015/16 (17) aquisições 2016/17 (10) aquisições 2017/18 (5) arbitragem (93) Associação de Basquetebol (6) ataque (1) Atitude (9) Atletico Madrid (1) Atlético Madrid (1) atletismo (6) auditoria (4) autismo (1) AVB és um palhaço (1) aventureiro (1) Bacelar Gouveia (2) Balakov (1) balanço (5) Baldé (4) balneário (3) banca (2) Barcos (3) Bas Dost (3) Bastidores (70) Batota (18) Battaglia (1) Beira-Mar (2) Belenenses (4) Benfica (1) BES (1) bilhetes (2) binários (1) Boal (1) Boateng (1) Boeck (2) Bojinov (7) Bolsa (2) Borússia Dortmund (1) Boulahrouz (2) Brasil (1) Braz da Silva (8) Brondby (4) Bruma (18) Bruno Carvalho (100) Bruno César (3) Bruno de Carvalho (9) Bruno Martins (20) Bryan Ruiz (5) Bubakar (1) BwinCup (1) cadeiras verdes (1) Cadete (1) Caicedo (5) calendário (2) Câmara Municipal de Lisboa (3) Campbell (2) Campeões (2) campeonato nacional (21) campeonatos europeus atletismo (2) Cândido de Oliveira (1) Caneira (2) Cape Town Cup (3) Capel (4) carlos barbosa (4) Carlos Barbosa da Cruz (2) Carlos Carvalhal (5) Carlos Freitas (7) Carlos Padrão (1) Carlos Severino (4) Carriço (6) Carrillo (10) Carrilo (3) carvalhal (30) Caso Cardinal (1) Casos (6) CD Liga (3) Cedric (7) Cervi (3) CFDIndependente (1) Champions League 2014/15 (9) Champions League 2015/16 (5) Chapecoense (1) CHEGA (1) Ciani (1) Ciclismo (3) CL 14/15 (2) Claques (9) clássicos (8) Coates (4) Coentrão (1) Coerência (1) colónia (1) comissões (2) competência (2) comunicação (68) Comunicação Social (21) Consciência (1) Conselho Leonino (2) contratações (6) COP (1) Coreia do Norte (1) Corradi (1) corrupção no futebol português (2) Cosme Damião (1) Costa do Marfim (3) Costinha (45) Couceiro (13) crápulas (1) credores (1) crise 2012/13 (21) Crise 2014/15 (2) Cristiano Ronaldo (1) cronica (3) crónica (15) cultura (4) curva Sporting (1) Damas (3) Daniel Sampaio (3) debate (5) defesa dos interesses do SCP (7) Del Horno (1) delegações (1) depressão (1) Derby (42) Derby 2016/17 (1) derlei (1) Desespero (1) Despedida (2) despertar (3) dia do leão (1) Dias da Cunha (1) Dias Ferreira (6) Diogo Salomão (4) director desportivo (18) director geral (5) direitos televisivos (4) Dirigentes (28) disciplina (6) dispensas (22) dispensas 2015/16 (1) dispensas 2016/17 (2) dispensas 2017/18 (1) djaló (10) Domingos (29) Doumbia (1) Doyen (4) Duarte Gomes (2) Ecletismo (60) Eduardo Barroso (6) Eduardo Sá Ferreira (2) eleições (19) eleições2011 (56) eleições2013 (26) eleições2017 (9) Elias (5) eliminação (1) empresários (11) empréstimo obrigacionista (3) entrevistas (63) Épico (1) época 09/10 (51) época 10/11 (28) época 11/12 (8) época 12/13 (11) época 13/14 (4) época 14/15 (8) época 15/16 (5) época 16/17 (7) época 17/18 (1) EquipaB (17) equipamentos (12) Eric Dier (8) Esperança (4) estabilidade (1) Estádio José de Alvalade (4) Estado da Nação (1) estatutos (6) Estórias do futebol português (4) estratégia desportiva (104) Estrutura (1) Euro2012 (6) Euro2016 (1) Europeu2012 (1) eusébio (2) Evaldo (3) Ewerton (4) exigência (2) expectativas (1) expulsão de GL (1) factos (1) Fafe (1) Fair-play (1) farto de Paulo Bento (5) fcp (12) FCPorto (9) Fernando Fernandes (1) FIFA (2) Figuras (1) filiais (1) final (1) final four (1) finalização (1) Finanças (24) fiorentina (1) Football Leaks (2) Formação (89) FPF (14) Francis Obikwelu (1) Francisco Geraldes (2) Frio (1) fundação aragão pinto (3) Fundação Sporting (1) fundos (14) futebol (9) futebol feminino (1) futebol formação (1) futebol internacional (1) Futre (1) Futre és um palhaço (4) futsal (23) futsal 10/11 (1) futuro (8) gabriel almeida (1) Gala Honoris Sporting (3) galeria de imortais (28) Gamebox (2) Gauld (5) Gelson (1) Gent (1) geração academia (1) Gestão despotiva (2) gestores de topo (10) Gilberto Borges (2) GL (2) glória (5) glorias (4) Godinho Lopes (27) Gomes Pereira (1) Governo Sombra (1) Gralha (1) Gratidão (1) Grimi (4) Grupo (1) Guerra Civil (2) guimarães (1) Guy Roux (1) Hacking (1) Heerenveen (3) Hildebrand (1) História (18) Holdimo (1) homenagem (5) Hóquei em Patins (7) Hugo Malcato (113) Hugo Viana (1) Humor (1) i (1) Identidade (11) Idolos (3) II aniversário (1) Ilori (4) imagem (1) imprensa (12) Inácio (5) incompetência (7) Insua (2) internacionais (2) inverno (2) investidores (3) Iordanov (6) Irene Palma (1) Iuri Medeiros (1) Izmailov (26) Jaime Marta Soares (3) Jamor (3) Janeiro (1) Jardel (2) jaula (3) JEB (44) JEB demite-se (5) JEB és uma vergonha (5) JEB rua (1) JEBardadas (3) JEBardice (2) Jefferson (3) Jeffren (5) Jesualdo Ferreira (14) JJ (1) JL (3) Joana Ramos (1) João Benedito (1) João Mário (6) João Morais (5) João Pereira (6) João Pina (3) João Rocha (3) Joaquim Agostinho (2) joelneto (2) Jogo de Apresentação (1) Jorge Jesus (44) Jorge Mendes (3) José Alvalade (1) José Cardinal (2) José Couceiro (1) José Eduardo Bettencourt (33) José Travassos (1) JPDB (1) Jubas (1) judo (6) Juniores (7) JVL (105) kickboxing (1) Kwidzyn (1) Labyad (7) Lazio (1) LC (1) Leão de Alvalade (496) Leão Transmontano (62) Leonardo Jardim (11) Liderança (1) Liedson (28) Liga 14/15 (35) Liga de Clubes (12) liga dos campeões (12) Liga dos Campeões 2016/17 (11) Liga dos Campeões 2017/18 (8) Liga Europa (33) Liga Europa 11/12 (33) Liga Europa 12/13 (9) Liga Europa 13/14 (1) Liga Europa 14/15 (1) Liga Europa 15/16 (11) Liga Europa10/11 (16) Liga NOS 15/16 (30) Liga NOS 16/17 (22) Liga NOS 17/18 (3) Liga Sagres (30) Liga Zon/Sagres 10/11 (37) Liga Zon/Sagres 11/12 (38) Liga Zon/Sagres 12/13 (28) Liga Zon/Sagres 13/14 (24) Lille (1) LMGM (68) losango (1) Lourenço (1) low cost (1) Luis Aguiar (2) Luis Duque (9) Luís Martins (1) Madeira SAD (4) Malcolm Allison (1) Mandela (2) Mané (3) Maniche (4) Manifesto (3) Manolo Vidal (2) Manuel Fernandes (7) Marca (1) Marcelo Boeck (1) Marco Silva (27) Maritimo (2) Marítimo (3) Markovic (1) Matheus Oliveira (1) Matheus Pereira (3) Mati (1) matías fernandez (8) Matias Perez (1) Mauricio (3) Meli (1) Memória (10) mentiras (1) mercado (41) Meszaros (1) Miguel Lopes (1) miséria de dirigentes (2) mística (3) Modalidades (25) modelo (3) Moniz Pereira (7) Montero (7) Moutinho (3) Mundial2010 (9) Mundial2014 (3) Mundo Sporting (1) Nacional (1) Naide Gomes (2) Naldo (3) naming (2) Nani (3) Natal (4) Naval (3) Navegadores (3) negócios lesa-SCP (2) NextGen Series (3) Noite Europeia (1) nonsense (23) Nordsjaelland (1) NOS (1) Notas de Imprensa (1) notáveis (1) nucleos (1) Núcleos (9) Nuno André Coelho (2) Nuno Dias (3) Nuno Saraiva (4) Nuno Valente (1) o (1) O Roquetismo (8) Oceano (1) Octávio (1) Olhanense (1) Olivedesportos (1) Onyewu (7) onze ideal (1) opinião (6) oportunistas (1) orçamento (3) orçamento clube 15/16 (1) organização (1) orgulho leonino (17) Oriol Rosell (3) paineleiros (15) Paiva dos Santos (2) paixão (3) papagaios (8) pára-quedista (1) parceria (2) pascoa 2010 (1) pasquins (7) património (2) patrocínios (5) Paulinho (1) paulo bento (19) Paulo Faria (1) Paulo Oliveira (3) Paulo Sérgio (43) paulocristovão (1) Pavilhão (11) pedrada (1) Pedro Baltazar (8) Pedro Barbosa (5) Pedro Madeira Rodrigues (3) Pedro Mendes (4) Pedro Silva (2) Pereirinha (6) Peyroteo (2) Piccini (1) Pini Zahavi (2) Pinto Souto (1) plantel (31) plantel 17/18 (3) play-off (2) play-off Liga dos Campeões 17/18 (5) PMAG (3) Podence (1) Polga (5) Pongolle (5) Pontos de vista (15) por amor à camisola (3) post conjunto (5) Postiga (7) PPC (7) Pranjic (2) pré-época (2) pré-época 10/11 (7) pré-época 11/12 (43) pré-época 12/13 (16) pré-época 13/14 (16) pré-época 14/15 (22) pré-época 15/16 (20) pré-época 16/17 (12) pré-época 17/18 (9) prémio (1) prémios stromp (1) presidente (4) Projecto BdC (1) projecto Roquette (2) promessas (3) prospecção (2) Providência Cautelar. Impugnação (1) PS (1) Quo vadis Sporting? (1) Rabiu Ibrahim (2) râguebi (1) raiva (1) RD Slovan (1) reacção (1) redes sociais (1) Reestruturação financeira (17) reflexãoleonina (21) reforços (15) regras (4) regulamentos (1) Relatório e Contas (11) relva (10) relvado sintético (4) remunerações (1) Renato Neto (3) Renato Sanches (1) respeito (7) resultados (1) revisão estatutária (5) Ribas (2) Ribeiro Telles (4) Ricardo Peres (1) Ricciardi (2) ridiculo (1) ridículo (2) Rinaudo (8) Rio Ave (2) Rita Figueira (1) rivais (6) Rodriguez (2) Rojo (4) Ronaldo (12) rtp (1) Rúbio (4) Rui Patricio (18) Rui Patrício (4) Sá Pinto (31) SAD (25) Salema (1) Sarr (4) Schelotto (2) Schmeichel (2) scouting (1) SCP (64) Segurança (1) Selecção Nacional (38) seleccionador nacional (5) Semedo (1) SerSporting (1) Shikabala (2) Silly Season2017/18 (2) Símbolos Leoninos (3) Sinama Pongolle (1) Sistema (4) site do SCP (3) SJPF (1) Slavchev (1) slb (21) Slimani (11) Soares Franco (1) sócios (16) Sócrates (1) Solar do Norte (14) Sondagens (1) sorteio (3) Sousa Cintra (1) Sp. Braga (2) Sp. Horta (1) Spalvis (2) Sporting Clube de Paris (1) Sporting160 (1) Sportinguismo (2) sportinguistas notáveis (2) SportTv (1) Stijn Schaars (4) Stojkovic (3) Sunil Chhetri (1) Supertaça (3) sustentabilidade financeira (40) Taça CERS (1) Taça Challenge (5) taça da liga (11) Taça da Liga 10/11 (7) Taça da Liga 11/12 (3) Taça da Liga 13/14 (3) Taça da Liga 14/15 (2) Taça da Liga 15/16 (4) Taça da Liga 16/17 (1) Taça da Liga 17/18 (1) Taça das Taças (1) Taça de Honra (1) Taça de Liga 13/14 (3) Taça de Portugal (12) Taça de Portugal 10/11 (3) Taça de Portugal 10/11 Futsal (1) Taça de Portugal 11/12 (12) Taça de Portugal 13/14 (3) Taça de Portugal 14/15 (8) Taça de Portugal 15/16 (4) Taça de Portugal 16/17 (4) Taça de Portugal 17/18 (2) táctica (1) Tales (2) Tanaka (1) Ténis de Mesa (2) Teo Gutierrez (5) Tertúlia Leonina (3) Tiago (3) Tonel (2) Torneio Guadiana 13/14 (1) Torneio New York Challenge (4) Torsiglieri (4) Tottenham (1) trabalho (1) transferências (5) transmissões (1) treinador (90) treino (4) treinos em Alvalade (1) troféu 5 violinos (5) TV Sporting (5) Twente (2) Tziu (1) uefa futsal cup (4) Uvini (1) Valdés. (3) Valores (14) Veloso (5) vendas (8) vendas 2013/14 (2) vendas 2014/15 (1) vendas 2016/17 (5) vendas 2017/18 (1) Ventspils (2) Vercauteren (5) Vergonha (7) video-arbitro (5) Villas Boas (8) Viola (1) Virgílio (98) Virgílio1 (1) Vitor Golas (1) Vitor Pereira (6) Vitória (1) VMOC (7) Vox Pop (2) VSC (3) Vukcevic (10) WAG´s (1) William Carvalho (13) Wilson Eduardo (2) Wolfswinkel (12) Wrestling (1) Xandão (4) Xistra (3) Zapater (2) Zeegelaar (2) Zezinho (1)