quinta-feira, 18 de fevereiro de 2016

Bayer distribuiu em Alvalade a pílula da realidade

De uma forma algo cínica poder-se-ia dizer que o Bayer Leverkussen acaba de fazer um grande favor a Jorge Jesus e a todos aqueles que acham que o Sporting não só não tem equipa para estas andanças europeias como nem sequer lhes deve atribuir importância e muito menos afectar grandes recursos ou tempo a tentar seguir em frente. Há quem concorde com ambas as afirmações, há quem se reveja apenas em uma delas.

Antes de ir o jogo propriamente dito devo dizer que eu não concordo com a abordagem feita por Jorge Jesus às outras competições que não o campeonato nacional. Sobretudo no discurso, embora na prática isso também seja notório. Mas especialmente no discurso, que dificilmente não contamina a forma como a equipa encara os jogos. Creio mesmo que o mesmo acontece com os adeptos, que hoje deixaram a casa meio cheia, meio vazia.

Deixaremos para posterior oportunidade a discussão sobre a necessidade de rodar e fazer descansar alguns dos jogadores mais sobrecarregados, embora a questão ganhe pertinência quando o próximo jogo é na segunda-feira, e com uma das equipas mais limitadas da nossa Liga. Mas, sem prejuízo de considerar que melhor do que ninguém, é a equipa técnica, apoiada certamente no conselho clínico, que melhor habilitada está para tomar decisões, pergunto:

- Porque não descansou o Ruiz, o jogador mais sobrecarregado e dos poucos cuja criatividade e capacidade de criar desequilíbrios é acima da média?

- E porque não entrou João Mário no mesmo critério?

- Que peso terá não apenas nas pernas (gestão do esforço física) mas também nas respectivas cabeças (gestão do esforço e prontidão psicológica), quando os níveis de stress competitivo estão já no seu pico, caso no próximo jogo o percurso do resultado seja adverso?
Mas, voltando ao parágrafo inaugural, o que o Leverkussen veio hoje fazer a Alvalade foi demonstrar aquilo que é cada vez mais notório: 

- Há um núcleo duro essencial que tem carregado a equipa às costas: Patrício - que hoje dividiu com João Pereira as culpas num golo evitável - Adrien, João Mário, Ruiz e Slimani. 
- Sem eles há um outro Sporting, menos forte, menos intenso, menos capaz. Façamos um exercício: olhando para o banco hoje à disposição do treinador, e retirando Adrien e Slimani, Jesus podia esperar o quê de Gélson, Matheus, Esgaio ou de Teo, Mané ou Aquilani, se não tivessem sido hoje titulares, para tentar virar o jogo?
- Depois, em quais das outras equipas do quarteto da frente do campeonato Gélson, Matheus, Mané (a viver um segundo ano de estagnação) ou Semedo (um caso claro de falta de controlo emocional que obsta à sua afirmação) poderiam ambicionar a titularidade?
- Numa perspectiva mais abrangente, ficou também bem evidente a distância que nos separa do campeonato alemão. É escusado lembrar que jogos com grande intensidade e elevado nível competitivo acontecem todos os fins-de-semana por lá, enquanto por cá a diferença entre as grandes equipas e as pequenas é quase sempre combatida pela negativa.


Indo para o jogo, começo precisamente pela falha mais evidente no jogo de hoje: a falta de intensidade na recuperação da bola, em grande parte resultante das dificuldades que quer Aquilani e William revelam neste aspecto. Sem esse factor determinante a equipa teve muito pouca bola no pé e quando a tinha não conseguia libertar-se da asfixia que o Bayer levava a todo o ponto do relvado onde se disputava a posse de bola. Sem bola ficamos à mercê do que o adversário seria capaz de fazer.

Mas não sejamos ingénuos, este mesmo resultado podia ter acontecido com os melhores em campo, o adversário de hoje é mesmo forte e muito bom nos vários momentos de jogo. Com ou sem Adrien e Slimani seria sempre capaz de nos criar dificuldades que ainda não havíamos sentido no campeonato, talvez nem mesmo nos jogos com os dois maiores rivais e isso já é dizer muito.

A discussão sobre a secundarização desta competição, bem como das demais, será sempre orientada em função do resultado final. Mas, por muitas voltas que se dê, parece-me inevitável concluir que não se constrói uma grande equipa de um dia para outro e a do Sporting ainda tem muita estrada para fazer para lá chegar.
Isto dito, e apesar de achar que o discurso de Jesus sobre a nossa/dele responsabilidade nesta competição ser particularmente desmobilizador, compreendo que um clube que não ganha o campeonato há mais de uma década faça da quebra desse jejum a sua principal aposta.

A ambição de lá chegar não deve contudo retirar-nos a clarividência e objectividade. Uma equipa que não ganha há tanto tempo não tem que vencer apenas os adversários, tem que vencer em si mesma o hábito de não ganhar. E, ainda mais importante, apesar de perdemos para os nossos adversários nos meios à disposição do treinador e na capacidade de influência institucional nos centros de decisão, não nos limitamos a "dar luta", estamos mesmo a ser os melhores e mais consistentes até ao momento.

A chamada de atenção feita por Jorge Jesus aos "assobiadores de serviço" ("Aqui não há patinhos feios, precisamos de todos. Não me compliquem as coisas") é pertinente. Até podia falar de Teo Gutierrez, (de cuja atitude não gosto e considero um erro que pode estourar nas mãos do treinador) e recordar o que aconteceu com Acosta no passado, em que muita gente teve que engolir os assobios.

Prefiro reforçar que este é um ano de todo excepcional, nunca nos anos anteriores estivemos tão perto e tão capazes de poder inverter o curso de uma história sem títulos. Apesar das diferenças de opinião e até mesmo na forma de olhar para o clube, ninguém duvide da ambição de ganhar de Jorge Jesus ou que ele está a ser o factor diferenciador que nos colocou na posição que os nossos rivais estranham e invejam. Façamos os balanços no fim, agora é hora de cerrar os dentes e acreditar que podemos ser felizes.

*o post foi revisto e aumentado já depois da publicação inicial

26 comentários:

  1. Gostaria que alguém me explicasse qual foi a utilidade de ter João Mário, Ruiz e João Pereira, em campo, durante 90 minutos. Para quê? Serviu de alguma coisa? Daqui a 4 dias vão jogar? Estarão em forma? Ou vão jogar a meio-gás?

    O que é que se viu em Teo e Aquilani para tenham sido contratados, para que se tenha pago por eles, para que se tenha pago uma valente comissão por eles, que tenham os ordenados mais altos do plantel e que, incrivelmente, joguem?

    Valeu a pena abdicar de André Martins (ainda vamos chorar tanto... - no Braga era ouro) e Wallyson para se ter Aquilani?
    E Teo? Serve para quê? Um insulto a Montero e a Tanaka.

    Sporting tem um 11 e mais 2 ou 3 jogadores em quem pode confiar (Esgaio, Naldo, Matheus e Gelson). Adrien e Slimani vão ter de se aguentar e jogar sempre. Estamos bem arranjados quando estes tiverem de ser substituídos pelo Aquilani e Teo.

    Maldita competição e malditos 10M empatados em Teo e Aquilani (3,5M de transferência + comissão + 1M limpos época - Teo; 1M de comissão + 1M limpos época a Aquilani, é como diz o outro "é fazer as contas").
    Isto sim, são jogadores caros. O dinheiro ganho, esta época, na Europa, não cobre o prejuízo nesses 2 amostras de jogadores de futebol (e profissionais do mesmo ofício).

    Venha de lá o que importa e mais 90 minutos a sofrer contra um Boavista que vai adorar o batatal do relvado de Alvalade.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Se quanto a teo estamos conversados, com aquilani não posso concordar contigo. Ontem foi um dia mau para todos. O próprio João Mário esteve distante do que já mostrou, mas não deixa de ser um grande jogador por isso.
      Simplesmente aquilani não é adrien. São diferentes, e a equipa sentiu isso .

      MLV

      Eliminar
    2. Cantinho,
      Desculpa ter revisto o artigo, algumas das observações que fazes já lá estão contempladas agora, nem sempre a concordar. Por exemplo acho que Tanaka estava longe de ser um jogador para o Sporting e Teo, que por mim não teria vindo e não teria regressado em Janeiro, é muito melhor.

      Ontem Martins poderia ter sido importante, quer a procurar a bola quer a dar qualidade de passe e posse (concordamos aqui) mas está lesionado e JJ às tantas não o punha a jogar sequer.

      Desconfio que Aquilani pode fazer melhor mas não na posição de duplo pivot como tem jogado. É um Bugatti Type 57S, é mais para passeio do que para andar em todo o terreno.

      Abraço

      Eliminar
    3. Leão,

      A menção a Tanaka é para colocar muito em baixo o nível que Teo tem apresentado. Isto é, para aquilo que o colombiano tem mostrado, mais valia um Tanaka que muito, mas muito inferior (aí concordamos). Só que Tanaka não brinca com a sua profissão. O Teo brinca.

      Não acho que Aquilani tenha trazido algo de bom ao Sporting. Gostei dos 15 minutos que jogou na 1ª mão com o CSKA e... acabou. A sua presença em campo é sinónimo de jogarmos sempre com menos 1, pois não a intensidade que usa é ZERO. Basta ver os jogos em que foi titular, em momentos importantes e adversários fortes e o resultado foi... a derrota (Bayer, Braga e CSKA). Ainda na Madeira, quando saiu Adrien, perdemos o controlo do meio-campo, coincidindo com a sua entrada. Se tiver de jogar um jogo de elevada dificuldade (e pode acontecer, pois Adrien está quase a ser castigado), pela amostra, estamos bem arranjados. Creio que Martins e Wallyson com as oportunidades que o italiano teve teria sido muito mais benéfico.

      Uma nota final. Para mim, esta competição só serve para condicionar o que é importante: a conquista da Liga. Para mim, até rodavam mais e é por aí que quero ir. Não gostei de ver Ruiz, Pereira e J. Mário tanto tempo em campo.
      E concordo com a mensagem de JJ sobre Teo. Mas, aí, a culpa não é só de Teo e dos "apitadores".

      Venha de lá o Boavista, que é o que conta.

      abraço

      Eliminar
    4. MLV,

      J. Mário esteve muito mal ontem. Mas já mostrou ser um grande jogador e tem sido fundamental no sucesso desta época.
      Aquilani não mostrou nada disso, logo não posso concordar com a comparação.

      Eliminar
    5. O João Mário esteve mal. O aquilani esteve mal. Estiveram todos mal! Ontem não serve para julgar ninguém , se não chegas a conclusão ( errada ) que tens um plantel incapaz e um treinador medíocre.
      Aquilani e bom jogador. Tem boa visão, excelente o critério de passe, posicionamento sempre rigoroso, chuta bem. Mas não tem a força de adrien. Não pressiona como adrien. Não recupera como adrien. Não luta como adrien. E o André Martins também não seria capaz de o fazer ! Ambos são jogadores para um meio campo a 3. E neste caso, o jj quer 2. Penso que vem daí a dificuldade de Aquilani.

      MLV

      Eliminar
  2. Difícil aceitar o discurso e a prática de JJ. Pela grandeza do Sporting pela importância da competição,pelo prestígio internacional tão importante para o clube, etc. Mas também pela falta de radicalidade na desvalorização da prova e pelas opções de mérito duvidoso. Poupanças:Adrian e Slimani. Poupanças parciais ja que a eles se recorreu nos últimos 30 minutos. E os outros,como perguntou o Cantinho? Qual o interesse de massacrar o Ruiz,o João Mário, porque nunca joga o André Martins, o Esgaio ? Os sócios e os adeptos dificilmente aceitam que esta gestão do esforço se justifique para um plantel que continua apenas em duas frentes. E que dispõe de mais recursos do que aqueles que o treinador habitualmente mobiliza. Um plantel que se deu ao luxo de trocar Montero - onde estaria o Sporting sem esse craque? -por um Barco incapaz de navegar nesta tão importante altura.

    ResponderEliminar
  3. A mim o que me faz confusão é assumir logo de entrada que um jogador que jogue numa quarta feira, deixará logo de poder render o máximo num jogo ao domingo.
    Sendo até, como aqui se diz, que o nosso campeonato nem é dos mais intensos que por ai anda. Será que um jogador de alta competição em Portugal, terá menos exigências do aspecto fisico, para não poder render com esta carga de jogos, sendo que alguns deles nem são de grande intensidade?

    ResponderEliminar
  4. Tirando isso, não consigo perceber as criticas generalizadas que existe na blogesfera sportinguista.
    Acham mesmo que com A.Martins ou Esgaio as coisas iam ser melhores?
    Teo e Aquilani, são jogadores que estão muito perto de serem considerados flops, mas será que Montero ou Wallyson iriam nesta altura mudar alguma coisa?
    Eu acho que para o primeiro ano de Jesus do SPorting, temos que estar orgulhosos na forma como estamos a liderar este campeonato durante muitas jornadas.
    Nem tudo está a ser bem feito, e há varios erros de casting, mas neste momento estamos primeiros, 3 pontos á frente do segundo, e faltam 11 jornadas apenas para isto acabar.
    Bora lá SPorting!!!

    ResponderEliminar
  5. E a pura realidade dos factos. Infelizmente Jorge Jesus desvaloriza a competição. Ele acha que não tem plantel para jogar 2 vezes por semana , o que a meu ver é errado, a partir daí, sair da liga Europa e uma questão de tempo.
    Detalhe que não foi salientado no texto, mas que vai criar polémica devido às declarações do Jesus: assobiadela geral ao teo. Eu não estive lá, mas garanto que até do meu sofá o assobio! Não por falhas técnicas ou por erros cometidos. Mas pela falta de brio. Pela falta de empenho. Por não se dar a luta. Por se esconder do contacto. Por isso é que teo foi assobiado ! Não adianta Jesus mandar recados. Jogadores destes serão sempre mal amados em Alvalade !

    MLV

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. O texto foi revisto e aumentado já depois da sua publicação inicial, mas a versão original já contemplava a observação à assobiadela ao Teo.

      Eliminar
    2. Acabei de ler o que jesus disse sobre o Rúben. Não é coerente. De um lado protege o teo. De outro assassina o miúdo Rúben. E normal ?

      MLV

      Eliminar
  6. O Sporting Clube de Portugal não é campeão nacional de futebol há treze anos. Treze. Hoje, estamos em primeiro lugar na liga a doze jogos do fim, com três pontos de avanço sobre os rivais. Três. Acho que, para adeptos inteligentes, isto deveria chegar como comentário ao jogo de ontem. Mas, claro, se o Sporting Clube de Portugal tivesse adeptos inteligentes, provavelmente não estaria há treze anos sem ganhar a liga. Digo eu, que sou adepto (e sócio, desde 1984) do Sporting Clube de Portugal. SL! JPT

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. JPT,
      Obrigado por te dignares mais uma vez em vires aqui aspergir-nos com a tua abençoada sobranceria. Perdão, inteligência.

      Eliminar
    2. Por acaso não me referia ao post, que não enferma da burrice que acima refiro, mas a vários dos comentários. E se chamar burro a um burro é sobranceria, sobranceiro me confesso. Antes isso que ouvi-lo zurrar e dizer que é um cavalo. Na Liga Europa, para lá do Leverkusen, ainda estão em prova Sevilha, Valência, Dortmund, Schalke, Tottenham, Man United, Liverpool, Nápoles e Lázio. Investir nesta prova em detrimento da nossa Liga (esta Liga, este ano, em concreto) é, não há outro termo, burrice (ou, claro, má-fé). Passei frio e paguei bilhete para ver mau futebol e uma derrota. É claro que não gostei. Mas percebo o que aconteceu. E qualquer Sportinguista inteligente perceberá. Se não percebe... (enfim, não me vou repetir). SL! JPT

      Eliminar
    3. E ou não é o presidente que quer cultura de exigência ? E ou não é o presidente que quer um Sporting para ganhar em qualquer campo ?
      Eu concordo com o presidente, e portanto exigo muito mais do que aquilo que se viu ontem ! A derrota é o menos. Mas onde ficou o empenho ? A raça ? Isso é que é criticado !

      MLV

      Eliminar
  7. Isto até me deixa mal disposto... o treinador do Sporting Clube de Portugal não faz a minima ideia da dimensão do Clube. Alguma vez o SCP só pode concentrar todas as suas forças numa competição? E o pior é que os jogadores e (pelos vistos) alguns adeptos já pensam com a mesma pequenez do nosso treinador! Mas qual é o mal de se jogar a uma quinta-feira e depois a uma 2ª feira? É exatamente a mesma coisa de jogar a uma terça-feira e depois ao sábado, e não oiço ninguém do outro lado da 2ª circular andar sempre com este discurso dos pequenininhos, que dois jogos por semana é uma calamidade, e que é preciso poupar os melhores jogadores... se não queremos ser tratados como pequenos é preciso que nos façamos respeitar!

    ResponderEliminar
  8. Nenhum clube que se preze aturava metade a um treinador. Quanto mais um tão grande como os maiores da Europa. Nem com 10 campeonatos no bolso. Metade da época a falar de um rival e a outra metade a desejar o outro. Vergonha é dizer muito pouco!

    ResponderEliminar
  9. Mais um titulo genial que com as imagens resume bem o que se passou ontem em Alvalade.

    ResponderEliminar
  10. A história do ano passado mostrou um filme onde nos embates com equipas alemães se fizeram, provavelmente, as melhores exibições da época e invariavelmente no final o resultado foi o mesmo, a derrota. E quando não foi por erro nosso, foi por erros de outrem... Perante esse histórico recente este embate com o Bayer tem grande possibilidade de estar perdido à partida... o que fazer... Ontem acho que tivemos uma aposta híbrida, fez-se gestão mas mantendo competitividade na equipa, se o jogo tivesse corrido bem valia a pena apostar forte na segunda mão, com a derrota ou fazemos igual (mudam dois ou três) ou há uma revolução em baixa e esperemos que o Bayer aproveite para descansar.

    Não vi na equipa capacidade competitiva para vencer a eliminatória, eu que sou um admirador de André Martins tenho a perfeita noção que ontem era trucidado pela intensidade física do jogo do Bayer, para mim não era aqui que ele seria útil mas sim contra os "Boavistas" do nosso campeonato onde a questão física é mais controlável e permitia, por exemplo, gerir Adrien.

    Julgo que Jesus vai arriscar perder Adrien para o clássico jogando contra o Boavista...

    ResponderEliminar
  11. LMGM

    Antes do clássico temos o Vitória fora.

    abraço

    ResponderEliminar
  12. O Sporting com os níveis de intensidade normais de jogo grande, não teria grandes dificuldades em ganhar a este Leverkusen. O que se notou foi um jogo em que a equipa foi tudo menos equipa à Jesus. Nota-se claramente o foco das prioridades...

    ResponderEliminar
  13. Acho fantástico como ninguém fala da última frase do JJ na conf de imprensa... Acham normal ele ameaçar com um "eu não deixo as coisas complicarem-se para o meu lado.."???

    ResponderEliminar
  14. Eu confesso que não percebo como esta aldrabice da exigência máxima com que o candidato Azevedo enchia a boca, se compagina com a tolerância máxima que actualmente se pratica entre as suas hostes.
    Queria ver um treinador do Benfas ou do Porco vir afirmar na imprensa que só joga para o campeonato e que se está nas tintas para as outras competições. Nem no Braga me parece que esse discurso passava.
    Espero que nada falhe no campeonato. Se formos campeões, até consigo relativizar esta patranha toda.
    Mas, a careca dos brunecos fica à vista. Tão exigentes antes e tão transigentes agora.

    ResponderEliminar
  15. Oh mighty god da Amadora. Por favor ilumina o Bruno e o Vasco.

    ResponderEliminar
  16. P.S. E se ainda tiveres tempo telefona ao Villas-Boas para ver como é que se ganha a Liga Europa e se deixa o mighty god a mais de 20 pts no campeonato. Sem túneis nem bascos.

    ResponderEliminar

Este blogue compromete-se a respeitar as opiniões dos seus leitores.

Para todos os efeitos a responsabilidade dos comentários são de quem os produz.

A existência da caixa de comentários visa dar a oportunidade aos leitores de expressarem as suas opiniões sobre o artigo que lhe está relacionado, bem como a promoção do debate de ideias e não a agressão e confrontação.

Daremos preferência aos comentários que entendermos privilegiarem a opinião própria do que a opinião que os leitores têm sobre a opinião de terceiros aqui emitida. Esta será tolerada desde que respeite o interlocutor.

Insultos, afirmações provocatórias ou ofensivas serão rejeitados liminarmente.

Não serão tolerados comentários com links promocionais ou que não estejam directamente ligados ao post em discussão.

Sporting Clube de Portugal

Sporting Clube de Portugal

Prémios

Sporting 160 - Podcast

Os mais lidos no último mês

Blog Roll

Leitores em linha


Seguidores

Número de visitas

Free HTML Counters

Ultimos comentários

Blog Archive

Temas

"a gaiola da luz" (1) 10A (1) 1ª volta Liga Zon/Sagres 10/11 (3) 2010-2011 (1) 2016 (1) 8 (4) AAS (7) ABC (3) Abrantes Mendes (3) Academia (14) Académica-SCP (1) adeptos (93) Adrien (18) AdT (1) adversários (81) AFLisboa (2) AG (19) Alan Ruiz (1) Alexander Ellis (1) alma leonina (59) ambição (10) andebol (33) André Geraldes (2) André Marques (2) André Martins (6) André Santos (5) anestesia (3) angulo (5) aniversário "A Norte" (3) Aniversário SCP (3) antevisão (41) APAF (11) aplausos ao ruben porquê? (2) Aquilani (1) aquisições (85) aquisições 2013/14 (16) aquisições 2014/15 (18) aquisições 2015/16 (17) aquisições 2016/17 (10) arbitragem (89) Associação de Basquetebol (6) ataque (1) Atitude (9) Atletico Madrid (1) Atlético Madrid (1) atletismo (6) auditoria (4) autismo (1) AVB és um palhaço (1) aventureiro (1) Bacelar Gouveia (2) Balakov (1) balanço (5) Baldé (4) balneário (3) banca (2) Barcos (3) Bas Dost (2) Bastidores (68) Batota (16) Beira-Mar (2) Belenenses (4) Benfica (1) BES (1) bilhetes (2) binários (1) Boal (1) Boateng (1) Boeck (2) Bojinov (7) Bolsa (2) Borússia Dortmund (1) Boulahrouz (2) Brasil (1) Braz da Silva (8) Brondby (4) Bruma (18) Bruno Carvalho (99) Bruno César (3) Bruno de Carvalho (7) Bruno Martins (20) Bryan Ruiz (3) Bubakar (1) BwinCup (1) cadeiras verdes (1) Cadete (1) Caicedo (5) calendário (2) Câmara Municipal de Lisboa (3) Campbell (2) Campeões (2) campeonato nacional (21) campeonatos europeus atletismo (2) Cândido de Oliveira (1) Caneira (2) Cape Town Cup (3) Capel (4) carlos barbosa (4) Carlos Barbosa da Cruz (2) Carlos Carvalhal (5) Carlos Freitas (7) Carlos Padrão (1) Carlos Severino (4) Carriço (6) Carrillo (10) Carrilo (3) carvalhal (30) Caso Cardinal (1) Casos (6) CD Liga (3) Cedric (7) Cervi (3) CFDIndependente (1) Champions League 2014/15 (9) Champions League 2015/16 (5) Chapecoense (1) CHEGA (1) Ciani (1) Ciclismo (3) CL 14/15 (2) Claques (9) clássicos (8) Coates (4) Coerência (1) colónia (1) comissões (2) competência (2) comunicação (64) Comunicação Social (20) Consciência (1) Conselho Leonino (2) contratações (6) COP (1) Coreia do Norte (1) Corradi (1) corrupção no futebol português (2) Cosme Damião (1) Costa do Marfim (3) Costinha (45) Couceiro (13) crápulas (1) credores (1) crise 2012/13 (21) Crise 2014/15 (2) Cristiano Ronaldo (1) cronica (3) crónica (15) cultura (4) curva Sporting (1) Damas (3) Daniel Sampaio (3) debate (5) defesa dos interesses do SCP (7) Del Horno (1) delegações (1) depressão (1) Derby (42) Derby 2016/17 (1) derlei (1) Desespero (1) Despedida (2) despertar (3) dia do leão (1) Dias da Cunha (1) Dias Ferreira (6) Diogo Salomão (4) director desportivo (18) director geral (5) direitos televisivos (4) Dirigentes (28) disciplina (6) dispensas (22) dispensas 2015/16 (1) dispensas 2016/17 (2) djaló (10) Domingos (29) Doyen (4) Duarte Gomes (2) Ecletismo (60) Eduardo Barroso (6) Eduardo Sá Ferreira (2) eleições (19) eleições2011 (56) eleições2013 (26) eleições2017 (9) Elias (5) eliminação (1) empresários (11) empréstimo obrigacionista (3) entrevistas (62) Épico (1) época 09/10 (51) época 10/11 (28) época 11/12 (8) época 12/13 (11) época 13/14 (4) época 14/15 (8) época 15/16 (5) época 16/17 (7) EquipaB (17) equipamentos (11) Eric Dier (8) Esperança (4) estabilidade (1) Estádio José de Alvalade (4) Estado da Nação (1) estatutos (6) Estórias do futebol português (4) estratégia desportiva (102) Estrutura (1) Euro2012 (6) Euro2016 (1) Europeu2012 (1) eusébio (2) Evaldo (3) Ewerton (4) exigência (2) expectativas (1) expulsão de GL (1) factos (1) Fafe (1) Fair-play (1) farto de Paulo Bento (5) fcp (12) FCPorto (9) FIFA (2) Figuras (1) filiais (1) final (1) final four (1) finalização (1) Finanças (24) fiorentina (1) Football Leaks (2) Formação (88) FPF (13) Francis Obikwelu (1) Frio (1) fundação aragão pinto (3) Fundação Sporting (1) fundos (14) futebol (9) futebol formação (1) futebol internacional (1) Futre (1) Futre és um palhaço (4) futsal (22) futsal 10/11 (1) futuro (8) gabriel almeida (1) Gala Honoris Sporting (2) galeria de imortais (27) Gamebox (2) Gauld (5) Gelson (1) Gent (1) geração academia (1) Gestão despotiva (2) gestores de topo (10) Gilberto Borges (2) GL (2) glória (5) glorias (4) Godinho Lopes (27) Gomes Pereira (1) Governo Sombra (1) Gralha (1) Gratidão (1) Grimi (4) Grupo (1) Guerra Civil (2) guimarães (1) Guy Roux (1) Hacking (1) Heerenveen (3) Hildebrand (1) História (18) Holdimo (1) homenagem (5) Hóquei em Patins (7) Hugo Malcato (113) Hugo Viana (1) Humor (1) i (1) Identidade (11) Idolos (3) II aniversário (1) Ilori (4) imagem (1) imprensa (12) Inácio (5) incompetência (7) Insua (2) internacionais (2) inverno (2) investidores (3) Iordanov (6) Irene Palma (1) Iuri Medeiros (1) Izmailov (26) Jaime Marta Soares (3) Jamor (3) Janeiro (1) Jardel (2) jaula (3) JEB (44) JEB demite-se (5) JEB és uma vergonha (5) JEB rua (1) JEBardadas (3) JEBardice (2) Jefferson (3) Jeffren (5) Jesualdo Ferreira (14) JJ (1) JL (3) Joana Ramos (1) João Benedito (1) João Mário (6) João Morais (5) João Pereira (6) João Pina (3) João Rocha (3) Joaquim Agostinho (2) joelneto (2) Jogo de Apresentação (1) Jorge Jesus (41) Jorge Mendes (3) José Alvalade (1) José Cardinal (2) José Couceiro (1) José Eduardo Bettencourt (33) José Travassos (1) JPDB (1) Jubas (1) judo (6) Juniores (7) JVL (105) Kwidzyn (1) Labyad (7) Lazio (1) LC (1) Leão de Alvalade (496) Leão Transmontano (62) Leonardo Jardim (11) Liderança (1) Liedson (28) Liga 14/15 (35) Liga de Clubes (11) liga dos campeões (12) Liga dos Campeões 2016/17 (11) Liga Europa (33) Liga Europa 11/12 (33) Liga Europa 12/13 (9) Liga Europa 13/14 (1) Liga Europa 14/15 (1) Liga Europa 15/16 (11) Liga Europa10/11 (16) Liga NOS 15/16 (30) Liga NOS 16/17 (22) Liga Sagres (30) Liga Zon/Sagres 10/11 (37) Liga Zon/Sagres 11/12 (38) Liga Zon/Sagres 12/13 (28) Liga Zon/Sagres 13/14 (24) Lille (1) LMGM (68) losango (1) Lourenço (1) low cost (1) Luis Aguiar (2) Luis Duque (9) Luís Martins (1) Madeira SAD (4) Malcolm Allison (1) Mandela (2) Mané (3) Maniche (4) Manifesto (3) Manolo Vidal (2) Manuel Fernandes (7) Marca (1) Marcelo Boeck (1) Marco Silva (27) Maritimo (2) Marítimo (3) Markovic (1) Matheus Pereira (2) Mati (1) matías fernandez (8) Matias Perez (1) Mauricio (3) Meli (1) Memória (10) mentiras (1) mercado (40) Meszaros (1) Miguel Lopes (1) miséria de dirigentes (2) mística (3) Modalidades (25) modelo (3) Moniz Pereira (7) Montero (7) Moutinho (3) Mundial2010 (9) Mundial2014 (3) Mundo Sporting (1) Nacional (1) Naide Gomes (2) Naldo (3) naming (2) Nani (3) Natal (4) Naval (3) Navegadores (3) negócios lesa-SCP (2) NextGen Series (3) Noite Europeia (1) nonsense (23) Nordsjaelland (1) NOS (1) Notas de Imprensa (1) notáveis (1) nucleos (1) Núcleos (9) Nuno André Coelho (2) Nuno Dias (3) Nuno Saraiva (2) Nuno Valente (1) o (1) O Roquetismo (8) Oceano (1) Octávio (1) Olhanense (1) Olivedesportos (1) Onyewu (7) onze ideal (1) opinião (6) oportunistas (1) orçamento (3) orçamento clube 15/16 (1) organização (1) orgulho leonino (17) Oriol Rosell (3) paineleiros (15) Paiva dos Santos (2) paixão (3) papagaios (8) pára-quedista (1) parceria (2) pascoa 2010 (1) pasquins (7) património (2) patrocínios (5) Paulinho (1) paulo bento (19) Paulo Faria (1) Paulo Oliveira (3) Paulo Sérgio (43) paulocristovão (1) Pavilhão (10) pedrada (1) Pedro Baltazar (8) Pedro Barbosa (5) Pedro Madeira Rodrigues (3) Pedro Mendes (4) Pedro Silva (2) Pereirinha (6) Peyroteo (2) Pini Zahavi (2) Pinto Souto (1) plantel (31) play-off (1) PMAG (3) Podence (1) Polga (5) Pongolle (5) Pontos de vista (15) por amor à camisola (2) post conjunto (5) Postiga (7) PPC (7) Pranjic (2) pré-época (2) pré-época 10/11 (7) pré-época 11/12 (43) pré-época 12/13 (16) pré-época 13/14 (16) pré-época 14/15 (22) pré-época 15/16 (20) pré-época 16/17 (12) prémio (1) prémios stromp (1) presidente (4) Projecto BdC (1) projecto Roquette (2) promessas (3) prospecção (2) Providência Cautelar. Impugnação (1) PS (1) Quo vadis Sporting? (1) Rabiu Ibrahim (2) râguebi (1) raiva (1) RD Slovan (1) reacção (1) redes sociais (1) Reestruturação financeira (17) reflexãoleonina (21) reforços (15) regras (4) regulamentos (1) Relatório e Contas (11) relva (10) relvado sintético (4) remunerações (1) Renato Neto (3) Renato Sanches (1) respeito (7) resultados (1) revisão estatutária (5) Ribas (2) Ribeiro Telles (4) Ricardo Peres (1) Ricciardi (2) ridiculo (1) ridículo (2) Rinaudo (8) Rio Ave (2) Rita Figueira (1) rivais (6) Rodriguez (2) Rojo (4) Ronaldo (12) rtp (1) Rúbio (4) Rui Patricio (18) Rui Patrício (4) Sá Pinto (31) SAD (25) Salema (1) Sarr (4) Schelotto (2) Schmeichel (2) scouting (1) SCP (64) Segurança (1) Selecção Nacional (38) seleccionador nacional (5) SerSporting (1) Shikabala (2) Silly Season2017/18 (1) Símbolos Leoninos (3) Sinama Pongolle (1) Sistema (4) site do SCP (3) SJPF (1) Slavchev (1) slb (21) Slimani (11) Soares Franco (1) sócios (16) Sócrates (1) Solar do Norte (14) Sondagens (1) sorteio (3) Sousa Cintra (1) Sp. Braga (2) Sp. Horta (1) Spalvis (2) Sporting Clube de Paris (1) Sportinguismo (2) sportinguistas notáveis (2) SportTv (1) Stijn Schaars (4) Stojkovic (3) Sunil Chhetri (1) Supertaça (3) sustentabilidade financeira (40) Taça CERS (1) Taça Challenge (5) taça da liga (11) Taça da Liga 10/11 (7) Taça da Liga 11/12 (3) Taça da Liga 13/14 (3) Taça da Liga 14/15 (2) Taça da Liga 15/16 (4) Taça da Liga 16/17 (1) Taça das Taças (1) Taça de Honra (1) Taça de Liga 13/14 (3) Taça de Portugal (12) Taça de Portugal 10/11 (3) Taça de Portugal 10/11 Futsal (1) Taça de Portugal 11/12 (12) Taça de Portugal 13/14 (3) Taça de Portugal 14/15 (8) Taça de Portugal 15/16 (4) Taça de Portugal 16/17 (4) táctica (1) Tales (2) Tanaka (1) Ténis de Mesa (2) Teo Gutierrez (5) Tertúlia Leonina (3) Tiago (3) Tonel (2) Torneio Guadiana 13/14 (1) Torneio New York Challenge (4) Torsiglieri (4) Tottenham (1) trabalho (1) transferências (5) transmissões (1) treinador (89) treino (4) treinos em Alvalade (1) troféu 5 violinos (5) TV Sporting (5) Twente (2) Tziu (1) uefa futsal cup (4) Uvini (1) Valdés. (3) Valores (14) Veloso (5) vendas (8) vendas 2013/14 (2) vendas 2014/15 (1) vendas 2016/17 (5) Ventspils (2) Vercauteren (5) Vergonha (7) video-arbitro (3) Villas Boas (8) Viola (1) Virgílio (97) Virgílio1 (1) Vitor Golas (1) Vitor Pereira (6) Vitória (1) VMOC (7) Vox Pop (2) VSC (3) Vukcevic (10) WAG´s (1) William Carvalho (13) Wilson Eduardo (2) Wolfswinkel (12) Wrestling (1) Xandão (4) Xistra (3) Zapater (2) Zeegelaar (2) Zezinho (1)