terça-feira, 15 de janeiro de 2013

Quem representam Daniel Sampaio e Eduardo Barroso?

Daniel Sampaio, vice-presidente da Mesa da Assembleia Geral, saltou agora para o centro das noticias sobre o Sporting, embora antes já fosse evidente um protagonismo a que não estávamos habituados de alguém que tivesse exercido funções iguais. 

O protagonismo não é um problema, desde que ele corresponda ao exercício das funções conforme estas estão previstas nos estatutos. Mas que tem a seu cargo representação de todo o universo leonino e não apenas parte dele está obrigado à equidistância e a isso ajudaria muito ser discreto nos actos e nas palavras. 

Ora andar a pedir a demissão do CD, ainda por cima invocando motivos circunstanciais (“está em risco de descer de divisão") insere-se em que artigo das suas competências? Ou Daniel Sampaio também faz declarações à EB, uma frase como adepto, outra como cronista da Bola, outra como paineleiro, outra como PMAG e quem o lê e ouve que descodifique?

Daniel Sampaio, agora também defendido por Eduardo Barroso, diz que está a ser alvo de um ataque e nega as acusações de que foi alvo. E que acusações são essas?

Primeiro foi a acusação da Juve Leo, que denunciava o aliciamento feito pelo referido vice-presidente da MAG, a troco de bom comportamento na AG que se avizinha. O facto da claque dar conta do seu inequívoco apoio à direcção e por se tratar de uma claque retira credibilidade à afirmação. Mas a conversa, que não foi negada, mas sim o referido aliciamento,  não foi apenas testemunhada pelo Nuno Vieira e pelo próprio Daniel Sampaio, e pode não ser apenas a palavra de um contra o outro...

Ontem foi a acusação do Conselho Directivo, dando conta que "Daniel Sampaio convidou várias pessoas para integrarem uma comissão administrativa para entrar em funções a seguir à Assembleia-Geral que visa demitir o Conselho Directivo, à revelia do presidente da Mesa, Eduardo Barroso". E ao que parece Daniel Sampaio foi ainda mais longe ao convidar elementos do CD a apresentarem a sua demissão, procurando que aquele caisse por falta de quórum. 

Daniel Sampaio tem já desmentiu. Mas tem dois problemas:

Primeiro tem um amigo desbocado. Em declarações ao DN, EB na mesma frase deixa um desmentido "Essa notícia é inacreditável." e a afirmação implícita de que algo está já em curso "É preciso sabermos quem poderá estar disponível para essa comissão de gestão, que até pode governar o Sporting por seis meses antes de se provocar eleições, temos de ver os cenários todos". 

Como nota adicional e, se preciso fosse, para aferir a razoabilidade EB, atente-se na preciosidade desta afirmação, ainda nas mesmas declarações:  "Quero tranquilizar os adeptos do Sporting, porque os problemas estão a atingir um ponto em que começo a ter medo, isto está a atingir as raias do inqualificável."

Mas o principal problema de Daniel Sampaio, e do seu desbocado amigo, é que estão a agir para lá do que lhes é pedido para o exercício dos cargos que ocupam. No cumprimento do que está nos estatutos a principal preocupação de ambos devia estar na reunião de condições para dar cumprimento ao requerimento que lhes foi apresentado para a realização de uma AG, o que já não pouco para fazer. 

Neste sentido porque razão a MAG tem de ouvir "sportinguistas anónimos e notáveis, entre eles as claques" voltando a arremessar de forma parcialmente indecorosa que "poucos ou quase nenhuns eram favoráveis à permanência da actual direcção."?

Esta é a forma que encontram para estar à altura de representar todos os associados leoninos, até os que não partilham das suas ideias e dos seus métodos?

Mas a pergunta mais importante, muito mais importante que estas tricas, é saber se no caso de concretização da queda da actual direcção quem é que dormirá tranquilo sabendo que o Sporting pode ficar entregue seis meses a estes senhores ou a uma comissão administrativa?

 Há quem pense que o Sporting não pode ficar pior do que está. Pois talvez fosse clarificador, apesar de doloroso, constatar que não é bem assim.

72 comentários:

  1. tambem nao percebo porque é que se tem de perguntar a tanta gente se querem ou nao eleiçoes. será para poderem dizer como motivo: epah existia muita gente a querer eleiçoes.

    ResponderEliminar
  2. É inscrível como ainda se dá algum crédito à "fonte oficial" do Conselho Directivo. A comunicação social, ainda se entende, dada a motivação que têm em constantemente denegrir o Sporting, agora sportinguistas minimamente informados sobre o actual panorama do clube, acho imcompreensível. Esta fonte é a mesma que bufou à Lusa os encontros de Domingos com o Dragão que nunca existiram, entreoutros.
    Toda a gente sabe quem é a pessoa, dita fonte, que apesar de pertencer a uma sociedade secreta, o seu desejo pelo poder prepétuo é tudo menos secreto.
    Ao valorizar e admitir como verdadeiras umas declarações de um elemento de um grupo que tem sido constantemente "comprado" por todas as direcções ao longo deste anos (esta íncluida: PPC), talvez se esteja a colocar o pé em ramo muito verde.
    Por outro lado, que irresponsável seria a Mesa da Assemleia-Geral, que ao aperceber-se da inevitabilidade dese Conselho Directivo cair, não procurar garantir atenpadamente, que o clube não caia num período de vazio directivo. Se estão a fazê-lo, então eu acho muito bem!
    SL

    ResponderEliminar
  3. Sinceramente, tivemos ontem mais uma AG em directo e em exclusivo na TVI24. Desta vez o adepto-Barroso até disse que ia falar como PMAG-Barroso. Fico muito mais descansado...

    Admito que pouco me interessa o caso que envolve Daniel Sampaio. Não sei quem fala verdade pelo que opto por ignorar.

    Grave é considerar a possibilidade de uma comissão de gestão andar ali durante 6 meses. Nesse sentido, e sem discutir os méritos de uma AG, interessa que dois cenário não ocorram:

    1. Comissão administrativa

    Admito que possa ocorrer durante um mês mas mais que isso parece-me suicídio. Mesmo durante um mes seria de evitar sendo preferível manter a direcção no decorrer desse mÊs.

    A possibilidade de 6 meses de comissão de gestão é de assustar qualquer um.

    2. Assembleia Geral para provocar Assembleia Geral.

    O DF acha que seria correcto haver uma primeira AG para deliberar a justa causa e uma segunda deliberativa.

    Eu acho que são AGs a mais. Dou de barato que a justa causa vai ser ignorada e para isso mais vale que seja logo deliberativa.

    ___________

    O Sporting prepara-se para abrir um perigoso precedente com patrocínio da PMAG. Não discuto aqui se deve ou não haver essa AG, apenas assinalo que é um precedente perigoso. Nesse sentido urge que o presidente pós-AG, quer seja GL ou outro, faça uma proposta de alteração de estatutos que clarifique o conceito de justa causa e torne mais difícil a convocação de AG por parte dos associados.

    É a única forma de garantir a solidez de uma direcção.

    Curioso, vencendo os próximos trÊs jogos é possível, mais, é provável que o SCP fique a cerca de 8 pontos do Braga (joga contra o SLB) e a 7 do Paços (joga com o FCP). Isto aceitando que o paços vence em moreira de cónegos. Num cenário idílico até podemos ficar mais perto ainda.

    Ou seja, o SCP pode estar no início da segunda volta em 5º mais perto do 4º e do 3º com que ainda joga! Isso é bom? Não é bom porque estamos a traz mas não deitaria por terra a justa causa desportiva?

    ResponderEliminar
  4. A marcação da AG Extraordinária está a ser processada.

    Os representantes da Mesa da AG estão a auscultar todas as organizações dentro do Sporting (não só as claques mas também os Leões de Portugal, Grupo Stromp, AAS, conselheiros avulso, inclusivamente membros do Conselho Directivo), para preparar a AGE e o seu resultado, seja ele qual for.

    Seria preferível que a MAG ignorasse o intuito de parte significativa da massa associativa em destituir o Conselho Directivo?

    (e não vamos entrar em considerações acerca da significância da "parte" porque, se mais que cumpre os preceitos previstos nos estatutos para tal, é porque é significativa)

    A não ser que Godinho Lopes se demita, a AG irá acontecer. Os sócios decidirão se querem ou não que o presente CD se mantenha em funções.

    A MAG prepara o processo.

    O que me parece mais discutível nisto tudo são as notícias incendiárias de "golpes de estado" e tentativas de condicionamento de claques, ora colocados directamente por "fontes próximas da direcção" ora indirectamente por cabecilhas que muito se dão com elas, as fontes.

    Tenhamos calma e tranquilidade, porque a AG chegará e ninguém quer sangue nas mãos.

    ResponderEliminar
  5. Transformaram o SCP numa autentica peixaria...
    Culpa? De TODOS. Uns mais do que outros mas não há inocentes...

    "e não vamos entrar em considerações acerca da significância da "parte" porque, se mais que cumpre os preceitos previstos nos estatutos para tal, é porque é significativa"

    Caro reflexivo: Estou-me pouco borrifando se a AG avança ou não avança e se avançar não vou fazer 500Km para assistir à miséria que se adivinha (entre mortos e feridos alguém há-de escapar...) Portanto cmg não contem nem para derrubar, nem para manter CD nenhum. Não façam é das pessoas parvas... Não está em causa a legitimidade da convocação da AGE caso cumpra com o estipulado nos Estatutos, a ter em conta a ultima 'contabilidade' recolheram-se cerca de 3500 assinaturas num universo de (quase) 100.000 sócios. Querer fazer passar a peregrina ideia de que 3,5% de um universo (seja ele qual for...) é significativo é apenas... parvo.

    Qt ao irmão do ex-presidente. Gde sonso me saiu. Quem lê a entrevista que deu ao rascord à pcs semanas e presencia estas jogadas de bastidores nem acredita q estamos perante a mesmíssima pessoa. Haja decoro!

    SL

    ResponderEliminar
  6. O senhor Eduardo Barroso eu dou de barato. Ninguém o considera imputável, em matéria de sportinguismo.

    Mas colocar no mesmo patamar, em matéria de credibilidade, o Daniel Sampaio e um sujeito de uma claque de futebol?

    Pode não ser a palavra de um contra o outro? Mas está tudo doido?

    Em relação às movimentações da Mesa da AG, pergunto o seguinte:

    - Se o papel da Mesa não é 'vigiar' a direcção, por que motivo os sócios votam de forma independente e autónoma para a Mesa da AG e demais órgãos?

    - Um exemplo: imaginemos que o PR decide demitir o Governo: acham que antes iria ouvir o Conselho de Estado e os partidos políticos ou não?

    E quanto a golpes de gente ligada ao Sporting, talvez não seja pior estar atento às notícias...

    ResponderEliminar
  7. Caro Virgílio,

    "foram entregues as 800 assinaturas correspondentes a 3.500 votos".

    http://darrumoaosporting.wordpress.com/2013/01/07/requerimento-entregue-a-m-a-g/

    Se o limite é de 1000 votos, não sou eu que digo que é parte significativa - são os Estatutos.

    ResponderEliminar
  8. Quantos sócios pagantes tem o Sporting ao dia de hoje?

    O Record é aquele pasquim propriedade do Sr. Carlos Barbosa da Cruz?

    ResponderEliminar
  9. "imaginemos que o PR decide demitir o Governo"...

    De cair da cadeira este Kovacecic.

    É o branqueamento. 1º, o PR não demite o Governo, dissolve a Assembleia da República. Depois, os termos em que o pode fazer estão vinculados. Ouve os partidos polítícos e o Conselho de Estado? Claro que sim, porque é condição para poder dissolver a AR. Os Estatutos do Sporting prevêem essa "auscultação de sensibilidades"? Parece-me que não...

    Mas não fica por aqui. Uma pessoa (impreparada) como o Daniel Sampaio confunde facilmente "a convocação de uma AG" com a "dissolução do Executivo". Acham que isso tem mais ou menos o mesmo efeito porque "há que ouvir os sócios". Não percebe (coitado) que as duas coisas não são exactamente iguais. Mas há mais.

    Há uma diferença grande entre os poderes do PR quando dissolve a AR e os poderes deste (sublinho o "deste") Vice-Presidente(?) da MAG: o PR, quando dissolve a AR, não nomeia novo Governo durante o período transitório. Se se nomeasse a si próprio para "chefe do Governo" após dissolver a AR - assim como uma espécie de poderes de emergência - seria exactamente o quê? Pois...

    Gosto muito desta malta que está tão desejosa de ver sangue que se demite da responsabilidade de saber quem é que vai pagar as contas no mês seguinte e se a "impoluta" capacidade do Dr. Daniel Sampaio lhe permite arranjar uns vários milhões de €uros para pagar salários. Querem "competência" mas estão dispostos a passar um cheque em branco em troco de uma mão cheia de nada.

    Primeiro faz-se a revolução, depois pensa-se nas soluções! É de cair da cadeira...

    ResponderEliminar
  10. Enganei-me... Afinal são 0,8% dos sócios... Palavras para quê? Os números falam por si só...

    ResponderEliminar
  11. PLF

    Parece que quem caiu da cadeira foste tu...até andas de muletas....entretem-te lá com a tua tentativa de congresso\salvação deste conselho directivo...

    Já agora podes me dizer quanto irá fazer a mais o Sporting com o Elias?

    PS- Já meti uma cunha para caso este conselho directivo cair continues a escrever no jornal Sporting....

    ResponderEliminar
  12. LdA,

    Acho que são evidentes as sucessivas encomendas efetuadas para continuar a tentar descredibilizar determinadas iniciativas.

    Estamos perante um cenário claro de pessoas agarradas ao poder e para as quais tudo serve para mandar recados e lançar cenários de "Nós ou o caos".

    Não quero com isto defender eventuais movimentações e jogos de poder que apesar de duvidar, admito que possam estar a ser feitos por parte de elementos da MAG... Mas ao mesmo tempo, não assobio para o lado fingindo que são normais as pseudo-notícias e ataques pessoais que têm saído na imprensa debaixo de fontes anónimas...

    Estaturiamente, os elementos da MAG considerando que o pedido é válido, poderiam simplesmente agendar a AG... É crime oscultar mais opiniões?

    Se assim for, parece-me deveras ridículo que o Presidente receba os cavaleiros defensores do congresso. A realização desse mesmo congresso está contemplada estatutariamente de 4 em 4 anos, o presidente (?) não necessita de receber os sportinguistas preocupados (?) com a realização do mesmo...

    ResponderEliminar
  13. Mike,

    Diga-me lá quanto é que o Sporting vai fazer com o Elias? Sabe dizer? Não, pois não? Pois...

    Quanto ao jornal, não se apoquente... mas olhe que nunca precisei de cunhas para o que quer que fosse.

    ResponderEliminar
  14. PLF

    Não parece meu caro....não parece....

    SL

    ResponderEliminar
  15. Hugo!

    De regresso! Que boa oportunidade. Sempre presente nas horas do combate. Quando é que foi a última vez que falámos?

    Como "cavaleiro", deixe-me dizer-lhe que o Presidente também não tinha qualquer competência e/ou dever para receber os "cavaleiros defensores de uma AG". O ridículo estender-se-á a esse evento também...

    E tenha cuidado com as imputações. Os "ataques pessoais" que saíram nas notícias vêm de todos os lados e quase só numa direcção. Mas veja lá que ainda apanha uma surpresa com tanto desmentido.

    Quanto ao Congresso, sugerimos a realização de um congresso ainda algum tempo antes do requerimento para a realização da AG ter dado entrada (ao que consta). Achámos - na nossa inocência - que se objectivo era "ouvir os sócios", então que se proporcionasse um espaço onde se poderia efectivamente discutir o que importa. Talvez a nossa inocência tenha sido tomar por sérias as palavras do PMAG (ou do seu vice?).

    Grande abraço!

    ResponderEliminar
  16. Miguel, com o nível rasteirinho de sempre!

    Um grande obrigado por mais uma demonstração.

    ResponderEliminar
  17. Hugo,

    No que ao Sporting diz respeito julgo que não há quase ninguém que possa cuspir para o ar quanto aos rumores e noticias encomendadas ou ataques pessoais mais ou menos claros.

    Estas tricas interessam-me pouco mas não posso concordar como todo este dossier tem sido gerido pela MAG, seja na TV seja nos jornais e de forma claramente comprometida com um dos lados da questão. Não me parece que isso não deixe de merecer censura, mesmo que esteja alinhado com o sentimento da maioria.

    Quanto ao congresso não me parece que ele seja problema, desde que cumpram os estatutos vai haver lugar para a sua realização bem como para a AG.

    E num ponto julgo que concordaremos, não é na AG, e com as suas limitações, que se vai ouvir os Sportinguistas. Duvido mesmo se há condições para uma AG e se o bom senso imperasse em todas partes certamente seria outra a solução, disso não tenho dúvidas.

    Abraço!

    ResponderEliminar
  18. PLF,

    Parece-me que não leste bem aquilo que eu escrevi... Da mesma forma que o Daniel Sampaio não precisava de ouvir ou falar com quem quer que seja, o presidente não necessitava de receber os defensores do Congresso Leonino.

    E se ao Eduardo Barroso, Dias Ferreira e muitos outros opinadores de praça, muito se pode apontar por tornarem o Sporting alvo de chacota, não me parece que o mesmo possa ser feito em relação ao Daniel Sampaio, que tem um comportamento completamente oposto em minha opinião - mesmo não concordando eu com posições, actos, opiniões e por aí fora...

    Agora, se andamos há uma série de tempo a queixar-nos do Sporting ser gerido de fora para dentro, se calhar vai sendo tempo do próprio Sporting deixar-se de plantar determinadas coisas, por mais fundamento que possa existir.

    Não sendo eu acérrimo defensor de eleições antecipadas, nem identificando o Congresso Leonino como "solução" (ndr: Que medidas aprovadas em Santarém'2009 foram tidas em conta?), as evidências são:
    - 4 treinadores
    - 100 Milhões de aumento de passivo
    - Sucessivas "reestruturações"
    - Contratações sem pés nem cabeça
    - Zangas entre as comadres
    - Sporting sucessivamente alvo de falatório e em clima de guerrilha

    Pegando no que o Virgílio disse: Todos são parte do problema, nem todos são parte da solução

    ResponderEliminar
  19. JMM,
    "Ou seja, o SCP pode estar no início da segunda volta em 5º mais perto do 4º e do 3º com que ainda joga! Isso é bom? Não é bom porque estamos a traz mas não deitaria por terra a justa causa desportiva?"

    Tás a brincar connosco ou mesmo a gozar? Que exigência tens tu do Sporting? E o estarmos fora da Taça, Europa e Taça da Liga! O Sporting tem de estar sempre lá em cima, SEMPRE. tudo que não for isso é mau.

    Virgílio,
    Sabes quantos sócios pagantes tem o Sporting? Fazer a percentagem contando 100.000 sócios é enganar, a ti e a nós. Aqui só contam pessoas com quotas em dia, se forem 30.000 é bom, infelizmente.

    E quanto a isso, os Estatutos é que mandam, se dizem que 3500 votos são suficientes tem de se marcar AG, ou só interessa os Estatutos (APROVADOS PELOS SÓCIOS) às vezes?

    PLF,
    Não é preciso sabermos da mais valia do Elias ou de qualquer outro, esta direcção tem sido demasiado incompetente para ter defesa. Respeito-o por isso, mas deve respeitar quem quer o Sporting na luta pelos titulos, quem quer o Sporting sozinho e sem lamber o cu ao Porto, quem quer competência no Sporting, quem quer estabilidade no Sporting... e isto e muito mais não conseguimos com estes incompetentes.

    ResponderEliminar
  20. Hugo,

    Talvez tenha sido distraído pelo "cavaleiro do congresso" e tenha interpretado mal.

    Mas não gosto da noção de que as "pessoas agarradas ao poder" não possam responder àquelas que "querem agarrar-se ao poder". Lamento mas há limites para o saco de pancada que um Conselho Directivo - este, ou o próximo - admite ser.

    Se estivesse no Conselho Directivo não gostaria de ver os membros da MAG pedir publicamente a minha demissão. Acho que isso revela uma falta de solidaridade brutal, numa decisão que é intrinsecamente pessoal. E não gostaria de ver os membros da MAG a contar espingardas e a tentar vender a ideia da destituição do Conselho Directivo, porque essa é uma quebra de solidariedade institucional que ainda é mais gritante. Para mais com estas soluções niilistas, do "logo se vê" (ou talvez não).

    Por isso contesto com veemência a tua afirmação do "por mais fundamento que possa existir". Não pode haver 2 pesos e 2 medidas consoante o que ouvimos serve o nosso propósito ou não. Não podemos censurar as "fugas de informação" do Conselho Directivo sem censurar as "fugas de informação" da MAG. Como retrata muito bem o Leão de Alvalade, principalmente a MAG, que é suposta assumir um papel "supra-partidário", se assim se pode dizer.

    Sobre as evidências, são outros quinhentos. Para mim a maior evidência não é a zanga entre comadres dentro do Conselho Directivo, mas a absoluta ausência de respeito entre sportinguistas, que gera um ambiente em que fazer acusações como as do Miguel Damas (ou do Kovacecic de há dias) é a coisa mais banal. E isso, caro Hugo, não se irá resolver com um processo eleitoral. Aliás, isso irá agravar-se com a realização da Assembleia Geral (que tenho poucas dúvidas que irá realizar-se). Quando existe uma desconfiança endémica de tudo e de todos, não há condições para governar com estabilidade. Aí só haverá uma solução: ganhar. E nisso bem sabemos que o Sporting tem menos probabilidades que os seus adversários.

    E foi por isso que propusemos que se avançasse rapidamente para a realização do Congresso. Para que as pessoas pudessem discutir olhos nos olhos, como nós já fizemos, em vez de se refugiarem nas suas comunidades nas redes sociais. Para que não continuemos a andar a reboque dos projectos de poder. Hoje são estes, amanhã serão outros e o clube continuará na mesma.

    ResponderEliminar
  21. São os mesmos estatutos que permitiram a vitória de GL, apesar de ter tido menos votantes.

    ResponderEliminar
  22. Defendo que a nossa fidelidade e solidariedade deve ser com o Sporting Clube de Portugal e não com qualquer direcção ou dirigente.

    Admito que esta Direcção já foi alvo de ataques muito baixos da parte de vários oportunistas. Mas o mesmo não inviabiliza uma avaliação negativa da sua actuação, como por exemplo nos dados enumerados num dos meus comentários anteriores.

    Há portanto aqui duas perspectivas às quais caberá a cada um decidir qual pretende defender:
    1) Estes não prestam
    2) Estes não prestam mas também não me parece que haja melhor.

    A 2) parece-me um género de Síndrome de Estocolmo...

    ResponderEliminar
  23. Miguel,

    Reitero este ponto que já fiz em tempos: quer apelidar-me de barata, tudo bem. Não me importo, quero lá saber. Mas o "SL" no final, depois de um insulto, é um insulto ao próprio Sporting.

    Pedro,

    No outro dia veio aqui um senhor perguntar-me a minha opinião sobre o mandato do actual Conselho Directivo depois de ter feito um comentário sobre as inconsistências discursivas do Daniel Oliveira. Digo-lhe sinceramente, a minha opinão não importa a ninguém, sou um sócio como todos os outros que são sócios. As minhas opiniões são tão válidas quanto as suas.

    Mas era importante - digo eu - acabar com este discurso em que parece haver apenas duas opções na vida. Ainda não somos interruptores.

    ResponderEliminar
  24. PLF

    Pedir um congresso numa altura que se pretende uma AG é que parece um insulto a inteligencia dos outros Sportinguistas. O senhor mais os outros dois iluminados não precisavam de lá ter ido com a ideia peregrina pois o congresso ao contrário da AG extraordinaria está nos estatutos e até é o Sporting que o paga...ou vc vai avançar com o dinheiro para o congresso se realizar?

    SL

    ResponderEliminar
  25. Hugo,

    Espero que compreendas que há mais do que duas opções na vida e que considerar quaisquer pessoas acometidas pela síndrome de Estocolmo é profundamento ofensivo e divisivo. E sobre opções aburdas, recomendo o Bruno Aleixo.

    ResponderEliminar
  26. Miguel,

    sobre a explicação da oportunidade do Congresso remeto-o para o meu comentário acima. No mais, desculpe lá mas não alimento conversas com pessoas que tentam caluniar-me (coisa que, devo assinalar, é incompreensível porque - sinceramente - sou um gajo insignificante no universo do Sporting, mas enfim...).

    ResponderEliminar
  27. PLF,

    Há obviamente a opção de se gostar daquilo que se tem.

    Gostos não se discutem...

    ResponderEliminar
  28. A incompetência desta direcção levou o clube a um ponto insustentável. A incompetência e os ataques rasteiros e sujos que se iniciaram nas anteriores eleições numa campanha inenarrável da pseudo elite Sportinguista que ainda hoje se mantém em redor da mediocridade de dirigentes que simplesmente chegaram ao poder pelo poder e a ele se agarram com todas as forças, por mais provada que esteja a sua incapacidade de gerir este clube.

    Registo com curiosidade as fortes criticas à MAG, algumas sustentadas em atoardas lançadas para a CS, várias de indivíduos que merecem zero de credibilidade e, inclusive, de um líder do grupo armado de GL, que não se inibe de agredir contestatários, mesmo em pleno estádio de um rival.

    GL e a sua equipa (?) fizeram muito mal ao Sporting. São responsáveis pelo desastre desportivo, financeiro e comunicacional. Provaram incompetência a níveis absurdos. Não podem mais ter o privilégio e a honra de comandar esta instituição. Mais tempo tenham, maior o risco do clube em (sobre)viver com actos de gestão estúpidos e que em nada defendem os seus superiores interesses.

    A propaganda situacionista, por estes dias já bem alerta, será levada ao extremo, em mais uma tentativa de levar os Sportinguistas a andar de braço dado com a mediocridade, a cosmética, a desinformação e a subalternização estrutural do Sporting. Nisto são bons. Em intoxicar. Em criar manobras de diversão. Mas só nisto.

    ResponderEliminar
  29. Hugo,

    O que para mim é óbvio é que há a opção de não se insultar os outros pelos gostos que têm.

    ResponderEliminar
  30. Congresso? Mas para quê chamar agora á baila o congresso? Para misturar alhos com bugalhos? Para promover ataques pessoais? Para 'safar' o CD? Como? O congresso não safa, nem deixa de safar... Enfim... As tricas do costume

    Hugo: "Nem tds são parte da solução". Obviamente...

    E qual é a solução? A comissão administrativa escolhida por x, y ou z após queda do CD? Não está em causa o Daniel Sampaio, de quem, aliás, sp tive boa impressão. Mas como interroga o LdA, quem o mandatou a ele (ou outro qlq) para escolher os membros de uma eventual Comissão administrativa? Os sócios não foram de certeza...

    O q me parece nesta trapalhada toda é que quem andou a semear ventos, agora tem medo de vir a colher tempestades...

    Destituindo ou não os actuais OS em AGE, sou completamente contra a constituição de qlq comissão... Em caso do CD ser destituído, convoque-se eleições antecipadas para os sócios se pronunciarem.


    Pedro:

    Não sei e tu sabes? Nem percebo o interesse em saber. Actualizar cotas demora msm qt tempo nos dias q correm? No preciso momento em que 'falamos' nem os serviços administrativos do SCP têm o n.º exacto... De qlq forma dispara um numero qlq, pode ser os 30% que avanças correspondentes a 30.000 sócios (o q vale é que as contas são boas de fazer...), agora calcula o que correspondem 800 sócios em termos percentuais sobre um total de 30.000, e vem cá dizer-me que o resultado obtido é... "Significativo"... Enfim, isto td dava para rir, se não fossem assuntos sérios... Tomara eu q isto de passasse no outro lado da rua. Assim podia gozar à farta com o pagode...

    Qts aos estatutos... Eu já coloquei em causa o direito de os 800 sócios convocarem a AG? Não, pois não? Então não percebo essa conversa de treta dos estatutos interessarem qd dá jeito. Para mim, interessam SEMPRE e é precisamente isso que aqui tb se trata. Se as acções do(s) membro(s) da MAG (a confirmarem-se os 'contactos') estão a cumprí-los...

    ResponderEliminar
  31. Virgílio,

    O mais curioso é que quem eu sei que defende uma "comissão administrativa" é o Dias Ferreira...

    ResponderEliminar
  32. Senão se procurasse ouvir as pessoas no sentido de acautelar a necessidade de criar uma comissão, muito provavelmente haveria quem criticasse por se deixar cair o clube no vazio.

    ResponderEliminar
  33. A ideia de um congresso é um perfeito disparate!!! Já existe pouca gente a mandar bitaites, ainda vamos organizar (e pagar) um arraial para a malta ir para lá cada um dar a sua ideia!

    O que o SCP precisa é de uma direcção forte, com um projecto desportivo e financeiro capaz de recuperar o nosso clube.
    Portanto, no cado desta direcção ser distituida, ou se demitir, marquem-se eleições, e apareçam os candidatos com projectos para que os sócios decidam...

    Tudo o resto são tretas e são puras perdas de tempo.

    SL

    ResponderEliminar
  34. Fantástico, melga!
    Se tirarmos de lá Barroso e Sampaio, ui, é continuar a subir.
    Sem esses 2 agitadores da MAG é sempre a ganhar, como até aqui, aliás.

    Sem esses 2 agitadores da MAG, Domingos tinha ganho o campeonato
    Sem esses 2 agitadores da MAG, Sá PInto tinha ganho a taça de Portugal
    Sem esses 2 agitadores da MAG, Oceano tinha posto o SCP nos lugares europeus
    Sem esses 2 agitadores da MAG, Vercauteren tinha posto o SCP longe da linha de água
    Sem esses 2 agitadores da MAG, Paulo Cristóvão tinha neutralizado o Cardinal e evitado as buscas em Alvalade
    Sem esses 2 agitadores da MAG, Paulo Cristóvão não dizia tanto mal de Rui Paulo Figueiredo.
    Sem esses 2 agitadores, Carlos Barbosa tinha posto o SCP a lutar só com Real e Barcelona
    Sem esses 2 agitadores, Carlos Barbosa não dizia tanto mal de Godinho
    Sem esses 2 agitadores, o Duque e o Freitas ainda estavam de cheque numa mão e vassoura na outra

    Sem esses 2 agitadores da MAG, continuávamos a ganhar tanto como desde que GL para lá foi.
    Tenho pena deste CD tão bom, com advogados internautas tão diligentes como LA e PLF, que tanto faz (e bem), que tanto ganha, que é tão estável, tão coeso....
    Logo tinha de levar com aqueles 2 agitadores da MAG que tanto estragam o bom trabalho
    Uns trabalham, e bem, e outros boicotam,
    Tb está mal. Bolas.

    ResponderEliminar
  35. FCS,

    Não haveria tempo para ouvir as pessoas no período entre a publicação da convocatória e a realização da AG? Ou tem de ser tudo preparado com várias semanas de antecedência?

    Carlos Tobias,

    A nossa ideia era de que o Congresso poderia servir como um suporte importante aos programas eleitorais numas futuras eleições, por estas duas razões:

    1. porque é a nossa sensação que os debates pré-eleitorais são excessivamente focados nalguns pontos que são forçosamente conjunturais (entre jogadores, treinador e pessoas que compõem a equipa directiva), o que retira o foco das questões estruturais que o Sporting enfrenta; e

    2. porque obriga os sócios a escolher entre os blocos de propostas (os programas eleitorais) sujeitas a votos. Não podem os sócios dizer: quero este aspecto daquele programa e aquele do outro programa. E, por essa razão, as questões de conjuntura que julgamos ser urgente tratar, ficam - na melhor das hipóteses - tratadas de uma forma parcelar.

    Falo mais por mim do que por todos os que estão de acordo com a iniciativa, mas a nossa perspectiva é esta: temos de ser nós (sócios) a tomar a responsabilidade de construir o nosso futuro para que depois não possamos (cair na tentação de) acusar outros de não cumprirem as suas promessas. Caso façam o que todos decidiram, numa discussão abrangente, então seria um projecto comum, partilhado por todos.

    Mas o Sporting é o que os sportinguistas querem que seja. Pode achar-se uma inutilidade, achando-se, não se realiza. É simples. Felizmente, entre as pessoas que temos contactado (e muitas delas que desejam eleições rapidamente e em força), muitas acham que a ideia é boa. Eu

    ResponderEliminar
  36. "É o branqueamento. 1º, o PR não demite o Governo, dissolve a Assembleia da República."

    De cair da cadeira, este PLF

    Talvez não fosse pior ler 1º a constituição e falar depois.
    Talvez entrasse menos mosca.

    Como deves estar ocupado a ler os estatutos, a pensar em como fazer guerra a quem apenas cumpre os estatutos do SCP, dou uma ajuda. Procura na constituição o art 133 al g) e o art 192 n 2

    ResponderEliminar
  37. Resumindo, perante um pedido de AG que solicita a convocacória duma AG ao abrigo dos estatutos, esta MAG deveria ignora-lo olimpicamente. Como fariam certamente Rogério Alves ou Galvão Teles. Disso não tenho duvidas. Alguém já sugeriu rasgar a constituição do País. Tu sugeres rasgar os estatutos do Sporting? Alias, em off, há pelo menos um membro da Direção que tem feito um esforço grande por desqualificar o pedido de AG, alegando a menoridade mental dos socios e da populaça em geral... A maioridade mental dos doutores trouxe-nos onde nos trouxe...

    Também resumindo, deveriam ser usados os argumentos juridicos do costume para impedir a AG, como alias tem sido o enfoque em relação ao conceito de justa causa? Os socios do Sporting estão melhor amordaçados e quietinhos, essa corja que só atrapalha os doutores e gestores do roquetismo?

    Pensar no day after é responsabilidade de quem pode ficar com o menino nas mãos: a MAG! Acrescente que o pedido para realização da AG não foi inventado pela mesa. Existe mesmo, sabes? E está assinado por 800 sócios. O papel da mesa deve ser o de pacificar o clube e encontrar a melhor solução intermédia. Se a AG fosse pacificamente evitada, melhor. E isso só pode acontecer se a Direção concluir que o melhor é demitir-se voluntariamente.

    Não foi a MAG que queimou 100 milhões. Também não foi a MAG que contratou 5 treinadores em ano e meio. Muito menos foi a MAG que contratou jogadores por 9 milhões que um ano depois não têm colocação. Também não foi a MAG que montou uma equipa que ganhou 3 jogos em 14 neste campeonato. Muito menos foi a MAG que andou pelo mundo todo á procura de investidores que fogem como o diabo foge da cruz. Muito menos foi a MAG que provocou a demissão de 2 vices num ano nas circuntancias que conhecemos. Não foi a MAG que provocou ainda as quedas de Duque e Freitas.

    Queres uma palavra para definir esta Direção? Caos! Queres outra? Desnorte!

    Se o Sporting pode ainda descer mais? Pode, sim senhor. Disso não tenho duvidas. Alias, neste momento precisas de um super heroi para tirar o Sporting do local onde o colocaram.

    O que eu acho fantastico nesse argumento de o Sporting poder ficar pior e dos aventureiros, é que ando há 20 anos a ouvir isso....O resto escuso de dizer...

    ResponderEliminar
  38. Confesso que gostava ver certas pessoas a esmiuçar com tanto critério e de forma tão exaustiva o mandato do GL como se vê a fazer cada acção ou suposta acção de quem é contra.

    Seria também interessante recordar o que se escreveu há dois anos sobre certos sportinguistas/lagartos e constatar as voltas que tudo isto dá...

    ResponderEliminar
  39. Ja agora,uma questao.Quantos dias demora a validacao de 800 assinaturas?

    ResponderEliminar
  40. Farinha Amparo,

    Tem razão sim senhor. Espero que, já agora, saiba em que circunstâncias o PR pode demitir o Governo (que estão subjacentes no n.º 2 do art. 195) e como seriam transponíveis para universo Sporting.

    O efeito - já agora - parece-me que não muda: o que se pretende não é mudar o executivo mas convocar eleições, pelo que a solução (regra) é o da dissolução da AR.

    Em qualquer caso, o PR não dissolve a AR para reservar para si o Governo. E mais, o PR tem a faculdade de dissolver a AR, mas não a tem a MAG a mesma faculdade. O que se trata aqui é de um - pelo menos é assim que o interpreto - excesso de iniciativa que a posição que os Estatutos lhe confere não deveria caucionar.

    ResponderEliminar
  41. Mais uma acha prá fogueira...

    José Maria Ricciardi (presidente do BESI)arguido em caso relacionado com investimentos realizados na EDP renováveis...

    Soma e segue...



    ResponderEliminar
  42. Dizia ontem o José Eduardo das refeições que o SCP vence os 2 próximos jogos em casa e fica a ver o 5º lugar, com a certeza que ainda ambiciona muito mais.

    Estes dois senhores e por inerência a MAG anda à deriva desde que tomou posse. Nem ninguém honesto se lembra alguma vez de um comportamento parecido no SCP ou noutra organização qualquer. Um comportamento adequado pressupunha praticamente tudo ao contrário, solidariedade e não incendiários. O que é estranho é que ainda ninguém tenha pensado em destituir a MAG. Cartazes no campo também servem? Só foi possível ouvir alguém dizer que está tranquilo e com medo ao mesmo tempo porque ninguém fez nada para o calar antes e havia tanto por onde pegar.

    E continua-se a falar muito de estatutos e da bizarria de 800 sócios poderem tentar anular o que foi a vontade de mais de 4500 e mais uma vez com a preciosa ajuda da MAG, ao abrir a boca muito antes do tempo. De qualquer maneira aqui todos de acordo, excepto a irregularidade, está nos estatutos, como também está que independentemente do número dos proponentes só com justa causa a MAG pode pensar em deferir o pedido. Não é estranho que sobre o que mais importa nunca se tenha ouvido uma palavra a quem fala tanto? Porque nesta fase essa avaliação já teve que ser feita. Para sermos totalmente honestos ainda antes de começar a promoção. Ou só o presidente é que pode saber de que é acusado o CD ao certo?

    Até eu já estou ansioso pela AGE, para ajudar a destituir a MAG como ajudei a eleger o CD. A história da comissão de gestão e os 6 meses surge a pedido de outras candidaturas. A MAG só não é leal a quem devia, aproveita e encapota mais uma vez a verdadeira estratégia e desde o início. Só me ocorre uma designação: alta traição e premeditada, ao CD e aos sócios, que é a que diz respeito a cada um mais directamente e que no meu caso levo muito a sério. Ao clube e a mim e não vou perdoar nenhuma.

    ResponderEliminar
  43. Caro PLF, mas o Daniel Sampaio quer reservar para si o governo?

    Mas você diz isso com base em quê?

    Você é uma pessoa de bem, PLF?

    E as suas explicações de Direito continuam tortas: o PR pode nomear um governo de iniciativa presidencial, sem eleições, correcto?

    Acha que posso fazer uma analogia com a comissão administrativa ou é demasiada liberdade para si?

    Se calhar prefere que se fale de cooptação, DC e FSF, já que se fala em golpe de estado e tomada de poder.

    ResponderEliminar
  44. Paulo Guerra

    Bizarria de 800 sócios quererem destituir aquilo que 4500 votaram...por acaso os 6 mil e tal que votaram no BdC devem ter pensado o mesmo na noite das eleições. Fala-se do MAG. Para aqui e para ali. Foram eles que meteram o Sporting neste buraco? Ele há coisas...

    SL

    ResponderEliminar
  45. Kovacevic,

    O PR só pode nomear Governo, mas só com o apoio dos partidos políticos com assento parlamentar. Eu achava bem que a Comissão de Gestão fosse eleita pelos associados. Ou seria abusar da democracia?

    Eu não sou uma pessoa de bem! Porque tenho a certeza que as notícias que foram publicadas são verdade. Aliás, no universo do Sporting, toda a gente sabe. Não se liga a umas dezenas de pessoas e a coisa fica no segredo dos deuses. Só dá é jeito a alguns esconder o sol com a peneira. Mas é com base nisso que fundo esta minha convicção (pelo menos tenho algum fundamento, vá lá... externo), não faço acusações torpes sobre as motivações de terceiros.

    Ah! E outra coisa. Não coloque palavras na minha boca: não falei de cooptações, por exemplo. Não tem qualquer maneira de saber qual é a minha opinião sobre as referidas cooptações. E o que é que isso diz de si?

    Sabe, o que me dá a ideia é que a vingança se tornou pessoal. Não para mim, que sou igual ao litro, mas para tudo o que possa sequer ser parecido.

    ResponderEliminar
  46. Se é isto que defendem, então estamos conversados.

    Godinho Lopes: arguido num processo de corrupção activa, absolvido in dubio pro reo

    Fonte: http://www.jn.pt/PaginaInicial/Policia/Interior.aspx?content_id=1631187

    Paulo Pereira Cristóvão: arguido dos crimes de burla qualificada, branqueamento de capitais, peculato, devassa da vida privada por meios electronicos, denuncia caluniosa agravada; ofensa à integridade fisica (caso Joana)

    Fonte: http://expresso.sapo.pt/paulo-pereira-cristovao-acusado-de-sete-crimes=f774724

    José Maria Riccardi: arguido (tipo legal de ilicito ainda por apurar)

    Fonte: http://economico.sapo.pt/noticias/diap-c...-arguido-apos-queixa-da-cmvm_160242.html

    Luis Duque: arguido dos crime de burla na obtenção de crédito e condenação por fraude fiscal

    Fonte: http://publico.pt/sociedade/noticia/luis...-de-burla-na-obtencao-de-credito-1462916
    http://expresso.sapo.pt/joao-pinto-luis-...iga-condenados-por-fraude-fiscal=f752199

    ResponderEliminar
  47. Epá são pessoas credíveis! Os outros são aventureiros bolas.

    ResponderEliminar
  48. dormir tranquilo quando esta cambada de incompetentes corruptos continua no poder é que me parece estranho.

    o godinho lopes ainda nao ter apresentado a demissão é de bradar aos ceus, o que vale é que esta gente pequena terá sempre os PLF´s desta vida para os defender.

    por muito que Barroso e Sampaio sejam pessoas impreparadas para os cargos que ocupam pelo menos sabemos que procuram as melhores soluções possiveis para o clube e o mesmo não pode ser dito desta direcção.

    ResponderEliminar
  49. ah, e subscrevo o comentario do André, acima.

    ResponderEliminar
  50. O Mustafa nunca imaginou que um dia ia ser tido com uma pessoa credível,de rir.

    O criminoso credível,genial.Obrigado pelo momento de comédia malta.

    ResponderEliminar
  51. Sporting Sempre,

    pelo que escreves até tu podes ser constituído arguido por difamação, isto se fosses suficientemente inteligente para o perceber.

    Foda-se que anda tudo incomodado com estes dois estarolas, com uma campanha negra e mais não sei o quê mas estas virgens ofendidas julgam que estes 2 anos andou tudo a dormir desde o dia das eleições até hoje?

    Está é tudo cheio de pressa para sentar o cuzinho na cadeira e a rezar para o Jesualdo não fazer nem mais um pontinho, digam lá?

    Quantas vezes já acordaram de noite a suar com estai ideia a tirar-vos o sono? E depois os outros é que gostam de perder não é?

    ResponderEliminar
  52. PLF,

    Eu sei em que circunstâncias o PR pode demitir o Governo.
    Tu é que nem sabias que podia demitir, quanto mais em que termos.

    ResponderEliminar
  53. Grande Farinha Amparo! Sempre a aprender.

    ResponderEliminar
  54. No Sporting os "golpes são de mão"...http://bandalargablogue.blogs.sapo.pt/113131.html

    ResponderEliminar
  55. Segundo esta posta a MAG não pode ouvir associados do Sporting. Que lógica mais bizarra!

    Nao me digam que, quando se desenha a hipótese de um requerimento para uma AGE destinada a destituir o CD, a MAG não pode auscultar quem entende, ponderar cenários e as suas implicações?

    Será que isso está vedado pelos estatutos do SCP? Onde?
    Ou será que o autor da posta pensa que o PMAG não pode ouvir quem quer só porque os estatutos não obrigam, tim-por-tim, a fazê-lo?

    Pois bem, não só pode como deve.
    Os estatutos atribuem funções ao PMAG que implicam esse tipo de consultas prévias.

    Aliás, só numa lógica de governação irresponsável ou de "meia-bola e força" (portanto, tipo a que Godinho pratica e seus fiéis peões de brega defendem), é que se pode pensar em actuar de outra forma, em cima do joelhor, ao sabor do vento

    PS: PLF, ainda bem que aprendeste alguma coisa. Para a próxima não digas asneiras.

    ResponderEliminar
  56. Virgilio,

    Caso já te tenhas esquecido, as últimas eleições tiveram aproximadamente 14.000 sócios votantes.
    14% do universo dos sócios pelas tuas contas.

    Ora como me parece um valor pouco expressivo também aqui os resultados não deveriam ter qualquer valor...mas tiveram, certo?



    Quanto ao post e como diz mais acima o FCS:

    "Confesso que gostava ver certas pessoas a esmiuçar com tanto critério e de forma tão exaustiva o mandato do GL como se vê a fazer cada acção ou suposta acção de quem é contra."

    Era bonito mas aqui por estas bandas não dá...questões de gosto.

    ResponderEliminar
  57. Cascavel, pelo que tu escreves percebe-se que não fazes a mais pequena ideia do que se passa nos circulos de poder do SCP ou na justiça portuguesa.

    Se, como parece ser aparente, defendes esta direcção, não só gostas de perder como de ser enxovalhado e humilhado, mas para isso escolhe outro clube para ser adepto.

    ResponderEliminar
  58. quanto ao tema do post, e por muito que este seja um dos melhores espaços relacionados com o SCP na blogosfera, também subscrevo o FCS:

    "Confesso que gostava ver certas pessoas a esmiuçar com tanto critério e de forma tão exaustiva o mandato do GL como se vê a fazer cada acção ou suposta acção de quem é contra."

    ResponderEliminar
  59. O mais espantoso de tudo isto é que se setão a fazer juízos de valor com base numa noticia de jornal claramente plantada. Alias, algumas das pessoas supostamente convidadas por Daniel Sampaio já fizeram questão de o desmentir.

    Uma noticia claramente plantada com intenção de agitar os socios e partir a MAG ao meio é tomada como a verdade absoluta...

    E se é verdade que Eduardo Barroso é claramente desbocado, já o mesmo não se pode dizer de Daniel Sampaio. Alias, por isso mesmo é que o alvo da noticia era Sampaio e não Barroso. Nada acontece por acaso...

    ResponderEliminar
  60. Sporting Sempre,

    Não há pior cego do que aquele que não quer ver.

    Basta percorrer de forma ligeira o blogue para constatar que não fico indiferente ao mandato de GL.

    Talvez não me refira nos termos que o FCS (e pelo que vejo tu tb) gosta de catar no FB ou noutro foruns.

    Lamento desapontar-vos ou nem por isso.

    ResponderEliminar
  61. Congresso o grande caralho isso é mandar areia ao olhos das pessoas. Godinho RUA JÁ!!!

    ResponderEliminar
  62. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderEliminar
  63. Caro Sporting até morrer,

    Primeiro:

    As contas não são minhas, são do SCP...

    Segundo:

    AG só podem receber um numero mt restrito de sócios. Se tds os sócios quisessem aparecer não se realizaria jamais uma única que fosse. Já nas eleições podiam participar tds os sócios efectivos com quotas em dia que o pretendessem fazer. (Agora, mais ainda depois do voto ser possível de efectuar em vários pontos do País e tb por sistema electrónico, em futuras eleições.)

    Terceiro:

    0,8% não se compadece com 14%... Este ultimo é, em termos absolutos, "apenas" um numero superior em 17,5... Mais uma vez reafirmo: os números falam por si e dispensam comentários subsequentes...

    Quarto:

    Em lado nenhum eu afirmei que os 0,8% (800 sócios) não tinham valor. Disse e repito que não representam um numero significativo do universo em que se inserem, como se pretendeu fazer crer. Negar isto é negar a evidência. Tn ñ disse em lado nenhum que a AG não tinha pernas para andar... Os estatutos determinam 1000 votos como mínimo para convocação de AG, e o pagamento das despesas com essa reunião magna. Determinam ainda uma % de subscritores presentes na AG, para a sua efectiva concretização. Portanto até ver está nas mãos da MAG a sua convocação (ou não)... E que me parece é que eles (MAG) estão borradinhos de todo... Como alguém já observou, estranha-se (muito) que quem tanto pugnou para derrubar um CD, chegando a hora da verdade hesite tanto...

    SL

    ResponderEliminar
  64. Comissão de gestão (e não "administrativa")

    Caso ocorra cessação de mandato da totalidade dos membros do CD - porque são destituídos ou porque renunciam -, o PMAG pode designar uma comissão de gestão (art. 40° dos estatutos). E desde que respeitados certos requisitos de número e antiguidade (a comissão tem que ser composta por um número ímpar de sócios efectivos com pelo menos cinco anos de filiação interrupta), a escolha dos seus membros cabe por inteiro ao PMAG - escolhe quem ele quiser.

    Ora, fazendo fé nas declarações do PMAG, o Presidente do CD terá anunciado que, se for destituído (ou se a AG for marcada, noutra versão), "entrega as chaves desse dia". Ou seja, em caso de destituição, este CD não está disponível para cumprir o seu dever estatutário - que é o de permanecer em funções até à tomada de posse dos sucessores (art. 39°) - e deixa o SCP em sede vacante.

    Perante este cenário - que é, repito, o de (i) uma AG para destituição que terá sido regularmente requerida e estará em condições de ser convocada e (ii) um CD que pré-anuncia o abandono das suas funções no dia seguinte a essa AG, caso esta delibere destituí-lo -, uma MAG que prepara este dia seguinte, sondando previamente possíveis membros de uma eventual comissão, não está a tentar golpe de estado nenhum - está a ser responsável e a antecipar um cenário possível, se não provável, e está a fazê-lo inteiramente no âmbito das suas competências estatutárias.

    Logo, a pergunta "quem mandatou a MAG para este efeito?" tem uma resposta bem simples: foram os sócios do Sporting, que a elegeram para exercer todos os poderes previstos nos estatutos, entre eles o de nomear comissões de gestão.

    Congresso

    O Congresso reúne-se para estudar "os problemas fundamentais da educação física, dos desportos e das actividades culturais e recreativas" e para "afirmar o espírito de solidariedade entre os desportistas portugueses em geral e os sportinguistas em particular" (art. 64°).

    Talvez dê para torcer isto de maneira a fazer deste Congresso umas jornadas de preparação de programas eleitorais. O que digo é que da última vez que isto foi feito, no Congresso de 2009, o proveito para o Clube foi zero.

    ResponderEliminar
  65. Francisco Leitão,

    Tem razão na observação que faz. Não deveria ter colocado as questões nesses termos.

    Fazendo fé nas palavras do PMAG é-se levado a crer numa coisa (houve consultas) e fazendo fé nas palavras do Vice crê-se noutra (nega ter efecutado convites e consultas). Ora se está a agir dentro do que os estatutos prevêem o que o leva a não o assumir com frontalidade?

    Relativamente ao Congresso concordo consigo relativamente ao momento. Não faria qualquer sentido realizá-lo em plena disputa eleitoral ou nos momentos que o antecedem.

    E também concordo consigo relativamente à ausência de resultados do anterior. Mas isso não é razão para, por si só, não abdicar da realização idêntica no futuro.

    Num exemplo extremo, dir-lhe-ia que não é por fazermos talvez a pior primeira volta do campeonato que há memória que desistiremos de realizar a 2ª volta. E se, na sequência, ficarmos remetidos à pior posição de sempre no campeonato, isso não será razão de desistir do futebol e dedicarmo-nos ao futsal ou a outra modalidade qualquer.

    Só vejo uma razão para a recusa do Congresso: pensar que ele pode anular a realização da AG. Ora quer a AG e o Congresso não têm que ser considerados mutuamente exclusivos. A AG, se estiverem reunidos os pressupostos previstos nos estatutos terá que se realizar.

    O Congresso está também previsto nos estatutos e cabe ao CD a sua realização. Num momento como o actual consideraria todas as hipóteses são de considerar no sentido de melhorar o ambiente excessivamente deteriorado em que o Sporting se debate. Se daí ainda poder resultar algo de melhor, melhor ainda.

    ResponderEliminar
  66. Penso que a postura do PMAG sobre a questão da comissão de gestão resultou de ter sido colocado à defensiva pela acusação suja vinda da "fonte oficial". Não haveria problema nenhum em assumir sondagens a eventuais membros de uma comissão.

    Sobre o Congresso, discordo.

    Não acho que se deva deixar de promover congressos, até porque os estatutos a isso obrigam. O que acho é que se deve deixar de ver no Congresso virtualidades que ele não tem e de esperar dele resultados que não pode dar.

    ResponderEliminar
  67. Sobre o congresso há muita confusão nalgumas cabeças.

    A primeira confusão é sobre o âmbito do congresso.
    Destina-se a discutir a educação física, as actividades recreativas, a cultura, a solidariedade, etc.
    Isso não significa que não seja necessário mas é para esse tipo de questões e não outras.

    A segunda confusão é sobre a iniciativa do congresso.
    Cabe ao conselho directivo promover a sua realização. É uma obrigação da direcção.
    Aparecerem um associados a requerer à direcção para não esquecer que é este ano... é passar um enorme atestado de incompetência à direcção. É quase como: senhor presidente, não se esqueça que é neste mês que tem de apresentar o relatório e contas...

    ResponderEliminar
  68. Francisco Leitão,

    Compreendo, aceito e concordo com o seu ponto relativamente às virtudes do Congresso de 2009. Contudo, contraponho com o seguinte: podemos aprender e melhorar o que se fez em 2009 - tenho 4 ideias ainda rudimentares que poderiam melhorar a qualidade do debate e das conclusões: (i) que no período prévio à realização do Congresso o Clube (e a SAD) estivessem disponíveis para um debate preparatório, (ii) que as intervenções no Congresso fossem menos espontâneas e mais preparadas - inclusivamente com limitação do número de apresentações, a escolher pela Comissão de Organização -, que (iii) em vez de se votar, houvesse uma subscrição individual de cada participante (em caso de acordo com as propostas/apresentações efectuadas e (iv) que tudo ficasse registado em acta, a publicar no final do Congresso e a ser disponibilizado no site do Sporting em permanência (tipo um e-book). São meras sugestões para aumentar o nível do debate. Haverá seguramente melhores.

    Contraponho ainda com o seguinte: do ponto de vista institucional, não há (ou pelo menos não vejo) melhores alternativas do que esta, para ir além das questões conjunturais. É uma opinião, como qualquer outra. A mim custa-me que andemos recorrentemente à procura de uma solução personificada em alguém, em vez de trabalharmos para resolver os problemas em conjunto.

    Luís Crespo,

    Não houve qualquer "atestado de incompetência". Dirigimos um pedido ao PMAG para encabeçar a iniciativa e promover o Congresso junto do Conselho Directivo. Tomámos a iniciativa de contactar muitas pessoas antes de reunir com o Conselho Directivo - a quem naturalmente também pedimos para ser ouvidos. Quisemos tornar esta iniciativa abrangente e partilhada, não queremos nem holofotes e - falando por mim - ficaria feliz se se realizasse e eu não tivesse nada a ver com a sua organização (e mesmo participação).

    Dirigimos esse pedido ao PMAG, que manifestara por diversas vezes a vontade de ouvir os associados, ainda antes de ter sido apresentado o requerimento do movimento dar rumo ao Sporting, e bem antes de se ter reunido a verba necessária. O facto de apenas termos sido recebidos na semana passada deveu-se ao facto da nossa prioridade ter sido a de contactar outros sportinguistas, antes de falar com o Conselho Directivo. Por questões de calendário de todos, a questão foi sendo adiada. E fomos ultrapassados pelos acontecimentos.

    ResponderEliminar
  69. PLF, é um prazer "falar" directamente com um dos proponentes do congresso.

    Quando vi na imprensa desportiva que tinha sido requerido ao conselho directivo a realizaçao do congresso, pensei que estivessem a acusá-lo de incapacidade para tomar uma iniciativa que, de acordo com os estatutos, lhe cabe inteiramente.
    Ou a recordar ao presidente que se estavam a completar os quatro anos sobre o último congresso, pelo que era altura de fazer o que lhe competia. Neste caso, dar cumprimento aos estatutos.

    Se o meu amigo diz que nunca lhe passou pela cabeça subscrever um atestado de incompetência ou de inacção a Luiz Godinho Lopes e aos seus pares, só tenho de acreditar na sua palavra e desfazer a ideia com que fiquei.

    Já que me dá a honra de falar consigo, aproveito para lhe colocar uma questão e fazer uma sugestão.
    Questão. Luiz Godinho Lopes tem-lhe, a si e aos demais associados requerentes (vi fotografias de três), transmitido os passos concretos que esteja a percorrer no sentido de dar execução ao art. 64 dos estatutos?

    Sugestão. Como saberá, o n. 2 do art 64, prevê a possibilidade do congresso se realizar fora de Portugal. Neste momento a internacionalização da marca Sporting é incontornável e, aliás, Luiz Godinho Lopes tem envidado esforços para encontrar um investidor estrangeiro, multiplicando, de acordo com a imprensa, as deslocações. Porque não realizar o congresso fora de Portugal ou pelo menos descentralizar parte da sua realização? Estou a pensar em zonas de associados junto da emigração tradicional, no espaço lusófono ou até no coração ou na proximidade de mercados emergentes.

    SL

    ResponderEliminar

Este blogue compromete-se a respeitar as opiniões dos seus leitores.

Para todos os efeitos a responsabilidade dos comentários são de quem os produz.

A existência da caixa de comentários visa dar a oportunidade aos leitores de expressarem as suas opiniões sobre o artigo que lhe está relacionado, bem como a promoção do debate de ideias e não a agressão e confrontação.

Daremos preferência aos comentários que entendermos privilegiarem a opinião própria do que a opinião que os leitores têm sobre a opinião de terceiros aqui emitida. Esta será tolerada desde que respeite o interlocutor.

Insultos, afirmações provocatórias ou ofensivas serão rejeitados liminarmente.

Não serão tolerados comentários com links promocionais ou que não estejam directamente ligados ao post em discussão.

Sporting Clube de Portugal

Sporting Clube de Portugal

Prémios

Sporting 160 - Podcast

Os mais lidos no último mês

Blog Roll

Leitores em linha


Seguidores

Número de visitas

Free HTML Counters

Ultimos comentários

Blog Archive

Temas

"a gaiola da luz" (1) 10A (1) 111 anos (1) 1ª volta Liga Zon/Sagres 10/11 (3) 2010-2011 (1) 2016 (1) 8 (4) AAS (7) ABC (3) Abrantes Mendes (3) Academia (16) Académica-SCP (1) adeptos (94) Adrien (19) AdT (1) adversários (82) AFLisboa (2) AG (19) Alan Ruiz (2) Alexander Ellis (1) alma leonina (59) ambição (10) andebol (34) André Geraldes (2) André Marques (2) André Martins (6) André Pinto (1) André Santos (5) anestesia (3) angulo (5) aniversário "A Norte" (3) Aniversário SCP (4) antevisão (41) APAF (11) aplausos ao ruben porquê? (2) Aquilani (1) aquisições (85) aquisições 2013/14 (16) aquisições 2014/15 (18) aquisições 2015/16 (17) aquisições 2016/17 (10) aquisições 2017/18 (5) arbitragem (92) Associação de Basquetebol (6) ataque (1) Atitude (9) Atletico Madrid (1) Atlético Madrid (1) atletismo (6) auditoria (4) autismo (1) AVB és um palhaço (1) aventureiro (1) Bacelar Gouveia (2) Balakov (1) balanço (5) Baldé (4) balneário (3) banca (2) Barcos (3) Bas Dost (3) Bastidores (70) Batota (18) Battaglia (1) Beira-Mar (2) Belenenses (4) Benfica (1) BES (1) bilhetes (2) binários (1) Boal (1) Boateng (1) Boeck (2) Bojinov (7) Bolsa (2) Borússia Dortmund (1) Boulahrouz (2) Brasil (1) Braz da Silva (8) Brondby (4) Bruma (18) Bruno Carvalho (100) Bruno César (3) Bruno de Carvalho (7) Bruno Martins (20) Bryan Ruiz (4) Bubakar (1) BwinCup (1) cadeiras verdes (1) Cadete (1) Caicedo (5) calendário (2) Câmara Municipal de Lisboa (3) Campbell (2) Campeões (2) campeonato nacional (21) campeonatos europeus atletismo (2) Cândido de Oliveira (1) Caneira (2) Cape Town Cup (3) Capel (4) carlos barbosa (4) Carlos Barbosa da Cruz (2) Carlos Carvalhal (5) Carlos Freitas (7) Carlos Padrão (1) Carlos Severino (4) Carriço (6) Carrillo (10) Carrilo (3) carvalhal (30) Caso Cardinal (1) Casos (6) CD Liga (3) Cedric (7) Cervi (3) CFDIndependente (1) Champions League 2014/15 (9) Champions League 2015/16 (5) Chapecoense (1) CHEGA (1) Ciani (1) Ciclismo (3) CL 14/15 (2) Claques (9) clássicos (8) Coates (4) Coentrão (1) Coerência (1) colónia (1) comissões (2) competência (2) comunicação (65) Comunicação Social (21) Consciência (1) Conselho Leonino (2) contratações (6) COP (1) Coreia do Norte (1) Corradi (1) corrupção no futebol português (2) Cosme Damião (1) Costa do Marfim (3) Costinha (45) Couceiro (13) crápulas (1) credores (1) crise 2012/13 (21) Crise 2014/15 (2) Cristiano Ronaldo (1) cronica (3) crónica (15) cultura (4) curva Sporting (1) Damas (3) Daniel Sampaio (3) debate (5) defesa dos interesses do SCP (7) Del Horno (1) delegações (1) depressão (1) Derby (42) Derby 2016/17 (1) derlei (1) Desespero (1) Despedida (2) despertar (3) dia do leão (1) Dias da Cunha (1) Dias Ferreira (6) Diogo Salomão (4) director desportivo (18) director geral (5) direitos televisivos (4) Dirigentes (28) disciplina (6) dispensas (22) dispensas 2015/16 (1) dispensas 2016/17 (2) dispensas 2017/18 (1) djaló (10) Domingos (29) Doumbia (1) Doyen (4) Duarte Gomes (2) Ecletismo (60) Eduardo Barroso (6) Eduardo Sá Ferreira (2) eleições (19) eleições2011 (56) eleições2013 (26) eleições2017 (9) Elias (5) eliminação (1) empresários (11) empréstimo obrigacionista (3) entrevistas (63) Épico (1) época 09/10 (51) época 10/11 (28) época 11/12 (8) época 12/13 (11) época 13/14 (4) época 14/15 (8) época 15/16 (5) época 16/17 (7) época 17/18 (1) EquipaB (17) equipamentos (12) Eric Dier (8) Esperança (4) estabilidade (1) Estádio José de Alvalade (4) Estado da Nação (1) estatutos (6) Estórias do futebol português (4) estratégia desportiva (104) Estrutura (1) Euro2012 (6) Euro2016 (1) Europeu2012 (1) eusébio (2) Evaldo (3) Ewerton (4) exigência (2) expectativas (1) expulsão de GL (1) factos (1) Fafe (1) Fair-play (1) farto de Paulo Bento (5) fcp (12) FCPorto (9) Fernando Fernandes (1) FIFA (2) Figuras (1) filiais (1) final (1) final four (1) finalização (1) Finanças (24) fiorentina (1) Football Leaks (2) Formação (89) FPF (14) Francis Obikwelu (1) Francisco Geraldes (2) Frio (1) fundação aragão pinto (3) Fundação Sporting (1) fundos (14) futebol (9) futebol feminino (1) futebol formação (1) futebol internacional (1) Futre (1) Futre és um palhaço (4) futsal (23) futsal 10/11 (1) futuro (8) gabriel almeida (1) Gala Honoris Sporting (3) galeria de imortais (28) Gamebox (2) Gauld (5) Gelson (1) Gent (1) geração academia (1) Gestão despotiva (2) gestores de topo (10) Gilberto Borges (2) GL (2) glória (5) glorias (4) Godinho Lopes (27) Gomes Pereira (1) Governo Sombra (1) Gralha (1) Gratidão (1) Grimi (4) Grupo (1) Guerra Civil (2) guimarães (1) Guy Roux (1) Hacking (1) Heerenveen (3) Hildebrand (1) História (18) Holdimo (1) homenagem (5) Hóquei em Patins (7) Hugo Malcato (113) Hugo Viana (1) Humor (1) i (1) Identidade (11) Idolos (3) II aniversário (1) Ilori (4) imagem (1) imprensa (12) Inácio (5) incompetência (7) Insua (2) internacionais (2) inverno (2) investidores (3) Iordanov (6) Irene Palma (1) Iuri Medeiros (1) Izmailov (26) Jaime Marta Soares (3) Jamor (3) Janeiro (1) Jardel (2) jaula (3) JEB (44) JEB demite-se (5) JEB és uma vergonha (5) JEB rua (1) JEBardadas (3) JEBardice (2) Jefferson (3) Jeffren (5) Jesualdo Ferreira (14) JJ (1) JL (3) Joana Ramos (1) João Benedito (1) João Mário (6) João Morais (5) João Pereira (6) João Pina (3) João Rocha (3) Joaquim Agostinho (2) joelneto (2) Jogo de Apresentação (1) Jorge Jesus (44) Jorge Mendes (3) José Alvalade (1) José Cardinal (2) José Couceiro (1) José Eduardo Bettencourt (33) José Travassos (1) JPDB (1) Jubas (1) judo (6) Juniores (7) JVL (105) kickboxing (1) Kwidzyn (1) Labyad (7) Lazio (1) LC (1) Leão de Alvalade (496) Leão Transmontano (62) Leonardo Jardim (11) Liderança (1) Liedson (28) Liga 14/15 (35) Liga de Clubes (12) liga dos campeões (12) Liga dos Campeões 2016/17 (11) Liga dos Campeões 2017/18 (6) Liga Europa (33) Liga Europa 11/12 (33) Liga Europa 12/13 (9) Liga Europa 13/14 (1) Liga Europa 14/15 (1) Liga Europa 15/16 (11) Liga Europa10/11 (16) Liga NOS 15/16 (30) Liga NOS 16/17 (22) Liga NOS 17/18 (2) Liga Sagres (30) Liga Zon/Sagres 10/11 (37) Liga Zon/Sagres 11/12 (38) Liga Zon/Sagres 12/13 (28) Liga Zon/Sagres 13/14 (24) Lille (1) LMGM (68) losango (1) Lourenço (1) low cost (1) Luis Aguiar (2) Luis Duque (9) Luís Martins (1) Madeira SAD (4) Malcolm Allison (1) Mandela (2) Mané (3) Maniche (4) Manifesto (3) Manolo Vidal (2) Manuel Fernandes (7) Marca (1) Marcelo Boeck (1) Marco Silva (27) Maritimo (2) Marítimo (3) Markovic (1) Matheus Oliveira (1) Matheus Pereira (3) Mati (1) matías fernandez (8) Matias Perez (1) Mauricio (3) Meli (1) Memória (10) mentiras (1) mercado (41) Meszaros (1) Miguel Lopes (1) miséria de dirigentes (2) mística (3) Modalidades (25) modelo (3) Moniz Pereira (7) Montero (7) Moutinho (3) Mundial2010 (9) Mundial2014 (3) Mundo Sporting (1) Nacional (1) Naide Gomes (2) Naldo (3) naming (2) Nani (3) Natal (4) Naval (3) Navegadores (3) negócios lesa-SCP (2) NextGen Series (3) Noite Europeia (1) nonsense (23) Nordsjaelland (1) NOS (1) Notas de Imprensa (1) notáveis (1) nucleos (1) Núcleos (9) Nuno André Coelho (2) Nuno Dias (3) Nuno Saraiva (2) Nuno Valente (1) o (1) O Roquetismo (8) Oceano (1) Octávio (1) Olhanense (1) Olivedesportos (1) Onyewu (7) onze ideal (1) opinião (6) oportunistas (1) orçamento (3) orçamento clube 15/16 (1) organização (1) orgulho leonino (17) Oriol Rosell (3) paineleiros (15) Paiva dos Santos (2) paixão (3) papagaios (8) pára-quedista (1) parceria (2) pascoa 2010 (1) pasquins (7) património (2) patrocínios (5) Paulinho (1) paulo bento (19) Paulo Faria (1) Paulo Oliveira (3) Paulo Sérgio (43) paulocristovão (1) Pavilhão (11) pedrada (1) Pedro Baltazar (8) Pedro Barbosa (5) Pedro Madeira Rodrigues (3) Pedro Mendes (4) Pedro Silva (2) Pereirinha (6) Peyroteo (2) Piccini (1) Pini Zahavi (2) Pinto Souto (1) plantel (31) plantel 17/18 (3) play-off (2) play-off Liga dos Campeões 17/18 (5) PMAG (3) Podence (1) Polga (5) Pongolle (5) Pontos de vista (15) por amor à camisola (3) post conjunto (5) Postiga (7) PPC (7) Pranjic (2) pré-época (2) pré-época 10/11 (7) pré-época 11/12 (43) pré-época 12/13 (16) pré-época 13/14 (16) pré-época 14/15 (22) pré-época 15/16 (20) pré-época 16/17 (12) pré-época 17/18 (9) prémio (1) prémios stromp (1) presidente (4) Projecto BdC (1) projecto Roquette (2) promessas (3) prospecção (2) Providência Cautelar. Impugnação (1) PS (1) Quo vadis Sporting? (1) Rabiu Ibrahim (2) râguebi (1) raiva (1) RD Slovan (1) reacção (1) redes sociais (1) Reestruturação financeira (17) reflexãoleonina (21) reforços (15) regras (4) regulamentos (1) Relatório e Contas (11) relva (10) relvado sintético (4) remunerações (1) Renato Neto (3) Renato Sanches (1) respeito (7) resultados (1) revisão estatutária (5) Ribas (2) Ribeiro Telles (4) Ricardo Peres (1) Ricciardi (2) ridiculo (1) ridículo (2) Rinaudo (8) Rio Ave (2) Rita Figueira (1) rivais (6) Rodriguez (2) Rojo (4) Ronaldo (12) rtp (1) Rúbio (4) Rui Patricio (18) Rui Patrício (4) Sá Pinto (31) SAD (25) Salema (1) Sarr (4) Schelotto (2) Schmeichel (2) scouting (1) SCP (64) Segurança (1) Selecção Nacional (38) seleccionador nacional (5) Semedo (1) SerSporting (1) Shikabala (2) Silly Season2017/18 (2) Símbolos Leoninos (3) Sinama Pongolle (1) Sistema (4) site do SCP (3) SJPF (1) Slavchev (1) slb (21) Slimani (11) Soares Franco (1) sócios (16) Sócrates (1) Solar do Norte (14) Sondagens (1) sorteio (3) Sousa Cintra (1) Sp. Braga (2) Sp. Horta (1) Spalvis (2) Sporting Clube de Paris (1) Sporting160 (1) Sportinguismo (2) sportinguistas notáveis (2) SportTv (1) Stijn Schaars (4) Stojkovic (3) Sunil Chhetri (1) Supertaça (3) sustentabilidade financeira (40) Taça CERS (1) Taça Challenge (5) taça da liga (11) Taça da Liga 10/11 (7) Taça da Liga 11/12 (3) Taça da Liga 13/14 (3) Taça da Liga 14/15 (2) Taça da Liga 15/16 (4) Taça da Liga 16/17 (1) Taça da Liga 17/18 (1) Taça das Taças (1) Taça de Honra (1) Taça de Liga 13/14 (3) Taça de Portugal (12) Taça de Portugal 10/11 (3) Taça de Portugal 10/11 Futsal (1) Taça de Portugal 11/12 (12) Taça de Portugal 13/14 (3) Taça de Portugal 14/15 (8) Taça de Portugal 15/16 (4) Taça de Portugal 16/17 (4) Taça de Portugal 17/18 (1) táctica (1) Tales (2) Tanaka (1) Ténis de Mesa (2) Teo Gutierrez (5) Tertúlia Leonina (3) Tiago (3) Tonel (2) Torneio Guadiana 13/14 (1) Torneio New York Challenge (4) Torsiglieri (4) Tottenham (1) trabalho (1) transferências (5) transmissões (1) treinador (90) treino (4) treinos em Alvalade (1) troféu 5 violinos (5) TV Sporting (5) Twente (2) Tziu (1) uefa futsal cup (4) Uvini (1) Valdés. (3) Valores (14) Veloso (5) vendas (8) vendas 2013/14 (2) vendas 2014/15 (1) vendas 2016/17 (5) vendas 2017/18 (1) Ventspils (2) Vercauteren (5) Vergonha (7) video-arbitro (5) Villas Boas (8) Viola (1) Virgílio (98) Virgílio1 (1) Vitor Golas (1) Vitor Pereira (6) Vitória (1) VMOC (7) Vox Pop (2) VSC (3) Vukcevic (10) WAG´s (1) William Carvalho (13) Wilson Eduardo (2) Wolfswinkel (12) Wrestling (1) Xandão (4) Xistra (3) Zapater (2) Zeegelaar (2) Zezinho (1)