terça-feira, 24 de março de 2015

Iuri Medeiros, o Gauld que já cá estava

Iuri Medeiros precisou apenas de 496 minutos para fazer incidir os focos de atenção sobre si. Mais do que o tempo foram os 2 golos - ambos de elevado recorte técnico - e as assistências os "responsáveis" pelo apontar das luzes. Maior mérito ainda por este protagonismo estar a ser conseguido no modesto Arouca, uma equipa que luta denodadamente para se manter na primeira divisão.

Devo confessar que, quando soube do empréstimo ao Arouca, temi pela afirmação do jogador. Por duas razões essenciais: 

(i) o facto de a equipa do extremo nordeste do distrito de Aveiro estar a lutar pela manutenção, o que nem sempre favorece jogadores com o perfil técnico e físico de Medeiros

(ii) a chegada em simultâneo de Cayembe, jogador do FCP, que poderia disputar com o nosso jogador um lugar, caso Pedro Emanuel o quisesse a jogar a extremo. 

Felizmente o treinador arouquense teve outro entendimento quer relativamente às características fisicas e técnicas do jogador, quer mesmo relativamente ao contributo que este poderia dar à sua equipa e a sua aposta tem-lhe estado a render bons dividendos. Pode-se dizer hoje que a qualidade do jovem jogador superou todas as objecções que a aposta nele poderiam aconselhar.

Em jeito de conclusão, pode-se dizer que em boa hora Iuri rumou a Arouca, porque assim não só pode revelar-nos o seu talento, como beneficiar de um estágio que lhe proporciona o que mais necessita qualquer jogador: tempo e oportunidade para jogar, a única forma de evoluir e aprimorar as qualidades que possui.


Ora falar em Iuri trás novamente à actualidade o tema da contratação de Gauld, especialmente o que foi dito no inicio de época. Lembro a propósito o que foi dito neste post em particular, escrito a 3 de Julho passado:


Desse artigo recupero algumas das ideias centrais, cuja discussão continua a ser actual e pertinente:

O talento do jogador escocês parece não merecer discussão. Já a necessidade da sua contratação, especialmente pelos números envolvidos, num tempo de apertada austeridade, está por comprovar, atendendo a que já existiam entre nós jogadores de valor e perfis semelhantes. Ao custo do jogador escocês têm que se somar os custos e inconvenientes da estagnação daqueles já cá estavam e assim ficariam a marcar passo. Verbas que poderiam eventualmente ter sido canalizadas para reforço do plantel em lugares onde não existia igual oferta.

Acresce a estes factos outro para o qual já me chamaram à atenção várias vezes que nunca vi ser apontado: não é apenas o talento e as posições que podem reclamar para si na equipa que é semelhante, é também o perfil físico. Dificilmente o Sporting poderá jogar com Iuri e Gauld em simultâneo e juntar a estes na mesma equipa Cedric, Martins, Adrien, Mané, por exemplo. A estes deve acrescer os nomes de outros jogadores igualmente talentosos como Chaby, Podence (que entretanto se eclipsou) mas que têm em comum o facto de serem de estatura baixa. Embora peso e altura não sejam as características primordiais na caracterização de um jogador, elas têm uma importância na definição colectiva que talvez apenas o Barcelona dos melhores tempos se tenha conseguido furtar.

Há quem possa afirmar que os jogadores têm que conquistar o seu próprio lugar pelo mérito das suas acções e que não lugares para oferecer, um principio com o qual concordo na generalidade. Contudo a realidade nem sempre é favorável aos princípios. O que o passado recente nos diz é que Gauld tem beneficiado quase sempre quer das melhores oportunidades pelos técnicos, de tal forma que já mereceu chamadas à equipa principal que Iuri não teve e, quando chegou a hora de dispensar por empréstimo, a escolha recaiu sobre Iuri. 

Prerrogativas de ser o jogador mais caro, de ser contratado,  ou apenas mérito? O tempo tem quase sempre um saudável poder clarificador. Visto agora parece que o Sporting tem na garagem dois carros iguais mas só vai poder andar com um de cada vez.

Nota: o papel dos adeptos pode também ser importante. Lembro-me por exemplo da sua prestação num jogo da Taça da Liga (Belenenses) em que os melhores apontamentos foram de Podence e Wallyson mas os "Ah's" e os "Oh's" foram para o galês. O que se diria hoje de Gauld, que não se diz de Medeiros, se tivesse sido ele a marcar os golos e as assistências que conseguiu?

43 comentários:

  1. Qual o problema de ter o Iuri E o Gauld?
    Acaso um plantel só tem lugar para 1 bom jogador? Excesso de talento faz mal ao clube?

    ResponderEliminar
  2. A sério que até sobre este tema todo o subconsciente do post é uma crítica à actual direccao? A sério? O que foi escrito sobre a escolha do empréstimo ao Arouca..

    Fiquei também a saber que, mesmo que o Gauld tenha sido uma grande oportunidade de negócio e no futuro venha a valer muitos milhões ("suponhamos"), foi um enorme erro. Qualidade a mais é um erro. Estamos sempre a aprender.

    Caro LA acha pertinente e saudável para os Sportinguistas fomentar uma "guerra" entre dois dos jogadores com mais qualidade/potencial do nosso futuro? isso é um problema? Quando o nosso problema é termos jogadores de qualidade a "roubar" o espaço a outros jogadores de qualidade estamos conversados.

    Pelos vistos os empréstimos de 6 meses desta direção, que são tão criticados, até não estão a correr nada mal.. Até na Noruega parece que os jogadores evoluem.
    SL

    ResponderEliminar
  3. Este post tem, na minha opinião, alguns conceitos que discordo na sua génese: a semelhança entre Gauld e Iuri e a diferença de tratamento entre os 2.

    Gauld não tem semelhanças nenhumas com Iuri. Estamos a falar de futebol e não de semelhanças físicas. Gauld é um 8-10 com uma capacidade de decisão e temporização muito acima da média. Iuri é um 10-11 que faz que quer da bola e que rende tão bem nas faixas ou a 10. Se quiserem ver semelhanças em Gauld é no Chaby e não em Iuri, e, por muito que goste do Chaby, não tem o mesmo potencial que Gauld. E se estiverem à procura de seguidismos Brunistas desenganem-se, já o conhecia do campeonato escocês, muito antes de sonhar que estaria no Sporting. Há risco? Que míudo de 18 anos não comporta risco na sua contratação?

    As diferenças de tratamento. Também estou à vontade para dizer que Iuri e Gauld são muito diferentes na maneira de ser. Se estão a especular que a utilização de Gauld é em função do investimento e não do mérito? É uma hipótese, assim como também seria uma hipótese dizer que a motivação de estar na equipa B de cada um deles seria diferente e isso traz rendimentos diferentes.

    LdA, incomoda-me estes argumentos para, ao que parece ser a verdadeira mensagem do post, demonstrar que esta direcção promove a obrigatória utilização das suas contratações. E tenho sempre de acrescentar este ponto: não sou um adepto do Bruno de Carvalho mas sim do Sporting, evita-se alguns preconceitos nesta crítica. Incomoda-me porque na conduta de Gauld não há nada criticável e todos os argumentos resultam de especulação.

    PS - No jogo do Belenenses o rapaz jogou bem, ao mesmo nível de Wallyson mas marcando 2 golos, que é coisa que não dá nas vistas.

    PPS - Escocês, sff.

    ResponderEliminar
  4. O post baseia-se essencialmente em questões e ordem técnica mas se quiserem transformá-lo numa questão "politica" de ser uma mera critica à direcção estejam à vontade. Lembro no entanto que até por aí, como sócio do clube, estou não só a exercer um direito que me assiste como uma obrigação.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. LdA, a crítica é a teor do post. Tem a sua opinião, escreveu-a e publicou-a. Ninguém lhe criticou por isso, mas está sujeito que outras pessoas não concordem.

      A questão 'técnica' é a comparação entre um jogador contratado por esta direcção, e outros da formação e o respectivo comportamento das equipas técnicas perante os jogadores. Acha que uma leitura não 'técnica' é desajustada?

      Eliminar
  5. Não concordo nada e ainda vai dar muito que falar. Sempre gostei do potencial destes jogadores, que mal calçam e já descalçam treinadores. Marketing!

    ResponderEliminar
  6. Só não concordo quando diz que os apontamentos foram de Podence e Wallyson , penso que Gauld esteve muito bem , pela forma como estava desbravar o último passe entre os jogadores do Belém , ele parecia meter a bola no buraco da agulha , eu até aí nunca havia imaginado o seu valor , para mim fez um jogo soberbo enquanto teve pilhas , houve sim um jogo em Alvalade em que não esteve assim tão bem e até foi eleito homem do jogo , mas esse jogo em Belém mudou toda a minha opinião acerca do jogador.

    Já agora esta nova imagem do seu blogue está muito agradável , parabéns.

    ResponderEliminar
  7. Iuri, Gauld e Wallyson são 3 nomes incontornáveis do plantel da próxima época. São 3 talentos! BC e MS que tenham isso bem presente.

    Na minha opinião, Iuri (fez grande parte da formação a extremo) e Gauld poderão perfeitamente jogar os 2 simultâneamente. E aliás já deviam ter começado esta época na equipa principal (sim, o Iuri não aprendeu a jogar futebol agora em Arouca...).

    ResponderEliminar
  8. só quero subscrever na integra o comentário do El Nino.

    uma autentica aula ao autor do post.

    Iuri e Gauld ao plantel principal 2015/2016.

    SL

    ResponderEliminar
  9. El nino,
    O meu comentário não se dirigia a si. Há muitas coisas no seu com o qual discordo mas respeito como sendo a sua opinião. Uma vez que não pretendo impor-lhe a minha sobre a sua resta-me agradecer-lhe o contributo.

    ResponderEliminar
  10. já agora só acrescentar uma nota:

    todos sabemos que o futebol tem 2 momentos fundamentais - com e sem bola -

    e se com bola Iuri é mais forte tecnicamente e mostra mais imaginação criativa já sem o balon Gauld é muitíssimo mais forte, competente, pressionante e trabalhador.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Parece-me claramente exagero.

      Não a parte em que se refere ao Iuri mas porque me parece que está claramente a exagerar na capacidade defensiva e de pressão do Gauld. Veja-se o impacto da entrada dele no jogo do Rio Ave (salvo erro), e nos jogos que vi da B tb não me pareceu que se destacasse por esse prisma.

      Isto de correr um bocadinho para trás em vez de ficar lá à lá Ronaldo, pode dar melhor aspecto mas o resultado pratico não é assim tão diferente.

      Eliminar
    2. não que o Gauld seja tipo o anão Moutinho em termos defensivos e de pressing, mas é muito melhor nestes aspectos do que eu esperava.

      o problema é que, em comparação,o Iuri é muitíssimo débil nestes aspectos.

      Eliminar
  11. Só queria referir que numa das melhores fazes da Equipa B esta época o meio campo era constituído por Iuri, Gauld e Wallyson. Um trio que bem treinado pode ser o futuro da Equipa A, dentro de 2 ou 3 anos. Embora eu pessoalmente ache que o Wallyson é melhor a 8 que a 6.

    ResponderEliminar
  12. LDA

    Se fizermos o raciocinio inverso, creio que nenhum de nós ficaria satisfeito com uma possivel venda de Iuri por 2M ou 3M, por isso e porque bons jogadores nunca são demais (não estamos a falar de PL, ou GR) trazer Guald será em principio um sempre bom negocio e ainda bem que agora temos ambos

    Espero que a direcção e treinador saibam dar as oportunidades que ambos merecem

    ResponderEliminar
  13. Este post fará todo o sentido, se daqui a 2 ou 3 anos o Ryan Gauld não pegar na equipa do Sporting. Aí sim poderemos dizer que a contratação falhou, que não era necessario, etc.

    Esperemos para ver.

    Mas compreendo perfeitamente...gastou-se 3milhoes de euros + ordenados numa criança, quando vivemos em tempos de vacas magras. Qualquer pessoa pensa nisto, e analisa o enorme risco da operação.

    É tao arriscado isto, como era ter dado o que o Bruma pedia, ao ilori, ou ao Dier(o que dirão os adeptos do totenham neste momento), e eles depois não darem em nada. Como foi em tempos, encher os bolsos ao Fabio Paím , para ele depois não dar em nada. Como foi agora renovar com o Bubacar ou o Matheus Pereira.
    Entre outros contratados ao exterior, como o Sarr ou o Slavchev que se calhar também não vao dar em nada. Etc.

    É um risco, que quem assume estas posições de gestão terá depois de assumir como sucesso ou incompetência. Faz parte do negocio. Uma coisa é certa...qualidade nunca é a mais!

    Mas já que praticamos futurologia...também o farei em jeito de brincadeira.

    Edição do Record de 18/07/2019. "Prodigio Escoces Ryan Gauld, contratado pelo Real Madrid ao Celtic por 50 milhoes de euros."
    Abaixo em letras pequenas...."Bruno de Carvalho não o quis contratar em 2014 para o Sporting, por apenas 3 milhoes de euros..."

    Jesus...o que se iria dizer...E eu ia ser um dos que ia dizer e muito. lolol

    ResponderEliminar
  14. Sinceramente vi pouco dos dois para ter opinião definitiva sobre cada um deles e em comparação. Ainda assim conheço melhor o Iuri, pq vi mais minutos dele e sigo tb há mais tempo. Por isso o risco de estar a ser injusto é elevado, mas do (pouco) que vi a ambos até ao momento, sinto mais entusiasmo com o Iuri. Ainda mais porque neste preciso momento não tenho duvida nenhuma de que o Iuri estará a aproveitar melhor a sua possível integração no plantel principal do SCP, ao competir na I.ª Liga, face a Ryan Gauld que compete na equipa B. Veremos como será (a concretizar-se) o aproveitamento / adaptação que ambos terão qd atingirem a primeira equipa do SCP.

    Bons jogadores nunca são de mais, isso é certo. Gauld poderá revelar-se uma excelente aposta no futuro. E já mostrou ter qualidade técnica e visão de jogo para isso.
    Não me parece que sejam incompatíveis desde que, lá está, haja na equipa jogadores com outras características físicas: mesmo o melhor Barça dos ‘pequenotes’ tinha (tem) Sérgio Busquets e Piqué, por exemplo.

    Por fim, o que me parece relevante no post é o alerta para o facto de se ter reforçado / privilegiado a equipa B com milhões (que não havia) em detrimento da equipa A. Mais ainda qd já tínhamos em casa jogadores que fazem a mesma posição com comprovada (e agora reforçada) qualidade. Acresce ainda mais outra razão para que não se justifique aposta em tanto jogador inexperiente, de que Gauld é apenas um exemplo: a época vai longo e tem provado que ainda qd existem óbvias lacunas no plantel que ficaram por resolver quer no mercado de Verão quer no de Janeiro. Dito isto, reforço que não sou contra apostas de futuro, desde que tal não prejudique os objectivos mais imediatos da equipa principal. E essa premissa não foi salvaguardada.

    ResponderEliminar
  15. Caro LdA, quando questiona a contratação de gauld por 3 milhões em tempos de austeridade, obviamente que se trata de uma questão politica.
    Sobre a questão tecnica, Gauld e Iuri só tem comum jogarem com o pé esquerdo e serem bons de bola. Por isso mesmo, não entendo o objetivo do post.

    ResponderEliminar
  16. Não percebo bem o fetiche pela altura dos jogadores Qual é o mal de a equipa actuar por exemplo com William(1,87), João Mario(1,79), Gauld(menos 7cm que adrien) e no ataque com Carrillo(1,80) na esquerda Iuri(1,74 menos 2 que nani) na direita e Slimani(1,88) no meio? na pratica da defesa para a frente o Sporting perderia 9 centímetros com estas alterações ou para jogar futebol têm todos de ter 1,80 para cima qua absurdo. a unica razão pela qual o iuri e o gauld não jogarem juntos é se o MS só pensar no iuri como 10 e nao como extremo onde rende menos. Espero que para a proxima jornada Wallyson e Gauld sejam convocados e que pelo menos 1 ocupe a vaga deixada por Adrien espero que seja o brasieleiro mas se for um dos esquerdinos já não é mau mas nunca andre martins é limitadissimo com a bola e não nada de especial a pressionar e recuperar bolas

    ResponderEliminar
  17. Bons empréstimos do Iuri,Chaby e Esgaio. Pode ser que apareçam propostas no fim da época e há muito talento para descobrir na Escócia. O Gauld é o próximo Dalglish.

    ResponderEliminar
  18. Neste texto, discordo sobretudo de uma frase:
    - "Já a necessidade da sua contratação, especialmente pelos números envolvidos, num tempo de apertada austeridade, está por comprovar".

    Discordo essencialmente por dois motivos.

    Em primeiro lugar, os números envolvidos não foram assim tão elevados. É certo que leva o rótulo de jogador mais caro da época, mas custou o mesmo que um ano de salários do Labyad, por exemplo, e não tem qualquer tipo de comparação com os valores gastos pelo SCP num passado recente ou com os valores gastos esta época pelos nosso rivais em jogadores como Samaris ou Reyes (esses sim exorbitantes).

    Em segundo, acho que não está por comprovar o valor do jogador, tanto mais que os jogadores britânicos são, como se sabe, sempre hipervalorizados pelos seus mercados de origem.

    Por último, uma palavra para o LdA, cuja leitura não dispenso e considero um dos maiores autores da blogosfera leonina: penso que deveria repensar o modo (essencialmente crítico) que usa para falar sobre o que "ainda está por comprovar" no Sporting. É que já começam a ser vários os exemplos de tiros ao lado.

    E não, não me estou a referir à conclusão deste texto, pois não sei se o Iuri vai ou não ser mais jogador que o Gauld (até porque não têm a mesma idade, estão em diferentes estágios de progressão e não têm muito a ver um com outro), mas às críticas feitas (antes de tempo, diria) aos empréstimos de Esgaio e do Iuri ou aos falhanços das renovações do Matheus e do Bubakar.

    ResponderEliminar
  19. Jô,

    onde estão as criticas antes do tempo "aos empréstimos de Esgaio e do Iuri ou aos falhanços das renovações do Matheus e do Bubakar?"

    ResponderEliminar
  20. Concordo com a nota, sem dúvida que o Gauld na massa adepta gera grande curiosidade e erradamente tende-se a hipervalorizar o que faz (como que a justificar a contrataçao a força).

    Estarei nos que mais gosta do Iuri - confesso que é o meu jogador preferido da formação e que até ja esperava que o ano passado jogasse (porra, jogou o salomao) - e graças a deus que as noticias do novo jornal oficial do clube o dao como certo. Agora, a compra do gauld nao me pareceu errada. Isto é, o argumento de ter o iuri nao me parece suficiente para se rejeitar a compra do outro. Acredito no talento dos dois, e que podem, no futuro (porventura, nao para o ano), jogar juntos.

    A compra do gauld será boa ou má consoante o que o rapaz fizer, na minha opiniao claro.
    SL

    ResponderEliminar
  21. Gauld foi o melhor jogador nesse dito jogo com o Belenenses. Como foi dos melhores em Guimarães, por exemplo.

    Só Wallyson se aproximou. Portanto ou o LdA não viu o jogo, ou pressupõe que os outros não tenham visto.

    Gauld e Iuri têm em comum serem esquerdinos, criativos e a sua baixa estatura. O escocês tem mais perfil de médio, Iuri de extremo/2ºavançado.

    Um é um equilibrador com capacidade criativa e de último passe, o outro é um desequilibrador. Um tem um sentido colectivo excepcional, o outro é fortissimo nos momentos de definição perto da área contrária.

    São 2 jogadores de grande talento e de ingresso obrigatório na A, na próxima época. Estranho que se critique esse talento.

    ResponderEliminar
  22. O mais interessante na generalidade das respostas é notar que aquilo de que me acusam tão frequentemente - má vontade na apreciação das medidas da actual direcção - é-me normalmente devolvido nos comentários. Isto sem falar na presunção com que se comenta, como é exemplo o registo anterior a este.

    No post não se contesta o valor do jogador nem a necessidade de se contratar jogadores talentosos. Ainda há poucos dias defendia aqui neste post

    http://anortedealvalade.blogspot.pt/2015/03/o-futuro-imediato-do-sporting-estara-na.html

    a necessidade de conservar os melhores para assim podermos crescer.

    O que este artigo quer dizer - e julgo que o faz - é que o Sporting em contenção de gastos poderia ter canalizado as verbas dispendidas em Gauld com maior proveito reforçando-se noutras posições que o plantel principal e a equipa B não contavam com jogadores com características e talento para o seu reforço. Seleccionei o exemplo de Gauld por comparação com Iuri pela sua actualidade. Mas este nem é um caso único na gestão dos recursos humanos à disposição. Podia falar em Slavchev / Wallyson ou até mesmo Chaby/Héldon por quem o Sporting deu 1 milhão de euros, por exemplo. Ou a contratação de Welder,Geraldes quando tínhamos já Miguel Lopes, Cédric e Esgaio.

    Exemplos como estes não faltam mas parece que muitos adeptos preferem terminar este tipo de conversas com o já tão habitual "sempre é melhor que o Pongolle ou Bojinov".

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ileteracia meu caro... Ou então é mesmo a tal má vontade...
      ;)

      SL!

      Eliminar
    2. Se tivesse referido Slavchev/Wallyson ou Geraldes/Esgaio, estaria de acordo.

      Como referiu Gauld, não posso.

      Não pela análise particular que fez a um dado jogo ( Restelo ), que nem por sombras Podence esteve sequer perto do nível de Gauld, como mais nenhum esteve, a não ser Wallyson.

      E não pela pertinência da sua contratação. É um jovem com qualidades técnicas e de inteligência de jogo muito acima da média e apresenta um sentido colectivo, mesmo nos momentos defensivos, que nenhum dos jogadores com caracteristicas predominantemente ofensivas que temos nos quadros da A e da B, têm.

      É sempre um risco fazer grandes vaticinios, mas Gauld tem tudo para ser uma das contratações mais certeiras deste clube, em muitos anos.

      Eliminar
  23. Respostas
    1. Iliteracia. Agradeço a correcção.

      Sobre Gauld, o Lion73 possui um optimismo que não sei de onde surgiu. De 1 jogo contra o Belém, não será de certeza... Mas oxalá esse seu optimismo venha a ter correspondência com a realidade.

      Eliminar
  24. Gauld e iuri são jovens cheios de qualidade. Gosto muito dos 2.
    Além disso não jogam na mesma posição!
    Mas adiante.
    Num exercício de imaginação, os dois são muito parecidos, jogam no mesmo posto.
    Qual é o problema? Não se pode ter 2 atletas promissores no mesmo plantel? Será que se pode considerar errado apostar em jovens que não vêm com o carimbo Alcochete?
    O Sporting tem de vender para ser economicamente sustentável. Se aparecer proposta por adrien ou João Mário, temos jovens como estes a aparecer! Sem termos de ir o mercado!
    Daqui a 3 ou 4 anos, gauld será jogador para custar uns milhões largos, completamente fora do alcance do clube!

    Eu sei que não gostam de bruno de carvalho. Mas porra! O homem é criticado por trazer shikabala e cisse, e por contratar o gauld. E que se num caso a crítica é aceitável, no outro é ridícula!

    MLV

    ResponderEliminar
  25. Lion73, o LdA anda a discutir esta questão há muitos anos, também falou, por exemplo, de um nigeriano maravilha e pequenito que veio para a Academia por 1 milhão de euros, do empréstimo para Israel de Carriço ou de Nuno Reis para a Bélgica, de Pedro Mendes, Zezinho, etc...

    Não foi o LdA que mudou a sua escrita, ou a vontade de analisar os méritos e defeitos das politicas que a cada momento "varrem" a Academia. Já a leitura dos seus posts, sem dúvida, evoluiu imenso.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Como referi, não me parece ter cabimento esta questão "Gauld". O puto já leva umas boas dezenas de jogos na B, esteve muito bem na Taça da Liga e apresenta condições a meu ver de eleição. Não obviamente a um patamar de "mini Messi", rótulo que vinha da Escócia, mas está aqui um bom exemplo do que deve ser feito no mercado externo.

      Como há outros maus exemplos, quer no passado mais longínquo, quer no mais recente e praticados por esta direcção. Não me parece de todo o caso de Gauld.

      Eliminar
  26. Virgilio:

    Jogo com o Belenenses incluído.

    Este jogo:

    https://www.youtube.com/watch?v=iYMffYzdHWE

    E muitos outros da B, inclusivamente ao vivo, que faço por me deslocar quando o Sporting B visita o Norte.

    É um jogador que me enche as medidas. Na B, Gauld e Wallyson. E até aposto mais nestes 2 que no Iuri e este até é um jogador que estou convencido que se vai afirmar também.

    ResponderEliminar
  27. "É sempre um risco fazer grandes vatícinios, mas Gauld tem tudo para ser uma das contratações mais certeiras deste clube, em muitos anos." + "...mas está aqui um bom exemplo do que deve ser feito no mercado externo." Infelizmente percebes tanto de futebol como de mercado. E não que 3 Milhões seja uma fortuna mas numa Academia em que andas a reduzir salários a outros com mais potencial torna a proporção de 30 Milhões. Nunca te passou ao menos pela cabeça que se ele valesse realmente metade de uma das contratações mais certeiras em muitos anos nunca tinha saído do RU? Ou quantos britânicos é que já brilharam em Portugal?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Mas há resposta possível a esse comentário? Se William fosse bom, nunca estava em portugal aos 22.anos. Se JM fosse bom, nunca estava em Portugal aos 22 anos. Se Tobias tivesse potencial, nunca estava em Portugal aos 21 anos.

      Gauld foi contratado com 18. Dezoito anos.

      E quero lá saber de quantos britânicos tiveram sucesso em Portugal ( e o Sporting até teve alguns - Babb e Meade ). Agora isso é critério para não se avançar para a contratação de um jovem que se reconhece qualidade e cujas caracteristicas até estão longe do futebol britânico?

      Uma pergunta: o Anónimo já o viu jogar, pelo menos?

      Eliminar
  28. LdA,

    É pá, podemos ficar aqui a brincar com as palavras, mas não haverá nestes excertos (retirados de diferentes posts) muita crítica precipitada?

    Bubacar é o segundo jogador este ano a sair de forma inesperada e aparentemente litigiosa, sem que o Sporting conseguisse, como pretendia, mantê-lo nos seus quadros.
    O desfecho acaba por não ser surpreendente, atendendo ao descontentamento expresso pelo seu empresário, dias antes.
    Virgílio Lopes conduziu as negociações com os progenitores, à revelia do agente do jogador, ao abrigo do que a FIFA estipula para jogadores menores.
    Torna-se importante perceber se esta sucessão de casos acarretará repercussões na capacidade negocial do clube, quer junto dos jogadores que já fazem parte dos seus quadros, quer também junto dos jogadores, clubes e demais agentes no mercado.

    Iuri Medeiros seguiu o mesmo caminho mas, como se pôde ver este fim-de-semana, Cayembe leva-lhe a dianteira nas preferências de Pedro Emanuel. Não há qualquer surpresa, atendendo ao trajecto do treinador e origem coincidente do jogador. Embora me pareça que a equipa ganha com a presença dos dois, ficam muitas dúvidas sobre a decisão.

    Cissé e Esgaio estão agora em Coimbra, uma equipa cuja direcção está longe de ser propriamente "Sporting friendly". Considerações "politicas" à parte, uma vez que a questão técnica me parece ser mais relevante para os jogadores, parece uma boa oportunidade, embora não tenha qualquer esperança por Cissé. A situação da equipa na tabela classificativa será o principal factor contra. Paulo Sérgio não é propriamente um treinador modelo, é duvidosa a sua continuidade, mas tem valor suficiente para as necessidades.

    As saídas de Fokobo e Iuri Medeiros para o Arouca estão consumadas. Estimo que o camaronês venha a ter missão mais facilitada que Iuri. Pela posição que ocupa no terreno e pelo que é habitualmente o jogo que o Arouca tem que fazer, embora seja claro que terá que fazer muito mais do que tem feito para tirar o lugar a Rui Sampaio. Já Iuri não terá que temer tanto pelo confronto directo com a concorrência mas sim pelas dificuldades que representam jogar na frente numa equipa como Arouca.

    SL

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Jô, não há qualquer precipitação ou sequer critica precipitada. Nesses posts exprimi as minhas dúvidas e mais do que legitimas, não mais do que isso e que preferes ver como uma critica. Fácil seria fazer o totobola à segunda-feira.

      O caso do Bubacar foi comentado por mim quando as noticias do abandono dele, real e efectivo, já tinham vários dias. Um processo semelhante ao do Zé Turbo.

      No caso do Iuri expresso as minhas dúvidas porque acima de tudo confio no valor do jogador e achei uma má decisão deixá-lo no banco em detrimento do Cayembe. Felizmente que o treinador também parece pensar finalmente como eu, os dois têm lugar na equipa e com ganhos para todos.

      Eliminar
  29. Já foi "descascado" nos comentários acima o principal problema deste post: o pretender criticar a direccao pela contratacao de um jovem com valor porque supostamente já havia outro jovem com valor (apesar de nao jogarem na mesma posicao, nao terem o mesmo perfil, etc) e a questao do tal jogo da Taca da Liga com o Belenenses, onde só quem nao viu a partida pode achar que Ryan Gauld nao foi o melhor jogador em campo pelo Sporting.

    Eu juntaria outro: uma certa tendencia para ser rápido demais no gatilho na crítica, mesmo quando a dita nao tem sustentacao. Ninguém aqui pretende camuflar os "flops" ou erros cometidos nas contratacoes. O que me parece um exercício por demais fútil é pegar em cada um deles (e o erro sumário do post foi tentar pegar num jogador que nem sequer está perto de poder ser caracterizado como "flop"...), somar o quanto custaram e dizer "com este dinheiro podia ter sido feito A e B". Epá, no Football Manager eu também acerto em 95% das contratacoes. Mas na vida real, conheco ZERO clubes que consigam, em 10 contratacoes, ter mais de 5 ou 6 jogadores que peguem de estaca (e isto já seria um rendimento fabuloso). Erros, haverá sempre - e é preciso convencermo-nos disto. Se se quiser fazer uma apreciacao das contratacoes feitas para o Sporting, entao faca-se um post honesto sobre o assunto e se menos de 30 ou 40% tiverem sido bem-sucedidas, critique-se objectivamente. Agora, pegar pelo Ryan Gauld... provavelmente um dos maiores talentos em potencia nos quadros actuais do Sporting... e a visibilidade que dá ao Sporting nos mercados de topo da Europa...
    Só para dar um exemplo: a revista norte-americana "World Soccer" publicou há dias uma lista dos 500 jogadores que considera mais importantes no planeta. Os únicos do Sporting sao: William Carvalho, Joao Mário, Nani e... Ryan Gauld. I rest my case.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Petinga,
      Passaste ao lado do post. Preferiste discutir o acessório do que a ideia central do post. A tua grande preocupação parece confinar-se às "críticas à direcção" como se de repente todos tivéssemos que prescindir desse direito e confinarmo-nós ai papel de cheerleaders.

      Lembro-te que este blogue está repleto de posts idênticos escritos com a mesma fundamentação e motivados pelas mesmas razões que as actuais, muitos dos quais receberam não só a tua concordância como o teu aplauso. Se alguém ou alguma coisa mudou não fui eu.

      Eliminar
    2. LdA

      Até pode ter sido o "acessório" na tua intencao - mas basta ler acima para perceber que nao fui só eu a achar que nao.
      Iuri Medeiros, Ryan Gauld e Wallyson sao 3 jogadores com muito potencial que devem fazer a pré-temporada 2015-16 com a equipa A. O resto sao "fait divers".

      Criticar a direccao é algo que nos assiste a todos. Criticar a direccao em coisas onde nao errou é difícil de aceitar vindo de alguém inteligente. Venha de lá um post sério de análise sobre as contratacoes e os erros que foram cometidos em vez de mensagens "acessórias".

      Eliminar
  30. Marcou 3 golos e fez 5 assistências na 1º Liga Portuguesa na segunda metade da época.
    E ganhou o prémio de melhor jogador da época do Arouca.

    Na minha opinião melhor que o mané em quase todos os aspectos, e o que o Gauld tem, o Iuri também o tem e ainda muito mais.

    ResponderEliminar

Este blogue compromete-se a respeitar as opiniões dos seus leitores.

Para todos os efeitos a responsabilidade dos comentários são de quem os produz.

A existência da caixa de comentários visa dar a oportunidade aos leitores de expressarem as suas opiniões sobre o artigo que lhe está relacionado, bem como a promoção do debate de ideias e não a agressão e confrontação.

Daremos preferência aos comentários que entendermos privilegiarem a opinião própria do que a opinião que os leitores têm sobre a opinião de terceiros aqui emitida. Esta será tolerada desde que respeite o interlocutor.

Insultos, afirmações provocatórias ou ofensivas serão rejeitados liminarmente.

Não serão tolerados comentários com links promocionais ou que não estejam directamente ligados ao post em discussão.

Sporting Clube de Portugal

Sporting Clube de Portugal

Prémios

Sporting 160 - Podcast

Os mais lidos no último mês

Blog Roll

Leitores em linha


Seguidores

Número de visitas

Free HTML Counters

Ultimos comentários

Blog Archive

Temas

"a gaiola da luz" (1) 10A (1) 111 anos (1) 1ª volta Liga Zon/Sagres 10/11 (3) 2010-2011 (1) 2016 (1) 8 (4) AAS (7) ABC (3) Abrantes Mendes (3) Academia (16) Académica-SCP (1) adeptos (94) Adrien (19) AdT (1) adversários (82) AFLisboa (2) AG (19) Alan Ruiz (2) Alexander Ellis (1) alma leonina (59) ambição (10) andebol (34) André Geraldes (2) André Marques (2) André Martins (6) André Pinto (1) André Santos (5) anestesia (3) angulo (5) aniversário "A Norte" (3) Aniversário SCP (4) antevisão (41) APAF (13) aplausos ao ruben porquê? (2) Aquilani (1) aquisições (85) aquisições 2013/14 (16) aquisições 2014/15 (18) aquisições 2015/16 (17) aquisições 2016/17 (10) aquisições 2017/18 (5) arbitragem (94) Associação de Basquetebol (6) ataque (1) Atitude (9) Atletico Madrid (1) Atlético Madrid (1) atletismo (6) auditoria (4) autismo (1) AVB és um palhaço (1) aventureiro (1) Bacelar Gouveia (2) Balakov (1) balanço (5) Baldé (4) balneário (3) banca (2) Barcos (3) Bas Dost (3) Bastidores (71) Batota (18) Battaglia (1) Beira-Mar (2) Belenenses (4) Benfica (1) BES (1) bilhetes (2) binários (1) Boal (1) Boateng (1) Boeck (2) Bojinov (7) Bolsa (2) Borússia Dortmund (1) Boulahrouz (2) Brasil (1) Braz da Silva (8) Brondby (4) Bruma (18) Bruno Carvalho (100) Bruno César (3) Bruno de Carvalho (9) Bruno Martins (20) Bryan Ruiz (5) Bubakar (1) BwinCup (1) cadeiras verdes (1) Cadete (1) Caicedo (5) calendário (2) Câmara Municipal de Lisboa (3) Campbell (2) Campeões (2) campeonato nacional (21) campeonatos europeus atletismo (2) Cândido de Oliveira (1) Caneira (2) Cape Town Cup (3) Capel (4) carlos barbosa (4) Carlos Barbosa da Cruz (2) Carlos Carvalhal (5) Carlos Freitas (7) Carlos Padrão (1) Carlos Severino (4) Carriço (6) Carrillo (10) Carrilo (3) carvalhal (30) Caso Cardinal (1) Casos (6) CD Liga (3) Cedric (7) Cervi (3) CFDIndependente (1) Champions League 2014/15 (9) Champions League 2015/16 (5) Chapecoense (1) CHEGA (1) Ciani (1) Ciclismo (3) CL 14/15 (2) Claques (9) clássicos (8) Coates (4) Coentrão (1) Coerência (1) colónia (1) comissões (2) competência (2) comunicação (68) Comunicação Social (21) Consciência (1) Conselho Leonino (2) contratações (6) COP (1) Coreia do Norte (1) Corradi (1) corrupção no futebol português (2) Cosme Damião (1) Costa do Marfim (3) Costinha (45) Couceiro (13) crápulas (1) credores (1) crise 2012/13 (21) Crise 2014/15 (2) Cristiano Ronaldo (1) cronica (3) crónica (15) cultura (4) curva Sporting (1) Damas (3) Daniel Sampaio (3) debate (5) defesa dos interesses do SCP (7) Del Horno (1) delegações (1) depressão (1) Derby (42) Derby 2016/17 (1) derlei (1) Desespero (1) Despedida (2) despertar (3) dia do leão (1) Dias da Cunha (1) Dias Ferreira (6) Diogo Salomão (4) director desportivo (18) director geral (5) direitos televisivos (4) Dirigentes (28) disciplina (6) dispensas (22) dispensas 2015/16 (1) dispensas 2016/17 (2) dispensas 2017/18 (1) djaló (10) Domingos (29) Doumbia (1) Doyen (4) Duarte Gomes (2) Ecletismo (60) Eduardo Barroso (6) Eduardo Sá Ferreira (2) eleições (19) eleições2011 (56) eleições2013 (26) eleições2017 (9) Elias (5) eliminação (1) empresários (11) empréstimo obrigacionista (3) entrevistas (63) Épico (1) época 09/10 (51) época 10/11 (28) época 11/12 (8) época 12/13 (11) época 13/14 (4) época 14/15 (8) época 15/16 (5) época 16/17 (7) época 17/18 (1) EquipaB (17) equipamentos (12) Eric Dier (8) Esperança (4) estabilidade (1) Estádio José de Alvalade (4) Estado da Nação (1) estatutos (6) Estórias do futebol português (4) estratégia desportiva (104) Estrutura (1) Euro2012 (6) Euro2016 (1) Europeu2012 (1) eusébio (2) Evaldo (3) Ewerton (4) exigência (2) expectativas (1) expulsão de GL (1) factos (1) Fafe (1) Fair-play (1) farto de Paulo Bento (5) fcp (12) FCPorto (9) Fernando Fernandes (1) FIFA (2) Figuras (1) filiais (1) final (1) final four (1) finalização (1) Finanças (24) fiorentina (1) Football Leaks (2) Formação (89) FPF (14) Francis Obikwelu (1) Francisco Geraldes (2) Frio (1) fundação aragão pinto (3) Fundação Sporting (1) fundos (14) futebol (9) futebol feminino (1) futebol formação (1) futebol internacional (1) Futre (1) Futre és um palhaço (4) futsal (23) futsal 10/11 (1) futuro (8) gabriel almeida (1) Gala Honoris Sporting (3) galeria de imortais (28) Gamebox (2) Gauld (5) Gelson (1) Gent (1) geração academia (1) Gestão despotiva (2) gestores de topo (10) Gilberto Borges (2) GL (2) glória (5) glorias (4) Godinho Lopes (27) Gomes Pereira (1) Governo Sombra (1) Gralha (1) Gratidão (1) Grimi (4) Grupo (1) Guerra Civil (2) guimarães (1) Guy Roux (1) Hacking (1) Heerenveen (3) Hildebrand (1) História (18) Holdimo (1) homenagem (5) Hóquei em Patins (7) Hugo Malcato (113) Hugo Viana (1) Humor (1) i (1) Identidade (11) Idolos (3) II aniversário (1) Ilori (4) imagem (1) imprensa (12) Inácio (5) incompetência (7) Insua (2) internacionais (2) inverno (2) investidores (3) Iordanov (6) Irene Palma (1) Iuri Medeiros (1) Izmailov (26) Jaime Marta Soares (3) Jamor (3) Janeiro (1) Jardel (2) jaula (3) JEB (44) JEB demite-se (5) JEB és uma vergonha (5) JEB rua (1) JEBardadas (3) JEBardice (2) Jefferson (3) Jeffren (5) Jesualdo Ferreira (14) JJ (1) JL (3) Joana Ramos (1) João Benedito (1) João Mário (6) João Morais (5) João Pereira (6) João Pina (3) João Rocha (3) Joaquim Agostinho (2) joelneto (2) Jogo de Apresentação (1) Jorge Jesus (44) Jorge Mendes (3) José Alvalade (1) José Cardinal (2) José Couceiro (1) José Eduardo Bettencourt (33) José Travassos (1) JPDB (1) Jubas (1) judo (6) Juniores (7) JVL (105) kickboxing (1) Kwidzyn (1) Labyad (7) Lazio (1) LC (1) Leão de Alvalade (496) Leão Transmontano (62) Leonardo Jardim (11) Liderança (1) Liedson (28) Liga 14/15 (35) Liga de Clubes (12) liga dos campeões (12) Liga dos Campeões 2016/17 (11) Liga dos Campeões 2017/18 (8) Liga Europa (33) Liga Europa 11/12 (33) Liga Europa 12/13 (9) Liga Europa 13/14 (1) Liga Europa 14/15 (1) Liga Europa 15/16 (11) Liga Europa10/11 (16) Liga NOS 15/16 (30) Liga NOS 16/17 (22) Liga NOS 17/18 (3) Liga Sagres (30) Liga Zon/Sagres 10/11 (37) Liga Zon/Sagres 11/12 (38) Liga Zon/Sagres 12/13 (28) Liga Zon/Sagres 13/14 (24) Lille (1) LMGM (68) losango (1) Lourenço (1) low cost (1) Luis Aguiar (2) Luis Duque (9) Luís Martins (1) Madeira SAD (4) Malcolm Allison (1) Mandela (2) Mané (3) Maniche (4) Manifesto (3) Manolo Vidal (2) Manuel Fernandes (7) Marca (1) Marcelo Boeck (1) Marco Silva (27) Maritimo (2) Marítimo (3) Markovic (1) Matheus Oliveira (1) Matheus Pereira (3) Mati (1) matías fernandez (8) Matias Perez (1) Mauricio (3) Meli (1) Memória (10) mentiras (1) mercado (41) Meszaros (1) Miguel Lopes (1) miséria de dirigentes (2) mística (3) Modalidades (25) modelo (3) Moniz Pereira (7) Montero (7) Moutinho (3) Mundial2010 (9) Mundial2014 (3) Mundo Sporting (1) Nacional (1) Naide Gomes (2) Naldo (3) naming (2) Nani (3) Natal (4) Naval (3) Navegadores (3) negócios lesa-SCP (2) NextGen Series (3) Noite Europeia (1) nonsense (23) Nordsjaelland (1) NOS (1) Notas de Imprensa (1) notáveis (1) nucleos (1) Núcleos (9) Nuno André Coelho (2) Nuno Dias (3) Nuno Saraiva (4) Nuno Valente (1) o (1) O Roquetismo (8) Oceano (1) Octávio (1) Olhanense (1) Olivedesportos (1) Onyewu (7) onze ideal (1) opinião (6) oportunistas (1) orçamento (3) orçamento clube 15/16 (1) organização (1) orgulho leonino (17) Oriol Rosell (3) paineleiros (15) Paiva dos Santos (2) paixão (3) papagaios (8) pára-quedista (1) parceria (2) pascoa 2010 (1) pasquins (7) património (2) patrocínios (5) Paulinho (1) paulo bento (19) Paulo Faria (1) Paulo Oliveira (3) Paulo Sérgio (43) paulocristovão (1) Pavilhão (11) pedrada (1) Pedro Baltazar (8) Pedro Barbosa (5) Pedro Madeira Rodrigues (3) Pedro Mendes (4) Pedro Silva (2) Pereirinha (6) Peyroteo (2) Piccini (1) Pini Zahavi (2) Pinto Souto (1) plantel (31) plantel 17/18 (3) play-off (2) play-off Liga dos Campeões 17/18 (5) PMAG (3) Podence (1) Polga (5) Pongolle (5) Pontos de vista (15) por amor à camisola (3) post conjunto (5) Postiga (7) PPC (7) Pranjic (2) pré-época (2) pré-época 10/11 (7) pré-época 11/12 (43) pré-época 12/13 (16) pré-época 13/14 (16) pré-época 14/15 (22) pré-época 15/16 (20) pré-época 16/17 (12) pré-época 17/18 (9) prémio (1) prémios stromp (1) presidente (4) Projecto BdC (1) projecto Roquette (2) promessas (3) prospecção (2) Providência Cautelar. Impugnação (1) PS (1) Quo vadis Sporting? (1) Rabiu Ibrahim (2) râguebi (1) raiva (1) RD Slovan (1) reacção (1) redes sociais (1) Reestruturação financeira (17) reflexãoleonina (21) reforços (15) regras (4) regulamentos (1) Relatório e Contas (11) relva (10) relvado sintético (4) remunerações (1) Renato Neto (3) Renato Sanches (1) respeito (7) resultados (1) revisão estatutária (5) Ribas (2) Ribeiro Telles (4) Ricardo Peres (1) Ricciardi (2) ridiculo (1) ridículo (2) Rinaudo (8) Rio Ave (2) Rita Figueira (1) rivais (6) Rodriguez (2) Rojo (4) Ronaldo (12) rtp (1) Rúbio (4) Rui Patricio (18) Rui Patrício (4) Sá Pinto (31) SAD (25) Salema (1) Sarr (4) Schelotto (2) Schmeichel (2) scouting (1) SCP (64) Segurança (1) Selecção Nacional (38) seleccionador nacional (5) Semedo (1) SerSporting (1) Shikabala (2) Silly Season2017/18 (2) Símbolos Leoninos (3) Sinama Pongolle (1) Sistema (4) site do SCP (3) SJPF (1) Slavchev (1) slb (21) Slimani (11) Soares Franco (1) sócios (16) Sócrates (1) Solar do Norte (14) Sondagens (1) sorteio (3) Sousa Cintra (1) Sp. Braga (2) Sp. Horta (1) Spalvis (2) Sporting Clube de Paris (1) Sporting160 (1) Sportinguismo (2) sportinguistas notáveis (2) SportTv (1) Stijn Schaars (4) Stojkovic (3) Sunil Chhetri (1) Supertaça (3) sustentabilidade financeira (40) Taça CERS (1) Taça Challenge (5) taça da liga (11) Taça da Liga 10/11 (7) Taça da Liga 11/12 (3) Taça da Liga 13/14 (3) Taça da Liga 14/15 (2) Taça da Liga 15/16 (4) Taça da Liga 16/17 (1) Taça da Liga 17/18 (1) Taça das Taças (1) Taça de Honra (1) Taça de Liga 13/14 (3) Taça de Portugal (12) Taça de Portugal 10/11 (3) Taça de Portugal 10/11 Futsal (1) Taça de Portugal 11/12 (12) Taça de Portugal 13/14 (3) Taça de Portugal 14/15 (8) Taça de Portugal 15/16 (4) Taça de Portugal 16/17 (4) Taça de Portugal 17/18 (2) táctica (1) Tales (2) Tanaka (1) Ténis de Mesa (2) Teo Gutierrez (5) Tertúlia Leonina (3) Tiago (3) Tonel (2) Torneio Guadiana 13/14 (1) Torneio New York Challenge (4) Torsiglieri (4) Tottenham (1) trabalho (1) transferências (5) transmissões (1) treinador (90) treino (4) treinos em Alvalade (1) troféu 5 violinos (5) TV Sporting (5) Twente (2) Tziu (1) uefa futsal cup (4) Uvini (1) Valdés. (3) Valores (14) Veloso (5) vendas (8) vendas 2013/14 (2) vendas 2014/15 (1) vendas 2016/17 (5) vendas 2017/18 (1) Ventspils (2) Vercauteren (5) Vergonha (7) video-arbitro (5) Villas Boas (8) Viola (1) Virgílio (98) Virgílio1 (1) Vitor Golas (1) Vitor Pereira (6) Vitória (1) VMOC (7) Vox Pop (2) VSC (3) Vukcevic (10) WAG´s (1) William Carvalho (13) Wilson Eduardo (2) Wolfswinkel (12) Wrestling (1) Xandão (4) Xistra (3) Zapater (2) Zeegelaar (2) Zezinho (1)