segunda-feira, 16 de junho de 2014

Derrota com a Alemanha: o dia do achamento de uma humilhação

Não gosto de misturar a palavra "humilhação" com a actividade desportiva. Não há humilhação na derrota mais copiosa desde que quem perde entregue a totalidade do seu esforço a contrariar os vencedores. Não foi isso que aconteceu hoje no Brasil, na primeira participação da equipa portuguesa no Mundial 2014. Erros indesculpáveis em profissionais habituados a jogar ao mais alto nível como o do Pepe e uma série de opções infelizes de Paulo Bento deram uma imagem desprezível da selecção nacional. 

A envolvente histórico-social carrega ainda mais a negro a pobre exibição portuguesa. Nunca é demais lembrar que o jogo decorreu a poucos quilómetros do primeiro desembarque de Pedro Alves Cabral, que o Brasil é um país a quem nos unem estreitos laços, quer pelas várias gerações de emigrantes agora renovadas por sangue novo, quer mesmo pelos muitos brasileiros que gostam de Portugal, como muitos de nós gostam do Brasil. Esta componente afectiva adensa o peso da derrota. Ainda me lembro de andar algum tempo zangado com o futebol por causa da derrota do Brasil ante a Itália no Mundial de Espanha.

A conferência de imprensa que antecedeu o jogo já havia revelado o que há de pior em Paulo Bento, exibindo um azedume excessivo e de todo injustificado, levando a suspeitar que não estaria no ponto de equilíbrio ideal para tomar as melhores decisões. Não sei se a equipa que propus no post anterior daria melhor conta de si, mas é quase tenebroso pensar que não haja quem possa fazer melhor do que Meireles, João Pereira, Bruno Alves, e Hugo Almeida, por exemplo.

A lesão de Coentrão remete-nos novamente para o acerto de Paulo Bento na hora de escolher o plantel à sua disposição. André Almeida deixou bem claro que a fama de "o bom polivalente" é manifestamente excessiva, não restando grandes dúvidas que melhor seria que Miguel Veloso recuasse à posição para lembrar velhos tempos. 

As alusões individuais acima não invalidam a contestação inevitável: o naufrágio é colectivo, o peso dos erros e falhas individuais de uns arrastou os restantes. Fica também o registo de uma equipa desequilibrada emocionalmente, traduzida não apenas na patetice de Pepe, mas também nas decisões Bruno Alves ou na exibição de Patricio, que esteve longe ser um referencial de acerto, segurança e equilíbrio que se pede na sua posição.

A tão comentada ausência de Wiliam Carvalho acaba por ser uma boa noticia para o próprio, que assim não se vê envolvido no naufrágio da Bahia e o Mundial continua ser um espaço para a confirmação do seu valor. Devo dizer que a sua ausência nem sequer me surpreendeu atendendo ao que foram as suas últimas participações no campeonato e mesmo nos jogos de preparação do Mundial,o que terá levado Paulo Bento a fazer a opção que hoje se conhece.

Não seríamos que somos se, após o jogo de hoje, não déssemos tudo como irremediavelmente perdido, o Ronaldo como medíocre - imagine-se os outros... - e a habitual procissão de horrores já em curso. É evidente que os danos emocionais, a que se juntam as ausências forçadas de Pepe e Coentrão, têm que ser devidamente resolvidas e não aprofundados com acumulação de novos erros. Mas não deixa de ser verdade que o tudo ou nada que agora nos encontramos é o caldo de cultura onde habitualmente se reproduz o melhor dos nossos jogadores, pelo que é manifestamente exagerado olhar já para os jogos que restam da qualificação como um triste adeus português.

Sobre a arbitragem e o tradicional choradinho tuga o que diriamos agora se o árbitro não marcasse a nosso favor lances como o de João Pereira ou deixasse em campo um jogador alemão que fizesse o que fez Pepe?

16 comentários:

  1. Jogo horrível e um naufrágio coletivo. Não escapou ninguém. Um keeper nervoso e desastrado, uma defesa a oferecer golos, um meio campo varrido pelo adversário e um ataque inofensivo. É certo que a Alemanha é a Alemanha, mas é bem capaz de ter sido a pior exibição da seleção numa grande competição - ao nível do desastre frente a Marrocos no México ou frente à Coreia do Sul em 2002.

    E a situação é negra quando temos de ganhar os próximos dois jogos. Parece-me que a entrada de William é obrigatória com o recuo de Veloso para a lateral esquerda e talvez não fosse má ideia pôr Patrício no banco. Mas isso não resolve em nada o défice de criatividade do nosso meio campo, a Ronaldo-dependência que daí advém e a nulidade assustadora dos avançados-centro que nos restam (Éder e o inacreditável Postiga).

    ResponderEliminar
  2. Estou agora a ver a repetição do jogo. Aos 7m quando após o péssimo alívio do Rui, alguém me explica como os comentadores da RTP depois de analisarem o lance dizem que o Patrício estava mal posicionado quando o Pepe lhe atrasa a bola??? que o alívio é mau é mas e o atraso. Para desmarcação na frente de ataque era bom mas ele quando passa vê para onde vai atirar a bola e não teria culpas num eventual golo? Em directo ouvi o lance pela Antena 1 onde pela descrição pensei pura e simplesmente que o Rui tivesse tapado os olhos e atirado a bola à sorte. Agora que vi o lance vi que foi mau mas em recurso, eu teria atirado para a linha lateral, mas o GR foi surpreendido. Ainda bem que o Paulo Bento foi enrabado com 4 na traseira sem este golo senão nunca se calariam.

    SL

    ResponderEliminar
  3. Meio campo inexistente. Veloso não se viu. Meireles viu-se pq era o único moicano em campo. Moutinho, como médio mais adiantado, não resulta (ai Danny, Danny... eu sabia que ia sentir saudades...) e só se deu por ele a marcar cantos...

    Depois o colapso emocional com Pepe mais uma vez no olho do furacão. Até acredito que não se tenha apercebido de ter acertado na fronha do Muller, mas aquela posterior reacção extemporânea só podia acabar como acabou. Antes mostrou que não estava em "forma" e acumulou erros, no que foi acompanhado pelo colega do lado (vide segundo e terceiro golos) e por João Pereira. Tb não me surpreende qd suspirei pela inteligência (em campo) de um Ricardo Carvalho...

    Patricio a dar abébias com os pés (uma em cada parte, sendo que o quarto golo nasce numa dessas más reposições da bola). Os Almeidas são a prova viva dos equívocos "convocatórios" de PB. O André livrou-se de cometer penalty por uma unha negra e o seu desnegonço à esquerda foi qlq coisa de ridiculamente triste. (Por onde andas tu, Antunes?)


    Resumindo: viu-se uma equipas sem ideias, sem garra, sem o mínimo de intensidade competitiva e sem poder de reação à adversidade, mas o pior que tudo isso,é que não se notou um pingo de organização colectiva. Nem a defender, nem a atacar... Valeu o óbvio levantar de pé no acelerador germânico para as coisas não tomares proporções (ainda) mais catastróficas.

    PB é um treinador limitado e um péssimo selecionador. É bom que se comece a pensar numa renovação geracional da equipa das quinas. Não sei se isso será possível com tanto conservadorismo de PB... Mts que seguiram com o sargentão Bento, estão gastos e mais parece a brigada do reumático: Meireles, Veloso, o próprio Nani (que hj nem foi dos piores) perdeu aquela capacidade explosiva que o caracterizava. Hélder Postiga lesionado, Hugo Almeida (surpresa!) lesionou-se. (Hello, Bébé? onde andas tu com essa pujança toda?)

    Oxalá me engane, mas parece-me que este mundial vai ser penoso.

    A questão do lateral esquerdo explode, previsivelmente nas mãos de PB... Mais cedo que o previsto, mas teria que acontecer. Logo no primeiro jogo teve que recorrer a adaptações tendo Antunes realizado uma época fantástica em Espanha...

    Na única inovação de PB, o Éder, resultou o melhor jogador português em campo... E o melhor do mundo? Fez o que pode no meio de tanto desacerto dos colegas e dum deserto de ideias tão gritante...

    Ah só ma nota ao Pedro E: a derrota de 2002 com a Coreia do Norte não foi vergonha nenhuma. Lembro-me bem desse jogo, da injustiça do rsultado e do azar que a selecção teve (mts oporunidades desperdiçadas, bolas no poste e uma evidente protecção arbitral aos coreanos)... Só se estiver a referir ao João Pinto que protagonizou um episódio mt infeliz, sim, que perdeu a cabeça, mt tb derivado de um caseirismo revoltante do arbitro...

    Apesar de tudo, e pq gosto mt do meu país e pq q selecção já me deu tantas alegrias vou continuar a acreditar.

    O próximo onze contra os States:

    R Patricio;
    JPereira, Luis Neto, B Alvez e... Miguel Velos (não vejo mais ng...)
    WCarvalho, JMoutinho (não temos mais ng para fingir de médio ofensivo) e R Amorim;
    Nani, Éder e CR7..

    É domindo, de manhã vou à missa... colocar umas velinhas.

    ResponderEliminar
  4. Como diria o outro... O oncle Sam é que vai pagar a factuar!!! :)

    Força Portugal!

    ResponderEliminar
  5. Nada está perdido, ainda existem mais dois jogos para conseguir o apuramento que nos põe a caminho o 1° classificado do Grupo H, mas o jogo de hoje com a Alemanha, foi mau demais, e todos tiveram a sua quota parte da culpa, começando pelo treinador Paulo Bento, que não gosta de mudanças, mantendo um conservadorismo alarmante.
    Acredito que com o que vou dizer, possivelmente não vai agradar a muitos, mas Paulo Bento e um teimoso obsessivo, formatou uma equipa, e não muda a forma de jogar, tanto faz que esteja a jogar com o Luxemburgo ou contra a Alemanha.
    A equipa ele, não altera, não mexe no estilo de jogar, sempre o mesmo, e bastou ver os primeiros 15 minutos de jogo, que estávamos em maus lençóis, pois os alemães tinham mais gente no meio campo, embora a primeira grande oportunidade tenha sido do CR7, Portugal pôs-se a jeito, e tudo aconteceu.
    O Cantinho mencionou a entrada de William e Adrien, que seriam jogadores a entrar na equipa, era uma inovação, mas Paulo Bento não quer, tem um chip, e não muda. Julgo que começou a perder o jogo de Salvador da Baia já em Lisboa, com as convocatórias que fez. Ricardo Quaresma, era mau balneário, Tiago não estava em causa, Danny não se sabe porque, o Adrien não foi convocado, só por ter feito uma grande época, "não convoco jogadores só porque fizeram uma boa época" e lá vamos cantando e rindo.
    Esperemos pelo capítulo seguinte, e aguardemos que a FIFA, não tenha visto o gesto de Meireles, porque aquilo que o barbudo fez ao árbitro e num mínimo para um ou dois jogos de castigo, embora estejam a fazer passar que foi com dedos indicadores.

    ResponderEliminar
  6. Onde é que está a humilhação?!

    Em Portugal, com cerca de 10 milhões de habitantes, há pouco mais de 300.000 jogadores federados e na Alemanha com cerca de 80 milhões de habitantes, há cerca de 6 milhões de jogadores federados, que correspondem a 60% da população total portuguesa.

    E depois a nossa selecção é Ronaldo com mais 2 ou 3 bons jogadores.

    Queriam milagres?

    Deixaram-se "embebedar" pelos pasquins destes País e agora sentem-se defraudados.Só quem não conhece o real valor do futebol português, que não tem nada a ver com aquilo que os clubes fazem nas competições europeias, com clubes como o porto e o benfica que jogam práticamente o ano inteiro sem jogadores portugueses, como é que se pode exigir uma selecção nacional com valor?

    Não estou nada chatiado com o resultado, porque já o esperava.O sistema, muito bem instalado nos órgãos do futebol nacional, está lá para defender os interesses de alguns e desde há muito que se caga para as representações ditas nacionais no estrangeiro.

    Uma andorinha não faz a primavera e o Ronaldo não pode fazer uma equipa.

    ResponderEliminar
  7. Paulo Bento é demasiado conservador, não apostar na renovação desta equipa é um completo tiro nos pés. Esta equipa é a mesma que perdeu com a Alemanha em 2012 (apenas trocou Postiga por Hugo Almeida!) ...isto cabe na cabeça de alguém?

    Só olha a estatutos e descura completamente forma física e a época que findou. O João Pereira, o Meireles, o Hugo Almeida, o André Almeida (!!) estão lá a fazer o quê? Muitos fracos mesmo. Antunes, Cédric, Adrien, Danny ou Bebé podiam ser opções neste momento mas estão em casa.

    William e Ruben Amorim têm de entrar no 11 imediatamente! E sinceramente o Patrício não dá segurança actualmente, a titularidade do Beto neste momento tb se justifica.

    ResponderEliminar
  8. Mais que fazer agora uma análise individual, o mais importante é saber porquê é que o colectivo falhou em quase tudo.
    Desde o Europeu que esta seleção não anda a jogar nada. Fizemos uma fase de grupos mediocre, e mesmo no playoff passamos graças ao génio de Ronaldo.
    No entanto, jogam sempre os mesmos.
    Não há qualquer cultura de exigência nesta equipa.
    E acho que isso depois se vÊ, na sucessão de erros individuais que vão desde o gr até ao ponta de lança, passando pelo melhor do mundo.

    Sinceramente, acho que contra os USA vamos ver mais do mesmo.

    ResponderEliminar
  9. Ah! OK! Percebido! Futebol resulta da geografia, estatística e demografia de cada país... Pronto, vamos levar outra cabazada do EUA...

    Se 80M de habitantes estão para 4 golos sofridos,
    300M dá praí uns (deixa cá fazer a conta…) "quinje a jero"...

    FDX!!! Se eu fosse o Bento desistia... ah... espera lá... Não é preciso, pq ser goleado pelos EUA não é humilhação nenhuma, afinal os sobrinhos do Oncle Sam constituem a maior potencia mundial... e tem mais jogadores federados no soccer do que nós no futebol (até duvido que sejam 300 mil...)

    Só há uma coisa que me escapa... Qd o Carlinhos Manuel e colegas, tds de bigodaça em riste, derrotaram a Alemanha fora nos idos de oitenta, quais eram as estatísticas e a demografia de cada um dos Países em compita? E pq é que nunca antes papamos 4 secos qd jogamos contra o poderio germânico? Às tantas, no passado não existiam interesses instalados na FPF!... Pois, era isso, no tempo dos Saltillos é que td rolava na perfeição.

    Força PB, aconteça o que acontecer, estás desculpado.

    ResponderEliminar
  10. Não se podia esperar mais duma selecção para onde só entram os amigos do dono, e onde depois por incrível que pareça só jogam mesmo os melhores dos melhores amigos do dono.

    Fazem-se jogos de preparação, ganham-se jogos de preparação, utilizam-se os jogadores com menos nome, mas claramente em melhor forma, e depois....mete-se novamente o refugo todo no primeiro jogo oficial.

    Bruno Alves,Veloso,meireles,hugo almeida são substituídos de caras por neto,william,ruben amorim, e edér. sem espinhas,

    E porque não mesmo joao pereira por andré almeida...(cedric deve-se estar a rir e muito....)

    Rui Patricio...ja ganhaste mais uma epoca no Sporting. Muito fraco neste jogo...sinceramente punha o Beto neste momento.

    Cedric,Antunes, Adrien, Danny, Quaresma, Bebé...e vendo bem até mesmo João Mario...davam muito mas mesmo muito mais jeito do que muitos dos que lá estão.

    Quando se faz uma convocatoria, e não se levam os jogadores que estão em melhor forma...quando mesmo depois dentro dos que se levam ainda se escolhem os que estão pior...está tudo dito.

    E convenha-mos...juntando o que fez Pepe...e as azelhiçes de outros colegas...psicologicamente, e disciplinarmente está algo muito errado nesta selecção...talvez a excessiva "apaparicarão" habitual...

    ResponderEliminar
  11. Vi o EUA - Gana e fiquei mais confiante. Estava com bastante receio dos EUA porque normalmente têm uma condição física invejável nestas competições, mas estão de rastos como os outros... Até gostei da vitória contra o Gana, dá-lhes um gostinho de revanche e sinceramente até a Alemanha D ganha contra eles.

    O Gana é uma equipa à nossa imagem, tem capacidade (talento) para chegar aos 4º de final, se tudo correr bem, ou ficar pela fase inicial, se tudo correr mal.

    A dificuldade acrescida das equipas à nossa imagem é ser um grupo de jogadores sem rotinas entre si de clube, ontem a Alemanha jogou com 6 ou 7 jogadores do Bayern na equipa principal, talvez no banco estivessem alguns que individualmente fossem superiores, mas o treinador Alemão não abdicou dessa vantagem tão importante numa competição de selecções.

    Aliás, nos nossos grandes resultados a nível de selecções estiveram sempre na base, mais do que talentos individuais, que sempre os houve, uma base forte de uma equipa Portuguesa com sucesso. Hoje falta isso e era por essa razão que nunca abdicaria de levar William, Adrien e Martins, há lá melhor mas sem a rotina destes três, provavelmente reforçaria o meio campo do Sporting com Moutinho no lugar de Martins.

    Resumindo, ganhar aos EUA sem espinhas e preparar o Mata-Mata com o Gana, será um jogo fantástico com as sortes a puderem cair para qualquer dos lados.

    A minha equipa para o próximo jogo:

    Patrício (que ontem sofreu 3 penaltys e não defendeu nenhum...)

    João Pereira, Neto, Alves, Almeida

    William, Moutinho e Amorim

    Nani, Ronaldo, Éder

    ResponderEliminar
  12. Ah, já agora, no 4º golo da Alemanha o Muller está em fora de jogo, é um fora de jogo à Montero, aconteceu meia hora antes do passe e do golo, mas se eu tive que aturar uma época inteira de "golos" em fora de jogo este também pode contar.

    ResponderEliminar
  13. Uma imensidão de equívocos:

    - um seleccionador sem qualidade técnico-táctica
    - um seleccionador sem orgulho próprio
    - um seleccionador que optou por preservar o seu emprego e quem o ofereceu, em vez de pensar pela sua própria cabeça
    - uma convocatória cheia de erros
    - a única selecção que leva 3 pontas de lança (para 7 jogos)
    - não há defesas laterais a não ser os titulares
    - não há modelo de jogo
    - não há uma estratégia ou jogada pensada e trabalhada
    - a última selecção a chegar ao Brasil
    - uma selecção e FPF que não se interessa por história (conhecem a Coreia e Japão 2002? Macau?
    - um guarda-redes que não fez 1 jogo durante 1 mês inteiro (11 de Maio - 11 de Junho)
    - 3 titulares que só treinam em pleno há menos de 1 semana
    - um 11 completo obcecado com um só jogador (o lance de Coentrão que passa em vez de rematar é o exemplo máximo)
    - jogadores cheios de experiência mas que dão cabeçadas em adversários (já antes tinham dado pontapés, por isso qual é a novidade?)
    - jogadores que não servem para os seus clubes mas que agora serão titulares num Mundial
    - jogadores que jogam no 3º mundo futebolístico e que tiveram meio ano sem competição devido a possível guerra civil (Ucrânia)

    Mas isto vai dar. Vamos ganhar o que falta e passar.

    Se Paulo Bento colocar Miguel Veloso na esquerda (que era o que devia fazer) demonstra que a convocatória do André Almeida teve por base objectivos extra-futebol.

    ResponderEliminar
  14. Cantinho,
    Muito bom. Já sabes de quais discordo, por isso limito-me a acrescentar esta:
    - um selecionador sem qualquer tipo de criatividade, que se limitou a formar o grupo dos óbvios e que os vai levar até ao fim, sem permitir a entrada de "estranhos" que possam perturbar as partidas de sueca nos estágios...

    ResponderEliminar
  15. "o grupo dos óbvios e que os vai levar até ao fim, sem permitir a entrada de "estranhos" que possam perturbar as partidas de sueca nos estágios..."

    Koba,

    Tudo pelo grupo. O importante é o grupo e que sejam todos amigos.
    E além da malta da suecada, é importante levar jogadores que não têm ambição de lutar por um lugar no 11, aquele tipo de jogador inconformado que não acha que já seja bom estar nos 23. Esse tipo de jogador não interessa.

    ResponderEliminar
  16. Parabéns Cantinho, um comentário bastante lúcido, mas o Paulo Bento não vai por o Miguel, como lateral esquerdo, era o reconhecimento que só tinha levado um defesa esquerdo, e que estava a dar razão em quem sempre quis o Antunes. Muitos tem crucificado o Rui Patrício pelo 4° golo sofrido, uma pergunta:
    Quem perdeu a bola a meio campo, e que marcação tinha o jogador alemão na ala direita que recebeu a bola e se isolou, onde andava o Almeida, o jogador que Paulo Bento disse que fazia 3 lugares, finalmente não estava em lado nenhum. Outro ponto controverso foi o do pontapé que isolou Kedira, que felizmente não deu golo. Nesta jogada Rui Patrício está perto do defesa que não posso indicar quem foi, todos sabemos que o nosso GR, tem dificuldades em jogar com o pé direito, então o defesa passa a bola para o lado direito, lado contrário, obrigando o Rui a uma correria para chutar a bola em condições! Claro, que numa situação desta natureza pode sair asneira e foi o que aconteceu. Uma questão pertinente, como é que um GR da seleção nacional que vai defender a baliza no jogo com a Alemanha, não entra nos 3 jogos de preparação?
    Não, Paulo Bento não muda, vai jogar com a mesma equipa, com as alternativas forçadas do ponta de lança, neste caso deverá ser Éder, que foi uma agradável surpresa ontem, do Almeida no lugar do Coentrão, que deve estar afastado do Mundial, o castigado Pepe, deverá ser Ricardo Costa, e vamos ver se Meireles também é contemplado, mas se assim for deverá recair o lugar deste para Ruben Amorim.

    ResponderEliminar

Este blogue compromete-se a respeitar as opiniões dos seus leitores.

Para todos os efeitos a responsabilidade dos comentários são de quem os produz.

A existência da caixa de comentários visa dar a oportunidade aos leitores de expressarem as suas opiniões sobre o artigo que lhe está relacionado, bem como a promoção do debate de ideias e não a agressão e confrontação.

Daremos preferência aos comentários que entendermos privilegiarem a opinião própria do que a opinião que os leitores têm sobre a opinião de terceiros aqui emitida. Esta será tolerada desde que respeite o interlocutor.

Insultos, afirmações provocatórias ou ofensivas serão rejeitados liminarmente.

Não serão tolerados comentários com links promocionais ou que não estejam directamente ligados ao post em discussão.

Sporting Clube de Portugal

Sporting Clube de Portugal

Prémios

Sporting 160 - Podcast

Os mais lidos no último mês

Blog Roll

Leitores em linha


Seguidores

Número de visitas

Free HTML Counters

Ultimos comentários

Blog Archive

Temas

"a gaiola da luz" (1) 10A (1) 111 anos (1) 1ª volta Liga Zon/Sagres 10/11 (3) 2010-2011 (1) 2016 (1) 8 (4) AAS (7) ABC (3) Abrantes Mendes (3) Academia (16) Académica-SCP (1) adeptos (94) Adrien (19) AdT (1) adversários (82) AFLisboa (2) AG (19) Alan Ruiz (2) Alexander Ellis (1) alma leonina (59) ambição (10) andebol (34) André Geraldes (2) André Marques (2) André Martins (6) André Pinto (1) André Santos (5) anestesia (3) angulo (5) aniversário "A Norte" (3) Aniversário SCP (4) antevisão (41) APAF (13) aplausos ao ruben porquê? (2) Aquilani (1) aquisições (85) aquisições 2013/14 (16) aquisições 2014/15 (18) aquisições 2015/16 (17) aquisições 2016/17 (10) aquisições 2017/18 (5) arbitragem (94) Associação de Basquetebol (6) ataque (1) Atitude (9) Atletico Madrid (1) Atlético Madrid (1) atletismo (6) auditoria (4) autismo (1) AVB és um palhaço (1) aventureiro (1) Bacelar Gouveia (2) Balakov (1) balanço (5) Baldé (4) balneário (3) banca (2) Barcos (3) Bas Dost (3) Bastidores (72) Batota (19) Battaglia (1) Beira-Mar (2) Belenenses (4) Benfica (1) BES (1) bilhetes (2) binários (1) Boal (1) Boateng (1) Boeck (2) Bojinov (7) Bolsa (2) Borússia Dortmund (1) Boulahrouz (2) Brasil (1) Braz da Silva (8) Brondby (4) Bruma (18) Bruno Carvalho (100) Bruno César (3) Bruno de Carvalho (9) Bruno Martins (20) Bryan Ruiz (5) Bubakar (1) BwinCup (1) cadeiras verdes (1) Cadete (1) Caicedo (5) calendário (2) Câmara Municipal de Lisboa (3) Campbell (2) Campeões (2) campeonato nacional (21) campeonatos europeus atletismo (2) Cândido de Oliveira (1) Caneira (2) Cape Town Cup (3) Capel (4) carlos barbosa (4) Carlos Barbosa da Cruz (2) Carlos Carvalhal (5) Carlos Freitas (7) Carlos Padrão (1) Carlos Severino (4) Carriço (6) Carrillo (10) Carrilo (3) carvalhal (30) Caso Cardinal (1) Casos (6) CD Liga (3) Cedric (7) Cervi (3) CFDIndependente (1) Champions League 2014/15 (9) Champions League 2015/16 (5) Chapecoense (1) CHEGA (1) Ciani (1) Ciclismo (3) CL 14/15 (2) Claques (9) clássicos (8) Coates (4) Coentrão (1) Coerência (1) colónia (1) comissões (2) competência (2) comunicação (68) Comunicação Social (21) Consciência (1) Conselho Leonino (2) contratações (6) COP (1) Coreia do Norte (1) Corradi (1) corrupção no futebol português (2) Cosme Damião (1) Costa do Marfim (3) Costinha (45) Couceiro (13) crápulas (1) credores (1) crise 2012/13 (21) Crise 2014/15 (2) Cristiano Ronaldo (1) cronica (3) crónica (15) cultura (4) curva Sporting (1) Damas (3) Daniel Sampaio (3) debate (5) defesa dos interesses do SCP (7) Del Horno (1) delegações (1) depressão (1) Derby (42) Derby 2016/17 (1) derlei (1) Desespero (1) Despedida (2) despertar (3) dia do leão (1) Dias da Cunha (1) Dias Ferreira (6) Diogo Salomão (4) director desportivo (18) director geral (5) direitos televisivos (4) Dirigentes (28) disciplina (6) dispensas (22) dispensas 2015/16 (1) dispensas 2016/17 (2) dispensas 2017/18 (1) djaló (10) Domingos (29) Doumbia (1) Doyen (4) Duarte Gomes (2) Ecletismo (60) Eduardo Barroso (6) Eduardo Sá Ferreira (2) eleições (19) eleições2011 (56) eleições2013 (26) eleições2017 (9) Elias (5) eliminação (1) empresários (11) empréstimo obrigacionista (3) entrevistas (63) Épico (1) época 09/10 (51) época 10/11 (28) época 11/12 (8) época 12/13 (11) época 13/14 (4) época 14/15 (8) época 15/16 (5) época 16/17 (7) época 17/18 (1) EquipaB (17) equipamentos (12) Eric Dier (8) Esperança (4) estabilidade (1) Estádio José de Alvalade (4) Estado da Nação (1) estatutos (6) Estórias do futebol português (4) estratégia desportiva (104) Estrutura (1) Euro2012 (6) Euro2016 (1) Europeu2012 (1) eusébio (2) Evaldo (3) Ewerton (4) exigência (2) expectativas (1) expulsão de GL (1) factos (1) Fafe (1) Fair-play (1) farto de Paulo Bento (5) fcp (12) FCPorto (9) Fernando Fernandes (1) FIFA (2) Figuras (1) filiais (1) final (1) final four (1) finalização (1) Finanças (24) fiorentina (1) Football Leaks (2) Formação (89) FPF (14) Francis Obikwelu (1) Francisco Geraldes (2) Frio (1) fundação aragão pinto (3) Fundação Sporting (1) fundos (14) futebol (9) futebol feminino (1) futebol formação (1) futebol internacional (1) Futre (1) Futre és um palhaço (4) futsal (23) futsal 10/11 (1) futuro (8) gabriel almeida (1) Gala Honoris Sporting (3) galeria de imortais (28) Gamebox (2) Gauld (5) Gelson (1) Gent (1) geração academia (1) Gestão despotiva (2) gestores de topo (10) Gilberto Borges (2) GL (2) glória (5) glorias (4) Godinho Lopes (27) Gomes Pereira (1) Governo Sombra (1) Gralha (1) Gratidão (1) Grimi (4) Grupo (1) Guerra Civil (2) guimarães (1) Guy Roux (1) Hacking (1) Heerenveen (3) Hildebrand (1) História (18) Holdimo (1) homenagem (5) Hóquei em Patins (7) Hugo Malcato (113) Hugo Viana (1) Humor (1) i (1) Identidade (11) Idolos (3) II aniversário (1) Ilori (4) imagem (1) imprensa (12) Inácio (5) incompetência (7) Insua (2) internacionais (2) inverno (2) investidores (3) Iordanov (6) Irene Palma (1) Iuri Medeiros (1) Izmailov (26) Jaime Marta Soares (3) Jamor (3) Janeiro (1) Jardel (2) jaula (3) JEB (44) JEB demite-se (5) JEB és uma vergonha (5) JEB rua (1) JEBardadas (3) JEBardice (2) Jefferson (3) Jeffren (5) Jesualdo Ferreira (14) JJ (1) JL (3) Joana Ramos (1) João Benedito (1) João Mário (6) João Morais (5) João Pereira (6) João Pina (3) João Rocha (3) Joaquim Agostinho (2) joelneto (2) Jogo de Apresentação (1) Jorge Jesus (44) Jorge Mendes (3) José Alvalade (1) José Cardinal (2) José Couceiro (1) José Eduardo Bettencourt (33) José Travassos (1) JPDB (1) Jubas (1) judo (6) Juniores (7) JVL (105) kickboxing (1) Kwidzyn (1) Labyad (7) Lazio (1) LC (1) Leão de Alvalade (496) Leão Transmontano (62) Leonardo Jardim (11) Liderança (1) Liedson (28) Liga 14/15 (35) Liga de Clubes (12) liga dos campeões (12) Liga dos Campeões 2016/17 (11) Liga dos Campeões 2017/18 (8) Liga Europa (33) Liga Europa 11/12 (33) Liga Europa 12/13 (9) Liga Europa 13/14 (1) Liga Europa 14/15 (1) Liga Europa 15/16 (11) Liga Europa10/11 (16) Liga NOS 15/16 (30) Liga NOS 16/17 (22) Liga NOS 17/18 (5) Liga Sagres (30) Liga Zon/Sagres 10/11 (37) Liga Zon/Sagres 11/12 (38) Liga Zon/Sagres 12/13 (28) Liga Zon/Sagres 13/14 (24) Lille (1) LMGM (68) losango (1) Lourenço (1) low cost (1) Luis Aguiar (2) Luis Duque (9) Luís Martins (1) Madeira SAD (4) Malcolm Allison (1) Mandela (2) Mané (3) Maniche (4) Manifesto (3) Manolo Vidal (2) Manuel Fernandes (7) Marca (1) Marcelo Boeck (1) Marco Silva (27) Maritimo (2) Marítimo (3) Markovic (1) Matheus Oliveira (1) Matheus Pereira (3) Mati (1) matías fernandez (8) Matias Perez (1) Mauricio (3) Meli (1) Memória (10) mentiras (1) mercado (41) Meszaros (1) Miguel Lopes (1) miséria de dirigentes (2) mística (3) Modalidades (25) modelo (3) Moniz Pereira (7) Montero (7) Moutinho (3) Mundial2010 (9) Mundial2014 (3) Mundo Sporting (1) Nacional (1) Naide Gomes (2) Naldo (3) naming (2) Nani (3) Natal (4) Naval (3) Navegadores (3) negócios lesa-SCP (2) NextGen Series (3) Noite Europeia (1) nonsense (23) Nordsjaelland (1) NOS (1) Notas de Imprensa (1) notáveis (1) nucleos (1) Núcleos (9) Nuno André Coelho (2) Nuno Dias (3) Nuno Saraiva (4) Nuno Valente (1) o (1) O Roquetismo (8) Oceano (1) Octávio (1) Olhanense (1) Olivedesportos (1) Onyewu (7) onze ideal (1) opinião (6) oportunistas (1) orçamento (3) orçamento clube 15/16 (1) organização (1) orgulho leonino (17) Oriol Rosell (3) paineleiros (15) Paiva dos Santos (2) paixão (3) papagaios (8) pára-quedista (1) parceria (2) pascoa 2010 (1) pasquins (7) património (2) patrocínios (5) Paulinho (1) paulo bento (19) Paulo Faria (1) Paulo Oliveira (3) Paulo Sérgio (43) paulocristovão (1) Pavilhão (11) pedrada (1) Pedro Baltazar (8) Pedro Barbosa (5) Pedro Madeira Rodrigues (3) Pedro Mendes (4) Pedro Silva (2) Pereirinha (6) Peyroteo (2) Piccini (1) Pini Zahavi (2) Pinto Souto (1) plantel (31) plantel 17/18 (3) play-off (2) play-off Liga dos Campeões 17/18 (5) PMAG (3) Podence (1) Polga (5) Pongolle (5) Pontos de vista (15) por amor à camisola (3) post conjunto (5) Postiga (7) PPC (7) Pranjic (2) pré-época (2) pré-época 10/11 (7) pré-época 11/12 (43) pré-época 12/13 (16) pré-época 13/14 (16) pré-época 14/15 (22) pré-época 15/16 (20) pré-época 16/17 (12) pré-época 17/18 (9) prémio (1) prémios stromp (1) presidente (4) Projecto BdC (1) projecto Roquette (2) promessas (3) prospecção (2) Providência Cautelar. Impugnação (1) PS (1) Quo vadis Sporting? (1) Rabiu Ibrahim (2) râguebi (1) raiva (1) RD Slovan (1) reacção (1) redes sociais (1) Reestruturação financeira (17) reflexãoleonina (21) reforços (15) regras (4) regulamentos (1) Relatório e Contas (11) relva (10) relvado sintético (4) remunerações (1) Renato Neto (3) Renato Sanches (1) respeito (7) resultados (1) revisão estatutária (5) Ribas (2) Ribeiro Telles (4) Ricardo Peres (1) Ricciardi (2) ridiculo (1) ridículo (2) Rinaudo (8) Rio Ave (2) Rita Figueira (1) rivais (6) Rodriguez (2) Rojo (4) Ronaldo (12) rtp (1) Rúbio (4) Rui Patricio (18) Rui Patrício (4) Sá Pinto (31) SAD (25) Salema (1) Sarr (4) Schelotto (2) Schmeichel (2) scouting (1) SCP (64) Segurança (1) Selecção Nacional (38) seleccionador nacional (5) Semedo (1) SerSporting (1) Shikabala (2) Silly Season2017/18 (2) Símbolos Leoninos (3) Sinama Pongolle (1) Sistema (4) site do SCP (3) SJPF (1) Slavchev (1) slb (22) Slimani (11) slolb (1) Soares Franco (1) sócios (16) Sócrates (1) Solar do Norte (14) Sondagens (1) sorteio (3) Sousa Cintra (1) Sp. Braga (2) Sp. Horta (1) Spalvis (2) Sporting Clube de Paris (1) Sporting160 (1) Sportinguismo (2) sportinguistas notáveis (2) SportTv (1) Stijn Schaars (4) Stojkovic (3) Sunil Chhetri (1) Supertaça (3) sustentabilidade financeira (40) Taça CERS (1) Taça Challenge (5) taça da liga (11) Taça da Liga 10/11 (7) Taça da Liga 11/12 (3) Taça da Liga 13/14 (3) Taça da Liga 14/15 (2) Taça da Liga 15/16 (4) Taça da Liga 16/17 (1) Taça da Liga 17/18 (1) Taça das Taças (1) Taça de Honra (1) Taça de Liga 13/14 (3) Taça de Portugal (12) Taça de Portugal 10/11 (3) Taça de Portugal 10/11 Futsal (1) Taça de Portugal 11/12 (12) Taça de Portugal 13/14 (3) Taça de Portugal 14/15 (8) Taça de Portugal 15/16 (4) Taça de Portugal 16/17 (4) Taça de Portugal 17/18 (2) táctica (1) Tales (2) Tanaka (1) Ténis de Mesa (2) Teo Gutierrez (5) Tertúlia Leonina (3) Tiago (3) Tonel (2) Torneio Guadiana 13/14 (1) Torneio New York Challenge (4) Torsiglieri (4) Tottenham (1) trabalho (1) transferências (5) transmissões (1) treinador (90) treino (4) treinos em Alvalade (1) troféu 5 violinos (5) TV Sporting (5) Twente (2) Tziu (1) uefa futsal cup (4) Uvini (1) Valdés. (3) Valores (14) Veloso (5) vendas (8) vendas 2013/14 (2) vendas 2014/15 (1) vendas 2016/17 (5) vendas 2017/18 (1) Ventspils (2) Vercauteren (5) Vergonha (7) video-arbitro (5) Villas Boas (8) Viola (1) Virgílio (98) Virgílio1 (1) Vitor Golas (1) Vitor Pereira (6) Vitória (1) VMOC (7) Vox Pop (2) VSC (3) Vukcevic (10) WAG´s (1) William Carvalho (13) Wilson Eduardo (2) Wolfswinkel (12) Wrestling (1) Xandão (4) Xistra (3) Zapater (2) Zeegelaar (2) Zezinho (1)