quarta-feira, 31 de julho de 2013

Breve balancete da pré-época

A mais ou menos um mês do final da janela de transferências um balanço rápido sobre o que tem sido o defeso. 

Programação da época
Demasiado acidentada. Até agora 2 jogos anulados sem explicação satisfatória para o sucedido. As razões logísticas para o adiamento do jogo em Nice não foram suficientes para que a Roma lá se apresentasse à última hora, como aqui foi bem observado.

Abordagem do mercado: Ficará sempre indelevelmente marcada pela inabilidade com o que o dossier Bruma foi abordado, mesmo que este venha a ser remediado, embora haja efeitos perniciosos que não poderão já ser anulados. E também pela truculenta relação com os empresários e com os clubes (negócios Thuram, Viola). Demasiadas frentes em aberto, demasiada exposição com efeitos práticos nulos ou até negativos. Um livro antecipadamente aberto em relação aos jogadores pretendidos, com desfechos negativos perniciosos para a imagem do clube.

Vendas / Dispensas: O dossier mais difícil de resolver tendo em conta o elevado lote de jogadores, com elevados salários e valor de mercado em baixa e que por isso só deverá conhecer o desfecho nos últimos segundos. Não será porém surpreendente que um ou outro jogador acabe por continuar ligado ao clube, por comodismo proporcionado por um ordenado chorudo ou por falta de pretendentes ou ambos. Pela dificuldade envolvida requer paciência e nervos de aço.Valores muito baixos no negócio com o PSV por Schaars / Árias. Critério muito duvidoso nas dispensas de Farley Rosa, Luiz Cortês e Ricardo Tavares na formação.

Aquisições: Cissé, Welder, Mauricio, Magrão não acrescentaram nada ao que não tivéssemos já no plantel ou não pudéssemos remediar. Apesar do valor de Montero ser ainda uma incógnita, dificilmente não significará uma melhoria, face ao que Jardim tinha à disposição. São muitas as dúvidas de estas serem as tais aquisições cirúrgicas ou se andamos a gastar no farelo e poupar na farinha. Experiências anteriores com jogadores à procura da redenção ou do relançamento das suas carreiras (Angulo, Paredes, Pranjic, Bojinov, etc.) também ajudam pouco a ver algumas destas aquisições com confiança, especialmente o caso de Magrão, o mais caro de todos. Face aos jogadores já em carteira e ao momento financeiro 2 a 3 aquisições seriam suficientes, o que constituiria uma mensagem coerente com a "aposta nos jogadores da casa".  Para lá deste número, a haver mais, seriam em função de saídas, como pode acontecer com Patrício ou outro eventual bom negócio.

Melhor contratação: Leonardo Jardim. Pelo que se pôde ver no jogo de apresentação, os princípios são bons. Com a assimilação dos conceitos e consolidação de processos é expectável  mais consistência e evolução positiva.  Dúvidas legitimas sobre o que seremos capazes de fazer no último terço do terreno. Tal estará também dependente do material humano à disposição do treinador, o que até agora me parece insuficiente. Mas como é também o telhado, é por aí que a construção de uma equipa acaba. Aguardemos. O que todos esperamos dele é consiga o fundamental em qualquer equipa de futebol: que o todo seja superior à soma de todas as partes. Isso conseguido e as insuficiências e limitações individuais acabam por passar despercebidas.

A renovação de João Mário e William Carvalho, de entre as efectuadas com jogadores da casa até ao momento, são excelentes noticias pelo que já valem e pelo que valerão no futuro.

32 comentários:

  1. Programação da época
    Concordo com a apreciação. Penso que as anulações prejudicam a evolução da equipa...

    Abordagem do mercado
    Mais uma vez de acordo. A situação de Bruma não foi gerida de forma adequada. A ruptura só deveria ter existido após esgotar todos os cenários e não me parece que tenha sucedido (a rábula do cancelamento das reuniões é taxativo).

    Vendas / Dispensas
    Aqui já não vejo as coisas da mesma maneira. Não só a herança é pesadíssima, como a reestruturação coloca constrangimentos extremamente complexos. Farley Rosa, Luiz Cortês e Ricardo Tavares? Who? Seriam importantes para o futuro do clube ou tornar-se-iam apenas em mais custos?

    Aquisições
    Antecipar valor ou qualidade é muito complicado. Parece-me, no entanto, que foram jogadores pedidos pelo treinador. E ele é que terá que os enquadrar... Se se confia na qualidade de LJ, parece-me óbvio que se terá que lhe dar crédito pelos jogadores que chegaram com o seu aval.

    cmps

    ResponderEliminar
  2. com a quantidade de casos que estão dúbios por tantos, ou é duma imbecibilidade atroz ou duma genialidade tamanha! inacreditável.

    e tinha tudo para ser um defeso sossegado. entrar um DE e dois PL e resolver as saídas de Onyewu, Boularhouz, Pranjic, Bojonov, Jeffren e Schaars. ir tratando das renovações dos jogadores.

    mas não...não consigo perceber tantos problemas.

    ResponderEliminar
  3. Tem sido uma pré-epoca muito atribulada.

    Esta nova direcção está nalguns casos ainda a aprender e não se safou de alguns episódios - alguns a roçar até o amadorismo.

    No entanto tem sido e ao contrario do que se podia prever - uma pre-epoca até agora positiva em termos de exibições e resultados.

    A figura do treinador é consensual e os jovens da academia vão-se mostrando cada vez mais.

    Importa dizer que esta é uma pre-epoca completamente anormal - vivemos uma profunda crise financeira, que claramente nos dá menos capacidade negocial, seja para renovar contratos seja para ir ao mercado buscar soluções que pelo menos complementem e deixem crescer os nossos putos.

    É a primeira epoca na historia do Sporting em que não podemos lutar pelo titulo nacional - apesar de todos nós termos sempre essa esperança - esse é o legado das direcções anteriores - principalmente da ultima que foi desastrosa a todos os niveis.

    Pela primeira vez no inicio de uma epoca, existe pelo menos a nivel da blogosfera leonina uma certa divisão entre os Sportinguistas, existindo uma certa facção que religiosamente faz vida a por em causa e criticar tudo o que se faz e não se faz no nosso clube - esquecendo-se por completo do estado em que o clube estava há 4 meses e do trabalho monumental que espera esta ou outras direcções que venham a passar pelo Sporting.

    Saudações Leoninas

    ResponderEliminar
  4. É importante referir que o clube estava completamente armadilhado: salários em atraso, jogadores com contratos milionários sem rendimento desportivo, jovens da formação na montra da primeira liga sem contratos que salvaguardassem os interesses do clube.

    Posto isto, concordo com o post:
    - pré-época atribulada demais, com o cancelamento de 2 jogos, torneio de Lisboa que por acaso acabou por correr bem.
    - Bruma nunca poderia ter ido ao Mundial sem renovar antes
    - Leonardo Jardim foi a melhor contratação.
    - Concordo com o comentário do Tiago em que a contratação de 1 defesa esquerdo e 2 avançados bastavam.

    Tenho de comentar outra coisa sobre o dia de apresentação no passado sábado. Em vez daquele jogo de caca que antecedeu o jogo..."Quem é quem?" em que uma foto de um jogador do Sporting aparecia desfocada e os adeptos tinham de adivinhar quem era...não era muito mais importante ter demonstrações dos vários desportos do clube no campo?!

    Para além da divulgação dos vários desportos junto do nosso público, da divulgação das conquistas das diferentes modalidades que fomenta a grandiosidade do clube, este tipo de eventos movimenta as famílias dos desportistas e enche mais o estádio!

    Parece-me que faz todo o sentido os nossos dirigentes pensarem nisso.

    ResponderEliminar
  5. LdA, uma análise muito lúcida

    Apenas não o posso acompanhar em dois temas:
    - nas dispensas na formação, e simplesente porque não conheço os jogadores em causa;
    - nas contratações de 1 central e de 1 médio, porque as entendia como necessárias: podemos discutir se estes eram os jogadores certos (Maurício e Magrão) mas, a meu ver, um central com alguma experiência (a defesa é muito jovem) e um médio com características diferentes dos nossos (e com outra experiência) eram jogadores a contratar.

    Um abraço e SL

    ResponderEliminar
  6. Endho,
    esperemos que corra bem. Como diria o JJ, isso do aval do treinador é uma faca de dois legumes. Acima do interesse pontual de quem é o treinador estão os interesses do clube. Nós é que ficamos com os nabos e as tronchudas para despachar.

    ResponderEliminar
  7. Tiago,
    concordo no essencial, havia o ambiente necessário para cerrar os dentes e voltar para o interior e para os nossos recursos.

    Jorge Alemão,
    são tão indesejáveis os que estão permanente contra como os que acham que tudo é bem feito porque sim ou se não é é porque há algures uma desculpa qualquer que nunca tem a ver com os intervenientes director mas sim com terceiros.

    ResponderEliminar
  8. PM
    sem duvida, de outra forma não teria havido eleições.
    Boa ideia relativamente à apresentação é confesso que estive para dizer isso no post sobre a matéria.
    A realização de uma Sportinguiada anual está no programa eleitoral é dificilmente se encontrará melhor ocasião para ela ter lugar com envolvente humana adequada.

    ResponderEliminar
  9. Koba
    obrigado é abraço retribuido.

    A questão da experiência só é importante se está for boa :-)

    mais a sério tenho algumas dúvidas relativamente ao que ganhámos com Maurício que Reis não mostra pudesse dar. Um erro em tudo semelhante ao desleixo com Pedro Mendes. Oxalá seja erro meu, mesmo concedendo que tem um estilo que fará as delícias da Bancada. Onyewu é um bom exemplo do que pode ser a disparidade entre o valor real e o afectivo.

    Dos jogadores mencionados Vila jogar o Farley e não tenho dúvidas que, entre pares era dos melhores. Os outros têm percursos com distinção no clube é selecções nos vários escalões.

    Relativamente a necessidade de um médio e para jogar como Jardim gosta era o sector que, à luz das circunstâncias, era onde menos via necessidade de investir.

    ResponderEliminar
  10. LdA, de acordo, se fosse experiência por experiência tínhamos ido buscar o Bock ao Freamunde :)

    Antecipo que o Jardim queira ter a possibilidade de fazer um triângulo 1x2 no MC, deixando o André Martins na meia-direita e o Magrão, quem sabe, na meia esquerda. Qual o jogador do plantel que poderia servir este modelo? Creio que nenhum. Ou melhor: o Adrien do último jogo, talvez; o Adrien da última época, duvido.

    Mas estou a especular, aguardemos e espero que tanto o Maurício como o Magrão sejam mais do que foram o Onyewu (bom exemplo) e o Schaars.

    SL

    PS: já agora, o senhor da faca de dois legumes era o grande Jaime Pacheco, nessa o JJ está inocente.

    ResponderEliminar
  11. Rapidamente porque o trabalho está a bombar!

    Programação da época

    Tenho cá para mim que os "problemas logísticos" têm que ver com quem pagava as despesas de deslocação e alojamento. Não estando garantidas estas despesas por parte da organização... foi-se.

    Abordagem do mercado: Não incluo Bruma em mercado, para já é funcionário do clube com uma divergência laboral/contratual. A questão com os empresários ainda tem muitas peripécias para acontecer, nós não estamos sozinhos no mundo e parece que há muitas direcções do EmpresárioFC.

    Vendas / Dispensas: O sucesso da reforma financeira passa mais por esta pasta (nos próximos anos) do que por qualquer outro factor. Parece redutor mas é assim mesmo.

    Aquisições: A qualidade, qualidade a sério, continua no mesmo sitio, na Academia Sporting (ler o último paragrafo), o resto é malta a ver se "levanta a cabeça"...

    Melhor contratação: Leonardo Jardim. Assino por baixo.

    ResponderEliminar
  12. LDA

    Concordo que não deve haver um seguidismo cego com esta direcção ou com qualquer outra.

    Mas sabendo das dificuldades encontradas(que todos conhecemos, mas alguns preferem ignorar) não consigo perceber a necessidade de estar a questionar sempre tudo.

    Estamos no inicio de uma nova epoca - as decisões agora tomadas vão ter repercussões em breve - vamos esperar pelo resultados desportivos e financeiros, comparar com o que foi feito anteriormente e julgar, como sempre.

    ResponderEliminar
  13. É tão legitimo questionar as saídas do Farley Rosa ou do Cortez como na altura foi as do Mateus Fonseca ou do Altair Junior.

    São opções, afinal não podem ficar todos.

    ResponderEliminar
  14. Koba,
    as minhas desculpas pelos erros no meu comentário resultante da correcção automática do telemóvel.

    "obrigado e abraço retribuído"

    "Dos jogadores mencionados vi jogar o Farley e não tenho dúvidas que, entre pares, era dos melhores. Os outros têm percursos com distinção no clube e selecções nos vários escalões."

    Creio que entre Labyad, Carrillo, Adrien, Martins, João Mário, Rinaudo estaríamos "controlados" dentro do espírito da época que assim se perde um pouco.

    Gosto de colocar as minhas observações no devido momento, em que me parecem fazer mais sentido, que é no inicio de época, face à informação disponível. Como é óbvio não pretendo que tal constitua uma condenação dos jogadores em causa, esperando estar enganado.

    No fundo é isso que conta, os resultados práticos, são eles que validam as boas ideias, mesmo até quando elas não o são.






    ResponderEliminar
  15. Não poria a questão do ponto de vista da legitimidade.

    De facto não podemos ficar com todos e vamos encontrar sempre razões que nos levarão a questionar algumas decisões, especialmente quando estas envolvem jogadores de que gostamos e acreditamos que poderiam vir a ser importantes para o clube.

    Dos jogadores que falas nenhum deles teve na sua época a importância de Farley e Tavares apesar de no inicio das suas carreiras se esperar muito deles. À medida que progrediam nos escalões de formação foram perdendo fulgor e nunca foram preponderantes.

    Mas se não podemos ficar com todos faz sentido que se dê prioridade aos jogadores da casa, fazendo pouco sentido que se mandem estes embora para ir buscar Hugos Sousas e afins.

    ResponderEliminar
  16. Subscrevo o post no essencial. Preparação da pré-época muito acidentada. Aquisições ter-me-ia limitado ao Montero. Estou seguro que estamos perante um jogador que sem ser Lobo nem Falcão fará a diferença e marcará a história do clube. Dos outros, Maurício, Welder, Magrão e Cissé tinha adquirido o Cissé para rodar na B e evoluir porque tem potencial, faltando-lhe ecola. Betinho seria a minha aposta junto com Montero. Trocava no entanto os custos de Maurício, Welder e Magrão por um outro ponta-de-lança com créditos firmados. O Sporting já mostrou que não precisa de contratar ninguém e ainda mais se renovar com Illori - que é jogador por mais dois anos e que deve ser aposta esta ano - e se conseguir o milagre de Bruma. Se Bruma sair necessita de alguém para as alas porque, como se viu frante ao Real Sociedade a produção atacante é fraca. Recordam-se da influência de Bruma na melhoria da parte final da época passada? Leonardo Jardim é um bom treinador e tem gerido muito bem o silêncio. A equipa tem evoluído e se não joga mais a culpa não é dele. O pior que lhe pode acontecer é começarem a chegar jogadores que são "antigos amores" do treinador madeirense, como referiram a propósito de Magrão e falam acerca de Kanu. Eu fechava a loja não comprava mais ninguém dispensava os inúteis e toca a trabalhar. Há muita gente na equipaA e na B para elevar o Sporting e para valorizar jogadores que são a única chance para tirar o Sporting do caos financeiro.

    ResponderEliminar
  17. LdA,
    Repare que depois de ver quais foram as soluções escolhidas também não fiquei particularmente entusiasmado. O ponto e que os nomes que refere não preencherão, digo eu, a tal lacuna no caso de o triângulo no meio campo ser invertido. Mas já tive a discussão noutros fóruns e começo a perceber que estou isolado na doutrina :). Sendo absolutamente honesto, não conheço em profundidade as nossas opções na equipa B (gostei de ver o João Mário, por exemplo, mas foram poucos jogos). Se as houver para esse lugar, obviamente que não faz sentido ir ao mercado, ainda menos num ano em que, supostamente, estamos (?) a apostar na formação.
    SL

    ResponderEliminar
  18. Koba,

    partindo do princípio que um meio campo de 3 unidades, no 4-3-3 clássico, que corresponde à escola holandesa é composto por um médio defensivo de recuperação de bolas (vulgo 6), por um médio de equilíbrios e de manutenção de posse de bola (vulgo 8) e por um médio criativo e de último passe (vulgo 10).

    o Sporting tem e tinha já nos seus quadros jogadores para essas funções. Rinaudo e Wiliam (6), Adrien e André Martins (8) e Labyad (10).

    já na equipa B temos Fokobo (6), Zezinho e João Mário (8) e Filipe Chaby (10). isto só para citar os casos mais promissores.

    a estes acrescentam-se Palhinha (6), Kikas (8) e o muito promissor Cristian Ponde (10). embora este último seja aquilo a que se pode chamar um 10 moderno. que joga mais avançado no terreno. mais próximo do PL, quase como 2º avançado.

    ora, como se vê, há qualidade de sobra na academia. e como diz e bem no seu último parágrafo, este ano deveria ser de aposta na formação. incompreensivelmente, as indicações vão noutro sentido...

    SL

    ResponderEliminar
  19. Não avaliando todos os jogadores contratados, porque não os conhecendo a fundo, penso que a estratégia base para esta epoca foi - continuar a apostar na formação (50% dos jogadores do plantel principal são da formação) e substituir os estrangeiros alguns dos estrangeiros, por outros com menor cartel e necessariamente mais baratos.

    Essas trocas significam encaixes financeiros importantes - welder, magrão, mauricio são reconhecidamente jogadores mais baratos que Boularouz, Miguel Lopes e Schaars - resta agora comparar com o que os que sairam fizeram e o que estes que entram agora vão fazer.

    ResponderEliminar
  20. 1 - Rui Patrício
    2 - Welder
    3 - Maurício
    4 - Jefferson
    5 - Marcos Rojo
    8 - André Martins
    10 - Gerson Magrão
    11 - Diego Capel
    14 - William Carvalho
    15 - Eric Dier
    17 - Fredy Montero
    18 - Carrillo
    20 - Labyad
    21 - Rinaudo
    22 - Boeck
    23 - Adrien Silva
    28 - Wilson Eduardo
    41 - Cédric
    92 - Cissé

    Jorge Alemão,

    Pode-me dizer onde estão 50% de jogadores da formação no plantel principal? E portugueses, também são 50%? E com as saídas de Patrício e (fazem tanta força para isso) de Adrien?
    Ok, coloque lá o João Mário e Esgaio...

    Não vendam uma coisa que não é real. Há aposta na formação? Há? Mas calma, porque novidades vindas da formação só há duas: William e Wilson; até houve mais jogadores brasileiros contratados do que essa aposta na formação.

    ResponderEliminar
  21. Com tanto brasileiro que já chegou, com mais um mês inteiro de mercado pela frente e com tanto brasileiro ainda em trânsito para Alvalade a grande aposta é na formação? Quer-me parecer que só se for na brasileira, para já a ideia que fica é que na leonina acabou com as eleições e que voltamos a estar bem servidos com o Inácio.

    ResponderEliminar
  22. Cantinho do Morais

    Como sabe este ano o plantel da equipa principal está bastante mais reduzido e em vez dos 26/27 jogadores normais iremos ter apenas 20 jogadores de campo + 2 GR. O que significa que vários jogadores da equipa B jogarão com alguma regularidade na equipa pincipal, aliás como já aconteceu no jogo de apresentação.

    Não vejo Adrien fora do Sporting e Patricio neste momento tanto pode sair como ficar.

    Para além disso acredito que Ilori e Bruma venham a fazer parte da equipa principal

    Agora compare esta realidade com a realidade no inicio da epoca passada e veja se as diferenças são assim tão pequenas como diz

    ResponderEliminar
  23. Cantinho,

    Idealmente, na minha opinião, deveriam constar dessa lista os nomes de Arias, Ilori, João Mário, Bruma e Betinho. O que elevaria para 11 o número de jogadores formados no clube. Daria um sinal inequívoco de aposta na nossa formação! Era brutal!

    Na calha estariam os nomes de Nuno Reis, Ricardo Esgaio e Vitor Golas para fazer face a alguma venda.

    Eu sei que era uma aposta corajosa/arriscada mas faria todo o sentido. É o primeiro ano do mandato, não há competições europeias e o título não parece um objectivo realista nos próximos 3 anos.

    E sendo assim, não tinha ido buscar Maurício, Welder e Magrão (embora os 2 últimos tenham vindo emprestados com opção).

    ResponderEliminar
  24. Não é preciso perder muito tempo a pensar que a lista acima citada tem apenas 19 jogadores.

    Mesmo que venha mais algum reforço ( também poderá haver uma ou outra saída ), o plantel curto obriga, por necessidade e estratégica a recorrer à equipa B. Com João Mário e Esgaio na linha da frente, com Chaby e Ponde a terem as suas oportunidades e a mostrarem serviço, sim, estão reunidas as condições para que mais de 50% dos jogadores que o Sporting vai utilizar esta época, sejam provenientes da formação.

    Seria um defeso bem mais tranquilo se o entulho pago a peso de ouro por quem muitos salivaram e contribuíram para um clube à beira da falência, tivesse por aí outros Godinhos e Freitas dispostos a pagar mediocridade com milhões.

    Até ver, bom comportamento da equipa. Dinâmica, com gosto de ter a bola e com resultados razoáveis, bem acima da pré época do ano passado, com pseudo estrelas que levavam na boca de equipas de divisões secundárias e com um futebol horroroso.

    ResponderEliminar
  25. Nuno Bispo,

    Esses 19 jogadores da lista não fui eu que os coloquei lá. Foram os jogadores apresentados no passado sábado em Alvalade.

    PM,

    Sem espinhas. Sem tirar nem pôr. Contratava-se o defesa esquerdo, regressava Carriço (ontem títular em Sevilha, para a Liga Europa e golo - mesmo totós estes sevilhanos...) e tentava-se o Hugo Viana e 1 ponta de lança (à falta de Wolfs). Loja fechada.

    Jorge Alemão,

    Esqueça o Bruma e o Ilori, é mais fácil assim. E prepara-se para o discurso "renovámos com 15 jovens (e ainda bem, embora ache excessiva as renovações de Luís Ribeiro, Wilson e Mica) e só não renovámos com 2 (Bruma e Ilori, talvez os mais importantes e urgentes) mas não foi por culpa nossa, mas sim da direcção anterior."

    Se Bruma até pode ser imputado à direcção anterior (mas também a esta) a de Ilori (contrato até 2015) a responsabilidade é toda desta.

    "Agora compare esta realidade com a realidade no inicio da epoca passada e veja se as diferenças são assim tão pequenas como diz"

    Mas onde é que eu comparei com o Passado?

    Mas a partir de quando é que o argumento para contrariar uma crítica à actual direcção, deixará de ser "mas os outros fizeram pior, deixaram isto num caos, bojinov, pranjic, godinhos, freitas, lambuças, etc, etc"?

    Porra, o outro já dizia "há vida para além do défice". Eu digo, "há vida para além do Godinho e seus pares". Relaxem.

    Há uma nova direcção no Sporting, mas o Sporting continua a ser só um. Peço desculpa, mas esse Sporting também é meu. Se é a melhor direcção? Não sei, espero que sim. Se será se não ouvir ou aceitar as criticas construtivas que surgem dos sócios e apoiantes? Dúvido.

    ResponderEliminar
  26. Nuno Bispo,

    quem passa a vida a espumar raiva em cada sílaba tem pouco a ensinar a quem apenas saliva.

    ResponderEliminar
  27. Cantinho do Morais


    O seu dircurso é proprio de alguem que está revoltado com algo mas não percebi bem o que.

    Se este também é o seu Sporting, então força o Sporting precisa de todos !

    ResponderEliminar
  28. Continue na senda do pouco acerto e de previsões falhadas nesse seu situacionismo envergonhado, LdA. Pelo menos outros são claros relativamente ao que pretendem e assumem-no.

    Não o vi comentar o teor do meu post, btw.

    ResponderEliminar
  29. Jorge Alemão,

    Não estou revoltado. E ao dizer que eu estou revoltado com algo, parece óbvio que não percebeu o que eu disse. Ter-me-ei expressado mal.

    Entristece-me é a censura, "apontar dedo" e apedrejar verbalmente quem coloca uma crítica ao Sporting (desde de Março). E quando essa crítica surge, o rebate é sempre o Passado, nunca se assumindo que o ERRO também bate à porta de qualquer ser humano. A não ser que se considere que,na actual direcção, não haja seres humanos (ao ler certas coisas, até parecem deuses).

    ResponderEliminar
  30. Nuno Bispo,
    é inútil manter uma conversa ou discussão consigo porque vão terminar com uma qualquer acusação sua, como mais uma vez foi o caso. A sua raiva e permanente vontade de ajustar contas com o passado a qualquer preço toldam-lhe o discernimento. É tem-se em grande consideração ao passar por cima do meu post sem o comentar, limitando-se a comentar um comentário mas ainda assim chamar-me à atenção por não ter comentado o seu.

    ResponderEliminar
  31. Quanto à sua acusação de "situacionismo envergonhado" mais do que me incomodar define-o a si.
    Quanto aos acertos e falhas o histórico do blogue fala por mim.
    Convenhamos que arrisco muito mais dos que os apenas se preocupam em censurar as minhas opiniões.

    ResponderEliminar
  32. LdA:

    Engana-se. Como não acontecia há muito tempo, estou tranquilo com o meu clube. Porque neste momento é gerido por gente empenhada e dedicada, que cometerá erros e já os terá cometido, mas que definiu um rumo para o Sporting de forma convicta e estou convencido que estão a ser dados os passos certos para a sua sustentabilidade e para o colocar no lugar que merece.

    Não estou tranquilo é com o ressabiamento latente nos defensores mais ou menos acérrimos de um estado de coisas que quase que significou o fim do Sporting, que neste momento pegam em todas as irrelevâncias possíveis, em acontecimentos com pressupostos desconhecidos, numa conjuntura de extrema dificuldade causada por uma gestão anterior irresponsável, para daí tentar minar o trabalho que se está a fazer.

    Há 2 anos, previ o descalabro de um clube que gastou milhões em jogadores que na sua esmagadora maioria acrescentariam muito pouco, sem condições financeiras para os sustentar. Por responsáveis que já no passado tinham provado incompetência. Por total falta de um verdadeiro projecto. Escrevi eu em outro espaço que em pouco tempo nos teríamos que desfazer do plantel e apostar na formação se queríamos sobreviver. Esse tempo chegou. Felizmente neste momento, por pessoas que acreditam naquilo que estão a fazer e que mereceriam maior beneficio de dúvida. Bem maior do que se deram a outros, mesmo quando os resultados de uma gestão demente estava à vista.

    ResponderEliminar

Este blogue compromete-se a respeitar as opiniões dos seus leitores.

Para todos os efeitos a responsabilidade dos comentários são de quem os produz.

A existência da caixa de comentários visa dar a oportunidade aos leitores de expressarem as suas opiniões sobre o artigo que lhe está relacionado, bem como a promoção do debate de ideias e não a agressão e confrontação.

Daremos preferência aos comentários que entendermos privilegiarem a opinião própria do que a opinião que os leitores têm sobre a opinião de terceiros aqui emitida. Esta será tolerada desde que respeite o interlocutor.

Insultos, afirmações provocatórias ou ofensivas serão rejeitados liminarmente.

Não serão tolerados comentários com links promocionais ou que não estejam directamente ligados ao post em discussão.

Sporting Clube de Portugal

Sporting Clube de Portugal

Prémios

Sporting 160 - Podcast

Os mais lidos no último mês

Blog Roll

Leitores em linha


Seguidores

Número de visitas

Free HTML Counters

Ultimos comentários

Blog Archive

Temas

"a gaiola da luz" (1) 10A (1) 111 anos (1) 1ª volta Liga Zon/Sagres 10/11 (3) 2010-2011 (1) 2016 (1) 8 (4) AAS (7) ABC (3) Abrantes Mendes (3) Academia (15) Académica-SCP (1) adeptos (94) Adrien (18) AdT (1) adversários (82) AFLisboa (2) AG (19) Alan Ruiz (1) Alexander Ellis (1) alma leonina (59) ambição (10) andebol (34) André Geraldes (2) André Marques (2) André Martins (6) André Pinto (1) André Santos (5) anestesia (3) angulo (5) aniversário "A Norte" (3) Aniversário SCP (4) antevisão (41) APAF (11) aplausos ao ruben porquê? (2) Aquilani (1) aquisições (85) aquisições 2013/14 (16) aquisições 2014/15 (18) aquisições 2015/16 (17) aquisições 2016/17 (10) aquisições 2017/18 (5) arbitragem (92) Associação de Basquetebol (6) ataque (1) Atitude (9) Atletico Madrid (1) Atlético Madrid (1) atletismo (6) auditoria (4) autismo (1) AVB és um palhaço (1) aventureiro (1) Bacelar Gouveia (2) Balakov (1) balanço (5) Baldé (4) balneário (3) banca (2) Barcos (3) Bas Dost (3) Bastidores (70) Batota (18) Battaglia (1) Beira-Mar (2) Belenenses (4) Benfica (1) BES (1) bilhetes (2) binários (1) Boal (1) Boateng (1) Boeck (2) Bojinov (7) Bolsa (2) Borússia Dortmund (1) Boulahrouz (2) Brasil (1) Braz da Silva (8) Brondby (4) Bruma (18) Bruno Carvalho (100) Bruno César (3) Bruno de Carvalho (7) Bruno Martins (20) Bryan Ruiz (3) Bubakar (1) BwinCup (1) cadeiras verdes (1) Cadete (1) Caicedo (5) calendário (2) Câmara Municipal de Lisboa (3) Campbell (2) Campeões (2) campeonato nacional (21) campeonatos europeus atletismo (2) Cândido de Oliveira (1) Caneira (2) Cape Town Cup (3) Capel (4) carlos barbosa (4) Carlos Barbosa da Cruz (2) Carlos Carvalhal (5) Carlos Freitas (7) Carlos Padrão (1) Carlos Severino (4) Carriço (6) Carrillo (10) Carrilo (3) carvalhal (30) Caso Cardinal (1) Casos (6) CD Liga (3) Cedric (7) Cervi (3) CFDIndependente (1) Champions League 2014/15 (9) Champions League 2015/16 (5) Chapecoense (1) CHEGA (1) Ciani (1) Ciclismo (3) CL 14/15 (2) Claques (9) clássicos (8) Coates (4) Coentrão (1) Coerência (1) colónia (1) comissões (2) competência (2) comunicação (65) Comunicação Social (21) Consciência (1) Conselho Leonino (2) contratações (6) COP (1) Coreia do Norte (1) Corradi (1) corrupção no futebol português (2) Cosme Damião (1) Costa do Marfim (3) Costinha (45) Couceiro (13) crápulas (1) credores (1) crise 2012/13 (21) Crise 2014/15 (2) Cristiano Ronaldo (1) cronica (3) crónica (15) cultura (4) curva Sporting (1) Damas (3) Daniel Sampaio (3) debate (5) defesa dos interesses do SCP (7) Del Horno (1) delegações (1) depressão (1) Derby (42) Derby 2016/17 (1) derlei (1) Desespero (1) Despedida (2) despertar (3) dia do leão (1) Dias da Cunha (1) Dias Ferreira (6) Diogo Salomão (4) director desportivo (18) director geral (5) direitos televisivos (4) Dirigentes (28) disciplina (6) dispensas (22) dispensas 2015/16 (1) dispensas 2016/17 (2) dispensas 2017/18 (1) djaló (10) Domingos (29) Doumbia (1) Doyen (4) Duarte Gomes (2) Ecletismo (60) Eduardo Barroso (6) Eduardo Sá Ferreira (2) eleições (19) eleições2011 (56) eleições2013 (26) eleições2017 (9) Elias (5) eliminação (1) empresários (11) empréstimo obrigacionista (3) entrevistas (63) Épico (1) época 09/10 (51) época 10/11 (28) época 11/12 (8) época 12/13 (11) época 13/14 (4) época 14/15 (8) época 15/16 (5) época 16/17 (7) época 17/18 (1) EquipaB (17) equipamentos (12) Eric Dier (8) Esperança (4) estabilidade (1) Estádio José de Alvalade (4) Estado da Nação (1) estatutos (6) Estórias do futebol português (4) estratégia desportiva (102) Estrutura (1) Euro2012 (6) Euro2016 (1) Europeu2012 (1) eusébio (2) Evaldo (3) Ewerton (4) exigência (2) expectativas (1) expulsão de GL (1) factos (1) Fafe (1) Fair-play (1) farto de Paulo Bento (5) fcp (12) FCPorto (9) Fernando Fernandes (1) FIFA (2) Figuras (1) filiais (1) final (1) final four (1) finalização (1) Finanças (24) fiorentina (1) Football Leaks (2) Formação (88) FPF (14) Francis Obikwelu (1) Francisco Geraldes (2) Frio (1) fundação aragão pinto (3) Fundação Sporting (1) fundos (14) futebol (9) futebol feminino (1) futebol formação (1) futebol internacional (1) Futre (1) Futre és um palhaço (4) futsal (23) futsal 10/11 (1) futuro (8) gabriel almeida (1) Gala Honoris Sporting (3) galeria de imortais (28) Gamebox (2) Gauld (5) Gelson (1) Gent (1) geração academia (1) Gestão despotiva (2) gestores de topo (10) Gilberto Borges (2) GL (2) glória (5) glorias (4) Godinho Lopes (27) Gomes Pereira (1) Governo Sombra (1) Gralha (1) Gratidão (1) Grimi (4) Grupo (1) Guerra Civil (2) guimarães (1) Guy Roux (1) Hacking (1) Heerenveen (3) Hildebrand (1) História (18) Holdimo (1) homenagem (5) Hóquei em Patins (7) Hugo Malcato (113) Hugo Viana (1) Humor (1) i (1) Identidade (11) Idolos (3) II aniversário (1) Ilori (4) imagem (1) imprensa (12) Inácio (5) incompetência (7) Insua (2) internacionais (2) inverno (2) investidores (3) Iordanov (6) Irene Palma (1) Iuri Medeiros (1) Izmailov (26) Jaime Marta Soares (3) Jamor (3) Janeiro (1) Jardel (2) jaula (3) JEB (44) JEB demite-se (5) JEB és uma vergonha (5) JEB rua (1) JEBardadas (3) JEBardice (2) Jefferson (3) Jeffren (5) Jesualdo Ferreira (14) JJ (1) JL (3) Joana Ramos (1) João Benedito (1) João Mário (6) João Morais (5) João Pereira (6) João Pina (3) João Rocha (3) Joaquim Agostinho (2) joelneto (2) Jogo de Apresentação (1) Jorge Jesus (44) Jorge Mendes (3) José Alvalade (1) José Cardinal (2) José Couceiro (1) José Eduardo Bettencourt (33) José Travassos (1) JPDB (1) Jubas (1) judo (6) Juniores (7) JVL (105) kickboxing (1) Kwidzyn (1) Labyad (7) Lazio (1) LC (1) Leão de Alvalade (496) Leão Transmontano (62) Leonardo Jardim (11) Liderança (1) Liedson (28) Liga 14/15 (35) Liga de Clubes (12) liga dos campeões (12) Liga dos Campeões 2016/17 (11) Liga dos Campeões 2017/18 (3) Liga Europa (33) Liga Europa 11/12 (33) Liga Europa 12/13 (9) Liga Europa 13/14 (1) Liga Europa 14/15 (1) Liga Europa 15/16 (11) Liga Europa10/11 (16) Liga NOS 15/16 (30) Liga NOS 16/17 (22) Liga NOS 17/18 (1) Liga Sagres (30) Liga Zon/Sagres 10/11 (37) Liga Zon/Sagres 11/12 (38) Liga Zon/Sagres 12/13 (28) Liga Zon/Sagres 13/14 (24) Lille (1) LMGM (68) losango (1) Lourenço (1) low cost (1) Luis Aguiar (2) Luis Duque (9) Luís Martins (1) Madeira SAD (4) Malcolm Allison (1) Mandela (2) Mané (3) Maniche (4) Manifesto (3) Manolo Vidal (2) Manuel Fernandes (7) Marca (1) Marcelo Boeck (1) Marco Silva (27) Maritimo (2) Marítimo (3) Markovic (1) Matheus Oliveira (1) Matheus Pereira (3) Mati (1) matías fernandez (8) Matias Perez (1) Mauricio (3) Meli (1) Memória (10) mentiras (1) mercado (41) Meszaros (1) Miguel Lopes (1) miséria de dirigentes (2) mística (3) Modalidades (25) modelo (3) Moniz Pereira (7) Montero (7) Moutinho (3) Mundial2010 (9) Mundial2014 (3) Mundo Sporting (1) Nacional (1) Naide Gomes (2) Naldo (3) naming (2) Nani (3) Natal (4) Naval (3) Navegadores (3) negócios lesa-SCP (2) NextGen Series (3) Noite Europeia (1) nonsense (23) Nordsjaelland (1) NOS (1) Notas de Imprensa (1) notáveis (1) nucleos (1) Núcleos (9) Nuno André Coelho (2) Nuno Dias (3) Nuno Saraiva (2) Nuno Valente (1) o (1) O Roquetismo (8) Oceano (1) Octávio (1) Olhanense (1) Olivedesportos (1) Onyewu (7) onze ideal (1) opinião (6) oportunistas (1) orçamento (3) orçamento clube 15/16 (1) organização (1) orgulho leonino (17) Oriol Rosell (3) paineleiros (15) Paiva dos Santos (2) paixão (3) papagaios (8) pára-quedista (1) parceria (2) pascoa 2010 (1) pasquins (7) património (2) patrocínios (5) Paulinho (1) paulo bento (19) Paulo Faria (1) Paulo Oliveira (3) Paulo Sérgio (43) paulocristovão (1) Pavilhão (11) pedrada (1) Pedro Baltazar (8) Pedro Barbosa (5) Pedro Madeira Rodrigues (3) Pedro Mendes (4) Pedro Silva (2) Pereirinha (6) Peyroteo (2) Piccini (1) Pini Zahavi (2) Pinto Souto (1) plantel (31) plantel 17/18 (3) play-off (2) play-off Liga dos Campeões 17/18 (2) PMAG (3) Podence (1) Polga (5) Pongolle (5) Pontos de vista (15) por amor à camisola (3) post conjunto (5) Postiga (7) PPC (7) Pranjic (2) pré-época (2) pré-época 10/11 (7) pré-época 11/12 (43) pré-época 12/13 (16) pré-época 13/14 (16) pré-época 14/15 (22) pré-época 15/16 (20) pré-época 16/17 (12) pré-época 17/18 (9) prémio (1) prémios stromp (1) presidente (4) Projecto BdC (1) projecto Roquette (2) promessas (3) prospecção (2) Providência Cautelar. Impugnação (1) PS (1) Quo vadis Sporting? (1) Rabiu Ibrahim (2) râguebi (1) raiva (1) RD Slovan (1) reacção (1) redes sociais (1) Reestruturação financeira (17) reflexãoleonina (21) reforços (15) regras (4) regulamentos (1) Relatório e Contas (11) relva (10) relvado sintético (4) remunerações (1) Renato Neto (3) Renato Sanches (1) respeito (7) resultados (1) revisão estatutária (5) Ribas (2) Ribeiro Telles (4) Ricardo Peres (1) Ricciardi (2) ridiculo (1) ridículo (2) Rinaudo (8) Rio Ave (2) Rita Figueira (1) rivais (6) Rodriguez (2) Rojo (4) Ronaldo (12) rtp (1) Rúbio (4) Rui Patricio (18) Rui Patrício (4) Sá Pinto (31) SAD (25) Salema (1) Sarr (4) Schelotto (2) Schmeichel (2) scouting (1) SCP (64) Segurança (1) Selecção Nacional (38) seleccionador nacional (5) Semedo (1) SerSporting (1) Shikabala (2) Silly Season2017/18 (2) Símbolos Leoninos (3) Sinama Pongolle (1) Sistema (4) site do SCP (3) SJPF (1) Slavchev (1) slb (21) Slimani (11) Soares Franco (1) sócios (16) Sócrates (1) Solar do Norte (14) Sondagens (1) sorteio (3) Sousa Cintra (1) Sp. Braga (2) Sp. Horta (1) Spalvis (2) Sporting Clube de Paris (1) Sporting160 (1) Sportinguismo (2) sportinguistas notáveis (2) SportTv (1) Stijn Schaars (4) Stojkovic (3) Sunil Chhetri (1) Supertaça (3) sustentabilidade financeira (40) Taça CERS (1) Taça Challenge (5) taça da liga (11) Taça da Liga 10/11 (7) Taça da Liga 11/12 (3) Taça da Liga 13/14 (3) Taça da Liga 14/15 (2) Taça da Liga 15/16 (4) Taça da Liga 16/17 (1) Taça das Taças (1) Taça de Honra (1) Taça de Liga 13/14 (3) Taça de Portugal (12) Taça de Portugal 10/11 (3) Taça de Portugal 10/11 Futsal (1) Taça de Portugal 11/12 (12) Taça de Portugal 13/14 (3) Taça de Portugal 14/15 (8) Taça de Portugal 15/16 (4) Taça de Portugal 16/17 (4) táctica (1) Tales (2) Tanaka (1) Ténis de Mesa (2) Teo Gutierrez (5) Tertúlia Leonina (3) Tiago (3) Tonel (2) Torneio Guadiana 13/14 (1) Torneio New York Challenge (4) Torsiglieri (4) Tottenham (1) trabalho (1) transferências (5) transmissões (1) treinador (90) treino (4) treinos em Alvalade (1) troféu 5 violinos (5) TV Sporting (5) Twente (2) Tziu (1) uefa futsal cup (4) Uvini (1) Valdés. (3) Valores (14) Veloso (5) vendas (8) vendas 2013/14 (2) vendas 2014/15 (1) vendas 2016/17 (5) Ventspils (2) Vercauteren (5) Vergonha (7) video-arbitro (5) Villas Boas (8) Viola (1) Virgílio (98) Virgílio1 (1) Vitor Golas (1) Vitor Pereira (6) Vitória (1) VMOC (7) Vox Pop (2) VSC (3) Vukcevic (10) WAG´s (1) William Carvalho (13) Wilson Eduardo (2) Wolfswinkel (12) Wrestling (1) Xandão (4) Xistra (3) Zapater (2) Zeegelaar (2) Zezinho (1)