quinta-feira, 3 de novembro de 2016

Dortmund 1 - Sporting 0: confirmam-se os piores diagnósticos

No post que antecede este tentava diagnosticar os principais problemas que a equipa do Sporting enfrenta para reverter o período medonho que atravessa. O jogo de ontem serviu para confirmar os piores receios. Embora a equipa tenha estado uns níveis acima do que vinha fazendo ultimamente, deixou bem claro que:

- Existe uma crise de confiança, fazendo com que os jogadores executem abaixo daquilo que já demonstraram ser capazes.

- Essa falta de confiança é agravada pela falta de rotinas no nosso jogo, em particular no que é mais difícil e mais demorado de alcançar, que são as rotinas na organização do ataque. Quer em transição quer em ataque posicional - sobretudo esta - são hoje muito inferiores às que víamos a equipa executar há um ano a esta parte. 

A ausência de João Mário - sobretudo este - e Slimani são seguramente importantes, mas tendo já três meses de trabalho conjunto é caso para perguntar o que é que se tem andado a fazer em Alcochete. E aqui remeto novamente para o post anterior: 

- fazem sentido  as apostas erráticas sem qualquer continuidade que permita aos jogadores ganhar ritmo e confiança? Como se salta de Alan Ruiz para Markovic, depois para André e agora para Castaignos, sem parente critério?

- Faz sentido o recurso a um sistema de jogo radicalmente diferente do que a equipa está habituada a jogar, com a integração de um terceiro central, cujo tempo de treino deve ter sido insuficiente, ao invés de apostar no que está mais rotinado? 

- Como pretende o técnico recuperar a confiança dos seus jogadores se reincide constantemente na sua desvalorização pública? Depois do que disse a seguir ao jogo em Madrid - " a diferença está no treinador" - agora é o reconhecimento de "perda de qualidade", logo quando o clube só em dois jogadores para a frente de ataque  - Alan Ruiz e Bas Dost - gastou quase vinte milhões de euros?

Sem dúvida que este é um problema de ordem técnica cuja resolução está em grande parte nas mãos de Jorge Jesus. Mas é também um problema de organização do próprio clube, pelo que não se percebe que, mais uma vez, quando o foco devia estar em agregar forças para vencer este momento, se persista em comunicações laterais sobre questões ligadas ao atletismo, que podiam ser abordados posteriormente em Lisboa. Muito menos deveria estar sobre as eleições, usando expressões como "hibridos" que fazem parecer os discursos dos seus antecessores ditos "roquetistas" cantos angelicais. E isto ainda sem oposição visível ou constituída.

24 comentários:

  1. Relativamente ao sistema táctico, acho que o scp só tem a beneficiar deste sistema (que não sabemos se foi muito ou pouco trabalhado, sendo certo que é um sistema que JJ já trabalhou).

    No meu entender ganha defensivamente porque dá para equilibrar melhor a equipa que (por culpa da direcçao e do JJ) não tem jogadores para jogar com o seu sistema principal; os laterais estão menos expostos, dando mais desequilíbrios ofensivos.

    Ofensivamente, pareceu-me que conseguimos pressionar melhor, tendo também mais apoios em ataque organizado.

    Quanto ao resto, já perdi a paciência, para, sequer, falar do desnorte que para ali vai.

    SL

    ResponderEliminar
  2. Pareceu-me que depois do jogo em Lisboa, ontem a ideia passava mais por aguentar na 1ª parte e tentar surpreender na 2ª. Quando o treinador do Dortmund a ganhar gere mais a equipa e o jogo. Até porque, com muitas lesões, também tem muito que recuperar na Bundesliga.

    Quanto a JJ na Champions, não sei quantas participações e uma passagem da fase de grupos. Deve querer dizer alguma coisa. Na conferência de imprensa o normal, carvão.

    ResponderEliminar
  3. As perguntas são totalmente pertinentes, mas para a carneirada (termo usado pelo presidente do Sporting Clube de Portugal) isso pouco importa. O que interessa é continuar a luta contra "moinhos de vento", é continuar a arranjar inimigos imaginários, é continuar a viver na complexolândia. Se no jogo anterior da liga dos campeões contra o Dortmund o presidente Bruno de carvalho decidiu inovar ao convocar uma conferência de imprensa momentos (?) antes do jogo para comentar um comunicado do Benfica, agora foi na véspera do jogo na Alemanha que decidiu falar sobre possíveis candidatos a presidente do SCP patrocinados (imaginem!) pelo SLB. Que lufada de ar fresco que este presidente é... como se algum benfiquista o quisesse fora do Sporting quando em 3 anos de mandato eles foram 3 vezes campeões...
    Quanto à equipa de futebol é reflexo desse "há coisas mais importantes"... Jesus inventa com 3 centrais quando era urgente (pelo menos) não perder, comenta um jogo que aparentemente só ele viu e continua alegremente com um ordenado pornográfico que em nada condiz com a performance da equipa. Alguém devia lembrá-lo que este Dortmund, nos últimos 8 jogos apenas venceu 2. Precisamente contra o Sporting de Jesus.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Veja-se bem, num post sobre o jogo praticamente só fala no Presidente ou em algo que sirva para atingir o Presidente. Os "inimigos são imaginários"?? O Miguel é uma prova flagrante que os inimigos não são imaginários. E dentro do universo dos inimigos também há a categoria do-Sporting-só-está-bem-quando-eu-lá-estiver-dentro.

      Eliminar
    2. É isso, João Pedro. Mééééééé para si também. E muito cuidado com os inimigos reais (na sua/vossa cabeça, claro...).

      Eliminar
  4. 2 remates enquadrados com a baliza em todo o jogo... 3 centrais num jogo que era "obrigatório" ganhar. Diz ele (JJ) que fizemos um grande jogo. Mal qual grande jogo? Foi por só perder por 1 contra uma equipa completamente desfalcada? E a "carneirada" continua a ir nesta conversa..

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Pena que o futebol seja mais do que remates enquadrados, e ainda maior pena foi não ter percebido que foi precisamente por ter 3 centrais que se conseguiu em alguns momentos de jogo rematar, enquadrado ou não.

      Incrível como qualquer gajo hoje em dia se acha expert em futebol

      Eliminar
    2. Não RG, não sou expert nenhum em futebol. Expert é, ou devia ser, o JJ. Para isso é que Sporting lhe paga um ordenado principesco. Mas tudo bem, ainda bem que o RG, que é um entendido, fica todo satisfeito com um resultado destes. Eu continuo com a minha opinião de não expert. Quem só consegue ter 2 remates enquadrados à baliza não pode vir dizer aos sócios que criou muitas oportunidades e fez um grande jogo.

      Eliminar
  5. O resultado é mau, evidentemente. A exibição até foi de boa qualidade em termos de futebol jogado.
    A pergunta que deixo é: o que diria o candidato Bruno Azevedo se esta época o presidente fosse outro (não digo Godinho Lopes para evitar o reflexo pavloviano :) )?
    A resposta a esta pergunta deve recair sobre ele próprio e dar que pensar a muitos que foram no canto da sereia.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. A resposta é fácil mas longa: Se por acaso o presidente eleito em 2013 tivesse sido (e chegou a ser segundo algumas sondagens jornalísticas) um sujeito que apresentou como trunfo eleitoral o nome de "Peyroteo", o mais provável é que:

      1) Ao fim de um ano e meio o caos fosse de tal ordem que teriam havido eleições, à semelhança dos dois anteriores;

      2) Pela tendência classificativa que se vinha a seguir desde 2009 a 2013, o mais certo também seria que o Sporting não jogava na CL e jogar contra o Dortmund só seria possível num jogo amigável.

      3) Para os 'esclar€cidos' ou (pseudo) intelectualmente superiores é de supor que o cenário alternativo fosse muito mais tolerado do que o actual.

      Eliminar
    2. É fácil resposta mas sem nada que a sustente. Podia ter sido assim, igual pior ou melhor ou muito melhor. Cingindo à realidade é aos factos ocorridos então a questão colocada pelo anónimo das 13:35 é pertinente. Já a colocada posterior mente está impregnada da retórica que trouxe BdC ao poder sem grande mudança que não a das aparências, da linguagem. Os resultados esses são os mesmos, com muita pena.

      Eliminar
  6. Não é sobretudo esse, não senhor. Slimani é o jogador que realmente faz falta a este Sporting devido ao que dava na primeira linha de pressão do Sporting. Gelson o que faz individualmente dá para suprir aquilo que Mário dava coletivamente.
    O Sporting com Bas Dost ve-se obrigado a deixar os centrais adversários ter mais bola e tempo do que o que Jesus gostaria. E isso paga-se caro com jogadores como Bartra que estão habituados a entrega-la redondinha desde os tempos de la Masia.

    ResponderEliminar
  7. Caro Leão,

    Discordo da sua análise num ponto fundamental: eu acho que o atual momento tem como principal base a dinâmica defensiva, e não ofensiva. A primeira provocou os problemas que vivemos no último mês, o que por sua vez trouxe a quebra de confiança e esta (confiança) é essencial na dinâmica ofensiva (porque os jogadores têm que querer a bola, querer situações de golo, querer rematar, assumir os passes de risco, etc.). Claro que falta alguma criatividade com a saída de JMário mas como refere o comentador jorgen80 os adversários andam a ter a bola demasiado tempo (e com demasiado espaço) e isso parece-me estar a condicionar tudo o resto (desde logo recuperamos a bola tão atrás que temos quase sempre 9, 10, 11 jogadores pela frente, o que obviamente dificulta a construção).

    Acho apenas, em contraste com o que refere o jorgen80, que a base do problema não é apenas Bas Dost mas toda a zona central do ataque. Numa fase em que estávamos sem um dos jogadores nucleares do meio-campo o erro foi substituí-lo por um jogador "novo" complementado com a utilização quase constante de novos jogadores no eixo do ataque.

    A zona central tornou-se uma passadeira para os adversários. Teria sido preferível (aliás, ainda o é) utilizar à frente do par do meio-campo Bruno César ou Bryan Ruiz, deixando as alas com Gelson (indiscutível à direita) e Markovic/Campbell/BRuiz (se não estiver no meio, claro...).

    Posso estar enganado mas o regresso de Adrien só vai trazer de volta alguma estabilidade se for acompanhado de uma alteração no eixo do ataque (aliás, se bem me lembro, tanto William como Adrien jogaram com o Rio Ave; mas com Campbell, ARuiz e André praticamente só havia um meio-campo ocupado por jogadores preocupados em não deixar jogar o adversário). Se nesta fase insistirmos com ARuiz ou mesmo Markovic, temo que não seja suficiente para melhorar o rendimento.

    Um abraço

    PS: concordo também com o que refere o RG. O número de remates não é o único fator que me leva a dizer que a exibição de Dortmund foi positiva. Basta pensar nos lances que não foram resolvidos por falta de confiança (Gelson isolado, Marvin isolado, Schelotto em excelentes condições já perto do final do jogo). Os lances foram criados, faltou a tal confiança que permite tomar as melhores decisões.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Aliás, o lance em que o golo esteve mais próximo, acabou num remate "não enquadrado": a cabeçada do Bryan Ruiz. E o mesmo para os três lances mais perigososo do Dortmund (Pulisic à trave, Dembele por cima e Guerreiro ao lado). O que é que interessa os remates serem "enquadrados" (tradução de "shots on goal") se forem passes ao guarda-redes? JPT

      Eliminar
  8. Não deixando de concordar com grande parte do que é escrito no post gostaria só de realçar o seguinte

    Se este é um momento medonho, como qualifica o periodo pre-BC onde tinhamos pouco mais de metade dos pontos (menos de metade dos golos) e tinhamos na Europa com equipas desconhecidas piores resultados do que com Real Madrid e B. Dortmund

    Nao refiro isso como desculpa para nada - eu sei que as coisas naõ estão bem e como é obvio nada disso tem a ver com o que aconteceu há 4 anos, mas é só para não perdemos a noção de onde estavamos e onde estamos agora

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Pelo seu próprio comentário, estávamos num momento medonho e, passados quatro anos, voltamos a estar... De modo que...

      Aliás, há 4 anos, à msm jornada tínhamos mais dois pontos que agora.

      Eliminar
    2. Não querendo perder muito tempo com quem não faz a mínima ideia do que diz, além da doutrina do maluquinho do facebook. O SCP é um grande clube centenário com vários períodos menos bons na sua história. Como é aliás comum a qualquer grande. Independente, cabe aos adeptos saber honrar sempre o passado. Todo, o muito bom e o menos bom. Inclusive a época de 2012/13 com muitas derrotas. Uma época e só uma época possibilitou tudo de inédito que acontece hoje no Sporting! E quem sabe do que fala até sabe que o epicentro de 12/13 foi fora de Alvalade. Foi um período muito difícil no Sporting e no país. No SCP nunca valeu tudo! Muito menos a solução podia estar em quem andou a festejar essas derrotas no espaço público. Atitude digna de um verdadeiro lampião. Ou será híbrido?

      Eliminar
    3. Lamento que o carissimo enverede pela mesma ladinha de outros anonimos ou nao anonimos criticos desta direcçao - que só eles têm razão e o resto é um bando de garotos do facebook ou então avençados para defender o lider.

      Pois não sou nem uma coisa nem outra - nem o acuso de ser nada e apoio muito mais o Sporting no estádio do que fora dele apesar dos 650Km que tenho que fazer sempre que me queira descolar à nossa casa.

      Já agora permita-me dizer que não concordo minimamente que grande ou sequer um parte considerável dos danos nessa epoca seja feita a partir do fb de BC

      Concordo que nao fez uma oposição responsável (creio que perdeu muito por isso) mas o grande problema era interno - tinha 4 vices em que pelo menos 3 deles tinham ambiçao em chegar a presidente e onde não houve a minima solidariedade para o GL que acabou sozinho, depois de ser abandonado ou forçado a afastar figuroes como PPC, Barbosa ou Luis duque e carlos freitas.

      Eliminar
    4. Caro virgilio há 4 anos (nov 2012) tinhamos 10 pontos e agora temos 18
      Estavamos em 10º

      Estavamos num momento medonho (e iamos estar por mais uns meses) - volto o dizer nao estamos num momento bom e temo que as coisas se possam ainda complicar , mas estamos com uma media de 2 pontos por jogo - algo que infelizmente nem conseguimos atinguir no final da maior parte dos campeonatos dos ultimos anos - aliás precisamos de recuar ao mandato de FSF para o conseguir.

      Eliminar
    5. O caro é que senão quer passar por garoto do facebook ou avençado da direcção - como diz - não lhes vista a pele com a mesma ladainha do passado que justifica tudo. Num post que mais uma vez aborda algo muito presente. Porque muitos leões que já discordaram com várias actos de várias direcções nunca sentiram nada parecido com a vergonha que sentem hoje. Que nem é SCP, tão simples como isto. Porque nunca na minha vida eu seria adepto deste Sporting.

      Acontece que nem depois do golpe palaciano que desalojou Dias da Cunha e depois da 2ª final europeia da história do Sporting, foi tudo mau. Se com Soares Franco foi mau ao nível do património e com Bettencourt a vários níveis, ainda assim sequer comparável com hoje. E os resultados ainda são o menos. Nem eu sou do Sporting por qualquer resultado. E se com Godinho Lopes objectivamente mais orçamento já correu mal também houve a criação da equipa B. Talvez com a melhor geração de sempre que transitou e onde é que ela já vai?

      Mas ainda bem que o caro vive bem com um presidente que nunca passou de um aldrabão oportunista, cheio de milhões russos e tiques de lampião. Como aquele de festejar derrotas do Sporting. Sobre o qual o estatuto de sócio é aliás bem claro. Quanto mais presidente. E Godinho Lopes é que é expulso!? Sem qualquer tipo de valor que sempre orientou o SCP, nem com 10 Champions no bolso! O SCP foi sempre muito mais que qualquer troféu. O SCP foi sempre um referencial de valores nacional que não é hoje. Vergonhas atrás de vergonhas. De cada vez que alguém, que já provou que nem o pai respeita, abre a boca.

      Eliminar
  9. Mas qual período pré-BC? Porque na época imediatamente anterior até disputámos as meias finais da Liga Europa, onde eliminámos por exemplo o Man City. E equipa desconhecida na Europa é o Skenderbeu.

    ResponderEliminar
  10. MMS,
    estava a ler o seu post quando me apercebi do seu comentário. Vejamos, eu concordo que a base dos nossos problemas começaram na organização defensiva, em particular na forma como e onde reagimos à perda de bola. Como os processos não são isolados ou acontecem de forma estanque, isso contamina e enfraquece todo o nosso jogo.

    Ora a nossa produção ofensiva por essa via também se ressentiu, particularmente a ligação entre o meio-campo e o ataque. A qualidade das nossas oportunidades (em zonas frontais e dentro da área em situação vantajosa para finalizar) e creio mesmo que a qualidade delas é hoje muito menor. Não apenas porque temos que superar muitos metros de terreno pela frente mas também porque do ponto de vista individual não temos quem faça essa ligação ao centro, para lá de Bruno César. Não me parece é que encontremos uma solução com alterações constantes, como as que se têm verificado.

    Não concordo com a observação do Jorgen80 neste aspecto: se é verdade que Slimani era importante na primeira pressão João Mário era importante no reequilibrio da equipa quer a defender quer a atacar, juntamente com Adrien. Mas no ataque, pela forma como ocupava espaços e se oferecia ao jogo e oferecia jogo, não foi ainda substituído à altura e a qualidade do nosso jogo ofensivo ressente-se disso.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Leão,

      Concordo parcialmente. É verdade que JMário dava muito à equipa em termos de criatividade, mas o que me parece é que há nesta equipa quem possa fazer parecido (já não digo igual) e a forma como estamos a jogar não está a proporcionar o aparecimento desses jogadores. Não é uma questão de não termos substituído JMário mas sim de não termos percebido que, sem ele, precisaríamos de alguém à frente dos médios que não só defendesse alto como depois pudesse pensar o jogo da equipa.

      Repare como JJ em vários jogos colocou Campbell encostado à esquerda, Markovic no meio e Gelson à direita, mas Bas Dost na frente. A recuperar a bola com 10 jogadores pela frente, só por milagre ou repentismo é que uma bola chega em condições à área do adversário. E contar com repentismos, enfim, é tudo menos aquilo a que JJ nos habituou.

      Um abraço

      Eliminar
    2. Deixe-me ainda acrescentar este elemento: quando Ramires saiu do Benfica, a equipa demorou a adaptar-se porque jogava de forma ainda mais arrojada (Javi, Ramires, Di Maria, Aimar, Saviola e Cardozo). Também aí, independentemente do substituto de Ramires, o problema foi adaptação ao sistema de jogo: chegaram Salvio e Gaitán para as alas, não dava para insistir só com Javi no meio-campo, mas JJ teimou. O Benfica entrou no campeonato seguinte a perder a Supertaça e 3 jogos nas primeiras 5 jornadas (e como nesse ano o adversário era o Porto de AVB ainda foi goleado por 5-0 no Dragão ficando irremediavelmente afastado do título ainda na 1ª volta). Foi a partir daí que Ruben Amorim e Carlos Martins passaram a ter mais oportunidades, Saviola perdeu protagonismo, etc. No ano seguinte chegou Witsel e o Benfica ficou muito mais equilibrado. JJ é muito convicto do seu sistema e dificilmente o muda. O que nem sempre é bom.

      Eliminar

Este blogue compromete-se a respeitar as opiniões dos seus leitores.

Para todos os efeitos a responsabilidade dos comentários são de quem os produz.

A existência da caixa de comentários visa dar a oportunidade aos leitores de expressarem as suas opiniões sobre o artigo que lhe está relacionado, bem como a promoção do debate de ideias e não a agressão e confrontação.

Daremos preferência aos comentários que entendermos privilegiarem a opinião própria do que a opinião que os leitores têm sobre a opinião de terceiros aqui emitida. Esta será tolerada desde que respeite o interlocutor.

Insultos, afirmações provocatórias ou ofensivas serão rejeitados liminarmente.

Não serão tolerados comentários com links promocionais ou que não estejam directamente ligados ao post em discussão.

Sporting Clube de Portugal

Sporting Clube de Portugal

Prémios

Sporting 160 - Podcast

Os mais lidos no último mês

Blog Roll

Leitores em linha


Seguidores

Número de visitas

Free HTML Counters

Ultimos comentários

Blog Archive

Temas

"a gaiola da luz" (1) 10A (1) 111 anos (1) 1ª volta Liga Zon/Sagres 10/11 (3) 2010-2011 (1) 2016 (1) 8 (4) AAS (7) ABC (3) Abrantes Mendes (3) Academia (16) Académica-SCP (1) adeptos (94) Adrien (19) AdT (1) adversários (82) AFLisboa (2) AG (19) Alan Ruiz (2) Alexander Ellis (1) alma leonina (59) ambição (10) andebol (34) André Geraldes (2) André Marques (2) André Martins (6) André Pinto (1) André Santos (5) anestesia (3) angulo (5) aniversário "A Norte" (3) Aniversário SCP (4) antevisão (41) APAF (12) aplausos ao ruben porquê? (2) Aquilani (1) aquisições (85) aquisições 2013/14 (16) aquisições 2014/15 (18) aquisições 2015/16 (17) aquisições 2016/17 (10) aquisições 2017/18 (5) arbitragem (93) Associação de Basquetebol (6) ataque (1) Atitude (9) Atletico Madrid (1) Atlético Madrid (1) atletismo (6) auditoria (4) autismo (1) AVB és um palhaço (1) aventureiro (1) Bacelar Gouveia (2) Balakov (1) balanço (5) Baldé (4) balneário (3) banca (2) Barcos (3) Bas Dost (3) Bastidores (70) Batota (18) Battaglia (1) Beira-Mar (2) Belenenses (4) Benfica (1) BES (1) bilhetes (2) binários (1) Boal (1) Boateng (1) Boeck (2) Bojinov (7) Bolsa (2) Borússia Dortmund (1) Boulahrouz (2) Brasil (1) Braz da Silva (8) Brondby (4) Bruma (18) Bruno Carvalho (100) Bruno César (3) Bruno de Carvalho (9) Bruno Martins (20) Bryan Ruiz (5) Bubakar (1) BwinCup (1) cadeiras verdes (1) Cadete (1) Caicedo (5) calendário (2) Câmara Municipal de Lisboa (3) Campbell (2) Campeões (2) campeonato nacional (21) campeonatos europeus atletismo (2) Cândido de Oliveira (1) Caneira (2) Cape Town Cup (3) Capel (4) carlos barbosa (4) Carlos Barbosa da Cruz (2) Carlos Carvalhal (5) Carlos Freitas (7) Carlos Padrão (1) Carlos Severino (4) Carriço (6) Carrillo (10) Carrilo (3) carvalhal (30) Caso Cardinal (1) Casos (6) CD Liga (3) Cedric (7) Cervi (3) CFDIndependente (1) Champions League 2014/15 (9) Champions League 2015/16 (5) Chapecoense (1) CHEGA (1) Ciani (1) Ciclismo (3) CL 14/15 (2) Claques (9) clássicos (8) Coates (4) Coentrão (1) Coerência (1) colónia (1) comissões (2) competência (2) comunicação (68) Comunicação Social (21) Consciência (1) Conselho Leonino (2) contratações (6) COP (1) Coreia do Norte (1) Corradi (1) corrupção no futebol português (2) Cosme Damião (1) Costa do Marfim (3) Costinha (45) Couceiro (13) crápulas (1) credores (1) crise 2012/13 (21) Crise 2014/15 (2) Cristiano Ronaldo (1) cronica (3) crónica (15) cultura (4) curva Sporting (1) Damas (3) Daniel Sampaio (3) debate (5) defesa dos interesses do SCP (7) Del Horno (1) delegações (1) depressão (1) Derby (42) Derby 2016/17 (1) derlei (1) Desespero (1) Despedida (2) despertar (3) dia do leão (1) Dias da Cunha (1) Dias Ferreira (6) Diogo Salomão (4) director desportivo (18) director geral (5) direitos televisivos (4) Dirigentes (28) disciplina (6) dispensas (22) dispensas 2015/16 (1) dispensas 2016/17 (2) dispensas 2017/18 (1) djaló (10) Domingos (29) Doumbia (1) Doyen (4) Duarte Gomes (2) Ecletismo (60) Eduardo Barroso (6) Eduardo Sá Ferreira (2) eleições (19) eleições2011 (56) eleições2013 (26) eleições2017 (9) Elias (5) eliminação (1) empresários (11) empréstimo obrigacionista (3) entrevistas (63) Épico (1) época 09/10 (51) época 10/11 (28) época 11/12 (8) época 12/13 (11) época 13/14 (4) época 14/15 (8) época 15/16 (5) época 16/17 (7) época 17/18 (1) EquipaB (17) equipamentos (12) Eric Dier (8) Esperança (4) estabilidade (1) Estádio José de Alvalade (4) Estado da Nação (1) estatutos (6) Estórias do futebol português (4) estratégia desportiva (104) Estrutura (1) Euro2012 (6) Euro2016 (1) Europeu2012 (1) eusébio (2) Evaldo (3) Ewerton (4) exigência (2) expectativas (1) expulsão de GL (1) factos (1) Fafe (1) Fair-play (1) farto de Paulo Bento (5) fcp (12) FCPorto (9) Fernando Fernandes (1) FIFA (2) Figuras (1) filiais (1) final (1) final four (1) finalização (1) Finanças (24) fiorentina (1) Football Leaks (2) Formação (89) FPF (14) Francis Obikwelu (1) Francisco Geraldes (2) Frio (1) fundação aragão pinto (3) Fundação Sporting (1) fundos (14) futebol (9) futebol feminino (1) futebol formação (1) futebol internacional (1) Futre (1) Futre és um palhaço (4) futsal (23) futsal 10/11 (1) futuro (8) gabriel almeida (1) Gala Honoris Sporting (3) galeria de imortais (28) Gamebox (2) Gauld (5) Gelson (1) Gent (1) geração academia (1) Gestão despotiva (2) gestores de topo (10) Gilberto Borges (2) GL (2) glória (5) glorias (4) Godinho Lopes (27) Gomes Pereira (1) Governo Sombra (1) Gralha (1) Gratidão (1) Grimi (4) Grupo (1) Guerra Civil (2) guimarães (1) Guy Roux (1) Hacking (1) Heerenveen (3) Hildebrand (1) História (18) Holdimo (1) homenagem (5) Hóquei em Patins (7) Hugo Malcato (113) Hugo Viana (1) Humor (1) i (1) Identidade (11) Idolos (3) II aniversário (1) Ilori (4) imagem (1) imprensa (12) Inácio (5) incompetência (7) Insua (2) internacionais (2) inverno (2) investidores (3) Iordanov (6) Irene Palma (1) Iuri Medeiros (1) Izmailov (26) Jaime Marta Soares (3) Jamor (3) Janeiro (1) Jardel (2) jaula (3) JEB (44) JEB demite-se (5) JEB és uma vergonha (5) JEB rua (1) JEBardadas (3) JEBardice (2) Jefferson (3) Jeffren (5) Jesualdo Ferreira (14) JJ (1) JL (3) Joana Ramos (1) João Benedito (1) João Mário (6) João Morais (5) João Pereira (6) João Pina (3) João Rocha (3) Joaquim Agostinho (2) joelneto (2) Jogo de Apresentação (1) Jorge Jesus (44) Jorge Mendes (3) José Alvalade (1) José Cardinal (2) José Couceiro (1) José Eduardo Bettencourt (33) José Travassos (1) JPDB (1) Jubas (1) judo (6) Juniores (7) JVL (105) kickboxing (1) Kwidzyn (1) Labyad (7) Lazio (1) LC (1) Leão de Alvalade (496) Leão Transmontano (62) Leonardo Jardim (11) Liderança (1) Liedson (28) Liga 14/15 (35) Liga de Clubes (12) liga dos campeões (12) Liga dos Campeões 2016/17 (11) Liga dos Campeões 2017/18 (7) Liga Europa (33) Liga Europa 11/12 (33) Liga Europa 12/13 (9) Liga Europa 13/14 (1) Liga Europa 14/15 (1) Liga Europa 15/16 (11) Liga Europa10/11 (16) Liga NOS 15/16 (30) Liga NOS 16/17 (22) Liga NOS 17/18 (3) Liga Sagres (30) Liga Zon/Sagres 10/11 (37) Liga Zon/Sagres 11/12 (38) Liga Zon/Sagres 12/13 (28) Liga Zon/Sagres 13/14 (24) Lille (1) LMGM (68) losango (1) Lourenço (1) low cost (1) Luis Aguiar (2) Luis Duque (9) Luís Martins (1) Madeira SAD (4) Malcolm Allison (1) Mandela (2) Mané (3) Maniche (4) Manifesto (3) Manolo Vidal (2) Manuel Fernandes (7) Marca (1) Marcelo Boeck (1) Marco Silva (27) Maritimo (2) Marítimo (3) Markovic (1) Matheus Oliveira (1) Matheus Pereira (3) Mati (1) matías fernandez (8) Matias Perez (1) Mauricio (3) Meli (1) Memória (10) mentiras (1) mercado (41) Meszaros (1) Miguel Lopes (1) miséria de dirigentes (2) mística (3) Modalidades (25) modelo (3) Moniz Pereira (7) Montero (7) Moutinho (3) Mundial2010 (9) Mundial2014 (3) Mundo Sporting (1) Nacional (1) Naide Gomes (2) Naldo (3) naming (2) Nani (3) Natal (4) Naval (3) Navegadores (3) negócios lesa-SCP (2) NextGen Series (3) Noite Europeia (1) nonsense (23) Nordsjaelland (1) NOS (1) Notas de Imprensa (1) notáveis (1) nucleos (1) Núcleos (9) Nuno André Coelho (2) Nuno Dias (3) Nuno Saraiva (4) Nuno Valente (1) o (1) O Roquetismo (8) Oceano (1) Octávio (1) Olhanense (1) Olivedesportos (1) Onyewu (7) onze ideal (1) opinião (6) oportunistas (1) orçamento (3) orçamento clube 15/16 (1) organização (1) orgulho leonino (17) Oriol Rosell (3) paineleiros (15) Paiva dos Santos (2) paixão (3) papagaios (8) pára-quedista (1) parceria (2) pascoa 2010 (1) pasquins (7) património (2) patrocínios (5) Paulinho (1) paulo bento (19) Paulo Faria (1) Paulo Oliveira (3) Paulo Sérgio (43) paulocristovão (1) Pavilhão (11) pedrada (1) Pedro Baltazar (8) Pedro Barbosa (5) Pedro Madeira Rodrigues (3) Pedro Mendes (4) Pedro Silva (2) Pereirinha (6) Peyroteo (2) Piccini (1) Pini Zahavi (2) Pinto Souto (1) plantel (31) plantel 17/18 (3) play-off (2) play-off Liga dos Campeões 17/18 (5) PMAG (3) Podence (1) Polga (5) Pongolle (5) Pontos de vista (15) por amor à camisola (3) post conjunto (5) Postiga (7) PPC (7) Pranjic (2) pré-época (2) pré-época 10/11 (7) pré-época 11/12 (43) pré-época 12/13 (16) pré-época 13/14 (16) pré-época 14/15 (22) pré-época 15/16 (20) pré-época 16/17 (12) pré-época 17/18 (9) prémio (1) prémios stromp (1) presidente (4) Projecto BdC (1) projecto Roquette (2) promessas (3) prospecção (2) Providência Cautelar. Impugnação (1) PS (1) Quo vadis Sporting? (1) Rabiu Ibrahim (2) râguebi (1) raiva (1) RD Slovan (1) reacção (1) redes sociais (1) Reestruturação financeira (17) reflexãoleonina (21) reforços (15) regras (4) regulamentos (1) Relatório e Contas (11) relva (10) relvado sintético (4) remunerações (1) Renato Neto (3) Renato Sanches (1) respeito (7) resultados (1) revisão estatutária (5) Ribas (2) Ribeiro Telles (4) Ricardo Peres (1) Ricciardi (2) ridiculo (1) ridículo (2) Rinaudo (8) Rio Ave (2) Rita Figueira (1) rivais (6) Rodriguez (2) Rojo (4) Ronaldo (12) rtp (1) Rúbio (4) Rui Patricio (18) Rui Patrício (4) Sá Pinto (31) SAD (25) Salema (1) Sarr (4) Schelotto (2) Schmeichel (2) scouting (1) SCP (64) Segurança (1) Selecção Nacional (38) seleccionador nacional (5) Semedo (1) SerSporting (1) Shikabala (2) Silly Season2017/18 (2) Símbolos Leoninos (3) Sinama Pongolle (1) Sistema (4) site do SCP (3) SJPF (1) Slavchev (1) slb (21) Slimani (11) Soares Franco (1) sócios (16) Sócrates (1) Solar do Norte (14) Sondagens (1) sorteio (3) Sousa Cintra (1) Sp. Braga (2) Sp. Horta (1) Spalvis (2) Sporting Clube de Paris (1) Sporting160 (1) Sportinguismo (2) sportinguistas notáveis (2) SportTv (1) Stijn Schaars (4) Stojkovic (3) Sunil Chhetri (1) Supertaça (3) sustentabilidade financeira (40) Taça CERS (1) Taça Challenge (5) taça da liga (11) Taça da Liga 10/11 (7) Taça da Liga 11/12 (3) Taça da Liga 13/14 (3) Taça da Liga 14/15 (2) Taça da Liga 15/16 (4) Taça da Liga 16/17 (1) Taça da Liga 17/18 (1) Taça das Taças (1) Taça de Honra (1) Taça de Liga 13/14 (3) Taça de Portugal (12) Taça de Portugal 10/11 (3) Taça de Portugal 10/11 Futsal (1) Taça de Portugal 11/12 (12) Taça de Portugal 13/14 (3) Taça de Portugal 14/15 (8) Taça de Portugal 15/16 (4) Taça de Portugal 16/17 (4) Taça de Portugal 17/18 (2) táctica (1) Tales (2) Tanaka (1) Ténis de Mesa (2) Teo Gutierrez (5) Tertúlia Leonina (3) Tiago (3) Tonel (2) Torneio Guadiana 13/14 (1) Torneio New York Challenge (4) Torsiglieri (4) Tottenham (1) trabalho (1) transferências (5) transmissões (1) treinador (90) treino (4) treinos em Alvalade (1) troféu 5 violinos (5) TV Sporting (5) Twente (2) Tziu (1) uefa futsal cup (4) Uvini (1) Valdés. (3) Valores (14) Veloso (5) vendas (8) vendas 2013/14 (2) vendas 2014/15 (1) vendas 2016/17 (5) vendas 2017/18 (1) Ventspils (2) Vercauteren (5) Vergonha (7) video-arbitro (5) Villas Boas (8) Viola (1) Virgílio (98) Virgílio1 (1) Vitor Golas (1) Vitor Pereira (6) Vitória (1) VMOC (7) Vox Pop (2) VSC (3) Vukcevic (10) WAG´s (1) William Carvalho (13) Wilson Eduardo (2) Wolfswinkel (12) Wrestling (1) Xandão (4) Xistra (3) Zapater (2) Zeegelaar (2) Zezinho (1)