terça-feira, 20 de janeiro de 2015

Ecos da Assembleia Geral e o processo crime a José Eduardo


Sobre a necessidade da AG: Julgo que poucos terão dúvidas, sobretudo atendendo ao timing em que foi anunciada, que a AG se inseriu algures na tomada de decisão de despedir Marco Silva. Grande parte do interesse da reunião esfumou-se com a marcha atrás na decisão, o que acabou por fazer regressar uma certa "normalidade" ao seio do clube. A AG, que provavelmente serviria a uma espécie de teste de stress à gestão desportiva, deixou de ser necessária. 

Quanto a mim nunca o seria por este motivo, as direcções não precisam de convocar AG's sempre que tomam decisões, por mais difíceis que sejam. Salvo situações excepcionais, esse julgamento deve ser feito no final de cada ciclo directivo e não ao sabor do espírito do momento.

Sobre a relevância AG: Tendo em conta a relevância da informação prestada e das matérias tratadas ter-se-ia prestado um melhor serviço à generalidade da comunidade Sportinguista, especialmente aos que não vivem em Lisboa, efectuando a respectiva divulgação pelos canais habituais. Assim, atingir-se-ia um universo maior que os menos de um milhar que se disponibilizaram a estar presentes. 

No meu caso pessoal, que vivo longe e num fim-de-semana em que me vi fortemente condicionado por uma gripe das antigas, tive que andar a recolher informação nos mais diferentes canais, quando até o site do clube é omisso em muitos pormenores. Por exemplo os artigos noticiosos não referem a entrada de um novo investidor para a SAD, não pormenorizam a futura composição daquele organismo, não divulgam o relatório e contas consolidado relativamente ao período 2013/14. 

Saúda-se pelo menos o tom elevado em que parece ter decorrido o concilio e a satisfação expressa pelas horas de convívio e de grande fervor Sportinguista.


Pavilhão João Rocha: a grande noticia do dia, com a direcção a vincular-se à data para a sua finalização. Trata-se de um anseio antigo e a sua concretização é um reforço significativo da identidade do clube. 

As imagens divulgadas dão ideia de uma obra condigna com a imagem do clube. A lotação de três mil espectadores parece-me ser sensata, atendendo à actual realidade das modalidades e do próprio clube. O facto de a generalidade das actuais modalidades de pavilhão poderem realizar aí as suas actividades, incluindo o hóquei em patins, é uma boa decisão. O facto de se aproveitar a nova construção para se dar nova cara à Loja Verde e sobretudo ao Museu do clube também o é. 

Sobre este último devo dizer duas coisas: a sua localização é fundamental. Idealmente deveria estar colocado no cimo da escadaria que grande parte dos que procuram o Estádio de Alvalade têm que subir. Era indiscutivelmente o local ideal para a sua divulgação. E o surgimento dos seus congéneres nos nossos rivais obriga-nos a actualizar os seus conceitos base, é o senão de ser pioneiro.

Não consegui recolher a informação relativamente ao que sucederá caso parte das verbas que a SAD irá disponibilizar ao Clube, no âmbito do negócio Rojo/ManUtd, venham a ser reclamadas pela Doyen, caso esta obtenha decisão favorável.

Novo investidor mistério: Foi anunciado um novo investidor que terá já entregue à SAD uma verba de 18 milhões de euros. No entanto esta entrada de capital não foi objecto de nenhum comunicado por parte da CMVM ou do clube. O negócio parece estar abrangido por um acordo de confidencialidade, o que, à priori, atendendo à soma envolvida, torna obrigatória a divulgação do(s) titular(es). A carecer de maior esclarecimento.

Quase ninguém reparou mas, como consequência directa desta nova alienação, e somadas às já feitas anteriormente, o Sporting deve estar muito próximo de deter apenas metade (50%) da totalidade da SAD. Ainda há bem pouco tempo isto seria motivo de uma enorme discussão e troca de argumentos, isto mesmo atendendo a que estes valores podem vir a sofrer alterações com os resultados finais da reestruturação financeira.

Processo de Marco Silva a José Eduardo: A gravidade das acusações feitas por José Eduardo, e o facto de o ter feito de forma reincidente e sem retratação, não deixou outra alternativa ao treinador. Mas, mesmo reconhecendo-lhe o direito, devo dizer que, como sócio e adepto, preferia não ter que assistir a uma disputa do género. Um assunto que poderia deixar de o ser com uma boa mediação.

Note-se que, das testemunhas arroladas,- Rui Patrício (capitão do Sporting), Fernando Santos (seleccionador nacional), Joaquim Evangelista (presidente do Sindicato de Jogadores), José Pereira (presidente da Associação Nacional de Treinadores de Futebol, a ANTF), Nicolau Santos (director adjunto do Expresso), Carlos Daniel (jornalista), João Coimbra, Gonçalo Santos (ambos ex-pupilos no Estoril), Carlos Gonçalves (empresário) e Tiago Ribeiro (presidente da SAD do Estoril) - Marco Silva não nomeou ninguém da actual administração, o que não pode deixar de ser um dado importante na leitura que o treinador fez dos acontecimentos mais recentes.

16 comentários:

  1. A AG foi convocada numa altura em que Bruno de Carvalho pensava que podia despedir o Marco Silva (que ele considerou que havia desafiado a sua autoridade) e usou este assunto para esticar a corda para poder convocar eleições. As pessoas deixaram de fazer perguntas. Você diz, e bem, que o Sporting está à beira de ficar com pouco mais de 50% da sua SAD (e voltarei a isto a seguir, porque é muito importante), pensa que isto não se reflecte já na gestão da SAD? Ê claro que sim. Este presidente foi derrotado nesta questão (e ainda bem, porque despedir o Marco Silva significa que o futebol do Sporting ficava ainda mais na mão do brunismo), mas como é um oportunista e um mentiroso, diz o que for preciso para sobreviver, e de um dia para o outro o "infiltrado" passou a ser de novo o "seu treinador", sem a menor vergonha na cara e com direito a várias fotos da "paz" nas redes sociais.

    Você já pensou nos termos da reestruturação financeira? Porquê a necessidade de entrarem 18 milhões, quando isso pouco amortiza o passivo do Sporting? Eu admitia perder a maioria do capital por uma entrada de 180 milhões (na realidade uma miragem...), porque aí quase que "limpava" o passivo. Agora por 18 milhões de euros, o Sporting cede mais de 49% do capital da sua SAD, já que a Holdimo já tinha entrado antes por apenas 20 milhões de euros que serviram para pagar ordenados no tempo do Godinho Lopes. Ou seja, o Sporting perde poder por uma "ninharia". Mais. Dá toda a ideia que os valores que a banca impôs foram feitos à medida de alguém, para alguém poder ir a jogo. Daí que não sejam 100 ou 180 milhões, mesmo que fossem uma impossibilidade, mas ou menos eram condizentes com a grandeza do Sporting.

    E quem são esses interesses? Eram os interesses que antes das eleições eram parte da "corja" e agora são "parceiros". Interesses que estão num lado e no outro, representando um conflito de interesses grosseiro. Então não era por isso que a lista do Couceiro não podia ganhar e agora os brunistas calam-se? Nunca acreditei que BdC tivesse quaisquer apoios financeiros, mas quando logo após as eleições o Eduardo Barroso veio exigir para o seu Bruno as mesmas condições que tinham sido prometidas a José Couceiro, fiquei sem dúvida alguma. Por aqui se vê o carácter deste presidente. Presidente que para esses interesses é até muito útil, porque garante a paz social no Sporting, pois como é o Bruno passa tudo, e por isso mesmo ele tem sobrevivido no Sporting. Mas quando o Bruno deixar de ser popular, que já faltou mais, os mesmos que não o deixaram despedir o treinador põem-lhe um par de patins. Foi para tentar evitar isso, ou pelo menos adiá-lo, que o "Bruno" quis antecipar as eleições, esperando assim obter uma vitória eleitoral esmagadora que constrangesse os novos senhores da SAD, mas lixou-se em toda a linha.

    Para quem como eu nunca gostou deste presidente, nem o levou a sério, não se perde nada, mas o que me preocupa é como por tuta e meia se passa a controlar a SAD, e o que pretendem fazer. Isso é que me preocupa e não o destino do "Bruno" que nunca devia ter aparecido, porque só tornou isto mais fácil.

    ResponderEliminar
  2. Ainda por cima, se esses 18 milhões de euros tiverem de ser gastos a indemnizar a Doyen, como já alguns especulam, bem, é o fim da picada. Eu mais depressa pintava a minha cara de preto do que defendia uma direcção destas. Vejam o preço que o Sporting paga por isto tudo...

    ResponderEliminar
  3. Tanto odio espalhado nestes comentarios.O Homen (Bruno)tem realmente de ter muito Valor,para ser tao odiado por Estas aves agoirentas que nada mais sabem fazer que dizer mal de quem trabalha e que so quer o melhor para o clube que ama.Forca Bruno,como diz o velho adagioOs caes ladram e a caravana passa.Sporting sempre

    ResponderEliminar
  4. E na sequência do que disse o anónimo quase parece propositada a destruição do único factor que poderia assegurar a competitividade do Sporting face à diferença gigantesca de investimento com os seus dois rivais:a sua formação,

    Não deixa de ser impressionante que uma cambada de assanhados anti-corja sejam estúpidos ao ponto de não perceber o que se prepara: quando já não houver os restos do Godinho e da formação do Sporting (que com a chegada do Bruno era a "melhor academia do mundo" a mina de problemas a carecer de resolução no médio prazo) e o Sporting acumular 3 a 4 anos de desinvestimento face aos seus rivais, só sobrarem os Nabiçarres e Rabias, que o flautista aparece qual Sebastião revisited a sugerir que com o investidor que ele traz, ele faz uma parceria e fica a controlar um "investimento brutal" no Sporting para recuperar a competitividade.

    E os mesmos assanhados anti-corja baterão palminhas, como bateram quando o Bruno prometeu milhões e fundos a rodos, antes de descobrir que os fundos eram o mal incarnado em forma de dinheiro.

    Pobre Sporting, entregue a um aldrabão que lidera um conjunto de atrasados mentais.

    ResponderEliminar
  5. Os "restos do godinho" são dois anos sem pagar a olheiros e o desmantelamento da estrutura de recrutamento?

    "Tutores" e Baldés a viver na academia?

    Aceitar cláusulas de fuga de 5M€ para as maiores promessas?

    Passes de jogadores da formação vendidos a retalho e ao preço da uva mijona para contratar pranjics e (não) pagar a luz?

    Ou os 100 (sem) M€ que afinal foram os capitais próprios negativos deixados?

    Acordos com fundos com lucro garantido para o Nélio, onde o risco para o fundo é ZERO e onde o SCP, na melhor das hipóteses, ganhava umas migalhas?

    Os restos de godinho... Que lata!

    ResponderEliminar
  6. António Benedito, a nova bancada em Alcochete já não vai avançar, por isso é sinal de que a equipa B vai acabar no final da época, ou pelo menos não voltará a jogar em Alcochete, pois não é de crer que a Liga deixe a equipa B do Sporting jogar ali mais um ano, após já ter deixado passar estas duas épocas com o comprometimento do Sporting de que ali faria obras, que até chegaram a ser "adjudicadas". Mas inclino-me mais para a sua extinção, porque duvido que o BdC quisesse pagar uma renda para jogar noutro campo, e até devido a outros acontecimentos.

    Estes empréstimos todos que estamos a ver indiciam graves problemas financeiros, porque até para equipas da II Liga (Chaby emprestado ao União da Madeira) estamos a "despachar" jogadores. Não vejo como este jogador pode evoluir mais na Madeira do que no Sporting B, jogando na mesma divisão.
    E andam uns palhaços a falar em cães e caravanas. Se não são mesmo atrasados mentais, parecem.

    ResponderEliminar
  7. Os "restos" do Godinho são por exemplo o Marcos Rojo ou o André Carrillo. Quando fores buscar outros "iguais", avisa.

    ResponderEliminar
  8. "Os "restos" do Godinho são por exemplo o Marcos Rojo ou o André Carrillo. Quando fores buscar outros "iguais", avisa."

    Deixem-me pensar...
    A ver se me ocorre alguém...
    Assim de repente...
    Talvez, NANI!

    ResponderEliminar
  9. Os "restos" do Godinho são o Marcos Rojo ou o André Carrillo, é certo.

    Mas são também o Elias, o Labyad, o Danijel Pranjic, o Kalhid Boulahrouz, o Valeri Bojinov, o Rodríguez, o Turan, o Luís Aguiar, o Jeffrén Suárez, o Gelson Fernandes...

    São as vendas de jogadores (VW) a meio da época para pagar salários....

    São as percentagens dos passes dos jogadores da formação (WC) vendidas ao desbarato...

    São a vergonha de ter que carregar com um sétimo lugar na história (centenária) do clube e pior do que isso vivê-la ao vivo...

    São um ano sem competições europeias...

    São um clube nas mãos da banca...

    São cláusulas de venda de €5M em jogadores com potencial tremendo...

    São as humilhações nos jogos com os rivais...

    São o Oceano, o Vercauteren, o Jesualdo e não sei quem mais...

    São o desespero dos Sportinguistas e a total falta de esperança...

    São o jogador mais caro da história do clube com rendimento ao nível do mais barato...

    São o Luís Duque, o Carlos Freitas e as suas indemnizações...

    São milhões, milhões e milhões, que o Sporting não tem, nunca teve e nunca terá...

    Que não gostem do BdC, até percebo. O homem tem um estilo que claramente não agrada a todos.

    Mas usar a políttica desportiva do Godinho como argumento é o fim do mundo.

    ResponderEliminar
  10. "Talvez, NANI!"

    LOL Podes vender o Nani no final da época? É sintomático que não te lembres de mais ninguém!

    ResponderEliminar
  11. Nani, Slimani, Montero, Jefferson, Paulo Oliveira....

    Próximo passo: ir ver quanto custaram e qual a percentagem de passe detida.

    Já agora, quanto valiam Rojo e Carrillo no fim da época 2012/2013?

    Quanto vão valer Jonathan ou Gauld no futuro?

    Restos do Godinho... LOL

    ResponderEliminar
  12. "Slimani, Montero, Jefferson, Paulo Oliveira...."

    "Quanto vão valer Jonathan ou Gauld no futuro?"

    Ena pá, queres ver que como com o "investidor", o dinheiro já entrou e ninguém deu por isso?

    ResponderEliminar
  13. Eu até já estou habituado a ver o pessoal da oposição neste blogue. Dou 1 sorriso irónico, e por vezes um um bitaite que nem sempre é publicado pelo moderador, e a coisa segue.
    Agora fico perplexo é com a saudade que alguns têm de Godinho Lopes. Desta vez nem o tal sorriso irónico consigo dar.
    Só de pensar que um sportinguista ( será mesmo? Duvido! ) consegue ter saudades do tempo em que se vendia tudo para pagar a luz, do tempo em que havia salários em atraso, do tempo em que 90% da equipa pertencia a fundos, do tempo em que se vendeu um lateral direito de categoria internacional, dias antes do europeu de futebol por 2,5 milhões ( curiosamente é o mesmo montante que se vendeu o Maurício, central de segunda divisão brasileira )....saudades do sétimo lugar, de três treinadores por ano, de pseudo vedetas como bojinov, de jogadores incomportáveis para a folha salarial do clube como Elias e labyad. ...
    Eu não quero acreditar. ..
    Desde o não-assunto que foi a saída de Marco Silva, os opositores saíram claramente da toca. Ao primeiro sinal de fraqueza, é vê-los desfilar, orgulhosamente pela blogosfera nacional.
    O autor do texto já disse que não foi a assembleia. E os saudosistas de outros tempos? Foram? Aproveitaram para pedir explicações? Óbvio que não! E mais fácil vir para aqui dar uma de entendido não é? Pois....
    De lembrar que sem as grandes vedetas que esse antigo presidente (?) Trouxe para Alvalade, sem os génios Luís duque e Carlos Freitas, sem o apoio dos senhores da doyen ( coitados pá! Tão honestos! ) , sem amizades com os corruptos, sem caviar na tribuna vip. ...ficamos em segundo lugar. Este ano vamos lutar até ao fim. E vamos voltar a conseguir esse objectivo.
    Financeiramente estamos incomparavelmente melhores. Temos activos que podem ser vendidos pelo preço justo ( slimani, Maurício, montero, Jefferson. Outros com margem para evoluir e também darem alguns milhões ao clube como sarr, Tanaka, gauld, slatchev etc. E tudo jogadores nossos. Nada de fundos!
    Por isso abram os olhos, se nem tudo é perfeito , também não é tudo mau. Vejam que há bom trabalho feito.

    MLV

    ResponderEliminar
  14. Ó anónimo:

    "LOL Podes vender o Nani no final da época? É sintomático que não te lembres de mais ninguém!"
    Então a questão é vender? Sabes que eu para além de vender também levo em conta o rendimento desportivo.
    Mas olha, repara no comentário do Jô. Ele enumerou uma série de jogadores do tempo de GL e sabes qual foi o rendimento desportivo deles? Zero! E mais valias financeiras? Zero! E prejuízo para o Sporting? Muito!
    Não me lembro de mais ninguém? Lembro-me de Slimani, de Montero, de Jefferson, de Paulo Oliveira e aposto contigo que o Ryan Gauld ainda vai dar muitas alegrias ao Sporting (desportivas e financeiras).
    Mas para terminar, deixa-me fazer-te uma pergunta: Já que és tão crítico da gestão de BdC, foste à AG expor essas críticas?

    ResponderEliminar
  15. " Já que és tão crítico da gestão de BdC, foste à AG expor essas críticas?"

    Fui, fui. Eu passo-vos um bocado de cartão...

    ResponderEliminar
  16. O que por estes dias decorre no Sporting a nível financeiro e da secreta “reestruturação” da SAD do clube “seria motivo de uma enorme discussão e troca de argumentos” (Leão de Alvalade) entre os sportinguistas. De facto, noutras circunstâncias seria motivo de grande debate e confronto de ideias e de projectos para o nosso Clube. Recordar o tempo em que Bruno de Carvalho era oposição a Godinho Lopes e com grande alarde desancava no presidente de então enquanto debitava as suas soluções, provoca um misto de constrangimento e de revolta, conforme as circunstâncias. Quando recordamos de como o candidato se referia a Ricciardi e à Holdimo (Álvaro Sobrinho) e avaliamos, agora, o papel que ambos desempenham no Sporting presidido por BdC chega a parecer que alguém enlouqueceu de tão antagónicas são as palavras que foram e que hoje são proferidas pelos intervenientes. Isto não é secundário, um apêndice para arremesso, porque trata-se do futuro do Sporting, tal como o conhecemos!

    BdC tem um projecto para o Sporting Clube de Portugal que, em alguns aspectos, foi apresentado numa entrevista ao Jornal de Negócios, 25 Setembro 2013, e que terá passado despercebida a muitos sportinguistas. Refiro essa entrevista porque de forma leve e imprevista apresentou o núcleo duro da sua ideia para o Sporting, que se move em torno de Álvaro Sobrinho. À “vol des l’oiseaux” sublinhe-se que o referido investidor angolano é um dos proprietários do jornal.
    Nessa entrevista, BdC respondeu, nomeadamente, às seguintes questões:

    Pergunta: O administrador Paulo Antunes da Silva, da confiança da Holdimo, é uma mais- valia para o Sporting?
    - “A Holdimo é uma empresa vamos desmistificar isto. E como empresa procura maximizar os seus investimentos. E agora vê-se que foi uma entidade muito inteligente pelo que fez, e é por isso que às vezes se distinguem as organizações que tiveram a capacidade de ver algo que nem toda agente viu.”

    Pergunta: E a Holdimo também está disponível para subscrever os 18 milhões que faltam no aumento de capital?
    - “(…) Álvaro Sobrinho, também vibra muito com o Sporting, é um sportinguista fanático -, para ser nosso parceiro num projecto que é colocar o Sporting no lugar de topo do futebol nacional.”

    Pergunta: Mas não será surpresa se a Holdimo ficar com a maioria da parte do capital da SAD que não é do Sporting?
    - “Sinceramente, não estou nada preocupado, desde que o Sporting mantenha a maioria do capital. E digo-lhe: eu não veria [esse reforço angolano] nada com maus olhos.”

    Sabe-se que Paulo Antunes da Silva exerce, simultaneamente, funções nos Conselhos de Administração da SPORTING SAD e da HOLDIMO. Dir-se-ia é um 2 em 1 a preparar o caminho para o futuro!

    Por triste ironia e coincidência, o DN em 16 novembro 2011 noticiava que o “Presidente do Banco Espírito Santo Angola (BESA), Álvaro Sobrinho, tem 18 milhões congelados em vários processos e foi na tarde de ontem constituído arguido num processo que envolve suspeitas de burla ao estado angolano. O gestor foi interrogado no Tribunal Central de Instrução Criminal, em Lisboa, pelo juiz Carlos Alexandre, e será suspeito do crime de branqueamento de capitais.”
    Desconheço a proveniência e a consequência destes 18 milhões de euros. Mas, convenhamos, que quem anda com a transparência na língua a propósito de fundos e de investimentos ter um parceiro de referência assim… é uma displicência comprometedora!

    Entretanto, o tempo corre velozmente e a data de 2025 está cada vez mais próxima. É a data em que as célebres VMOC’s contratualizadas por BdC serão convertidas em acções. Nessa altura, o mais tardar, o SPORTING CLUBE DE PORTUGAL perde em definitivo a maioria do capital da SAD e, então, o Clube passa para um Sobrinho qualquer. No fundo, como BdC anunciou na entrevista ao Jornal de Negócios em 25 Setembro 2013.

    ResponderEliminar

Este blogue compromete-se a respeitar as opiniões dos seus leitores.

Para todos os efeitos a responsabilidade dos comentários são de quem os produz.

A existência da caixa de comentários visa dar a oportunidade aos leitores de expressarem as suas opiniões sobre o artigo que lhe está relacionado, bem como a promoção do debate de ideias e não a agressão e confrontação.

Daremos preferência aos comentários que entendermos privilegiarem a opinião própria do que a opinião que os leitores têm sobre a opinião de terceiros aqui emitida. Esta será tolerada desde que respeite o interlocutor.

Insultos, afirmações provocatórias ou ofensivas serão rejeitados liminarmente.

Não serão tolerados comentários com links promocionais ou que não estejam directamente ligados ao post em discussão.

Sporting Clube de Portugal

Sporting Clube de Portugal

Prémios

Sporting 160 - Podcast

Os mais lidos no último mês

Blog Roll

Leitores em linha


Seguidores

Número de visitas

Free HTML Counters

Ultimos comentários

Blog Archive

Temas

"a gaiola da luz" (1) 10A (1) 1ª volta Liga Zon/Sagres 10/11 (3) 2010-2011 (1) 2016 (1) 8 (4) AAS (7) ABC (3) Abrantes Mendes (3) Academia (14) Académica-SCP (1) adeptos (93) Adrien (18) AdT (1) adversários (81) AFLisboa (2) AG (19) Alan Ruiz (1) Alexander Ellis (1) alma leonina (59) ambição (10) andebol (33) André Geraldes (2) André Marques (2) André Martins (6) André Santos (5) anestesia (3) angulo (5) aniversário "A Norte" (3) Aniversário SCP (3) antevisão (41) APAF (11) aplausos ao ruben porquê? (2) Aquilani (1) aquisições (85) aquisições 2013/14 (16) aquisições 2014/15 (18) aquisições 2015/16 (17) aquisições 2016/17 (10) arbitragem (88) Associação de Basquetebol (6) ataque (1) Atitude (9) Atletico Madrid (1) Atlético Madrid (1) atletismo (6) auditoria (4) autismo (1) AVB és um palhaço (1) aventureiro (1) Bacelar Gouveia (2) Balakov (1) balanço (5) Baldé (4) balneário (3) banca (2) Barcos (3) Bas Dost (2) Bastidores (68) Batota (16) Beira-Mar (2) Belenenses (4) Benfica (1) BES (1) bilhetes (2) binários (1) Boal (1) Boateng (1) Boeck (2) Bojinov (7) Bolsa (2) Borússia Dortmund (1) Boulahrouz (2) Brasil (1) Braz da Silva (8) Brondby (4) Bruma (18) Bruno Carvalho (95) Bruno César (3) Bruno de Carvalho (7) Bruno Martins (20) Bryan Ruiz (3) Bubakar (1) BwinCup (1) cadeiras verdes (1) Cadete (1) Caicedo (5) calendário (2) Câmara Municipal de Lisboa (3) Campbell (2) Campeões (2) campeonato nacional (21) campeonatos europeus atletismo (2) Cândido de Oliveira (1) Caneira (2) Cape Town Cup (3) Capel (4) carlos barbosa (4) Carlos Barbosa da Cruz (2) Carlos Carvalhal (5) Carlos Freitas (7) Carlos Padrão (1) Carlos Severino (4) Carriço (6) Carrillo (10) Carrilo (3) carvalhal (30) Caso Cardinal (1) Casos (6) CD Liga (3) Cedric (7) Cervi (3) CFDIndependente (1) Champions League 2014/15 (9) Champions League 2015/16 (5) Chapecoense (1) CHEGA (1) Ciani (1) Ciclismo (3) CL 14/15 (2) Claques (9) clássicos (8) Coates (4) Coerência (1) colónia (1) comissões (2) competência (2) comunicação (64) Comunicação Social (20) Consciência (1) Conselho Leonino (2) contratações (6) COP (1) Coreia do Norte (1) Corradi (1) corrupção no futebol português (2) Cosme Damião (1) Costa do Marfim (3) Costinha (45) Couceiro (13) crápulas (1) credores (1) crise 2012/13 (21) Crise 2014/15 (2) Cristiano Ronaldo (1) cronica (3) crónica (15) cultura (4) curva Sporting (1) Damas (3) Daniel Sampaio (3) debate (5) defesa dos interesses do SCP (7) Del Horno (1) delegações (1) depressão (1) Derby (42) Derby 2016/17 (1) derlei (1) Desespero (1) Despedida (2) despertar (3) dia do leão (1) Dias da Cunha (1) Dias Ferreira (6) Diogo Salomão (4) director desportivo (18) director geral (5) direitos televisivos (4) Dirigentes (28) disciplina (6) dispensas (22) dispensas 2015/16 (1) dispensas 2016/17 (2) djaló (10) Domingos (29) Doyen (4) Duarte Gomes (2) Ecletismo (60) Eduardo Barroso (6) Eduardo Sá Ferreira (2) eleições (19) eleições2011 (56) eleições2013 (26) eleições2017 (9) Elias (5) eliminação (1) empresários (11) empréstimo obrigacionista (3) entrevistas (62) Épico (1) época 09/10 (51) época 10/11 (28) época 11/12 (8) época 12/13 (11) época 13/14 (4) época 14/15 (8) época 15/16 (5) época 16/17 (7) EquipaB (17) equipamentos (11) Eric Dier (8) Esperança (4) estabilidade (1) Estádio José de Alvalade (4) Estado da Nação (1) estatutos (6) Estórias do futebol português (4) estratégia desportiva (102) Estrutura (1) Euro2012 (6) Euro2016 (1) Europeu2012 (1) eusébio (2) Evaldo (3) Ewerton (4) exigência (2) expectativas (1) expulsão de GL (1) factos (1) Fafe (1) Fair-play (1) farto de Paulo Bento (5) fcp (12) FCPorto (8) FIFA (2) Figuras (1) filiais (1) final (1) final four (1) finalização (1) Finanças (24) fiorentina (1) Football Leaks (2) Formação (88) FPF (12) Francis Obikwelu (1) Frio (1) fundação aragão pinto (3) Fundação Sporting (1) fundos (14) futebol (9) futebol formação (1) futebol internacional (1) Futre (1) Futre és um palhaço (4) futsal (21) futsal 10/11 (1) futuro (8) gabriel almeida (1) Gala Honoris Sporting (2) galeria de imortais (27) Gamebox (2) Gauld (5) Gelson (1) Gent (1) geração academia (1) Gestão despotiva (2) gestores de topo (10) Gilberto Borges (2) GL (2) glória (5) glorias (4) Godinho Lopes (27) Gomes Pereira (1) Governo Sombra (1) Gralha (1) Gratidão (1) Grimi (4) Grupo (1) Guerra Civil (2) guimarães (1) Guy Roux (1) Hacking (1) Heerenveen (3) Hildebrand (1) História (18) Holdimo (1) homenagem (5) Hóquei em Patins (7) Hugo Malcato (113) Hugo Viana (1) Humor (1) i (1) Identidade (11) Idolos (3) II aniversário (1) Ilori (4) imagem (1) imprensa (12) Inácio (5) incompetência (7) Insua (2) internacionais (2) inverno (2) investidores (3) Iordanov (6) Irene Palma (1) Iuri Medeiros (1) Izmailov (26) Jaime Marta Soares (3) Jamor (3) Janeiro (1) Jardel (2) jaula (3) JEB (44) JEB demite-se (5) JEB és uma vergonha (5) JEB rua (1) JEBardadas (3) JEBardice (2) Jefferson (3) Jeffren (5) Jesualdo Ferreira (14) JJ (1) JL (3) Joana Ramos (1) João Benedito (1) João Mário (6) João Morais (5) João Pereira (6) João Pina (3) João Rocha (3) Joaquim Agostinho (2) joelneto (2) Jogo de Apresentação (1) Jorge Jesus (37) Jorge Mendes (3) José Alvalade (1) José Cardinal (2) José Couceiro (1) José Eduardo Bettencourt (33) José Travassos (1) JPDB (1) Jubas (1) judo (6) Juniores (7) JVL (105) Kwidzyn (1) Labyad (7) Lazio (1) LC (1) Leão de Alvalade (496) Leão Transmontano (62) Leonardo Jardim (11) Liderança (1) Liedson (28) Liga 14/15 (35) Liga de Clubes (11) liga dos campeões (12) Liga dos Campeões 2016/17 (11) Liga Europa (33) Liga Europa 11/12 (33) Liga Europa 12/13 (9) Liga Europa 13/14 (1) Liga Europa 14/15 (1) Liga Europa 15/16 (11) Liga Europa10/11 (16) Liga NOS 15/16 (30) Liga NOS 16/17 (20) Liga Sagres (30) Liga Zon/Sagres 10/11 (37) Liga Zon/Sagres 11/12 (38) Liga Zon/Sagres 12/13 (28) Liga Zon/Sagres 13/14 (24) Lille (1) LMGM (68) losango (1) Lourenço (1) low cost (1) Luis Aguiar (2) Luis Duque (9) Luís Martins (1) Madeira SAD (4) Malcolm Allison (1) Mandela (2) Mané (3) Maniche (4) Manifesto (3) Manolo Vidal (2) Manuel Fernandes (7) Marca (1) Marcelo Boeck (1) Marco Silva (27) Maritimo (2) Marítimo (3) Markovic (1) Matheus Pereira (2) Mati (1) matías fernandez (8) Matias Perez (1) Mauricio (3) Meli (1) Memória (10) mentiras (1) mercado (40) Meszaros (1) Miguel Lopes (1) miséria de dirigentes (2) mística (3) Modalidades (24) modelo (3) Moniz Pereira (7) Montero (7) Moutinho (3) Mundial2010 (9) Mundial2014 (3) Mundo Sporting (1) Nacional (1) Naide Gomes (2) Naldo (3) naming (2) Nani (3) Natal (4) Naval (3) Navegadores (3) negócios lesa-SCP (2) NextGen Series (3) Noite Europeia (1) nonsense (22) Nordsjaelland (1) NOS (1) Notas de Imprensa (1) notáveis (1) nucleos (1) Núcleos (9) Nuno André Coelho (2) Nuno Dias (3) Nuno Saraiva (2) Nuno Valente (1) o (1) O Roquetismo (8) Oceano (1) Octávio (1) Olhanense (1) Olivedesportos (1) Onyewu (7) onze ideal (1) opinião (6) oportunistas (1) orçamento (3) orçamento clube 15/16 (1) organização (1) orgulho leonino (17) Oriol Rosell (3) paineleiros (15) Paiva dos Santos (2) paixão (3) papagaios (8) pára-quedista (1) parceria (2) pascoa 2010 (1) pasquins (7) património (2) patrocínios (5) Paulinho (1) paulo bento (19) Paulo Faria (1) Paulo Oliveira (3) Paulo Sérgio (43) paulocristovão (1) Pavilhão (10) pedrada (1) Pedro Baltazar (8) Pedro Barbosa (5) Pedro Madeira Rodrigues (3) Pedro Mendes (4) Pedro Silva (2) Pereirinha (6) Peyroteo (2) Pini Zahavi (2) Pinto Souto (1) plantel (31) play-off (1) PMAG (3) Polga (5) Pongolle (5) Pontos de vista (15) por amor à camisola (2) post conjunto (5) Postiga (7) PPC (7) Pranjic (2) pré-época (2) pré-época 10/11 (7) pré-época 11/12 (43) pré-época 12/13 (16) pré-época 13/14 (16) pré-época 14/15 (22) pré-época 15/16 (20) pré-época 16/17 (12) prémio (1) prémios stromp (1) presidente (4) projecto Roquette (2) promessas (3) prospecção (2) Providência Cautelar. Impugnação (1) PS (1) Quo vadis Sporting? (1) Rabiu Ibrahim (2) râguebi (1) raiva (1) RD Slovan (1) reacção (1) redes sociais (1) Reestruturação financeira (17) reflexãoleonina (21) reforços (15) regras (3) regulamentos (1) Relatório e Contas (11) relva (10) relvado sintético (4) remunerações (1) Renato Neto (3) Renato Sanches (1) respeito (7) resultados (1) revisão estatutária (5) Ribas (2) Ribeiro Telles (4) Ricardo Peres (1) Ricciardi (2) ridiculo (1) ridículo (2) Rinaudo (8) Rio Ave (2) Rita Figueira (1) rivais (5) Rodriguez (2) Rojo (4) Ronaldo (12) rtp (1) Rúbio (4) Rui Patricio (18) Rui Patrício (4) Sá Pinto (31) SAD (25) Salema (1) Sarr (4) Schelotto (2) Schmeichel (2) scouting (1) SCP (64) Segurança (1) Selecção Nacional (38) seleccionador nacional (5) SerSporting (1) Shikabala (2) Símbolos Leoninos (3) Sinama Pongolle (1) Sistema (4) site do SCP (3) SJPF (1) Slavchev (1) slb (21) Slimani (11) Soares Franco (1) sócios (16) Sócrates (1) Solar do Norte (14) Sondagens (1) sorteio (3) Sousa Cintra (1) Sp. Braga (1) Sp. Horta (1) Spalvis (2) Sporting Clube de Paris (1) Sportinguismo (2) sportinguistas notáveis (2) SportTv (1) Stijn Schaars (4) Stojkovic (3) Sunil Chhetri (1) Supertaça (3) sustentabilidade financeira (40) Taça CERS (1) Taça Challenge (5) taça da liga (11) Taça da Liga 10/11 (7) Taça da Liga 11/12 (3) Taça da Liga 13/14 (3) Taça da Liga 14/15 (2) Taça da Liga 15/16 (4) Taça da Liga 16/17 (1) Taça das Taças (1) Taça de Honra (1) Taça de Liga 13/14 (3) Taça de Portugal (12) Taça de Portugal 10/11 (3) Taça de Portugal 10/11 Futsal (1) Taça de Portugal 11/12 (12) Taça de Portugal 13/14 (3) Taça de Portugal 14/15 (8) Taça de Portugal 15/16 (4) Taça de Portugal 16/17 (4) táctica (1) Tales (2) Tanaka (1) Ténis de Mesa (2) Teo Gutierrez (5) Tertúlia Leonina (3) Tiago (3) Tonel (2) Torneio Guadiana 13/14 (1) Torneio New York Challenge (4) Torsiglieri (4) Tottenham (1) trabalho (1) transferências (5) transmissões (1) treinador (89) treino (4) treinos em Alvalade (1) troféu 5 violinos (5) TV Sporting (5) Twente (2) Tziu (1) uefa futsal cup (3) Uvini (1) Valdés. (3) Valores (14) Veloso (5) vendas (8) vendas 2013/14 (2) vendas 2014/15 (1) vendas 2016/17 (5) Ventspils (2) Vercauteren (5) Vergonha (7) video-arbitro (2) Villas Boas (8) Viola (1) Virgílio (95) Virgílio1 (1) Vitor Golas (1) Vitor Pereira (6) Vitória (1) VMOC (7) Vox Pop (2) VSC (3) Vukcevic (10) WAG´s (1) William Carvalho (13) Wilson Eduardo (2) Wolfswinkel (12) Wrestling (1) Xandão (4) Xistra (3) Zapater (2) Zeegelaar (2) Zezinho (1)