terça-feira, 13 de setembro de 2016

Liga dos Campeões: Sporting entre o Real e o coração

Algumas considerações breves sobre a estreia do Sporting na presente edição da Liga dos Campeões:

Em futebol existem sempre favoritos e underdogs até a bola começar a rolar no relvado. Depois disso o dinheiro, as diferenças de qualidade entre os jogadores e treinadores continuam a ter importância, o que já sucede menos relativamente ao peso do historial de cada clube em confronto. Apesar das diferenças abismais a separar-nos do Real Madrid, vamos escrever uma nova página, é aproveitar a oportunidade para dignificar o nome do Sporting. 

Um aspecto importante dentro do azar que nos calhou em sorteio, onde os dois primeiros lugares já estão "reservados", é que não poderá haver, à semelhança do que fizemos o ano passado, um investimento a meias tintas na competição. Se jogando ao mais elevado nível ainda é difícil fazer frente ao Real Madrid, entrar a medo ou pouco convicto, é abrir a porta aos desastre e à humilhação.

Entre as dificuldades especificas deste adversário devem ser consideradas:
- Uma equipa consolidada e que Zidane conseguiu trazer ao melhor plano, não pela excelência de uma proposta de jogo muito elaborada, mas justamente pela simplicidade de colocar os jogadores no lugar certo e deixar que a qualidade que as partes possuem fale pelo colectivo.

- Uma estrutura sólida apoiada em Pepe, Ramos, Kros, Modric, Bale e Ronaldo que Casimiro ajudou a estabilizar. Habituado a ter que assumir o jogo este Real vai rodeando os adversários como impassividade esqualiforme, à espera de um momento de vulnerabilidade dos adversários, seja por distracção ou cansaço.

- A complementaridade da simplicidade matemática e precisão geométrica do jogo de Kroos com a descrição furtiva mas letal de Modric a abrir autoestradas para Bale, Morata (na ausência forçada de Benzema) e Ronaldo são a marca da actual equipa madridista.

- A paciência que usa na construção do ataque antes de fazer funcionar o marcador depressa se transforma numa equipa cínica, adoptando uma postura pretensamente defensiva, de linhas mais próximas da sua área, convidando os adversários a subir à procura do golo. 
Não se pense que o Sporting não tem qualquer oportunidade em Madrid, apesar de tudo o que disse acima, a que há ainda uma circunstância agravante que deve ser considerada: o jogo de Madrid acontece uns meses cedo demais porque tudo indica que a integração dos últimos reforços fará crescer a equipa. Por exemplo, é impossível não imaginar a "miséria" que uma dupla como Campbell e Markovic poderiam espalhar nas últimas linhas dos merengues se já estivesse bem identificada. Sendo reconhecidamente reduzidas as nossas possibilidades, elas serão um pouco melhores se:

- O condicionamento psicológico tem de ser a de uma equipa madura. A equipa do Sporting é constituída por jogadores experimentados, quase todos eles internacionais pelas suas selecções e habituados aos grandes palcos, pelo que o habitual pânico provocado pelo cenário do Bernabéu deve ser transformado em vontade de ganhar e de ser notado. 

- A maturidade será determinante nos momentos de maior pressão e sobretudo em caso de desvantagem. Permanecer sereno e obedecer ao plano de jogo é essencial. E muita atenção na marcação à zona, nos lances de bola parada.

- Saber aproveitar auto-confiança, por vezes alguma soberba, de quem está habituado a ganhar e que acha que mais tarde ou mais cedo o céu se vai abrir em que por vezes cai a equipa merengue.

- Aproveitar a posse de bola para enervar os madridistas que não gostam muito de a ter longe dos pés. O espaço entre as linhas mais recuadas, atacar espaço dos centrais e destes com os laterais, obrigando-os a desposicionarem-se é algo que resulta habitualmente muito bem e que JJ sabe trabalhar como ninguém.

- Saber sofrer quando tiver que ir à procura da bola, sem vacilar e sem desesperos, mantendo a serenidade. Algo que a equipa de JJ não está muito confortável, pois no panorama nacional está habituada a ser o predador e não o acossado.
Este ó lado mais racional do embate. Porém, para um simples adepto como eu e tantos outros quando o Sporting joga o único cérebro que funciona é o do JJ. O resto é tudo coração, a alma, desejo e crença de ver o Sporting triunfar e cumprir o seu destino: ser grande entre os maiores. É a nossa fé, é clube que nasceu um dia, que aprendemos a amá-lo, e a trazer no coração.Por falar nisso vou estrear-me no jogo Placard e apostar dez aéreos na vitória do Sporting e cinco no empate.

A todos os Leões que por estes dias rumam a Madrid um forte abraço e desejos de uma noite histórica para o álbum das grandes recordações.

P.S. - Por inerência da participação na Liga dos Campeões o Sporting competirá também na Youth League amanhã. Uma boa prova de aferição para a nossa formação. A seguir com atenção.

11 comentários:

  1. Que fantástica fotografia LdA.
    Carlos Xavier, Fernando Hierro e Iván Zamorano.

    Por falta de tempo muitas desculpas por me focar num aspecto negativo:

    " ... importante do azar que nos calhou em sorteio, ficando num grupo forte, onde os dois primeiros lugares já estão "reservados" é que não poderá haver, à semelhança do que fizemos o ano passado, um investimento a meias tintas na competição."

    O Sporting (não falo nós evidentemente LdA) não se pode queixar de nada: sorteios fáceis ou difíceis porque o Sporting não tem muito simplesmente cabedal Europeu. Não o tem. Época atrás de época demonstra-o, encontre pela frente campeões de Espanha ou 2ºs classificados da Suiça, 4ºs classificados de Itália ou 3ºs classificados da Escócia. Mas como se viu no ano passado copiando o registo de 16 ou 17 épocas dos últimos (pelo menos) 20 anos, o Sporting encara prestações medíocres na UEFA com normalidade por isso não há problema, se calhar.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. "Que fantástica fotografia LdA.
      Carlos Xavier, Fernando Hierro e Iván Zamorano."

      Além destes, também lá estão Vujacic, Sanchis e Quique Flores.

      Foi uma grande exibição do Sporting, especialmente do Carlos Xavier, Oceano e Figo.

      Eliminar
    2. o jogo em Madrid é seguramente um dos melhor 3 jogos que vi o Sporting fazer na minha vida... 3 bolas nos postes/trave e o RM a ver-nos jogar. "Jogámos como nunca e perdemos como sempre". Infelizmente foi mesmo isso.

      Eliminar
  2. Leão de Alvalade,
    Sobre o texto excelente que perspectiva o jogo, palavras em itálico:

    Ontem em conversa com um amigo falava-se um pouco sobre as reais possibilidades que o Sporting terá de sair de Madrid com uma vitória ou um empate. Referiu-se então, como dizes no post, que é nestes jogos que JJ se assume extraordinariamente importante. Não tanto em pelo menos 65% dos jogos domésticos onde treinadores bastante inferiores a JJ se habilitam a vencer a esmagadora maioria deles tendo jogadores como Jonas, Rafa ou Lindelöf. Contra equipas melhores aí sim JJ poderá fazer como fez com o SC Braga em Milão ou com o Belenenses frente ao Realde Schuster - uma exibição (Braga em Milão) soberba, jogo fantástico mesmo. É aliás o 1º grande teste de JJ de nível de dificuldade elevadíssimo desde que está no Sporting, quando tal não serve para colocar pressão. Como se disse há uns tempos: qq equipa pode sair esmagada de Madrid. Até o Dortmund, Barcelona e tantos outros, quanto mais o Sporting.

    Isto sobre maturidade (conhecimento, capacidade). JJ tem-na. Os jogadores, vamos ver o que o jogo dá ... Adrien por exemplo pode facilmente perder-se num jogo destes, dependendo do que 1 ou 2 jogadores do Real fizerem. João Mário já estaria mais a salvo do mesmo cenário. William, vamos ver: é o primeiro jogo também para ele com tanta carga ao mesmo tempo positiva mas extremamente exigente, em competições de clubes quando a Liga dos Campeões e uma 1ª jornada no Barnabéu são muito mais importantes do que um campeonato da Europa. Rui Patrício poderá revelar-se importante ou mesmo decisivo. Os centrais do Sporting poderão passar por muitos maus bocados mesmo que o Real nem esteja muito inspirado. Poderemos até ver uma coisa parecida com o que o Benfica de Jesus fez em Barcelona há uns anos: 11 jogadores atrás da linha da bola. Ninguém se surpreenderia.

    Mas J. Jesus faz-nos sonhar porque pode ser que consiga manter o jogo dividido e depois num ou dois lances quem sabe fazemos um ou dois golos.

    Se tivesse de apostar: A. Ruiz não jogará e pode ser que B. César volte para o meio-campo. "meio-campo". Não percebo muito bem por que razão JJ não confia em Jefferson mas com os dois brasileiros na esquerda a coisa amanhã ficaria tranquila por esse lado. O mesmo já não se poderá afirmar do outro lado nem no centro da defesa. Pode ser que William se agigante embora duvide que o possa fazer caso o Real esteja com fome.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Manuel HB,

      Completamente de acordo com a apreciação sobre Jorge Jesus.

      percebo o que dizes relativamente a Adrien e que se justifica mas o meu maior receio está no William, que tem revelado alguma dificuldade em recuperar defensivamente, muito errático nos passes, alternando coisas fantásticas com perdas comprometedoras.

      Não surpreenderia muito que BCésar jogasse no mesmo lugar onde JJ o colocou depois dos minutos iniciais no clássico com o FCP, onde acabou por ser determinante para juntar as peças, numa altura em que revalavamos muitas dificuldades em manter a bola.

      Não espero que Jefferson jogue nenhum jogo esta importância e dificuldade. As suas últimas aparições deixaram muito a desejar sobretudo no aspecto defensivo.

      Eliminar
    2. Não sei se seria o meu 11, mas aposto neste:

      Patrício
      Pereira; Coates; Semedo; B. César
      William
      Elias; Adrien
      Gelson; B. Ruiz
      Dost

      Eliminar
    3. L. de Alvalade,

      Jefferson ou o outro, "Zegeleto", o que costuma ser defesa esquerdo caso seja igual ou melhor que Jefferson. Confundo os 2 ou talvez 3 laterais que o Sporting contratou algures na temporada passada em Dezembro porque lá está, não eram precisos. Para ser campeão em Portugal Jefferson estava mto bem e J. Pereira também, lateral que nem gosto mas a partir do momento em que o Sporting o contratou gastando com ele recursos, deveria ser ele a opção pq para ser campeão dentro de portas chegaria / chega perfeitamente.

      As posições do centro do terreno são sempre as mais importantes. Centrais têm de ser bons, se forem especiais tanto melhores. Laterais nem por isso, se forem competentes n é necessários andar a contratar 4 e 5 jogadores de 2 em 2 anos qd os ganhos para a equipa são residuais.

      Eliminar
    4. A minha equipa provável:

      Patricio
      JoãoP Coates Semedo BCésar
      Gélson Elias William Adrien
      Ruiz Dost

      A que eu apostaria para surpreender:

      Patricio
      JoãoP Coates Semedo Marvin
      Elias William Adrien BCésar
      Campbell Markovic

      Eliminar
  3. Isto hoje é a sério! Por mais voltas que se dê o Sporting não vai conseguir jogar conforme está habituado, não poderá gerir e comandar o jogo, essa aliás é a obrigação do nosso majestoso adversário.

    Tenho dois temores, primeiro tenho visto muita intranquilidade a defender bolas paradas, muito erro de posição e de reacção a atacar a bola, contra a armada espanhola isto é fatal. Segundo, vamos ter pouquíssimas oportunidades de marcar e nenhuma como JJ gosta, ali no meinho da área como um penalty em movimento, a surgirem oportunidades serão em contra ataque ou remates de média/longa distância em zona central (alô Adrien, alô chuta-chuta).

    Resumindo, nesta primeira fase da champions os tubarões brancos ou de outras cores costumam gerir os jogos da seguinte forma, são letais nos jogos em casa, não há cá abébias para ninguém, 9 pontos, normalmente só precisam de acelerar o ritmo e intensidade do jogo durante uma meia hora e está feito. Nos jogos fora gerem, não há grande intensidade e qualquer empate ou eventual derrota não afecta o objectivo, passar à fase seguinte.

    O Sporting terá de fazer as suas opções, para ter oportunidade de passar à fase seguinte tem de pontuar em casa de um dos tubarões e como eu já tive o prazer de ver champions em casa do tubarão amarelo (horrivelmente maravilhoso!) e o nosso histórico contra "alimões" se calhar apostava as fichas neste. Mas há o reverso da medalha, ter o tubarão pressionado em nossa casa vai ser mais uma tarefa ciclópica.

    Caso tudo corra conforme a normalidade, lá mais para a frente, o Real chegará a nossa casa com a sua situação resolvida e ai sim teremos reais possibilidades de fazer uma surpresa à séria. O resultado do Real em Dortmund e em Alvalade poderá baralhar as contas do grupo.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. "Tenho dois temores, primeiro tenho visto muita intranquilidade a defender bolas paradas, muito erro de posição e de reacção a atacar a bola, contra a armada espanhola isto é fatal."

      Concordo. O meu receio também é esse. Termos a lição bem estudada, estarmos a fazer um jogo competente e, depois, um canto ou livre e Ramos, Bale, Ronaldo ou Varane desbloquearem isso.
      E isso é muito "à Sporting". Basta ver o jogo com o Chelsea em Alvalade. Grande Patrício a evitar tudo, grande sorte à mistura e, depois, um canto e um golo de cabeça de Matic (já na fase descendente do salto).

      A 1ª fase da Champions é só para entreter. Todos sabemos quem vai passar. Por vezes, há surpresas. Mas isso resulta da muita incompetência da equipa do Pote 1 ou 2 que se deixou ficar para trás. Estes são jogos que ninguém vê (a competição começa em Fevereiro / Março). Até lá, se for preciso "desbloquear" um jogo a um tubarão, ninguém se admire.

      Hoje é muito, muito difícil. O Sporting só tem de sobreviver e manter intactos os níveis de confiança para Vila do Conde.

      Neste grupo e com a nossa tão fraca experiência nestas andanças, o Sporting tem a obrigação de:
      - vencer os jogos em casa com Dortmund e Legia;
      - não perder em Varsóvia;

      Tudo o resto, já não é nossa responsabilidade.

      Eliminar

Este blogue compromete-se a respeitar as opiniões dos seus leitores.

Para todos os efeitos a responsabilidade dos comentários são de quem os produz.

A existência da caixa de comentários visa dar a oportunidade aos leitores de expressarem as suas opiniões sobre o artigo que lhe está relacionado, bem como a promoção do debate de ideias e não a agressão e confrontação.

Daremos preferência aos comentários que entendermos privilegiarem a opinião própria do que a opinião que os leitores têm sobre a opinião de terceiros aqui emitida. Esta será tolerada desde que respeite o interlocutor.

Insultos, afirmações provocatórias ou ofensivas serão rejeitados liminarmente.

Não serão tolerados comentários com links promocionais ou que não estejam directamente ligados ao post em discussão.

Sporting Clube de Portugal

Sporting Clube de Portugal

Prémios

Sporting 160 - Podcast

Os mais lidos no último mês

Leitores em linha


Seguidores

Leitura recomendada

Número de visitas

Free HTML Counters

Ultimos comentários

Blog Archive

Temas

"a gaiola da luz" (1) 10A (1) 1ª volta Liga Zon/Sagres 10/11 (3) 2010-2011 (1) 2016 (1) 8 (4) AAS (7) ABC (3) Abrantes Mendes (3) Academia (14) Académica-SCP (1) adeptos (93) Adrien (18) AdT (1) adversários (81) AFLisboa (2) AG (19) Alan Ruiz (1) Alexander Ellis (1) alma leonina (59) ambição (10) andebol (33) André Geraldes (1) André Marques (2) André Martins (6) André Santos (5) anestesia (3) angulo (5) aniversário "A Norte" (3) Aniversário SCP (3) antevisão (41) APAF (11) aplausos ao ruben porquê? (2) Aquilani (1) aquisições (85) aquisições 2013/14 (16) aquisições 2014/15 (18) aquisições 2015/16 (17) aquisições 2016/17 (10) arbitragem (88) Associação de Basquetebol (6) ataque (1) Atitude (9) Atletico Madrid (1) Atlético Madrid (1) atletismo (6) auditoria (4) autismo (1) AVB és um palhaço (1) aventureiro (1) Bacelar Gouveia (2) Balakov (1) balanço (5) Baldé (4) balneário (3) banca (2) Barcos (3) Bas Dost (2) Bastidores (68) Batota (16) Beira-Mar (2) Belenenses (4) Benfica (1) BES (1) bilhetes (2) binários (1) Boal (1) Boateng (1) Boeck (2) Bojinov (7) Bolsa (2) Borússia Dortmund (1) Boulahrouz (2) Brasil (1) Braz da Silva (8) Brondby (4) Bruma (18) Bruno Carvalho (94) Bruno César (3) Bruno de Carvalho (6) Bruno Martins (20) Bryan Ruiz (3) Bubakar (1) BwinCup (1) cadeiras verdes (1) Cadete (1) Caicedo (5) calendário (2) Câmara Municipal de Lisboa (3) Campbell (2) Campeões (2) campeonato nacional (21) campeonatos europeus atletismo (2) Cândido de Oliveira (1) Caneira (2) Cape Town Cup (3) Capel (4) carlos barbosa (4) Carlos Barbosa da Cruz (2) Carlos Carvalhal (5) Carlos Freitas (7) Carlos Padrão (1) Carlos Severino (4) Carriço (6) Carrillo (10) Carrilo (3) carvalhal (30) Caso Cardinal (1) Casos (6) CD Liga (3) Cedric (7) Cervi (3) CFDIndependente (1) Champions League 2014/15 (9) Champions League 2015/16 (5) Chapecoense (1) CHEGA (1) Ciani (1) Ciclismo (3) CL 14/15 (2) Claques (9) clássicos (8) Coates (4) Coerência (1) colónia (1) comissões (2) competência (2) comunicação (63) Comunicação Social (20) Consciência (1) Conselho Leonino (2) contratações (6) COP (1) Coreia do Norte (1) Corradi (1) corrupção no futebol português (2) Cosme Damião (1) Costa do Marfim (3) Costinha (45) Couceiro (13) crápulas (1) credores (1) crise 2012/13 (21) Crise 2014/15 (2) Cristiano Ronaldo (1) cronica (3) crónica (15) cultura (4) curva Sporting (1) Damas (3) Daniel Sampaio (3) debate (5) defesa dos interesses do SCP (7) Del Horno (1) delegações (1) depressão (1) Derby (41) derlei (1) Desespero (1) Despedida (2) despertar (3) dia do leão (1) Dias da Cunha (1) Dias Ferreira (6) Diogo Salomão (4) director desportivo (18) director geral (5) direitos televisivos (4) Dirigentes (28) disciplina (6) dispensas (22) dispensas 2015/16 (1) dispensas 2016/17 (2) djaló (10) Domingos (29) Doyen (4) Duarte Gomes (2) Ecletismo (60) Eduardo Barroso (6) Eduardo Sá Ferreira (2) eleições (19) eleições2011 (56) eleições2013 (26) eleições2017 (9) Elias (5) eliminação (1) empresários (11) empréstimo obrigacionista (3) entrevistas (61) Épico (1) época 09/10 (51) época 10/11 (28) época 11/12 (8) época 12/13 (11) época 13/14 (4) época 14/15 (8) época 15/16 (5) época 16/17 (7) EquipaB (17) equipamentos (11) Eric Dier (8) Esperança (4) estabilidade (1) Estádio José de Alvalade (4) Estado da Nação (1) estatutos (6) Estórias do futebol português (4) estratégia desportiva (102) Estrutura (1) Euro2012 (6) Euro2016 (1) Europeu2012 (1) eusébio (2) Evaldo (3) Ewerton (4) exigência (2) expectativas (1) expulsão de GL (1) factos (1) Fafe (1) farto de Paulo Bento (5) fcp (12) FCPorto (8) FIFA (2) Figuras (1) filiais (1) final (1) final four (1) finalização (1) Finanças (24) fiorentina (1) Football Leaks (2) Formação (88) FPF (12) Francis Obikwelu (1) Frio (1) fundação aragão pinto (3) Fundação Sporting (1) fundos (14) futebol (9) futebol formação (1) futebol internacional (1) Futre (1) Futre és um palhaço (4) futsal (21) futsal 10/11 (1) futuro (8) gabriel almeida (1) Gala Honoris Sporting (2) galeria de imortais (27) Gamebox (2) Gauld (4) Gelson (1) Gent (1) geração academia (1) Gestão despotiva (2) gestores de topo (10) Gilberto Borges (2) GL (2) glória (5) glorias (4) Godinho Lopes (27) Gomes Pereira (1) Governo Sombra (1) Gralha (1) Gratidão (1) Grimi (4) Grupo (1) Guerra Civil (2) guimarães (1) Guy Roux (1) Hacking (1) Heerenveen (3) Hildebrand (1) História (18) Holdimo (1) homenagem (5) Hóquei em Patins (7) Hugo Malcato (113) Hugo Viana (1) Humor (1) i (1) Identidade (11) Idolos (3) II aniversário (1) Ilori (4) imagem (1) imprensa (12) Inácio (5) incompetência (7) Insua (2) internacionais (2) inverno (2) investidores (3) Iordanov (6) Irene Palma (1) Iuri Medeiros (1) Izmailov (26) Jaime Marta Soares (2) Jamor (3) Janeiro (1) Jardel (2) jaula (3) JEB (44) JEB demite-se (5) JEB és uma vergonha (5) JEB rua (1) JEBardadas (3) JEBardice (2) Jefferson (3) Jeffren (5) Jesualdo Ferreira (14) JJ (1) JL (3) Joana Ramos (1) João Benedito (1) João Mário (6) João Morais (5) João Pereira (6) João Pina (3) João Rocha (3) Joaquim Agostinho (2) joelneto (2) Jogo de Apresentação (1) Jorge Jesus (36) Jorge Mendes (3) José Alvalade (1) José Cardinal (2) José Couceiro (1) José Eduardo Bettencourt (33) José Travassos (1) JPDB (1) Jubas (1) judo (6) Juniores (7) JVL (105) Kwidzyn (1) Labyad (7) Lazio (1) LC (1) Leão de Alvalade (496) Leão Transmontano (62) Leonardo Jardim (11) Liderança (1) Liedson (28) Liga 14/15 (35) Liga de Clubes (11) liga dos campeões (12) Liga dos Campeões 2016/17 (11) Liga Europa (33) Liga Europa 11/12 (33) Liga Europa 12/13 (9) Liga Europa 13/14 (1) Liga Europa 14/15 (1) Liga Europa 15/16 (11) Liga Europa10/11 (16) Liga NOS 15/16 (30) Liga NOS 16/17 (20) Liga Sagres (30) Liga Zon/Sagres 10/11 (37) Liga Zon/Sagres 11/12 (38) Liga Zon/Sagres 12/13 (28) Liga Zon/Sagres 13/14 (24) Lille (1) LMGM (68) losango (1) Lourenço (1) low cost (1) Luis Aguiar (2) Luis Duque (9) Luís Martins (1) Madeira SAD (4) Malcolm Allison (1) Mandela (2) Mané (3) Maniche (4) Manifesto (3) Manolo Vidal (2) Manuel Fernandes (7) Marca (1) Marcelo Boeck (1) Marco Silva (27) Maritimo (2) Marítimo (3) Markovic (1) Matheus Pereira (2) Mati (1) matías fernandez (8) Matias Perez (1) Mauricio (3) Meli (1) Memória (10) mentiras (1) mercado (40) Meszaros (1) Miguel Lopes (1) miséria de dirigentes (2) mística (3) Modalidades (24) modelo (3) Moniz Pereira (7) Montero (7) Moutinho (3) Mundial2010 (9) Mundial2014 (3) Mundo Sporting (1) Nacional (1) Naide Gomes (2) Naldo (3) naming (2) Nani (3) Natal (4) Naval (3) Navegadores (3) negócios lesa-SCP (2) NextGen Series (3) Noite Europeia (1) nonsense (22) Nordsjaelland (1) NOS (1) Notas de Imprensa (1) notáveis (1) nucleos (1) Núcleos (9) Nuno André Coelho (2) Nuno Dias (3) Nuno Saraiva (1) Nuno Valente (1) o (1) O Roquetismo (8) Oceano (1) Octávio (1) Olhanense (1) Olivedesportos (1) Onyewu (7) onze ideal (1) opinião (6) oportunistas (1) orçamento (3) orçamento clube 15/16 (1) organização (1) orgulho leonino (17) Oriol Rosell (3) paineleiros (15) Paiva dos Santos (2) paixão (3) papagaios (8) pára-quedista (1) parceria (2) pascoa 2010 (1) pasquins (7) património (2) patrocínios (5) Paulinho (1) paulo bento (19) Paulo Faria (1) Paulo Oliveira (3) Paulo Sérgio (43) paulocristovão (1) Pavilhão (10) pedrada (1) Pedro Baltazar (8) Pedro Barbosa (5) Pedro Madeira Rodrigues (3) Pedro Mendes (4) Pedro Silva (2) Pereirinha (6) Peyroteo (2) Pini Zahavi (2) Pinto Souto (1) plantel (31) play-off (1) PMAG (3) Polga (5) Pongolle (5) Pontos de vista (15) por amor à camisola (2) post conjunto (5) Postiga (7) PPC (7) Pranjic (2) pré-época (2) pré-época 10/11 (7) pré-época 11/12 (43) pré-época 12/13 (16) pré-época 13/14 (16) pré-época 14/15 (22) pré-época 15/16 (20) pré-época 16/17 (12) prémio (1) prémios stromp (1) presidente (4) projecto Roquette (2) promessas (3) prospecção (2) Providência Cautelar. Impugnação (1) PS (1) Quo vadis Sporting? (1) Rabiu Ibrahim (2) râguebi (1) raiva (1) RD Slovan (1) reacção (1) redes sociais (1) Reestruturação financeira (17) reflexãoleonina (21) reforços (15) regras (3) regulamentos (1) Relatório e Contas (11) relva (10) relvado sintético (4) remunerações (1) Renato Neto (3) Renato Sanches (1) respeito (7) resultados (1) revisão estatutária (5) Ribas (2) Ribeiro Telles (4) Ricardo Peres (1) Ricciardi (2) ridiculo (1) ridículo (2) Rinaudo (8) Rio Ave (2) Rita Figueira (1) rivais (5) Rodriguez (2) Rojo (4) Ronaldo (12) rtp (1) Rúbio (4) Rui Patricio (18) Rui Patrício (4) Sá Pinto (31) SAD (25) Salema (1) Sarr (4) Schelotto (2) Schmeichel (2) scouting (1) SCP (64) Segurança (1) Selecção Nacional (38) seleccionador nacional (5) SerSporting (1) Shikabala (2) Símbolos Leoninos (3) Sinama Pongolle (1) Sistema (4) site do SCP (3) SJPF (1) Slavchev (1) slb (21) Slimani (11) Soares Franco (1) sócios (16) Sócrates (1) Solar do Norte (14) Sondagens (1) sorteio (3) Sousa Cintra (1) Sp. Braga (1) Sp. Horta (1) Spalvis (2) Sporting Clube de Paris (1) Sportinguismo (2) sportinguistas notáveis (2) SportTv (1) Stijn Schaars (4) Stojkovic (3) Sunil Chhetri (1) Supertaça (3) sustentabilidade financeira (40) Taça CERS (1) Taça Challenge (5) taça da liga (11) Taça da Liga 10/11 (7) Taça da Liga 11/12 (3) Taça da Liga 13/14 (3) Taça da Liga 14/15 (2) Taça da Liga 15/16 (4) Taça da Liga 16/17 (1) Taça das Taças (1) Taça de Honra (1) Taça de Liga 13/14 (3) Taça de Portugal (12) Taça de Portugal 10/11 (3) Taça de Portugal 10/11 Futsal (1) Taça de Portugal 11/12 (12) Taça de Portugal 13/14 (3) Taça de Portugal 14/15 (8) Taça de Portugal 15/16 (4) Taça de Portugal 16/17 (4) táctica (1) Tales (2) Tanaka (1) Ténis de Mesa (2) Teo Gutierrez (5) Tertúlia Leonina (3) Tiago (3) Tonel (2) Torneio Guadiana 13/14 (1) Torneio New York Challenge (4) Torsiglieri (4) Tottenham (1) trabalho (1) transferências (5) transmissões (1) treinador (89) treino (4) treinos em Alvalade (1) troféu 5 violinos (5) TV Sporting (5) Twente (2) Tziu (1) uefa futsal cup (3) Uvini (1) Valdés. (3) Valores (14) Veloso (5) vendas (8) vendas 2013/14 (2) vendas 2014/15 (1) vendas 2016/17 (5) Ventspils (2) Vercauteren (5) Vergonha (7) video-arbitro (2) Villas Boas (8) Viola (1) Virgílio (95) Virgílio1 (1) Vitor Golas (1) Vitor Pereira (6) Vitória (1) VMOC (7) Vox Pop (2) VSC (3) Vukcevic (10) WAG´s (1) William Carvalho (13) Wilson Eduardo (2) Wolfswinkel (12) Wrestling (1) Xandão (4) Xistra (3) Zapater (2) Zeegelaar (2) Zezinho (1)