segunda-feira, 14 de novembro de 2011

Crise: antes de melhorar vai piorar?


Tem-se falado muito de crise mas quase sempre confinada às suas repercussões em cascata sobre os estados, as empresas, as famílias, etc. Mas pouco se tem falado sobre o seu impacto nos clubes.  O Público editou ontem um trabalho onde a situação financeira dos 3 grandes esteve em destaque e cujos excertos que me pareceram mais pertinentes colei abaixo e cuja leitura me parece imprescindível.

Preocupa-me obviamente a situação do Sporting que este ano teve que fazer um esforço suplementar para poder recolar a FCP e SLB, em nítida oposição ao que seria recomendável. Por isso considerei este ano como um ano crucial para o nosso clube, o que nem sempre foi bem entendido pela generalidade do adeptos. Mas, como se poderá ver abaixo, a situação de ambos os rivais não é famosa, apesar de terem gozado anos de prosperidade pelo menos aparente.

Divida financeira astronómica

(...) Segundo as contas de António Samagaio, professor do ISEG (Instituto Superior de Economia e Gestão), "a dívida financeira (empréstimos à banca e empréstimos obrigacionistas) da SAD do Benfica está em 157 milhões de euros, a do FC Porto em 98 milhões e a do Sporting em 95 milhões", o que totaliza 350 milhões de euros.

"Quando vencer esta dívida, será que os bancos vão voltar a conceder empréstimos? Tenho dúvidas de que esta política seja sustentável", afirma ao PÚBLICO António Samagaio, depois de ter analisado os relatórios e contas individuais divulgados pelas SAD dos "três" grandes clubes nacionais. Contactados pelo PÚBLICO, os responsáveis dos principais bancos (CGD, BES e BCP) não quiseram comentar o caso particular de nenhum cliente, mas referiram que estão a ser mais rigorosos na concessão de crédito a todas as empresas e que os clubes de futebol não fogem à regra.
 
(...)

António Samagaio acrescenta que o atraso do FC Porto no pagamento da transferência de Mangala ao Standard de Liège "é um indício" das dificuldades de acesso ao crédito: "Se calhar ninguém emprestou nesse momento", diz o professor do ISEG, fazendo a mesma leitura de declarações de Luís Filipe Vieira, presidente do Benfica, que ontem repetiu o alerta de que as dificuldades económicas vão obrigar o clube a "investir menos".

Uma parte importante dos empréstimos dos clubes de futebol é de curto prazo, o que os deixa muito expostos às actuais limitações dos bancos. Reflexo disso é também a subida das taxas de juro que os clubes pagam. "No seu relatório, o FC Porto revela que a taxa média anual dos empréstimos foi de 4,39% em 2010 e de 6,78% em 2011", aponta António Samagaio, considerando que, até mesmo nos empréstimos obrigacionistas, os "clubes estão a financiar-se a taxas proibitivas".

"O empréstimo obrigacionista do FC Porto é de 8% e do Sporting 9,5%. Eles não têm um negócio capaz de gerar rentabilidade para cobrir este custo de capital", avisa o professor do ISEG, acrescentando que a SAD do Benfica é a mais endividada. "O Benfica tem tido uma estratégia de endividamento significativa. Só em 2008-09, recebeu (em termos líquidos) 44 milhões de empréstimos." Hélder Varandas, especialista em finanças de futebol, salienta precisamente os encargos com juros que foram assumidos pelas SAD na época 2010-11: "Quase 14 milhões de euros (ME) no caso do Benfica e 5 ME nos casos de FC Porto e Sporting."

(...)

Mudar de vida

Paulo Reis Mourão, professor de Economia na Universidade de Braga, a quem o PÚBLICO também pediu para analisar as contas das SAD, defende que o estado das finanças dos clubes deve "gerar uma séria preocupação nos adeptos": "A volatilidade do financiamento pode levar a que um clube, que antes poderia permanecer longos anos num alto patamar, fique descapitalizado rapidamente e possa mesmo cair no risco de desaparecimento." É que, segundo Reis Mourão, antes os clubes "estavam dependentes da economia local, mas agora o seu sangue está nos mercados financeiros".

(...)

E se o Benfica é o clube mais exposto ao endividamento bancário, o FC Porto é aquele que mais depende do mercado de transferências. É que os "dragões", apesar de somarem lucros há cinco anos seguidos, só conseguiram equilibrar as contas graças a avultadas transferências de jogadores. "Desde 2005-06, o FC Porto teve um saldo positivo de transferências de jogadores de 135 ME. O Benfica tem um saldo positivo de 40 ME e o Sporting um saldo negativo de 15 ME", resume António Samagaio, para quem uma contenção dos custos é inevitável.

O professor do ISEG contesta ainda o argumento, frequentemente usado pelos clubes, de que os activos que têm são suficientes para cobrir os passivos. "O valor de mercado do plantel do Benfica, mesmo que vendessem todos os jogadores, não era suficiente para cobrir o passivo e o dinheiro que os accionistas lá colocaram quando constituíram a SAD", avisa. 

Fair play financeiro

As contas da época que está em curso serão as primeiras a ser analisadas pela UEFA ao abrigo das novas regras de controlo das finanças dos clubes, conhecidas como fair play financeiro. No início da temporada de 2013-14, os responsáveis da UEFA vão olhar para as contas de 2011-12 e 2012-13, podendo aplicar sanções aos emblemas com prejuízos superiores a 45 milhões de euros no conjunto destes dois exercícios.

As sanções para os prevaricadores ainda não estão definidas, mas "cada vez mais se aponta para a retirada de pontos e proibição de inscrição de jogadores", revelou ao PÚBLICO Luís Paulo Relógio, presidente do Órgão de Gestão de Licenciamento da Federação Portuguesa de Futebol (FPF), que faz parte do grupo que está a estudar as regras do fair play financeiro. "A ideia é evitar punições como a exclusão da competição, para não matar o doente com a cura."

Se os critérios do fair play financeiro já estivessem em vigor, o FC Porto (que teve lucros nos últimos cinco anos) era o único dos três "grandes" livre de preocupações. O Sporting, que acumulou prejuízos de 72 milhões nas duas temporadas passadas, estaria à mercê de punições da UEFA e o Benfica (prejuízos superiores a 28ME) estaria sob vigilância.

A estes prejuízos, no entanto, há que retirar todos os custos relacionados com a construção de estádios e centros de treinos, bem como com a formação, que não serão tidos em conta no âmbito do fair play. E esta nuance permite aliviar o peso que cai em cima dos clubes portugueses.

"Se considerarmos a infra-estrutura do Seixal e os custos da formação, o valor aproxima-se dos 5 milhões de euros anuais. E as amortizações do estádio totalizam 5 a 7 milhões por ano", explicou ao PÚBLICO Domingos Soares Oliveira, administrador da SAD do Benfica, acrescentando que, para efeitos de fair play financeiro, ao resultado líquido do Benfica teriam de ser abatidos pelo menos "10 milhões por ano."

O Benfica considera-se assim preparado para as novas regras da UEFA, embora admita que a "conjuntura económica" e o fair play financeiro "obrigam os clubes a terem de repensar o seu modelo ou a sua operação". "Em situações como estas, as SAD devem tentar potenciar receitas e reduzir custos. No nosso caso, temos uma situação em cima da mesa, os direitos televisivos, e acreditamos que esse incremento de receitas vai ser superior a qualquer redução de custos", aponta Domingos Soares Oliveira.

José Filipe Nobre Guedes, administrador da SAD do Sporting, também se mostra confiante que "o Sporting não vai ter problema nenhum": "Estamos a recapitalizar a SAD, mas por enquanto não posso dar pormenores", disse ao PÚBLICO, acrescentando até que o clube de Alvalade não terá de "baixar salários" se conseguir captar a receita esperada. Angelino Ferreira, administrador da SAD do FC Porto, não se mostrou disponível para falar ao PÚBLICO, mas em Janeiro tinha dito que o clube estava preparado.

Além das regras do fair play, que serão tidas em conta pela UEFA na hora de admitir os clubes nas competições europeias, há ainda outro problema em cima da mesa dos emblemas nacionais. É o facto de todos terem capitais próprios (diferença entre activo e passivo) inferiores a metade do capital social, o que os obrigará a tomar medidas, como o reforço do capital das SAD. O Sporting tem mesmo capitais próprios negativos, o que habitualmente se designa como falência técnica, e o Benfica está lá perto (apenas 136 mil euros nas contas individuais e 2,5 milhões no consolidado).

A par da questão do endividamento (ver texto sobre dívidas à banca) e das novas regras, os clubes terão ainda de enfrentar os efeitos da crise nos seus proveitos operacionais. "Haverá quebras nas assistências, na publicidade e nas quotizações", salienta Paulo Reis Mourão, professor de Economia na Universidade de Braga, para quem é "inevitável" que os clubes ajustem os seus custos, especialmente com salários, que consomem uma boa parte das receitas.

8 comentários:

  1. Neste assunto estou com a opinião de dois adversários, primeiro, não sei quantos destes milhões são "da treta" e quantos são reais, sendo que o Sporting só este ano faz a sua estreia nos milhões "da treta". O "mercado" teve sucesso em não deixar vingar projectos baseados na formação.

    Segundo, sobre o Fair Play financeiro, será um treta ainda maior que o Fair Play desportivo na cabeça de Jorge Jesus. Aquilo que se assiste nos campeonatos europeu é o cavar de um fosso infinito entre 2 ou 3 clubes por cada liga e os restantes clubes que passam a servir para mero pano de fundo dos milionários "da treta".

    Pode isto resultar na extinção de alguns clubes? Claro, e nós não estamos a salvo dessa possibilidade. Já o disse aqui e repito, o Sporting não encolhe para um Belenenses, ou existe grande e viável ou se extingue.

    Há algo a fazer? Há! Em toda esta crise de défices bastava as entidades reguladoras terem actuado em devido tempo e com imparcialidade sobre os diversos agentes públicos, privados e cooperativos.

    Ora a Liga de Futebol Profissional, nem um jogo com árbitros de 1ª categoria consegue organizar...

    ResponderEliminar
  2. e não foi para passar a ter capitais próprios positivos que se proceder às VMOC´s e à recapitalização através da redução do valor nominal das acções e venda de outras tantas?
    eu não percebo nada disto mas se assim foi porque raio é indicado como tendo o c.p. negativo!

    ResponderEliminar
  3. Isto é uma loucura... 5M€ por ano, só em juros... Qual é que será a receita que a nossa SAD terá este ano? E a despesa? Será que o saldo chegará para pagar... os juros???

    A única solução que eu (ignorante na matéria) descortino é a produção de futuros Cristianos Ronaldos na Academia... e talvez valorizar os jogadores que compramos este ano... E talvez deixarmo-nos de merdas e aplaudir as vitórias de tds as equipas portuguesas na Europa para manter / subir uma posiçãozita no ranking europeu... Qts mais vezes tivermos acesso aos milhões da CL, melhor...

    Outra coisa: nem sei bem o que pensar qd comparo as inúmeras dificuldades que leio dos 'experts' consultados pelo publico com as soluções que (não) leio do Nobre Guedes...

    Não serve de consolo, mas os outros tb não apresentam gdes soluções... Vejamos: temos a receita de tv para o benfica (o JEB já ardeu com isso até 2017, certo?) e do porto um redondo e rotundo zero...

    Uma ultima coisa: Ler estas artigos faz-nos bem ou faz-nos mal?...

    ResponderEliminar
  4. LdA,
    Muitas empresas (e particulares) chegaram ao fim da "festa do crédito" e o futebol não é diferente.
    Curiosamente, a aposta do Sporting neste ano em jovens e promissores jogadores tem precisamente a ver com várias questões bem apontadas no post, por um lado, aproveitar os últimos cartuchos do crédito bancário, depois aproveitar os últimos dias do futebol europeu sem contas (porque como bem diz o LMGM, a liga não... conta).
    Todavia, a situação é muito grave. Tal como o Virgílio realça, os cinco milhões / ano do empréstimo obrigacionista são efectivamente aflitivos, pelo que precisamos MESMO de bons resultados desportivos no futebol profissional para termos uma hipótese de ter resultados económicos satisfatórios.

    Anónimo,
    Penso que o reflexo dessas operações só terá impacto no ano que vem.

    Virgílio,
    Peço desculpa, mas nem nas competições europeias consigo torcer pelo recreativo de carnide. Até já tentei a bem do ranking nacional, mas não consigo mesmo. E confesso que uma das noites mais divertidas que tive a ver futebol num café foi com este jogo: http://www.youtube.com/watch?v=BdxLh8-FTj8

    Um Abraço de Leão

    ResponderEliminar
  5. O investimento possível deve ser não aquele que é conseguido na banca, que muitas vezes é contraído para outro vindouro presidente pagar, mas o que tem capacidade de pagamento possível, ou seja, um clube deve apenas poder investir um valor que corresponda a uma percentagem da sua receita total.

    Os salários, por exemplo, devem ser limitados, e também utilizando o esquema acima descrito por mim. Um salário de um jogador não deve ultrapassar uma determinada percentagem de toda a massa salarial do plantel.

    ResponderEliminar
  6. Virgilio, mais do que o empréstimo obrigacionista preocupa-me o vencimento das VMOC. Quando tal acontecer o que é os bancos vão fazer quando se tornarem nos accionistas maioritários do Sporting?...

    ResponderEliminar
  7. LdA, se os bancos se tornarem accionistas maioritários do Sporting, vão fazer um acto maravilhoso de gestão, vão vender. O quê? Tudo o que for possível.

    Virgilio, a conversa e principalmente a discussão faz sempre bem, pelo menos não se pode dizer depois eu não sabia. Esta inversão de actuação do Sporting no mercado está a correr bem a generalidade dos jogadores contratados tem qualidade, o pormenor é que não sei quando for o momento da venda qual a percentagem que realmente vai pertencer ao Sporting.

    Tenho a certeza de uma coisa ao contrário do DiMaria, David Luiz ou Ramirez, em vez de teres os valores anunciados por bolo, tipo, o clube X vendeu por 36 milhões + 5 dependendo dos resultados desportivos, vais ter uma explicação exaustiva, com pontos e virgulas, sobre o destino de cada euro e que o que sobra para o Sporting é só Y quando o valor da venda foi X.

    O Sporting continua a ser o clube que tem melhores condições para sobreviver a flutuações de mercado, só fico preocupado quando vejo interesse em jogadores como Labyad quando na academia há resmas melhores que este (como vimos agora em Angola).

    ResponderEliminar
  8. LdA:

    Manifestei preocupações mais imediatas. Para as VMOC's vencerem ainda faltam alguns anos e, até lá e tal como isto anda, o mundo ainda pode dar mais uns trambolhões... Deus queira que para melhor...

    LMGM:

    A minha pergunta era assim um pc pró retórica... É sempre melhor estar informado, obviamente, mas o momento desportivo é simpático, favorável até e desviarmos as atenções para a questão económico-financeira do SCP não deixa de causar algum mau estar (mt preocupação). Foi mais nesse sentido que questionava a leitura do artigo do público.

    Abraços!

    ResponderEliminar

Este blogue compromete-se a respeitar as opiniões dos seus leitores.

Para todos os efeitos a responsabilidade dos comentários são de quem os produz.

A existência da caixa de comentários visa dar a oportunidade aos leitores de expressarem as suas opiniões sobre o artigo que lhe está relacionado, bem como a promoção do debate de ideias e não a agressão e confrontação.

Daremos preferência aos comentários que entendermos privilegiarem a opinião própria do que a opinião que os leitores têm sobre a opinião de terceiros aqui emitida. Esta será tolerada desde que respeite o interlocutor.

Insultos, afirmações provocatórias ou ofensivas serão rejeitados liminarmente.

Não serão tolerados comentários com links promocionais ou que não estejam directamente ligados ao post em discussão.

Sporting Clube de Portugal

Sporting Clube de Portugal

Prémios

Sporting 160 - Podcast

Os mais lidos no último mês

Blog Roll

Leitores em linha


Seguidores

Número de visitas

Free HTML Counters

Ultimos comentários

Blog Archive

Temas

"a gaiola da luz" (1) 10A (1) 111 anos (1) 1ª volta Liga Zon/Sagres 10/11 (3) 2010-2011 (1) 2016 (1) 8 (4) AAS (7) ABC (3) Abrantes Mendes (3) Academia (16) Académica-SCP (1) adeptos (94) Adrien (19) AdT (1) adversários (82) AFLisboa (2) AG (19) Alan Ruiz (2) Alexander Ellis (1) alma leonina (59) ambição (10) andebol (34) André Geraldes (2) André Marques (2) André Martins (6) André Pinto (1) André Santos (5) anestesia (3) angulo (5) aniversário "A Norte" (3) Aniversário SCP (4) antevisão (41) APAF (12) aplausos ao ruben porquê? (2) Aquilani (1) aquisições (85) aquisições 2013/14 (16) aquisições 2014/15 (18) aquisições 2015/16 (17) aquisições 2016/17 (10) aquisições 2017/18 (5) arbitragem (93) Associação de Basquetebol (6) ataque (1) Atitude (9) Atletico Madrid (1) Atlético Madrid (1) atletismo (6) auditoria (4) autismo (1) AVB és um palhaço (1) aventureiro (1) Bacelar Gouveia (2) Balakov (1) balanço (5) Baldé (4) balneário (3) banca (2) Barcos (3) Bas Dost (3) Bastidores (70) Batota (18) Battaglia (1) Beira-Mar (2) Belenenses (4) Benfica (1) BES (1) bilhetes (2) binários (1) Boal (1) Boateng (1) Boeck (2) Bojinov (7) Bolsa (2) Borússia Dortmund (1) Boulahrouz (2) Brasil (1) Braz da Silva (8) Brondby (4) Bruma (18) Bruno Carvalho (100) Bruno César (3) Bruno de Carvalho (9) Bruno Martins (20) Bryan Ruiz (5) Bubakar (1) BwinCup (1) cadeiras verdes (1) Cadete (1) Caicedo (5) calendário (2) Câmara Municipal de Lisboa (3) Campbell (2) Campeões (2) campeonato nacional (21) campeonatos europeus atletismo (2) Cândido de Oliveira (1) Caneira (2) Cape Town Cup (3) Capel (4) carlos barbosa (4) Carlos Barbosa da Cruz (2) Carlos Carvalhal (5) Carlos Freitas (7) Carlos Padrão (1) Carlos Severino (4) Carriço (6) Carrillo (10) Carrilo (3) carvalhal (30) Caso Cardinal (1) Casos (6) CD Liga (3) Cedric (7) Cervi (3) CFDIndependente (1) Champions League 2014/15 (9) Champions League 2015/16 (5) Chapecoense (1) CHEGA (1) Ciani (1) Ciclismo (3) CL 14/15 (2) Claques (9) clássicos (8) Coates (4) Coentrão (1) Coerência (1) colónia (1) comissões (2) competência (2) comunicação (68) Comunicação Social (21) Consciência (1) Conselho Leonino (2) contratações (6) COP (1) Coreia do Norte (1) Corradi (1) corrupção no futebol português (2) Cosme Damião (1) Costa do Marfim (3) Costinha (45) Couceiro (13) crápulas (1) credores (1) crise 2012/13 (21) Crise 2014/15 (2) Cristiano Ronaldo (1) cronica (3) crónica (15) cultura (4) curva Sporting (1) Damas (3) Daniel Sampaio (3) debate (5) defesa dos interesses do SCP (7) Del Horno (1) delegações (1) depressão (1) Derby (42) Derby 2016/17 (1) derlei (1) Desespero (1) Despedida (2) despertar (3) dia do leão (1) Dias da Cunha (1) Dias Ferreira (6) Diogo Salomão (4) director desportivo (18) director geral (5) direitos televisivos (4) Dirigentes (28) disciplina (6) dispensas (22) dispensas 2015/16 (1) dispensas 2016/17 (2) dispensas 2017/18 (1) djaló (10) Domingos (29) Doumbia (1) Doyen (4) Duarte Gomes (2) Ecletismo (60) Eduardo Barroso (6) Eduardo Sá Ferreira (2) eleições (19) eleições2011 (56) eleições2013 (26) eleições2017 (9) Elias (5) eliminação (1) empresários (11) empréstimo obrigacionista (3) entrevistas (63) Épico (1) época 09/10 (51) época 10/11 (28) época 11/12 (8) época 12/13 (11) época 13/14 (4) época 14/15 (8) época 15/16 (5) época 16/17 (7) época 17/18 (1) EquipaB (17) equipamentos (12) Eric Dier (8) Esperança (4) estabilidade (1) Estádio José de Alvalade (4) Estado da Nação (1) estatutos (6) Estórias do futebol português (4) estratégia desportiva (104) Estrutura (1) Euro2012 (6) Euro2016 (1) Europeu2012 (1) eusébio (2) Evaldo (3) Ewerton (4) exigência (2) expectativas (1) expulsão de GL (1) factos (1) Fafe (1) Fair-play (1) farto de Paulo Bento (5) fcp (12) FCPorto (9) Fernando Fernandes (1) FIFA (2) Figuras (1) filiais (1) final (1) final four (1) finalização (1) Finanças (24) fiorentina (1) Football Leaks (2) Formação (89) FPF (14) Francis Obikwelu (1) Francisco Geraldes (2) Frio (1) fundação aragão pinto (3) Fundação Sporting (1) fundos (14) futebol (9) futebol feminino (1) futebol formação (1) futebol internacional (1) Futre (1) Futre és um palhaço (4) futsal (23) futsal 10/11 (1) futuro (8) gabriel almeida (1) Gala Honoris Sporting (3) galeria de imortais (28) Gamebox (2) Gauld (5) Gelson (1) Gent (1) geração academia (1) Gestão despotiva (2) gestores de topo (10) Gilberto Borges (2) GL (2) glória (5) glorias (4) Godinho Lopes (27) Gomes Pereira (1) Governo Sombra (1) Gralha (1) Gratidão (1) Grimi (4) Grupo (1) Guerra Civil (2) guimarães (1) Guy Roux (1) Hacking (1) Heerenveen (3) Hildebrand (1) História (18) Holdimo (1) homenagem (5) Hóquei em Patins (7) Hugo Malcato (113) Hugo Viana (1) Humor (1) i (1) Identidade (11) Idolos (3) II aniversário (1) Ilori (4) imagem (1) imprensa (12) Inácio (5) incompetência (7) Insua (2) internacionais (2) inverno (2) investidores (3) Iordanov (6) Irene Palma (1) Iuri Medeiros (1) Izmailov (26) Jaime Marta Soares (3) Jamor (3) Janeiro (1) Jardel (2) jaula (3) JEB (44) JEB demite-se (5) JEB és uma vergonha (5) JEB rua (1) JEBardadas (3) JEBardice (2) Jefferson (3) Jeffren (5) Jesualdo Ferreira (14) JJ (1) JL (3) Joana Ramos (1) João Benedito (1) João Mário (6) João Morais (5) João Pereira (6) João Pina (3) João Rocha (3) Joaquim Agostinho (2) joelneto (2) Jogo de Apresentação (1) Jorge Jesus (44) Jorge Mendes (3) José Alvalade (1) José Cardinal (2) José Couceiro (1) José Eduardo Bettencourt (33) José Travassos (1) JPDB (1) Jubas (1) judo (6) Juniores (7) JVL (105) kickboxing (1) Kwidzyn (1) Labyad (7) Lazio (1) LC (1) Leão de Alvalade (496) Leão Transmontano (62) Leonardo Jardim (11) Liderança (1) Liedson (28) Liga 14/15 (35) Liga de Clubes (12) liga dos campeões (12) Liga dos Campeões 2016/17 (11) Liga dos Campeões 2017/18 (8) Liga Europa (33) Liga Europa 11/12 (33) Liga Europa 12/13 (9) Liga Europa 13/14 (1) Liga Europa 14/15 (1) Liga Europa 15/16 (11) Liga Europa10/11 (16) Liga NOS 15/16 (30) Liga NOS 16/17 (22) Liga NOS 17/18 (3) Liga Sagres (30) Liga Zon/Sagres 10/11 (37) Liga Zon/Sagres 11/12 (38) Liga Zon/Sagres 12/13 (28) Liga Zon/Sagres 13/14 (24) Lille (1) LMGM (68) losango (1) Lourenço (1) low cost (1) Luis Aguiar (2) Luis Duque (9) Luís Martins (1) Madeira SAD (4) Malcolm Allison (1) Mandela (2) Mané (3) Maniche (4) Manifesto (3) Manolo Vidal (2) Manuel Fernandes (7) Marca (1) Marcelo Boeck (1) Marco Silva (27) Maritimo (2) Marítimo (3) Markovic (1) Matheus Oliveira (1) Matheus Pereira (3) Mati (1) matías fernandez (8) Matias Perez (1) Mauricio (3) Meli (1) Memória (10) mentiras (1) mercado (41) Meszaros (1) Miguel Lopes (1) miséria de dirigentes (2) mística (3) Modalidades (25) modelo (3) Moniz Pereira (7) Montero (7) Moutinho (3) Mundial2010 (9) Mundial2014 (3) Mundo Sporting (1) Nacional (1) Naide Gomes (2) Naldo (3) naming (2) Nani (3) Natal (4) Naval (3) Navegadores (3) negócios lesa-SCP (2) NextGen Series (3) Noite Europeia (1) nonsense (23) Nordsjaelland (1) NOS (1) Notas de Imprensa (1) notáveis (1) nucleos (1) Núcleos (9) Nuno André Coelho (2) Nuno Dias (3) Nuno Saraiva (4) Nuno Valente (1) o (1) O Roquetismo (8) Oceano (1) Octávio (1) Olhanense (1) Olivedesportos (1) Onyewu (7) onze ideal (1) opinião (6) oportunistas (1) orçamento (3) orçamento clube 15/16 (1) organização (1) orgulho leonino (17) Oriol Rosell (3) paineleiros (15) Paiva dos Santos (2) paixão (3) papagaios (8) pára-quedista (1) parceria (2) pascoa 2010 (1) pasquins (7) património (2) patrocínios (5) Paulinho (1) paulo bento (19) Paulo Faria (1) Paulo Oliveira (3) Paulo Sérgio (43) paulocristovão (1) Pavilhão (11) pedrada (1) Pedro Baltazar (8) Pedro Barbosa (5) Pedro Madeira Rodrigues (3) Pedro Mendes (4) Pedro Silva (2) Pereirinha (6) Peyroteo (2) Piccini (1) Pini Zahavi (2) Pinto Souto (1) plantel (31) plantel 17/18 (3) play-off (2) play-off Liga dos Campeões 17/18 (5) PMAG (3) Podence (1) Polga (5) Pongolle (5) Pontos de vista (15) por amor à camisola (3) post conjunto (5) Postiga (7) PPC (7) Pranjic (2) pré-época (2) pré-época 10/11 (7) pré-época 11/12 (43) pré-época 12/13 (16) pré-época 13/14 (16) pré-época 14/15 (22) pré-época 15/16 (20) pré-época 16/17 (12) pré-época 17/18 (9) prémio (1) prémios stromp (1) presidente (4) Projecto BdC (1) projecto Roquette (2) promessas (3) prospecção (2) Providência Cautelar. Impugnação (1) PS (1) Quo vadis Sporting? (1) Rabiu Ibrahim (2) râguebi (1) raiva (1) RD Slovan (1) reacção (1) redes sociais (1) Reestruturação financeira (17) reflexãoleonina (21) reforços (15) regras (4) regulamentos (1) Relatório e Contas (11) relva (10) relvado sintético (4) remunerações (1) Renato Neto (3) Renato Sanches (1) respeito (7) resultados (1) revisão estatutária (5) Ribas (2) Ribeiro Telles (4) Ricardo Peres (1) Ricciardi (2) ridiculo (1) ridículo (2) Rinaudo (8) Rio Ave (2) Rita Figueira (1) rivais (6) Rodriguez (2) Rojo (4) Ronaldo (12) rtp (1) Rúbio (4) Rui Patricio (18) Rui Patrício (4) Sá Pinto (31) SAD (25) Salema (1) Sarr (4) Schelotto (2) Schmeichel (2) scouting (1) SCP (64) Segurança (1) Selecção Nacional (38) seleccionador nacional (5) Semedo (1) SerSporting (1) Shikabala (2) Silly Season2017/18 (2) Símbolos Leoninos (3) Sinama Pongolle (1) Sistema (4) site do SCP (3) SJPF (1) Slavchev (1) slb (21) Slimani (11) Soares Franco (1) sócios (16) Sócrates (1) Solar do Norte (14) Sondagens (1) sorteio (3) Sousa Cintra (1) Sp. Braga (2) Sp. Horta (1) Spalvis (2) Sporting Clube de Paris (1) Sporting160 (1) Sportinguismo (2) sportinguistas notáveis (2) SportTv (1) Stijn Schaars (4) Stojkovic (3) Sunil Chhetri (1) Supertaça (3) sustentabilidade financeira (40) Taça CERS (1) Taça Challenge (5) taça da liga (11) Taça da Liga 10/11 (7) Taça da Liga 11/12 (3) Taça da Liga 13/14 (3) Taça da Liga 14/15 (2) Taça da Liga 15/16 (4) Taça da Liga 16/17 (1) Taça da Liga 17/18 (1) Taça das Taças (1) Taça de Honra (1) Taça de Liga 13/14 (3) Taça de Portugal (12) Taça de Portugal 10/11 (3) Taça de Portugal 10/11 Futsal (1) Taça de Portugal 11/12 (12) Taça de Portugal 13/14 (3) Taça de Portugal 14/15 (8) Taça de Portugal 15/16 (4) Taça de Portugal 16/17 (4) Taça de Portugal 17/18 (2) táctica (1) Tales (2) Tanaka (1) Ténis de Mesa (2) Teo Gutierrez (5) Tertúlia Leonina (3) Tiago (3) Tonel (2) Torneio Guadiana 13/14 (1) Torneio New York Challenge (4) Torsiglieri (4) Tottenham (1) trabalho (1) transferências (5) transmissões (1) treinador (90) treino (4) treinos em Alvalade (1) troféu 5 violinos (5) TV Sporting (5) Twente (2) Tziu (1) uefa futsal cup (4) Uvini (1) Valdés. (3) Valores (14) Veloso (5) vendas (8) vendas 2013/14 (2) vendas 2014/15 (1) vendas 2016/17 (5) vendas 2017/18 (1) Ventspils (2) Vercauteren (5) Vergonha (7) video-arbitro (5) Villas Boas (8) Viola (1) Virgílio (98) Virgílio1 (1) Vitor Golas (1) Vitor Pereira (6) Vitória (1) VMOC (7) Vox Pop (2) VSC (3) Vukcevic (10) WAG´s (1) William Carvalho (13) Wilson Eduardo (2) Wolfswinkel (12) Wrestling (1) Xandão (4) Xistra (3) Zapater (2) Zeegelaar (2) Zezinho (1)