sábado, 24 de novembro de 2012

Sporting, um clube de Carlos Barbosas


A conclusão é inevitável e surge na sequência da chusma de reacções que desaguaram em tudo o que é comunicação social: o Sporting é um clube de Carlos Barbosas.

Carlos Barbosa pôs um pé no Sporting (antes ainda pensou por os 2) sem tirar o outro do ACP e julgava que podia das 9h ao meio-dia ser presidente de um clube e das 14h às 18h00 ser vice-presidente de outro.

Ainda não se tinha sentado na cadeira de vice e nem sabia o que era o Sporting e já nos vendia ao desbarato os sonhos que não fazia a mínima ideia de como cumprir. Saiu sem que da sua presença se pudesse até agora extrair qualquer vantagem que não seja para o próprio, pelo menos em tempo de antena. 

Poder-se-á pensar que quem ocupa a cadeira de presidente do maior clube do País em número de associados não precisa de tempo de antena. Mas não será bem assim. 

Se assim fosse - se o ACP fosse tão visível como é o Sporting - talvez os sócios de ambos os clubes já se teriam interrogado se faria muito sentido entregar tamanhas responsabilidades a alguém que, na vigência da mais profunda crise que há memória na democracia portuguesa, advoga a construção de uma linha de "eléctrico rápido do Marquês até ao Rossio ou ao Terreiro do Paço" para resolver "o problema do trânsito e da poluição" porque "quem polui são os transportes públicos, não são os privados". Talvez Carlos Barbosa ande demasiado de carro, com ou sem motorista, não sei, e ainda não se tenha dado conta que o tal eléctrico que preconiza já existe desde a década de 50 do século passado e se chama Metropolitano de Lisboa.

Para o Sporting infelizmente existem demasiados Carlos Barbosas. Quando lhes é concedida a honra de associarem o seu nome ao de muitos ilustres dirigentes que, estribados na força de um associativismo ímpar, ajudaram a fazer o que é hoje o nosso grande Clube, entram à leão mas saem sem deixar outra marca que não seja as que fazem crescer os orçamentos e quase sempre do lado da despesa. Uma vez fora estão sempre prontos a dar opinião, cujo acerto e profundidade em tudo se assemelha à pobreza da obra realizada, confundindo-se quase sempre com acertos de contas, sem qualquer proveito para o clube.

Vivo o Sporting há já muitos anos e não me lembro de, em momentos de particular necessidade, haver quem se ofereça para mais do que estes diagnósticos proferidos de forma ligeira, com um microfone pela frente. O contributo mais comum é juntar mais barulho ao ruído de fundo, que é em tudo semelhante aos préstimos que se podem esperar do histerismo na hora do naufrágio. Já perguntar "como, onde e quando posso eu ajudar para inverter a actual situação?" não me lembro de ver. E este comportamento não é exclusivo apenas dos notáveis, há sempre Carlos Barbosas desconhecidos perto de si...

É fácil pedir eleições ante os maus resultados. Quem as pede oferece-nos exactamente o quê? Mais difícil é perceber que um novo acto eleitoral não garante o que o Sporting mais precisa neste momento: que a sua equipa jogue com qualidade suficiente para alcançar os pontos que precisa. 

Talvez durante a próxima semana dê, de forma mais fundamentada, a minha opinião (que em tudo se assemelha à que expressou o meu amigo Virgílio nos comentários ao post anterior) sobre a questão. Mas estou seguro de que, no actual momento, mais do que uma mudança imediata de presidente e direcção o Sporting precisa de boas decisões do seu treinador e de todo o empenho dos seus profissionais. Sem isso estou seguro que a actual crise não só não será debelada como se pronunciará, sendo bem provável que em pouco tempo se esteja a falar de novo em eleições.

34 comentários:

  1. O problema é que não há condições com o godinho lá. Acredito que com outro presidente ali, com um Presidente, não precisamos de mudar de treinador nem de jogadores, e sim, eu sei que quem joga são os jogadores, mas isto é um problema da mentalidade enraizada, já ninguém acredita em vitórias enquanto não se vislumbrar a luz ao fundo do túnel. godinho é sinónimo de trevas... Precisamos de sangue novo, para ontem!

    ResponderEliminar
  2. Quanto à estabilidade e à divisão da família Sportinguista: De que é que serve estarmos estavelmente na merda? Acham que dá para piorar muito mais? Por acaso até acho que pode, mas por culpa daquele que todos sabemos. A "família Sportinguista já está dividida, não seriam eleições que iriam dividir mais, pelo menos iriam se trocar ideias... E já agora qual família? A minha não é de certeza, que hoje em dia o Sporting está repleto de energúmenos... A minha família são os que defendem o Sporting que aprendi a amar, os que ainda acreditam e defendem o nosso ideal. SL

    ResponderEliminar
  3. é deplorável a sua "crónica" e só demonstra o seu Sportinguismo deturpado(infelismente não é o único).Então quem pede eleições ofereçe o quê????.Olhe não sei,mas sei eu e a maioria dos Sportinguistas o que esta direcção ofereceu:NADA!!!Ou melhor,ofereceu o pior momento desportivo da história do Sporting!Não chega???Pelos vistos não...mas deixe estar que estou certo e o Sr também sabe bem que o Sporting vai afundar até ser impossivel esta direcção continuar...e aí...estes Srs assim como o Sr podem estar certos que sócios do SCP nunca mais serão!!!

    ResponderEliminar
  4. Como dizia um amigo de uma amiga minha o Sporting precisa é de um presidente que marque golos :)
    Boa reflexão Leão de Alvalade!!
    SL

    ResponderEliminar
  5. Anónimo das 17:57

    "Infelismente" o Sporting além de muitos Carlos Barbosas também está cheio de gente presumida que não só se acham mais Sportinguistas que os outros como pensam que podem decidir quem pode ou não ser sócio do Sporting. E, talvez de seguida, vir invocar o espírito dos fundadores...

    ResponderEliminar
  6. As declarações de Carlos Barbosa relativamente a Wolfswinkel estão ao nível (ou abaixo) de uma Leonor Pinhão, João Gobern, Sobral ou Miguel Sousa Tavares.
    Dá-me vergonha que exista no Sporting gente com este nível.

    Se fosse da minha família, depois de ver Carlos Barbosa a falar da forma como falou de um antigo funcionário seu (Wolfs), jamais me sentaria à mesa com ele ou lhe estenderia a mão. Se não respeita quem trabalha/ou trabalhou para ele, então merece o respeito de ninguém.

    Foi das declarações mais infelizes que vi vinda de "ilustres" sportinguistas.

    ResponderEliminar
  7. Cantinho,

    Isso enquadra-se no quis dizer com juntar mais barulho ao ruído de fundo. Podemos ter opiniões diferentes sobre a valia dos jogadores mas é com estes que temos que dar a volta uma vez que não podemos comprar mais 25. Além de injusta a apreciação que CB faz a Wolfswinkel é de uma estupidez confrangedora vinda de quem vem e de quem teve as responsabilidades que assinalas muito bem.

    ResponderEliminar
  8. Leão desde os 8 anos

    Já disse noutro blog que não é aceitável a importância concedida a este sr do automovel clube;deixem-no dar entrevistas aos pasquins, afinal são todos iguais.
    Para o pessoal das eleições aqui vai uma lista de morfes que lhe podem fazer bem :fluoxetina,certralina,mirtazepina,valium e uma vela pelo c.. acima.

    ResponderEliminar
  9. Leão de Alvalade,

    Quando, ontem, li essas declarações fiquei mesmo com raiva. Pergunto-me de onde vem tanta maldade (pois isto é maldade pura e dura) para empurrar mais abaixo quem não se consegue erguer?
    E, como dizes, a apreciação ao Wolfs é mais que injusta!!

    Ele tem/teve responsabilidades. Não pode fugir delas!

    O que me assusta é que esses ilustres fazem as declarações para auto-promoção mas, especialmente, porque sabem que as mesmas podem ter consequências negativas no clube. E isso é muito triste.

    Gostava de ver a lista de despesas da Renascença, Antena 1, Record e ABOLA, para ver quanto gastam nestes freelancers do costume. Deve ser um dinheirão. Estão sempre postos a dar notícias e comentários.

    Não sou acrítico relativamente à direcção, mas esta gente não dá uma única solução!! E se gostam tanto dos Conselhos Leoninos e Assembleias Gerais, porquê que não falam (só) lá?

    Sinceramente, há que questionar o seu sportinguismo, o que é muito triste (pois não gosto que questionem o meu). Mas isto não é uma situação pontual, é o dia-a-dia destes senhores.

    ResponderEliminar
  10. LdA:

    Bem, realmente já disse praticamente td o que acho sobre a ideia das eleições antecipadas na cx de comentários do teu post anterior.

    Qt ao Barbosa... Enfim, mais um alucinado... O único que ficou de visível da sua passagem pelo SCP foram as suas opiniões estapafúrdias que até provocaram algum embaraço na nação leonina. Pelos vistos, continua a proferir enormidades...

    Enfim, nem sequer vale a pena perder mt tempo com esta figurinha deprimente... Só vem demonstrado o rancoroso e desbocado que é. Palpita-me q o gajo é má rês. Não presta. É dos tais q bem podia ser lampião...

    Gde Abraço, Lda.

    ResponderEliminar
  11. Esta gente o único clube que amam é o próprio cu e o deste anda dorido há muito tempo com o chuto que levou do presidente. Se calhar mais novo dava mesmo um bom avançado.

    ResponderEliminar
  12. Cantinho:

    É isso mesmo. Maldade pura. Pergunto-me se ele não era vice-presidente qd se contratou Wofs!!! Nessa altura o Wolfs era um dos gajos que contratamos em compita com os Barças e Reais Madrids... Os nossos rivais naturais na boca deste alucinado... Enfim, não lhe chega ser mau, ainda por cima é burro.

    Que desapareça e mantenha-se a dar palpites parvos enquanto presidente do ACP... Era um favor q fazia ao SCP.

    SL

    ResponderEliminar
  13. Virgílio,

    mas porquê que o jornalista não lhe fez uma pergunta tipo: "Mas Wolfs não foi contratado pela sua direcção? Nunca festejou um golo dele? Não era a sua direcção, os seus jogadores (incluíndo Wolfs) que iam, rapidamente, jogar com Barça e Real? Ou você saiu e tudo foi abaixo?"

    é o fazes... não é para isso que pagam ao jornalista (nem ao Barbosa)

    ResponderEliminar
  14. 1) Um dos grandes problemas do Sporting são os que se intitulam sportinguistas para aparecer e quando esse período acaba dizem mal dos colegas de direcção e de tudo o que seja sportinguista (os exemplos são muitos).

    2) Os adeptos sportinguistas (grande parte) não ajudam o clube! Podendo ser sócios não o são. É que com mais sócios o clube é maior , tem maior orçamento , logo pode ter melhor Futebol e restantes modalidades. Esta maneira de pensar é normal no SLB e FCP, no Sporting é: o presidente que resolva ou este não é o meu presidente.

    3) Foi-me hoje dito por 2 jovens benfiquistas (com muito orgulho) que o Benfica está a fazer um muro com pedras à volta do estádio, em que dependendo do tamanho da pedra, o adepto/sócio paga de 150 a 500 Euros! Estavam entusiamádos e disseram que ia esgotar e a intenção era tornar o clube cada vez maior. No Sporting isto era impossível, tudo tem que ser de borla ou quase: O Pavilhão, as Cadeiras, o Fosso, etc. A direcção que pague! Seja que direcção for e seja que presidente for! Assim é impossível.
    Salvo, algumas excepções, não é possível tornar forte a fraca gente!!! AAC Saudações Leoninas

    ResponderEliminar
  15. Na verdade nao somos um clube de Carlos Barbosas. Felizmente sao apenas excepções ressabiadas que estando do lado de fora, tudo fazem para voltar la para dentro. Mas a CS aproveita/se bem deles, para atacar e diminuir o nosso clube.

    ResponderEliminar
  16. Cada um faz as declarações consoante a actividade cerebral que tem. Carlos Barbosa não consegue fazer declarações inteligentes por alguma razão. LOL

    ResponderEliminar
  17. Por causa da história do muro de pedras dos encarnados, uma das ideias para o SCP do séc. XXI que se ouviram falar de que sempre gostei foi a do passeio da fama à volta do estádio, com os nomes e títulos dos nossos principais símbolos. Um verdadeiro museu ao ar livre cheio de simbolismo, até para quem chega de novo.

    ResponderEliminar
  18. Foi inqualificável a afronta que CB fez a VW.
    Aquele "lampião" devia ter vergonha de abrir a boca para falar sobre o Sporting depois de todas as alarvidades que tem dito desde que teve o imerecido privilégio de ter sido dirigente do clube.
    Aliás, fulanos que abrem a boca, supostamente em defesa do Sporting, designadamente os paineleiros televisivos, ex-supostas glórias e vários outros sujeitos, não passam de figurinhas domesticadas, senão mesmo amestradas, que interpretam papeis escritos por autores de outras cores na perfeição.
    Só connosco é que acontece isto, quais são os ex-qualquer coisa dos outros grandes clubes que 1) estão sempre dispostos a falar mal do clube 2) a quem dão tempo de antena?
    Era indispensável uma liderança forte que secasse estas ervas daninhas, que não tivesse dificuldade em atacar directamente estas figurinhas, reduzindo-as à sua insignificância e retirando-lhes a legitimidade para se pronunciar sobre o Sporting.

    ResponderEliminar
  19. É suposto que todos os sportinguistas se não conseguirem valorizar pelo menos não tentarem depreciar os activos da SAD do clube. Quem é que disse que este papagaio algum dia foi do SCP?

    ResponderEliminar
  20. Não sei como perdem tempo com estes individuos.
    São sempre os mesmos quando o SCP perde, Carlos Barbosa, Bruno Carvalho, Dias Ferreira, José Eduardo.
    Todos a promoverem se a conta do sporting.
    Em relação a eleições antecipadas, se arranjarem um presidente que marque golos por mim tudo bem.

    ResponderEliminar
  21. Na altura do Roquette, também muitas "alminhas" achavam que estava tudo bem, tudo bom na nação do Leão e também achavam que não precisávamos de mudar, a não ser que fosse para um presidente que "marcasse golos".

    Com o JEB foi o mesmo, algumas "alminhas" seguiram-no até ao fim, se ele não tivesse ganho vergonha na cara e não se tivesse demitido, então, ainda hoje poderíamos ver "alminhas" a apoiar o JEB.

    ResponderEliminar
  22. "Era indispensável uma liderança forte que secasse estas ervas daninhas, que não tivesse dificuldade em atacar directamente estas figurinhas, reduzindo-as à sua insignificância e retirando-lhes a legitimidade para se pronunciar sobre o Sporting."

    Caro 10A,

    Já dá para entender o porquê da armadilha montada a Paulo Pereira Cristóvão? E olhe que não terá sido montada, somente, pelo exterior do clube...

    ResponderEliminar
  23. Eleições já! Ou acham que este tipo de palhaçadas aconteceriam com uma liderança forte?

    ResponderEliminar
  24. Li atentamente os dois últimos post e respectivos comentários onde sem duvida que se aponta muito do que não foi tão bem feito nos últimos tempos no SCP, com claras implicações nos últimos resultados e penso que isso é que é importante discutir, as causas são sempre muito mais importantes em qualquer diagnóstico que as pessoas propriamente, como por exemplo, demasiada instabilidade que está inclusive no cerne deste ultimo post, a revolução no plantel que pode ter ido longe demais, não conseguirmos segurar um treinador o tempo suficiente ou até más escolhas, etc.

    E gostava também de trazer uma variável nova que tem a ver com um ponto de vista muito mais sociológico e que é talvez a que melhor responde ao presente choque entre o SCP e quase todos na actual indústria que é o futebol e como não poderia deixar de ser com graves consequências para o SCP. Já repararam todos na total ausência de classe da parte de quem domina hoje o futebol em Portugal em relação à liderança do SCP? E em todos os meios, adversários que vêm das Furnas e sabe-se lá mais de onde. No jornalismo é sempre a mesma coisa, quando não dão para mais nada encaixam-se no desporto e é o mesmo em todas as redacções e chegamos onde chegamos. Compreendem-se todos muito bem uns aos outros, todos suburbanos oriundos dos mais iguais bairros sociais da capital e descriminam como podem e não podem o SCP e se for preciso ainda acusam este tipo de análise ela própria de elitista? Quando se limita a falar da verdadeira realidade do que é hoje o futebol em Portugal.

    Num tempo em que se perderam quase todos os valores e de uma forma muito acelerada o próprio clube vai ter que encontrar forma de se adequar a esta nova realidade e a todos os níveis, começando logo pelo discurso. Ainda pensei que na comunicação o ex-responsável Nuno Dias, de tão bem enquadrado, chegasse a contar para estas contas. Não me pareceu. Mas que ninguém duvide, o futebol em Portugal é deles, o que implica ao mesmo tempo um problema adicional para o SCP e de nada fácil resolução. Eu pelo menos não consigo adiantar muito mais do que detectar o problema e para isso limito-me a ouvi-los falar em qualquer programa televisivo , por exemplo. Soluções procuram-se e deixem lá de discutir as pessoas que são muito menos importantes do que a maioria pensa. A prova disso é que mudamos e mudamos e infelizmente as classificações têm sido sempre as mesmas nos últimos tempos. Isto de que falo tem muito mais a ver com a falta de respeito que impera hoje e em quase todos os sectores de actividade e que se constata cada vez mais. Era inevitável que um clube como o SCP viesse a sofrer com esta nova realidade. E como se calhar não os podemos denunciar a todos...

    José Mascarenhas, 2013

    ResponderEliminar
  25. Gostava só de acrescentar a esta minha análise que não foi por acaso o sucesso relativo de Paulo Bento à frente do futebol do SCP, sim porque no período de que falo foi Paulo Bento e não um presidente em part-time que liderou efectivamente o futebol leonino. Não há problema nenhum em assumir com toda a frontalidade que sempre fomos um clube conservador naquilo que valeu realmente sempre a pena conservar e que os valores que no passado trouxeram até ao SCP variadíssimos títulos nas mais diferentes modalidades podem estar nos tempos modernos, que mostram a todos e todos os dias um mundo completamente novo, a contribuir para precisamente o oposto do que pretende sempre uma instituição desportiva, sejam quais forem os tempos. E não quero acreditar que tenhamos que ser nós a alterar e de forma substancial os valores mais nobres que sempre guiaram os destinos do nosso clube.

    José Mascarenhas, 2013

    ResponderEliminar
  26. José Mascarenhas,

    "Compreendem-se todos muito bem uns aos outros, todos suburbanos oriundos dos mais iguais bairros sociais da capital e descriminam como podem e não podem o SCP e se for preciso ainda acusam este tipo de análise ela própria de elitista?"

    Como suburbano sem qualquer tipo de poder nem responsabilidade no actual estado do futebol português, sinto quase o dever de te dizer que acho essa análise elitista, classista e com um espírito radicalmente contrário ao que o Sporting é (ou deve ser) para mim.

    Concedo no entanto uma coisa: tal como o post do Leao de Alvalade ou o comentário que defende que se intensifique a regeneraçao da relaçao com os sócios, o que dizes ao menos vai além do pseudodebate de nomes contra nomes, já que toca na questao da mentalidade e do contexto do clube.

    Os Carlos Barbosas criticam os Godinhos, outros defendem os Brunos, e o debate sobre o Sporting substitui as ideias por um longo namedropping de culpados e salvadores. Depois gera-se um simplismo de base que é, a meu ver, mais parte do problema do que da soluçao: a ideia contagiosa que a única soluçao passa por um novo processo eleitoral e que quem nao o defende está resignado a que os resultados do futebol continuem a ser os que sao.

    Claro que nao conto aqui como ideias os "eu já sabia" a respeito de cada jogador depois de cada jogo que corre mal, o cliché da "liderança forte" (que em si nao quer dizer nada), o "sangue novo" (quando o Sporting acaba de mudar mais de metade da cúpula da SAD), só para pegar nalguns exemplos da caixa de comentários.

    De resto, se de acordo com este debate (certamente mais presente em desabafos em redes e blogues do que na vida social do clube, ao contrário do que os primeiros possam dar a entender) houver realmente uma vaga de novas ideias e pessoas dispostas a apresentar um projecto e uma equipa melhor e mais estável do que a actual, o clube tem mecanismos para convocar eleiçoes antecipadas. Que ande teoricamente tanta gente a defender esta soluçao há tanto tempo e que estes mecanismos nao tenham sido accionados também é um mistério que devia dar que pensar.

    saudaçoes leoninas,
    tiago

    ResponderEliminar
  27. Caro Tiago,

    Por alguma coisa avisei que não admitia que a minha análise que é só minha nem por sombras fosse motivo de descriminação. Lisboa nos anos 70, em seguimento do que tinham feitas várias capitais europeias, foi exemplo de como reintegrar. Dos bairros sociais saíram mentes tão brilhantes como vive ralé num condomínio fechado, por mais luxuoso que seja. Duvida que neste momento o futebol português é controlado por gente sem qualquer espécie de escrúpulos, como nunca? Que embatem frontalmente contra a nossa classe dirigente? Como houve outros lobbys na CS tão ou mais perniciosos, como os gay e os "retornados" - e uma vez mais as palavras valem o sentido que cada um lhes atribuí, neste caso só quer dizer que viveram durante algum tempo em África - corporativistas como só eles. A CS quer-se livre como qualquer desporto livre dos actuais tentáculos que dominam o futebol. O SCP é constantemente descriminado com alusões a um tipo de casta que nunca chegou sequer a existir no clube, às vezes e pior por alguns adeptos que se dizem leoninos.

    E esta é a principal razão pela qual nunca houve qualquer cultura desportiva em Portugal, nem sequer cultura futebolística num país onde o futebol é só o desporto rei. Culturas sempre praticadas no SCP e daí o choque. A cultura é que eleva qualquer ser humano, não tem nada a ver com dinheiro, acontecem é menos probabilidades em determinados meios com menos acessos. Nunca pretendi culpabilizar alguém, muito menos trazer para aqui politica. As coisas são como são. Limito-me a constatar factos. A maior parte dos opinion makers desportivos da actualidade são simplesmente nojentos.

    José Mascarenhas, 2013

    ResponderEliminar
  28. Cantinho,
    Bem sei. E isso é uma das coisas que mais me entristece e preocupa há mais tempo no clube. Roma no seu pior, onde quem perde é sempre o Sporting.

    ResponderEliminar
  29. Intervalo do jogo do campeão nacional que já joga assim há quantos anos? Quantos jogos a linha da frente aprendeu a ver como se faz a Varela e a Hulk? E James hoje ainda não desiquilibrou como se diz muitas vezes porque atrás existe o mesmo triângulo com Moutinho e Fernando há quanto tempo? O Fernando que até já viu hoje um amarelo, o problema é que já devia ter sido encarnado. E não vai abrandar na impetuosidade porque está seguro. Coitado do Rinaudo. Enquanto os defesas do Sporting tentam impedir os cruzamentos na área com os braços atrás das costas e sem equilíbrio, no Porto dá para abrir as asas e não passa nada? Numa defesa que tem sofrido muitas alterações mas só depois da formação com Rolando e Helton. Nestes jogos mais vistos não estão previstas muito mais ajudas dos árbitros. Moral da história, é quase tudo igual a ver um jogo do Sporting. Nas rotinas adquiridas e na vontade dos árbitros que ajudam a vencer.

    ResponderEliminar
  30. Mais uma vez um penalty descarado perdoado ao Fcp. O bandeirinha está mesmo a frente.A excelência a todos os níveis.
    Toda a máquina perfeitamente oleada.

    ResponderEliminar
  31. E na obstrução do Lucho não é porque o argentino aleijou-se. Vá lá desta vez não apareceu o penalty da ordem para equilibrar as contas com o Benfica. As armas secretas do campeão nacional, Defour e kléber. Jogo à imagem de um treinador que não queria perder e onde o Sporting pode ganhar mais 3 pts muito importantes ao Braga.

    ResponderEliminar
  32. Os Carlos Barbosas existem e as suas palavras têm eco porque os sportinguistas gostam deste tipo de figuras, podendo, é nelas que votam.

    Hoje é fácil dizer que o Barbosa é desbocado e não tem sentido de clube nem noção do momento ou da conveniência, mas em Março de 2011 já ele era assim, como demonstrou durante a campanha, e no entanto não terão sido poucos os sócios que puseram a cruz no boletim motivados justamente pela presença deste e de outros Barbosas na lista que foi empossada. Da mesma maneira que, ainda que caia esta direcção e haja eleições, muitos correrão a votar nos Barbosas que nessa altura sejam amalgamados na lista da "notabilidade", da "competência" e da "credibilidade".

    O Sporting é uma democracia perfeita porque é governado com base numa estreitíssima relação, representação e identificação entre eleitores e eleitos.

    ResponderEliminar
  33. José Mascarenhas, 2013

    Queria dizer discriminação?

    ResponderEliminar

Este blogue compromete-se a respeitar as opiniões dos seus leitores.

Para todos os efeitos a responsabilidade dos comentários são de quem os produz.

A existência da caixa de comentários visa dar a oportunidade aos leitores de expressarem as suas opiniões sobre o artigo que lhe está relacionado, bem como a promoção do debate de ideias e não a agressão e confrontação.

Daremos preferência aos comentários que entendermos privilegiarem a opinião própria do que a opinião que os leitores têm sobre a opinião de terceiros aqui emitida. Esta será tolerada desde que respeite o interlocutor.

Insultos, afirmações provocatórias ou ofensivas serão rejeitados liminarmente.

Não serão tolerados comentários com links promocionais ou que não estejam directamente ligados ao post em discussão.

Sporting Clube de Portugal

Sporting Clube de Portugal

Prémios

Sporting 160 - Podcast

Os mais lidos no último mês

Blog Roll

Leitores em linha


Seguidores

Número de visitas

Free HTML Counters

Ultimos comentários

Blog Archive

Temas

"a gaiola da luz" (1) 10A (1) 111 anos (1) 1ª volta Liga Zon/Sagres 10/11 (3) 2010-2011 (1) 2016 (1) 8 (4) AAS (7) ABC (3) Abrantes Mendes (3) Academia (15) Académica-SCP (1) adeptos (94) Adrien (18) AdT (1) adversários (82) AFLisboa (2) AG (19) Alan Ruiz (1) Alexander Ellis (1) alma leonina (59) ambição (10) andebol (34) André Geraldes (2) André Marques (2) André Martins (6) André Pinto (1) André Santos (5) anestesia (3) angulo (5) aniversário "A Norte" (3) Aniversário SCP (4) antevisão (41) APAF (11) aplausos ao ruben porquê? (2) Aquilani (1) aquisições (85) aquisições 2013/14 (16) aquisições 2014/15 (18) aquisições 2015/16 (17) aquisições 2016/17 (10) aquisições 2017/18 (5) arbitragem (92) Associação de Basquetebol (6) ataque (1) Atitude (9) Atletico Madrid (1) Atlético Madrid (1) atletismo (6) auditoria (4) autismo (1) AVB és um palhaço (1) aventureiro (1) Bacelar Gouveia (2) Balakov (1) balanço (5) Baldé (4) balneário (3) banca (2) Barcos (3) Bas Dost (3) Bastidores (70) Batota (18) Battaglia (1) Beira-Mar (2) Belenenses (4) Benfica (1) BES (1) bilhetes (2) binários (1) Boal (1) Boateng (1) Boeck (2) Bojinov (7) Bolsa (2) Borússia Dortmund (1) Boulahrouz (2) Brasil (1) Braz da Silva (8) Brondby (4) Bruma (18) Bruno Carvalho (100) Bruno César (3) Bruno de Carvalho (7) Bruno Martins (20) Bryan Ruiz (3) Bubakar (1) BwinCup (1) cadeiras verdes (1) Cadete (1) Caicedo (5) calendário (2) Câmara Municipal de Lisboa (3) Campbell (2) Campeões (2) campeonato nacional (21) campeonatos europeus atletismo (2) Cândido de Oliveira (1) Caneira (2) Cape Town Cup (3) Capel (4) carlos barbosa (4) Carlos Barbosa da Cruz (2) Carlos Carvalhal (5) Carlos Freitas (7) Carlos Padrão (1) Carlos Severino (4) Carriço (6) Carrillo (10) Carrilo (3) carvalhal (30) Caso Cardinal (1) Casos (6) CD Liga (3) Cedric (7) Cervi (3) CFDIndependente (1) Champions League 2014/15 (9) Champions League 2015/16 (5) Chapecoense (1) CHEGA (1) Ciani (1) Ciclismo (3) CL 14/15 (2) Claques (9) clássicos (8) Coates (4) Coentrão (1) Coerência (1) colónia (1) comissões (2) competência (2) comunicação (65) Comunicação Social (21) Consciência (1) Conselho Leonino (2) contratações (6) COP (1) Coreia do Norte (1) Corradi (1) corrupção no futebol português (2) Cosme Damião (1) Costa do Marfim (3) Costinha (45) Couceiro (13) crápulas (1) credores (1) crise 2012/13 (21) Crise 2014/15 (2) Cristiano Ronaldo (1) cronica (3) crónica (15) cultura (4) curva Sporting (1) Damas (3) Daniel Sampaio (3) debate (5) defesa dos interesses do SCP (7) Del Horno (1) delegações (1) depressão (1) Derby (42) Derby 2016/17 (1) derlei (1) Desespero (1) Despedida (2) despertar (3) dia do leão (1) Dias da Cunha (1) Dias Ferreira (6) Diogo Salomão (4) director desportivo (18) director geral (5) direitos televisivos (4) Dirigentes (28) disciplina (6) dispensas (22) dispensas 2015/16 (1) dispensas 2016/17 (2) dispensas 2017/18 (1) djaló (10) Domingos (29) Doumbia (1) Doyen (4) Duarte Gomes (2) Ecletismo (60) Eduardo Barroso (6) Eduardo Sá Ferreira (2) eleições (19) eleições2011 (56) eleições2013 (26) eleições2017 (9) Elias (5) eliminação (1) empresários (11) empréstimo obrigacionista (3) entrevistas (63) Épico (1) época 09/10 (51) época 10/11 (28) época 11/12 (8) época 12/13 (11) época 13/14 (4) época 14/15 (8) época 15/16 (5) época 16/17 (7) época 17/18 (1) EquipaB (17) equipamentos (12) Eric Dier (8) Esperança (4) estabilidade (1) Estádio José de Alvalade (4) Estado da Nação (1) estatutos (6) Estórias do futebol português (4) estratégia desportiva (102) Estrutura (1) Euro2012 (6) Euro2016 (1) Europeu2012 (1) eusébio (2) Evaldo (3) Ewerton (4) exigência (2) expectativas (1) expulsão de GL (1) factos (1) Fafe (1) Fair-play (1) farto de Paulo Bento (5) fcp (12) FCPorto (9) FIFA (2) Figuras (1) filiais (1) final (1) final four (1) finalização (1) Finanças (24) fiorentina (1) Football Leaks (2) Formação (88) FPF (14) Francis Obikwelu (1) Francisco Geraldes (2) Frio (1) fundação aragão pinto (3) Fundação Sporting (1) fundos (14) futebol (9) futebol feminino (1) futebol formação (1) futebol internacional (1) Futre (1) Futre és um palhaço (4) futsal (23) futsal 10/11 (1) futuro (8) gabriel almeida (1) Gala Honoris Sporting (3) galeria de imortais (27) Gamebox (2) Gauld (5) Gelson (1) Gent (1) geração academia (1) Gestão despotiva (2) gestores de topo (10) Gilberto Borges (2) GL (2) glória (5) glorias (4) Godinho Lopes (27) Gomes Pereira (1) Governo Sombra (1) Gralha (1) Gratidão (1) Grimi (4) Grupo (1) Guerra Civil (2) guimarães (1) Guy Roux (1) Hacking (1) Heerenveen (3) Hildebrand (1) História (18) Holdimo (1) homenagem (5) Hóquei em Patins (7) Hugo Malcato (113) Hugo Viana (1) Humor (1) i (1) Identidade (11) Idolos (3) II aniversário (1) Ilori (4) imagem (1) imprensa (12) Inácio (5) incompetência (7) Insua (2) internacionais (2) inverno (2) investidores (3) Iordanov (6) Irene Palma (1) Iuri Medeiros (1) Izmailov (26) Jaime Marta Soares (3) Jamor (3) Janeiro (1) Jardel (2) jaula (3) JEB (44) JEB demite-se (5) JEB és uma vergonha (5) JEB rua (1) JEBardadas (3) JEBardice (2) Jefferson (3) Jeffren (5) Jesualdo Ferreira (14) JJ (1) JL (3) Joana Ramos (1) João Benedito (1) João Mário (6) João Morais (5) João Pereira (6) João Pina (3) João Rocha (3) Joaquim Agostinho (2) joelneto (2) Jogo de Apresentação (1) Jorge Jesus (44) Jorge Mendes (3) José Alvalade (1) José Cardinal (2) José Couceiro (1) José Eduardo Bettencourt (33) José Travassos (1) JPDB (1) Jubas (1) judo (6) Juniores (7) JVL (105) Kwidzyn (1) Labyad (7) Lazio (1) LC (1) Leão de Alvalade (496) Leão Transmontano (62) Leonardo Jardim (11) Liderança (1) Liedson (28) Liga 14/15 (35) Liga de Clubes (12) liga dos campeões (12) Liga dos Campeões 2016/17 (11) Liga dos Campeões 2017/18 (3) Liga Europa (33) Liga Europa 11/12 (33) Liga Europa 12/13 (9) Liga Europa 13/14 (1) Liga Europa 14/15 (1) Liga Europa 15/16 (11) Liga Europa10/11 (16) Liga NOS 15/16 (30) Liga NOS 16/17 (22) Liga NOS 17/18 (1) Liga Sagres (30) Liga Zon/Sagres 10/11 (37) Liga Zon/Sagres 11/12 (38) Liga Zon/Sagres 12/13 (28) Liga Zon/Sagres 13/14 (24) Lille (1) LMGM (68) losango (1) Lourenço (1) low cost (1) Luis Aguiar (2) Luis Duque (9) Luís Martins (1) Madeira SAD (4) Malcolm Allison (1) Mandela (2) Mané (3) Maniche (4) Manifesto (3) Manolo Vidal (2) Manuel Fernandes (7) Marca (1) Marcelo Boeck (1) Marco Silva (27) Maritimo (2) Marítimo (3) Markovic (1) Matheus Oliveira (1) Matheus Pereira (3) Mati (1) matías fernandez (8) Matias Perez (1) Mauricio (3) Meli (1) Memória (10) mentiras (1) mercado (41) Meszaros (1) Miguel Lopes (1) miséria de dirigentes (2) mística (3) Modalidades (25) modelo (3) Moniz Pereira (7) Montero (7) Moutinho (3) Mundial2010 (9) Mundial2014 (3) Mundo Sporting (1) Nacional (1) Naide Gomes (2) Naldo (3) naming (2) Nani (3) Natal (4) Naval (3) Navegadores (3) negócios lesa-SCP (2) NextGen Series (3) Noite Europeia (1) nonsense (23) Nordsjaelland (1) NOS (1) Notas de Imprensa (1) notáveis (1) nucleos (1) Núcleos (9) Nuno André Coelho (2) Nuno Dias (3) Nuno Saraiva (2) Nuno Valente (1) o (1) O Roquetismo (8) Oceano (1) Octávio (1) Olhanense (1) Olivedesportos (1) Onyewu (7) onze ideal (1) opinião (6) oportunistas (1) orçamento (3) orçamento clube 15/16 (1) organização (1) orgulho leonino (17) Oriol Rosell (3) paineleiros (15) Paiva dos Santos (2) paixão (3) papagaios (8) pára-quedista (1) parceria (2) pascoa 2010 (1) pasquins (7) património (2) patrocínios (5) Paulinho (1) paulo bento (19) Paulo Faria (1) Paulo Oliveira (3) Paulo Sérgio (43) paulocristovão (1) Pavilhão (11) pedrada (1) Pedro Baltazar (8) Pedro Barbosa (5) Pedro Madeira Rodrigues (3) Pedro Mendes (4) Pedro Silva (2) Pereirinha (6) Peyroteo (2) Piccini (1) Pini Zahavi (2) Pinto Souto (1) plantel (31) plantel 17/18 (3) play-off (2) play-off Liga dos Campeões 17/18 (2) PMAG (3) Podence (1) Polga (5) Pongolle (5) Pontos de vista (15) por amor à camisola (3) post conjunto (5) Postiga (7) PPC (7) Pranjic (2) pré-época (2) pré-época 10/11 (7) pré-época 11/12 (43) pré-época 12/13 (16) pré-época 13/14 (16) pré-época 14/15 (22) pré-época 15/16 (20) pré-época 16/17 (12) pré-época 17/18 (9) prémio (1) prémios stromp (1) presidente (4) Projecto BdC (1) projecto Roquette (2) promessas (3) prospecção (2) Providência Cautelar. Impugnação (1) PS (1) Quo vadis Sporting? (1) Rabiu Ibrahim (2) râguebi (1) raiva (1) RD Slovan (1) reacção (1) redes sociais (1) Reestruturação financeira (17) reflexãoleonina (21) reforços (15) regras (4) regulamentos (1) Relatório e Contas (11) relva (10) relvado sintético (4) remunerações (1) Renato Neto (3) Renato Sanches (1) respeito (7) resultados (1) revisão estatutária (5) Ribas (2) Ribeiro Telles (4) Ricardo Peres (1) Ricciardi (2) ridiculo (1) ridículo (2) Rinaudo (8) Rio Ave (2) Rita Figueira (1) rivais (6) Rodriguez (2) Rojo (4) Ronaldo (12) rtp (1) Rúbio (4) Rui Patricio (18) Rui Patrício (4) Sá Pinto (31) SAD (25) Salema (1) Sarr (4) Schelotto (2) Schmeichel (2) scouting (1) SCP (64) Segurança (1) Selecção Nacional (38) seleccionador nacional (5) Semedo (1) SerSporting (1) Shikabala (2) Silly Season2017/18 (2) Símbolos Leoninos (3) Sinama Pongolle (1) Sistema (4) site do SCP (3) SJPF (1) Slavchev (1) slb (21) Slimani (11) Soares Franco (1) sócios (16) Sócrates (1) Solar do Norte (14) Sondagens (1) sorteio (3) Sousa Cintra (1) Sp. Braga (2) Sp. Horta (1) Spalvis (2) Sporting Clube de Paris (1) Sportinguismo (2) sportinguistas notáveis (2) SportTv (1) Stijn Schaars (4) Stojkovic (3) Sunil Chhetri (1) Supertaça (3) sustentabilidade financeira (40) Taça CERS (1) Taça Challenge (5) taça da liga (11) Taça da Liga 10/11 (7) Taça da Liga 11/12 (3) Taça da Liga 13/14 (3) Taça da Liga 14/15 (2) Taça da Liga 15/16 (4) Taça da Liga 16/17 (1) Taça das Taças (1) Taça de Honra (1) Taça de Liga 13/14 (3) Taça de Portugal (12) Taça de Portugal 10/11 (3) Taça de Portugal 10/11 Futsal (1) Taça de Portugal 11/12 (12) Taça de Portugal 13/14 (3) Taça de Portugal 14/15 (8) Taça de Portugal 15/16 (4) Taça de Portugal 16/17 (4) táctica (1) Tales (2) Tanaka (1) Ténis de Mesa (2) Teo Gutierrez (5) Tertúlia Leonina (3) Tiago (3) Tonel (2) Torneio Guadiana 13/14 (1) Torneio New York Challenge (4) Torsiglieri (4) Tottenham (1) trabalho (1) transferências (5) transmissões (1) treinador (90) treino (4) treinos em Alvalade (1) troféu 5 violinos (5) TV Sporting (5) Twente (2) Tziu (1) uefa futsal cup (4) Uvini (1) Valdés. (3) Valores (14) Veloso (5) vendas (8) vendas 2013/14 (2) vendas 2014/15 (1) vendas 2016/17 (5) Ventspils (2) Vercauteren (5) Vergonha (7) video-arbitro (5) Villas Boas (8) Viola (1) Virgílio (98) Virgílio1 (1) Vitor Golas (1) Vitor Pereira (6) Vitória (1) VMOC (7) Vox Pop (2) VSC (3) Vukcevic (10) WAG´s (1) William Carvalho (13) Wilson Eduardo (2) Wolfswinkel (12) Wrestling (1) Xandão (4) Xistra (3) Zapater (2) Zeegelaar (2) Zezinho (1)