quarta-feira, 1 de agosto de 2012

Época 12/13: prioridades, possibilidades, inevitabilidades

Prioridades
Chegados ao final da época passada, e apesar dos desaires (vencidos mas não convencidos de não poder ter feito mais nas meias da UEFA, e um domingo negro no Jamor), era praticamente consensual que o Sporting precisava de mexer muito pouco para se reforçar para a época que agora começou. Para que tal sucedesse bastaria colmatar as fragilidades há muito identificadas  - centro da defesa, alternativas a Rinaudo e Wolswinkel - e fechar qualquer buraco que se abrisse com a saída de algum jogador e que não houvesse alternativa no plantel.

Falava-se em aquisições cirúrgicas que permitiriam à SAD voltar-se novamente para dentro, depois de um ano de abertura ao exterior para criar valor que não existia na passagem de testemunho da fatidica "era Bettencourt". Mas, a um mês do fecho do mercado, contamos já com 6 aquisições: Labyad, Gelson, Pranjic, Boulahrouz, Rojo e Viola. Entretanto continua por suprir a tal alternativa a Wolfswinkel e as renovações de Patrício, Adrien e Carriço em aberto, às quais se podem juntar a de outros jogadores que poderão ser importantes num futuro próximo, como Nuno Reis e Pedro Mendes.

Obviamente que o Sporting não poderia ficar tolhido até à resolução das renovações para fazer aquisições, porque o mercado não espera. Mas parece-me indiscutível que cada jogador novo que entra contribui para reforçar a posição negocial dos jogadores em final de contrato. Patrício não quererá figurar atrás de Boulahrouz ou Rojo no ranking salarial, e o mesmo certamente acontecerá com Adrien, Pereirinha, Nuno Reis relativamente a Viola que, diz-se, irá cobrar meio milhão de euros/ano.

Em jeito de conclusão deste capitulo podemos dizer que há demasiados dossiers de renovação em aberto para tudo correr bem, isto no sentido dos interesses do Sporting. Resultado de um passado de ausência de gestão desportiva assertiva, consequente e menos casuística e, mais recentemente, menos hesitante em relação a alguns valores já com provas de valor confirmadas como Patrício, Adrien e até Matias, que concorreram para a actual situação.

Possibilidades
Continuam inúmeras as possibilidades aventadas para entradas e saídas do actual plantel do Sporting.  O leque  é demasiado vasto para poder ser abrangido apenas num post, por isso cingir-me-ei às mais faladas, no entendimento de que o mercado só fecha daqui a sensivelmente um mês e, até que tal suceda, é difícil de dizer que o plantel está fechado.

Izmailov: Já aqui me pronunciei anteriormente sobre a possibilidade, aventada pelo próprio, de terminar a ligação ao clube. A qualidade do russo é tão evidente como a sua pouca fiabilidade, como o demonstram as suas 29 aparições no total de 54 jogos disputados pelo Sporting na época passada, pelo que a sua ausência poderia ser considerada quase como natural. Desde ontem que vários jornais russos aventam como certa a transferência de Izmailov para clubes locais, nomeadamente o Spartak de Moscovo, de quem, diz-se, o Sporting espera receber 7 milhões, o mesmo que pagou ao Lokomotiv de Moscovo, onde o Sporting o foi descobrir.

Elias: muito se tem especulado sobre a vontade da SAD em desfazer-se de Elias para reduzir os custos salariais. Seria um erro crasso, agravado pela eventualidade de partir juntamente com Izmailov. Não só porque perderíamos um dos melhores e mais experientes do plantel como seria muito difícil realizar nesta altura mais-valias com um jogador cujo passe foi avultado. Elias é um jogador incontornável para as aspirações deste Sporting 2012/13.

Xandão, Onyewu e Carriço: Fala-se na eventual saída dos dois primeiros mas é bom não perder de vista a situação contratual do terceiro, que "obriga" a renovação ou encarar a saída a custo zero no final da época. O brasileiro parece ser o que tem merecido mais apetite, no caso concreto da Lázio. Dois factores concorrerão para o Sporting abrir mão destes 2 jogadores em favor de outros que já estejam no plantel ou no mercado: os salários elevados (mais de Onyewu) para a provável condição de suplentes e as cotas de estrangeiros para a inscrição nas competições internacionais. É que, para lá dos jogadores da formação, há um número limitado de estrangeiros a inscrever do lote de 25 possíveis e não me parece que Onyewu, por exemplo, aceite de bom grado ficar de fora dessa lista, quando as opções de Sá Pinto têm deixado claro que ele é o último dos 5 centrais.

Sobre a questão dos centrais não me parece surpreendente que Sá Pinto pareça disposto a começar do zero este ano. Não foi apenas por aí que o Sporting não conseguiu os seus objectivos na época passada mas, quem se lembra do que foi o jogo de apresentação do ano passado, (derrota expressiva com o Valência) e das alterações/hesitações posteriores de Domingos relativamente ao posicionamento da defesa (mais subida? menos subida?), certamente que não deixará de o relacionar com os problemas sentidos nos espaços e ligações entre sectores e o que isso representou na dinâmica de jogo da equipa.

Inevitabilidades
Já ontem o havia dito aqui, na caixa de comentários o Sporting não tem comprado jogadores por valores que se possam considerar exorbitantes. Rojo, sendo internacional argentino já na Europa dificilmente se pode considerar caro por 4 milhões e mais convencido disso ficamos quando vemos o que o SLB despendeu com Sálvio, suplente no Atlético de Madrid . Já o mesmo não digo de Viola, com 20 anos e muitas interrogações pela frente. E se o compararmos com Matias, que vendemos por pouco mais de 3 milhões e um jogador feito, mais caro parece. 
Ao contrário de muitos não creio que haja incompetência ou inabilidade negocial por parte da SAD, como se se vendesse por pouco dinheiro porque sim. O mercado aproveita-se das nossas fragilidades colectivas e circunstanciais ( falta de êxito desportivo nacional e internacional, e a necessidade de vender para não perder dinheiro com jogadores em final de contrato). Mas é óbvio que o Sporting tem de vender melhor para se tornar um projecto sustentável.

A ausência do pote de ouro da Liga dos campeões obriga a encolher o orçamento o que, acompanhado do investimento na equipa B, obriga/permite um plantel mais curto, que poderia muito bem ser de 23 jogadores. Sem a atracção da promoção ao plantel principal a passagem pela B pode parecer um longo exílio embora, em nome da estabilidade competitiva, a equipa B não pode ser afectada por um carrossel de chegadas e saídas de jogadores em trânsito esporádico e aleatório para a equipa principal.

A contratação de um jogador para a posição 9. Tenho insistido muito neste ponto e, para o justificar, basta imaginar o problema que representaria uma lesão que obrigasse à ausência, mesmo que curta, de Wolfswinkel. Se  a SAD foi em busca de alternativas seguras para o centro da defesa ou do meio-campo, não se imagina porque não deva fazer o mesmo para uma posição tão importante.

Contratações e dispensas à parte há 2 grandes inevitabilidades para o sucesso do Sporting na época que agora se inicia:

A arbitragem - é "inevitável" que não sejamos mais uma vez atirados fora do comboio seja na primeira estação, como sucedeu o ano passado, seja em que ponto for da viagem. A interferência, diria a guerra, dos homens da APAF foi decisiva para o desfecho final.

O modelo de jogo e a respectiva dinâmica - Mais importante do que o modelo de jogo primordial e as respectivas variações que venha a optar Sá Pinto, é importante que na pré-época o treino dote a equipa das armas necessárias para levar de vencida as principais dificuldades que os adversários irão impor jornada a jornada. Seja fora ou em casa, quase todos eles - praticamente todas as equipas que ficaram atrás de nós na tabela classificativa - esperarão atrás pela nossa iniciativa. É nessa maioria de jogos que se ganham os campeonatos e é sabendo superá-los que se ganha a confiança e a dinâmica de vitória. Nos jogos com os nossos rivais jogam-se o orgulho e raras vezes se decidem os campeonatos. Estão aqui as minhas dúvidas, que ainda não se dissiparam com o que vi ate agora nos jogos já realizados.

Achei curiosa a afirmação de Gelson, no dia da sua apresentação, com a qual concordo: é importante, inevitável diria,  chegar à 6ª jornada na luta pelo primeiro lugar, quando formos jogar ao Dragão. Guimarães (f), Rio Ave (c) Maritimo (f) Gil Vicente (c), Estoril (c) - 2 jogos em casa para aproveitar - não são fáceis nem difíceis, são o percurso decisivo para um Sporting melhor.

16 comentários:

  1. Concordo, nas generalidade, com o post. Uma pergunta e um pequeno reparo, se me permites

    -Não estará Onyewu a ser a última opção nos jogos para ver se carriço ou xandão ganham interessados? A dupla Boula-rojo joga junta porque está a ser formada a futura dupla titular, quanto a Carriço-Xandão parece-me uma dupla forçada, muito má apesar de gostar de xandão. É que não joga um sem o outro, não sei se já alguém reparou.
    - O reparo: Izma não veio do spartak, mas sim do lokomotiv.

    ResponderEliminar
  2. Pois é, a questão de fundo é essa: foram demasiadas mexidas para quem defendia apenas e só remodelações cirúrgicas. Eu também sou dos que entendem que não havia necessidade de tantas alterações, nem de ter gasto tanto dinheiro. Esta era uma época para capitalizar e consolidar a solidez desportiva que em partes do ano anterior ficou evidente.
    Já aqui defendi, noutro comentário, que a gastar quatro milhões pesquisava um avançado forte no jogo aéreo capaz de fazer estragos nas nossas defesas e constituir uma alternativa ao Wolfswinkel . Com quatro milhões julgo que isso seria perfeitamente possível.
    Independentemente do valor dos jogadores contratados – e Rojo será provavelmente mais fiável que Viola e mais útil no curto prazo , para referir os dois que consumiram 8 milhões e mais dinheiro do que o recebido em troca de Matías e J.Pereira – julgo que o Sporting não tinha necessidade de investir para dois sectores da equipa: o meio-campo e a defesa.
    No meio campo face ao excelente desempenho de Carriço, como alternativa a Rinaudo, ao regresso de Adrien e ao crescimento de André Martias mesmo considerando a venda de Matías -por valores medíocres, apesar de todas as justificações que se podem ler na blogosfera - a previsível saída de Izmailov, a dupla Labyad e Prajic, até pela polivalência e maior fiabilidade de ambos e pela qualidade, chegariam para reequilibrar as coisas. Gelson, que parece ser bom mas cobra um salário todos os meses, já me parece a mais nestas contas. Parto aqui de uma condição prévia : Elias continuará no clube e não pode ser negociável na próxima época em que poderá jogar a Liga Europa, prova em que o seu valor de mercado pode ser exponenciado. Julgo que outro galo teria cantado se o brasileiro tivesse podido disputar a última Liga Europa.
    Na defesa os dois centrais mostraram serviço e qualidade e deviam ser eles a continuar. Rojo, pode ser bom, mas significou 4 milhões, agora. Por Xandão pagaríamos 3 no final da próxima temporada. Não acredito que Rojo custe mensalmente menos que Xandão. Espero, no entanto, que a qualidade de Rojo faça parecerem infantis estas considerações.
    Os laterais disponíveis para o lado direito não nos deixarão ter saudades de João Pereira e representam um investimento nulo. No lado esquerdo Insua é muito bom e Prajic uma excelente alternativa com aproveitamento noutras áreas mais avançadas podendo mesmo jogar em simultâneo com o argentino, uma dupla que ainda não vimos, mas que promete ser demolidora.
    Mas, subsiste uma questão colocada no post: como é possível deixar arrastar os dossiers da renovação de jogadores como Rui Patrício? Quem irá beneficiar com esse arrastamento? O mesmo se pode dizer relativamente ao Adrien ou ao Carriço. Julgo que a venda do Rui Patrício seria vantajosa com a possibilidade de um encaixe financeiro a rondar os 10 milhões. Era o nosso principal activo mas numa posição em que o Sporting está muito bem salvaguardado com o excelente Boeck. Desportivamente não viria daí mal ao Sporting. Mas, se a SAD renovar com RP e assegurar uma transferência futura por um valor superior tiro-lhes daqui o chapéu, antecipadamente.

    ResponderEliminar
  3. Be The RIne,

    Desde já as boas-vindas ao blogue, julgo ser uma estreia.

    1- Também já pensei nisso, pô-los a jogar pode ter mais intenções do que criar rotinas, pode ser essa a intenção.

    2- Obrigado pela correcção. O post já ia longo (muito mais do que aconselham as boas práticas globosféricas) e não fui confirmar o que tinha escrito. O que deveria ficar era como vou corrigir:

    "nomeadamente o Spartak de Moscovo, de quem, diz-se, o Sporting espera receber 7 milhões, o mesmo que pagou ao Lokomotiv de Moscovo, onde o Sporting o foi descobrir"

    ResponderEliminar
  4. Eu acrescentaria:

    prioridades:

    Uma eficiente gestão das carreiras dos nossos jogadores/ativos (evitar situações em que terminamos a época com vários jogadores a entrarem no seu último ano de contrato, havendo vontade expressa em mante-los no plantel), são tantos os casos que julgo que nem valerá a pena enumerá-los.


    possibilidades:

    Encurtar o plantel da equipa principal recorrendo à equipa B

    Inevitabilidades:

    Aposta na equipa B

    ResponderEliminar
  5. Lda,

    O custo do Izmailov foi mais simpático :

    "O Sporting confirmou nesta quinta-feira, através de um comunicado enviado à Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM), a aquisição em definitivo dos direitos desportivos do médio russo Izmailov, que fica vinculado ao clube de Alvalade por cinco épocas.

    Na nota, a SAD leonina informa que exerceu o direito de opção para a compra do jogador, assumindo o pagamento dos 4,5 milhões estipulados na cláusula de opção estabelecida no contrato de empréstimo feito com o Lokomotiv Moscovo."

    ResponderEliminar
  6. José Guinote,

    Na generalidade estamos de acordo, embora ache optimista a ideia de 10 milhões pelo Patricio, olhando para os valores de mercado pelos jogadores nas mesmas funções, caso Roberto à parte...

    Sérgio,

    Neste momento não tenho oportunidade de o fazer, mas procurando em relatórios posteriores verá que houve mais custos associados ao Izmailov. Lembro-me bem da polémica que então suscitou.

    ResponderEliminar
  7. Lda infelizmente acredito que assim seja no entanto do que me lembrava era de uma transferência a rondar os 5M€.

    SL,

    ResponderEliminar
  8. Desde já queria dar os parabéns pelo vosso trabalho neste blogue ao colocar os sportiguistas a par do que se passa no meio sportinguista.

    Venho cá várias vezes mas nunca calhou de comentar as vossas notícias, mas como há uma 1ª vez para tudo, aqui estou eu.

    Como sabemos e bem, o nosso centro da defesa necessitava de ajustes foi encontrado os jogadores para dar um toque de qualidade que faltava. A meu ver o elemento a mais nos nossos centrais é o Carriço, sem dúvida o elemento com menos capacidade que os demais. Sendo que Onyewu o elemnto que possivelmente irá sair da nossa defesa, o seu jogo aéreo é fantástico, raramente perde uma bola, tanto na nossa área defensiva como ofensiva. Se compararmos com os nossos vizinhos do lado, ele nao é muito diferente do Luisão que também é bastante duro de rins, mas que impõe o respeito nas divididas. Sendo que Xandão não é um activo nosso e está apenas por empréstimo e tendo em conta Nuno Reis e a equipa B, a meu ver ficariamos bem servidos com Rojo, Boulahrouz, Onyewu e Nuno Reis (em ponte com a equipa B).

    Nas laterais estamos mais do que bem servidos, talvez nos ultimos 10 anos nunca tenhamos estado tao bem servidos como hoje.

    No meio campo alguns chamam de excesso, outros de abundancia e qualidade. Depende de como se queira ver. A meu ver é certo que ainda um dos médios terá que sair. Apesar de Izma ser dos nossos médios com mais qualidade é sem duvida aquele que inspira mais dúvidas no que diz respeito à sua questão fisica e sendo que já mostrou disponibilidade para sair, seria o candidato numero 1.
    Muitos referem que neste momento perdemos o nosso 10 e que é uma lacuna, com a qualidade que Elias, Schaars, Martins, Adrien e Labyad têm a ausência de um 10 pode ser mais que colmatada, com um meio campo dinâmico e compacto.

    Nas laterais estamos bem servidos, sendo que Jeffren causa-me algumas dúvidas. Inegável a sua qualidade e o que demonstrou acabadinho de chegar do Barcelona. Depois nao deu sequencia pois as lesoes nao deixaram. No final da época ja sem lesões, pouco ou nada mostrou em termos do que já tinha demonstrado quando chegou. Esta pré-epoca tem sido dos elementos que mais tem deixado a desejar. Como lhe costumo dizer será que o gás Barcelona ja deixou de fazer efeito e agora é apenas mais um com algum potencial mas que nao irá passar disso? Lembram-se do Rochemback quando chegou, dos km que fazia da sua qualidade de jogo? Depois do gás Barcelona deixar de fazer efeito, tornou-se num jogador lento, pesadao e apenas a espaços mostrava qualidade. Carrillo espero que seja o ano da sua explosão. Capel é odiado e amado, capaz de coisas impossiveis e depois das piores barbaridades. Mas com todos os seus defeitos e qualidades penso que no computo geral seja uma mais valia e será um titular indiscutivel para Sá Pinto ( Gostaria de ver o Danijel Pranjić a extremo).

    ResponderEliminar
  9. No que toca ao nosso ponta de lança a razao do meu comentario. Neste momento Ricky é o numero sem duvida alguma, mas lembram-se de quanto pagamos por ele? E mesmo depois dos 25 golos que fez muitos consideram que ele nao seja o avançado que um candidato ao título necessita. Para aqueles que estão mais atentos ao mercado internacional (nao falo dos jogadores do FM/CM) quantos pontas de lança, existem neste momento no mercado que seja garantias de golo, e nao esquecer o mais importante, que tenhamos capacidade para suportar com a nossa carteirinha? Um ponta de lança que jogue bem na área, tenha bom jogo de cabeça, seja possante, nao seja tosco com os pés, que nao custo mais de 5M e nao receba mais 1M que é o nosso tecto salarial e por fim nos garanta 30 golos/época.
    Se alguém conhecer algum que envie já o seu nome ao Carlos Freitas e ao Godinho.
    Eles mais que ninguém sabem que temos que ter alternativa ao Ricky e que neste momento nao temos, e acredito que nao seja por falta de procura. O Porto para ter o Jackson pagou 8M, Falcao tinha custado 5.4M por 60% do passe, Cardozo mais de 11M. Ou seja, é uma posição em que é necessário investir algum dinheiro, dinheiro esse que nao temos. Vamos aguardar até dia 31 de Agosto para ver se o mercado é meigo e deixa alguma truta que nos possa garantir golos.
    Viola é caro? 4M investidos por uma jovem esperança, que pode fornecer algo mais à nossa frente de ataque, e que se a equipa estiver numa maré de vitorias será mais fácil de potencializar o seu valor. Como tem acontecido com os nosso rivais. Quanto custou James, Di Maria, Gaitán, Ola John... Verdade que dinheiro nao abunda, muito pelo contrario, mas se a cada 2 e 4M, dissermos que é uma fortuna. Que podemos esperar construir apenas com jogadores avaliados em 1M e menos?!

    Neste momento é altura de os sportinguistas se juntarem todos e apoiar os que temos, e esperar pelo início do campeonato e ver o que iremos fazer nas primeiras 6 jornadas. Como disseste e bem será fundamental para as nossas aspiraçoes.
    Espero que os dossiers Adrien e Patricio sejam resolvidos o mais rápido possivel, pois como é mais que sabido os nossos rivais estão à espreita.

    Desculpem o longo post.

    Mais uma vez parabéns pelo vosso trabalho.

    Saudações leoninas.

    ResponderEliminar
  10. LdA, no fundo todos sabem que ainda vão existir mexidas no plantel, quer entradas quer saídas, como sempre umas estão dependentes das outras. Houve saídas importantes na defesa, João Pereira, Polga, Rodriguez e Evaldo e parece-me que ficamos mais fortes, principalmente porque há maior equilíbrio de valores. Dos 4 defesas que sobram, um deve sair, espero que não seja Insúa porque é um dos meus intocáveis.

    Problema maior será a saída de Patrício aquela que provocará maior instabilidade, confio no Marcelo mas um guarda redes para adquirir rotina precisa de jogos.

    Meio campo, se sair só Izmailov não vem grande mal ao mundo, já me habituei a fazer onzes sem ele mas podem existir surpresas, Elias ou mesmo Adrien podem ter ofertas irrecusáveis. Parece-me que também há excesso de extremos, aqui o meu intocável é Capel, qualquer um dos outros pode sair por uma boa oferta.

    O ataque está paupérrimo se fechar só com Rúbio e Ricky. Todo o dinheiro que se fizer a vender excedentes é para aplicar aqui.

    E ainda há Bojinov e Pongolle para despachar. Muito trabalho para Agosto.

    ResponderEliminar
  11. Sempre Fui,

    sê bem-vindo ao blogue e obrigado pelas palavras.

    ResponderEliminar
  12. Embora esteja de acordo com muitas das coisas que foram ditas não posso deixar de discordar de algumas, pois, como sempre, quem está à frente do futebol é preso por ter cão e preso por não ter, ou seja, por contratar ou não contratar.
    Rojo caro?? e desnecessário? Qual era o central rápido e que jogue do lado esquerdo que o SCP tinha no plantel???
    Qual foi o resultado da dupla Xandão Onyweu quando jogaram juntos contra o Marítimo. Caro, um internacional argentino que já jogava na europa? quanto custou o Otamendi?
    O Gelson desnecessário porque tinhamos o Carriço?? O Carriço não me parece que possa jogar a central, concordo que se adapta melhor à frente da desfesa, mas só em jogos contra equipas que nos obriguem a defender (o que não é o caso da maioria das equipas que jogam em Alvalade), basta ver todas as experiencias (Elias, Schaars) que o Sá Pinto teve de fazer. Por outro lado não me parece, ainda, que o Rinaudo esteja completamente recuperado e não sei quando vai estar.
    Ponta de lança alto e bom por 4 milhões??? que receba apenas 1 milhão e seja ainda relativamente novo??????Onde está ele??? Conhecem?? quanto custaram os dos nossos rivais??? Viola caro?? quanto custou o Di Maria ao slb? alguém o conhecia?
    As renovações. Confesso que não gosto da meneira como o CF gere este tema e não é de agora (ainda me lembro do Tello). No entanto, há precisamente um ano atrás, altura que devia ter sido renovado o contrato do Adrien, quem é que era capaz de defender tal coisa?? se tal tivesse sido feito certamente que teriam caído em cima da direcção? Renovação do Matias, também devia ter sido feito há um ano, mas ele até à chegada do Sá Pinto nunca tinha mostrado rendimento consistente que justificasse a sua renovação, talvez não só por culpa dele, pois não me parece jogador para o 4-3-3, pois foi contratado para jogar em losango com dois avançados na sua frente, coisa que nunca aconteceu.
    Para terminar, a principal heresia que defendo: a renovação do Pereirinha. Acho, convictamente, que deveriam renovar o contrato ao Pereirinha, na verdade até já devia ter sido feito. Mesmo que não se imponha como titular a defesa direito é este o momento de renovar o seu contrato.
    SL
    Nano

    ResponderEliminar
  13. Mesmo em férias mantens a forma, Lda!

    Continuo a lamentar a saída, de Mat14s de quem era (sou) fã. Mais ainda depois de se saber a autentica pechincha que foi a sua compra pela Fiorentina. Mesmo com as actuais circunstancia, achei demasiado 'barato'... Eu sei que os italianos são 'amigos', mas dispensava-se tamanho favor... :P
    Agora a sério: estou certo de q isso não interferiu com o negócio, mas acho que eles ficaram melhor na fotografia...

    Sinceramente se fosse eu a escolher, preferia ver o Izma partir. Pq é mais velho, pq é mais frágil e pq para a posição dele há substitutos com fartura...

    LdA: Continuação de uma férias produtivas! :)

    ResponderEliminar
  14. Bom trabalho amigos!

    Concordo com quase tudo o que refere no "post", e continuo a insistir que falta um avançado com clara apetência para o golo, e com bom jogo de cabeça. Rúbio e Wilson não são opções válidas para já, e um deles deverá ser emprestado.

    Viola é um bom avançado, mas não é um "matador". Sempre que fomos campeões tivemos um claro "homem golo", e todas as equipas campeãs o têm...

    SL (Blog adicionado) ;)

    ResponderEliminar
  15. Ayant trouvé votre site fort interressant je désirerais faire un échange de lien entre nos deux sites qui est
    http://bbkdsport.e-monsite.com
    Titre:bbkdsport tous le sport en direct
    ainsi que mon blog
    http://bbkdsport.over-blog.fr.
    Titre:Le blog sportif de bbkdsport
    ou bien en les ajoutant dans votre annuaire
    En vous remerciant par avance
    cordialement

    ResponderEliminar
  16. "Viola é um bom avançado, mas não é um "matador". Sempre que fomos campeões tivemos um claro "homem golo", e todas as equipas campeãs o têm..."

    E nós temos e já cá está e marca golos e está em franco crescimento: VAN WOLSWINKEL!

    ResponderEliminar

Este blogue compromete-se a respeitar as opiniões dos seus leitores.

Para todos os efeitos a responsabilidade dos comentários são de quem os produz.

A existência da caixa de comentários visa dar a oportunidade aos leitores de expressarem as suas opiniões sobre o artigo que lhe está relacionado, bem como a promoção do debate de ideias e não a agressão e confrontação.

Daremos preferência aos comentários que entendermos privilegiarem a opinião própria do que a opinião que os leitores têm sobre a opinião de terceiros aqui emitida. Esta será tolerada desde que respeite o interlocutor.

Insultos, afirmações provocatórias ou ofensivas serão rejeitados liminarmente.

Não serão tolerados comentários com links promocionais ou que não estejam directamente ligados ao post em discussão.

Sporting Clube de Portugal

Sporting Clube de Portugal

Prémios

Sporting 160 - Podcast

Os mais lidos no último mês

Blog Roll

Leitores em linha


Seguidores

Número de visitas

Free HTML Counters

Ultimos comentários

Blog Archive

Temas

"a gaiola da luz" (1) 10A (1) 111 anos (1) 1ª volta Liga Zon/Sagres 10/11 (3) 2010-2011 (1) 2016 (1) 8 (4) AAS (7) ABC (3) Abrantes Mendes (3) Academia (16) Académica-SCP (1) adeptos (94) Adrien (19) AdT (1) adversários (82) AFLisboa (2) AG (19) Alan Ruiz (2) Alexander Ellis (1) alma leonina (59) ambição (10) andebol (34) André Geraldes (2) André Marques (2) André Martins (6) André Pinto (1) André Santos (5) anestesia (3) angulo (5) aniversário "A Norte" (3) Aniversário SCP (4) antevisão (41) APAF (13) aplausos ao ruben porquê? (2) Aquilani (1) aquisições (85) aquisições 2013/14 (16) aquisições 2014/15 (18) aquisições 2015/16 (17) aquisições 2016/17 (10) aquisições 2017/18 (5) arbitragem (94) Associação de Basquetebol (6) ataque (1) Atitude (9) Atletico Madrid (1) Atlético Madrid (1) atletismo (6) auditoria (4) autismo (1) AVB és um palhaço (1) aventureiro (1) Bacelar Gouveia (2) Balakov (1) balanço (5) Baldé (4) balneário (3) banca (2) Barcos (3) Bas Dost (3) Bastidores (72) Batota (19) Battaglia (1) Beira-Mar (2) Belenenses (4) Benfica (1) BES (1) bilhetes (2) binários (1) Boal (1) Boateng (1) Boeck (2) Bojinov (7) Bolsa (2) Borússia Dortmund (1) Boulahrouz (2) Brasil (1) Braz da Silva (8) Brondby (4) Bruma (18) Bruno Carvalho (100) Bruno César (3) Bruno de Carvalho (9) Bruno Martins (20) Bryan Ruiz (5) Bubakar (1) BwinCup (1) cadeiras verdes (1) Cadete (1) Caicedo (5) calendário (2) Câmara Municipal de Lisboa (3) Campbell (2) Campeões (2) campeonato nacional (21) campeonatos europeus atletismo (2) Cândido de Oliveira (1) Caneira (2) Cape Town Cup (3) Capel (4) carlos barbosa (4) Carlos Barbosa da Cruz (2) Carlos Carvalhal (5) Carlos Freitas (7) Carlos Padrão (1) Carlos Severino (4) Carriço (6) Carrillo (10) Carrilo (3) carvalhal (30) Caso Cardinal (1) Casos (6) CD Liga (3) Cedric (7) Cervi (3) CFDIndependente (1) Champions League 2014/15 (9) Champions League 2015/16 (5) Chapecoense (1) CHEGA (1) Ciani (1) Ciclismo (3) CL 14/15 (2) Claques (9) clássicos (8) Coates (4) Coentrão (1) Coerência (1) colónia (1) comissões (2) competência (2) comunicação (68) Comunicação Social (21) Consciência (1) Conselho Leonino (2) contratações (6) COP (1) Coreia do Norte (1) Corradi (1) corrupção no futebol português (2) Cosme Damião (1) Costa do Marfim (3) Costinha (45) Couceiro (13) crápulas (1) credores (1) crise 2012/13 (21) Crise 2014/15 (2) Cristiano Ronaldo (1) cronica (3) crónica (15) cultura (4) curva Sporting (1) Damas (3) Daniel Sampaio (3) debate (5) defesa dos interesses do SCP (7) Del Horno (1) delegações (1) depressão (1) Derby (42) Derby 2016/17 (1) derlei (1) Desespero (1) Despedida (2) despertar (3) dia do leão (1) Dias da Cunha (1) Dias Ferreira (6) Diogo Salomão (4) director desportivo (18) director geral (5) direitos televisivos (4) Dirigentes (28) disciplina (6) dispensas (22) dispensas 2015/16 (1) dispensas 2016/17 (2) dispensas 2017/18 (1) djaló (10) Domingos (29) Doumbia (1) Doyen (4) Duarte Gomes (2) Ecletismo (60) Eduardo Barroso (6) Eduardo Sá Ferreira (2) eleições (19) eleições2011 (56) eleições2013 (26) eleições2017 (9) Elias (5) eliminação (1) empresários (11) empréstimo obrigacionista (3) entrevistas (63) Épico (1) época 09/10 (51) época 10/11 (28) época 11/12 (8) época 12/13 (11) época 13/14 (4) época 14/15 (8) época 15/16 (5) época 16/17 (7) época 17/18 (1) EquipaB (17) equipamentos (12) Eric Dier (8) Esperança (4) estabilidade (1) Estádio José de Alvalade (4) Estado da Nação (1) estatutos (6) Estórias do futebol português (4) estratégia desportiva (104) Estrutura (1) Euro2012 (6) Euro2016 (1) Europeu2012 (1) eusébio (2) Evaldo (3) Ewerton (4) exigência (2) expectativas (1) expulsão de GL (1) factos (1) Fafe (1) Fair-play (1) farto de Paulo Bento (5) fcp (12) FCPorto (9) Fernando Fernandes (1) FIFA (2) Figuras (1) filiais (1) final (1) final four (1) finalização (1) Finanças (24) fiorentina (1) Football Leaks (2) Formação (89) FPF (14) Francis Obikwelu (1) Francisco Geraldes (2) Frio (1) fundação aragão pinto (3) Fundação Sporting (1) fundos (14) futebol (9) futebol feminino (1) futebol formação (1) futebol internacional (1) Futre (1) Futre és um palhaço (4) futsal (23) futsal 10/11 (1) futuro (8) gabriel almeida (1) Gala Honoris Sporting (3) galeria de imortais (28) Gamebox (2) Gauld (5) Gelson (1) Gent (1) geração academia (1) Gestão despotiva (2) gestores de topo (10) Gilberto Borges (2) GL (2) glória (5) glorias (4) Godinho Lopes (27) Gomes Pereira (1) Governo Sombra (1) Gralha (1) Gratidão (1) Grimi (4) Grupo (1) Guerra Civil (2) guimarães (1) Guy Roux (1) Hacking (1) Heerenveen (3) Hildebrand (1) História (18) Holdimo (1) homenagem (5) Hóquei em Patins (7) Hugo Malcato (113) Hugo Viana (1) Humor (1) i (1) Identidade (11) Idolos (3) II aniversário (1) Ilori (4) imagem (1) imprensa (12) Inácio (5) incompetência (7) Insua (2) internacionais (2) inverno (2) investidores (3) Iordanov (6) Irene Palma (1) Iuri Medeiros (1) Izmailov (26) Jaime Marta Soares (3) Jamor (3) Janeiro (1) Jardel (2) jaula (3) JEB (44) JEB demite-se (5) JEB és uma vergonha (5) JEB rua (1) JEBardadas (3) JEBardice (2) Jefferson (3) Jeffren (5) Jesualdo Ferreira (14) JJ (1) JL (3) Joana Ramos (1) João Benedito (1) João Mário (6) João Morais (5) João Pereira (6) João Pina (3) João Rocha (3) Joaquim Agostinho (2) joelneto (2) Jogo de Apresentação (1) Jorge Jesus (44) Jorge Mendes (3) José Alvalade (1) José Cardinal (2) José Couceiro (1) José Eduardo Bettencourt (33) José Travassos (1) JPDB (1) Jubas (1) judo (6) Juniores (7) JVL (105) kickboxing (1) Kwidzyn (1) Labyad (7) Lazio (1) LC (1) Leão de Alvalade (496) Leão Transmontano (62) Leonardo Jardim (11) Liderança (1) Liedson (28) Liga 14/15 (35) Liga de Clubes (12) liga dos campeões (12) Liga dos Campeões 2016/17 (11) Liga dos Campeões 2017/18 (8) Liga Europa (33) Liga Europa 11/12 (33) Liga Europa 12/13 (9) Liga Europa 13/14 (1) Liga Europa 14/15 (1) Liga Europa 15/16 (11) Liga Europa10/11 (16) Liga NOS 15/16 (30) Liga NOS 16/17 (22) Liga NOS 17/18 (5) Liga Sagres (30) Liga Zon/Sagres 10/11 (37) Liga Zon/Sagres 11/12 (38) Liga Zon/Sagres 12/13 (28) Liga Zon/Sagres 13/14 (24) Lille (1) LMGM (68) losango (1) Lourenço (1) low cost (1) Luis Aguiar (2) Luis Duque (9) Luís Martins (1) Madeira SAD (4) Malcolm Allison (1) Mandela (2) Mané (3) Maniche (4) Manifesto (3) Manolo Vidal (2) Manuel Fernandes (7) Marca (1) Marcelo Boeck (1) Marco Silva (27) Maritimo (2) Marítimo (3) Markovic (1) Matheus Oliveira (1) Matheus Pereira (3) Mati (1) matías fernandez (8) Matias Perez (1) Mauricio (3) Meli (1) Memória (10) mentiras (1) mercado (41) Meszaros (1) Miguel Lopes (1) miséria de dirigentes (2) mística (3) Modalidades (25) modelo (3) Moniz Pereira (7) Montero (7) Moutinho (3) Mundial2010 (9) Mundial2014 (3) Mundo Sporting (1) Nacional (1) Naide Gomes (2) Naldo (3) naming (2) Nani (3) Natal (4) Naval (3) Navegadores (3) negócios lesa-SCP (2) NextGen Series (3) Noite Europeia (1) nonsense (23) Nordsjaelland (1) NOS (1) Notas de Imprensa (1) notáveis (1) nucleos (1) Núcleos (9) Nuno André Coelho (2) Nuno Dias (3) Nuno Saraiva (4) Nuno Valente (1) o (1) O Roquetismo (8) Oceano (1) Octávio (1) Olhanense (1) Olivedesportos (1) Onyewu (7) onze ideal (1) opinião (6) oportunistas (1) orçamento (3) orçamento clube 15/16 (1) organização (1) orgulho leonino (17) Oriol Rosell (3) paineleiros (15) Paiva dos Santos (2) paixão (3) papagaios (8) pára-quedista (1) parceria (2) pascoa 2010 (1) pasquins (7) património (2) patrocínios (5) Paulinho (1) paulo bento (19) Paulo Faria (1) Paulo Oliveira (3) Paulo Sérgio (43) paulocristovão (1) Pavilhão (11) pedrada (1) Pedro Baltazar (8) Pedro Barbosa (5) Pedro Madeira Rodrigues (3) Pedro Mendes (4) Pedro Silva (2) Pereirinha (6) Peyroteo (2) Piccini (1) Pini Zahavi (2) Pinto Souto (1) plantel (31) plantel 17/18 (3) play-off (2) play-off Liga dos Campeões 17/18 (5) PMAG (3) Podence (1) Polga (5) Pongolle (5) Pontos de vista (15) por amor à camisola (3) post conjunto (5) Postiga (7) PPC (7) Pranjic (2) pré-época (2) pré-época 10/11 (7) pré-época 11/12 (43) pré-época 12/13 (16) pré-época 13/14 (16) pré-época 14/15 (22) pré-época 15/16 (20) pré-época 16/17 (12) pré-época 17/18 (9) prémio (1) prémios stromp (1) presidente (4) Projecto BdC (1) projecto Roquette (2) promessas (3) prospecção (2) Providência Cautelar. Impugnação (1) PS (1) Quo vadis Sporting? (1) Rabiu Ibrahim (2) râguebi (1) raiva (1) RD Slovan (1) reacção (1) redes sociais (1) Reestruturação financeira (17) reflexãoleonina (21) reforços (15) regras (4) regulamentos (1) Relatório e Contas (11) relva (10) relvado sintético (4) remunerações (1) Renato Neto (3) Renato Sanches (1) respeito (7) resultados (1) revisão estatutária (5) Ribas (2) Ribeiro Telles (4) Ricardo Peres (1) Ricciardi (2) ridiculo (1) ridículo (2) Rinaudo (8) Rio Ave (2) Rita Figueira (1) rivais (6) Rodriguez (2) Rojo (4) Ronaldo (12) rtp (1) Rúbio (4) Rui Patricio (18) Rui Patrício (4) Sá Pinto (31) SAD (25) Salema (1) Sarr (4) Schelotto (2) Schmeichel (2) scouting (1) SCP (64) Segurança (1) Selecção Nacional (38) seleccionador nacional (5) Semedo (1) SerSporting (1) Shikabala (2) Silly Season2017/18 (2) Símbolos Leoninos (3) Sinama Pongolle (1) Sistema (4) site do SCP (3) SJPF (1) Slavchev (1) slb (22) Slimani (11) slolb (1) Soares Franco (1) sócios (16) Sócrates (1) Solar do Norte (14) Sondagens (1) sorteio (3) Sousa Cintra (1) Sp. Braga (2) Sp. Horta (1) Spalvis (2) Sporting Clube de Paris (1) Sporting160 (1) Sportinguismo (2) sportinguistas notáveis (2) SportTv (1) Stijn Schaars (4) Stojkovic (3) Sunil Chhetri (1) Supertaça (3) sustentabilidade financeira (40) Taça CERS (1) Taça Challenge (5) taça da liga (11) Taça da Liga 10/11 (7) Taça da Liga 11/12 (3) Taça da Liga 13/14 (3) Taça da Liga 14/15 (2) Taça da Liga 15/16 (4) Taça da Liga 16/17 (1) Taça da Liga 17/18 (1) Taça das Taças (1) Taça de Honra (1) Taça de Liga 13/14 (3) Taça de Portugal (12) Taça de Portugal 10/11 (3) Taça de Portugal 10/11 Futsal (1) Taça de Portugal 11/12 (12) Taça de Portugal 13/14 (3) Taça de Portugal 14/15 (8) Taça de Portugal 15/16 (4) Taça de Portugal 16/17 (4) Taça de Portugal 17/18 (2) táctica (1) Tales (2) Tanaka (1) Ténis de Mesa (2) Teo Gutierrez (5) Tertúlia Leonina (3) Tiago (3) Tonel (2) Torneio Guadiana 13/14 (1) Torneio New York Challenge (4) Torsiglieri (4) Tottenham (1) trabalho (1) transferências (5) transmissões (1) treinador (90) treino (4) treinos em Alvalade (1) troféu 5 violinos (5) TV Sporting (5) Twente (2) Tziu (1) uefa futsal cup (4) Uvini (1) Valdés. (3) Valores (14) Veloso (5) vendas (8) vendas 2013/14 (2) vendas 2014/15 (1) vendas 2016/17 (5) vendas 2017/18 (1) Ventspils (2) Vercauteren (5) Vergonha (7) video-arbitro (5) Villas Boas (8) Viola (1) Virgílio (98) Virgílio1 (1) Vitor Golas (1) Vitor Pereira (6) Vitória (1) VMOC (7) Vox Pop (2) VSC (3) Vukcevic (10) WAG´s (1) William Carvalho (13) Wilson Eduardo (2) Wolfswinkel (12) Wrestling (1) Xandão (4) Xistra (3) Zapater (2) Zeegelaar (2) Zezinho (1)