segunda-feira, 29 de março de 2010

Um clube melhor

Quando se fala em treinador para a próxima época é cada vez mais comum ouvir dizer, quando se questiona a continuidade de Carvalhal, que o Sporting precisa de um treinador melhor. O que nunca vejo levar em linha de Carvalhal também merecia um clube melhor. Leia-se um clube melhor organizado, um clube realmente preparado para ganhar, o que, convenhamos, não foi nada de parecido com o que o treinador encontrou. As apreciações ao trabalho de Carvalhal que não levem em linha de conta i) a distorção provocada pelo caos em que encontrou a equipa ii) e o sem número de situações impensáveis que teve que suportar não podem ser consideradas justas. Há quem acrescente que Carvalhal tem um discurso de clube pequeno. Eu pergunto: há algum clube pequeno que seja tão difícil e aparentemente tão desregrado como o nosso?

É já tarde para Carvalhal, como tudo parece indicar. Adeptos e dirigentes parecem mais inclinados para o deixar cair, como se com isso esconjurassem os males que endemicamente nos atrofiam e desviam do caminho do êxito. Mas não nos iludamos, os problemas já existiam ou medravam antes do actual treinador chegar e, se nada for feito, por cá continuarão.

Se com isto advogo a continuidade do treinador? Como em tudo há vantagens e desvantagens. Se por um lado o considero um treinador preparado para a função, e o conhecimento prévio do plantel e suas deficiências permitiriam pensar numa evolução, julgo que lhe falta força. Carvalhal nunca foi levado a sério pelos que o escolheram, nunca foi protegido e os adeptos, a grande maioria, não deixou de o olhar de outra forma.

Não falta muito para saber quem será o novo dono do lugar. Como me dizia o meu amigo Bruno Martins, na II Tertúlia Leonina no Solar do Norte, também não me parece saudável que a discussão seja entre a continuidade de Carvalhal e a chegada de Vilas Boas. O perfil do actual técnico da Académica é uma promessa sem suporte curricular. Também não vejo no futebol português nomes interessantes para nós. A ser estrangeiro, mais importante que o curriculum é a ambição, com trabalho reconhecido por futebol de qualidade, europeu ou com trabalho já feito no continente, e sem medo de apostar na prata da casa.

Aqui ao lado, em Espanha, há 2 nomes interessantes: Schuster, que além do mais, como jogador enorme que foi, seria interessante para um clube formador. O seu excelente trabalho no Getafe e o resgate do futebol sem chama de Capello, com 2 títulos no Real, sem contratações galácticas falam por si. E Ernesto Valverde, relativamente jovem, pelo seu desempenho interessante no Athletic Bilbao, Espanhol e Olympiacos, onde venceu tudo, e isto apesar do insucesso em Villareal.

72 comentários:

  1. A questão do treinador seráo o tema preferido de nós sportinguistas nos tempos que se aproximam por motivos óbvios.
    Carvalhal fica, Carvalhal sai, Vilas Boas, Manuel José, um treinador estrangeiro será esta a discussão.
    Vou apenas recordar um episódio em que por vezes nós os sócios também nos enganamos.
    Quando Mourinho saiu do Benfica e tinha tudo acertado com Luis Duque para assinar pelo Sporting deu-se quase uma mini revolução em Alvalade com direito a um fórum na TSF e recordo-me bem que ninguem o queria como treinador do Sporting, por vários motivos, era jovem,era tradutor, não tinha curriculo, tinha acabado de ganhar três zero ao nosso clube, enfim tudo valia para dizer não a Mourinho.
    Neste momento o importante é que a direçao diga o que vai fazer, se vai continuar a apostar nos jogadores da academia sem grandes reforços, se vai fazer um esforço financeiro para contratar grandes jogadores e a partir daí, dependendo da via que vai seguir terá que contratar um treinador com um perfil adequado ao que escolher.

    ResponderEliminar
  2. Cristiano, podias me arranjar esses link sobre a possível ida do Mourinho para o sporting sff

    Precisava de esclarecer umas coisa, obrigado

    ResponderEliminar
  3. LdA, tens razão em dizer que o nome do próximo treinador é uma discussão estéril se nada for alterado em termos das condições de que vai dispor para trabalhar em Alvalade.

    É também por essa razão que para mim não é importante defenir desde já o futuro de Carvalhal, há questões mais importantes a definir e no final dessa ordenação então sim o nome do futuro treinador deve ser apresentado.

    ResponderEliminar
  4. Na minha opinião faltou a Carvalhal o que sobrou a Paulo Bento...
    Não considero que Carvalhal não esteja à altura do Sporting, aliás na situação em que o clube se encontra qualquer treinador teria grandes dificuldades, quando as coisas parecem estar a voltar à normalidade acontece qualquer coisa que...faz desmoronar todo o trabalho que se fez até aí. Assim não há treinador que aguente.
    Quanto a Villas-Boas sou das que não lhe reconhece mérito para ser assim tão desejado.
    Ontem à noite em conversa veio este tema à baila e todos acharam que o que eu disse era impensável mas quem nos diz que se Carvalhal sair em vez de Villas Boas não vem Jesualdo Ferreira?
    Com a defesa que o nosso presidente faz das "maravilhas" do FCP quem nos garante que não vai buscar o treinado que deu 3 títulos consecutivos aos portistas?
    Quanto a mim é uma hipótese tão viável como qualquer outra...(e aceitava-o melhor que ao Villas-Boas)

    ResponderEliminar
  5. Cara @Leo@ não tenho comigo esses links recordo de memória, estava tudo preparado para Mourinho substituir Inácio depois não foi possível e acabou por ir para o Porto.

    ResponderEliminar
  6. os treinadores e os resultados é que fazem a estrutura, ou acham que foi a estrutura que vai fazer com que o benfica seja campeão? E´claro que ter uma estrutura forte e bem organizada é importante mas mais importante é ter um grande treinador, o resto vem por acrecimo

    ResponderEliminar
  7. O Carvalhal teve a coragem de assumir as rédeas da nossa equipa de futebol quando muitos se escusavam até de ser opção (foi a este ponto que chegamos).

    De qualquer forma a sua entrada foi logo ferida de morte pelos comentários do nosso presidente que queimou logo à partidas a opção de continuidade do Carvalhal.

    Independente do que acabei de escrever considero que tanto o Carvalhal como o SCP merecem melhor.

    SL,

    ResponderEliminar
  8. @leo@

    Eu tenho apenas 22 anos por isso não me lembro bem nessa altura em que o Mourinho estava do Benfica, mas o meu velho(pai) diz me a mesma coisa, que os dirigentes do SCP queriam o Mourinho mas houve uma grande pressão para não o contratar. Por isso o "Cristiano Moreira" tem alguma razão do que diz.

    ResponderEliminar
  9. Relativamente ao assunto Mourinho, o mesmo chegou a estar presente em Alvalade para assinar pelo Sporting, depois de ter sido dispensado pelo Benfica. Vinha pela mão de Luis Duque mas na altura da conferencia de imprensa para a apresentação deste, socios e adeptos do Sporting (principalmente membros da juventude leonina com forte impacto na vida do clube) manifestaram a sua insatisfação e Mourinho acabou por ir para o Leiria.

    Esta insatisfação deveu-se principalmente ao facto do Mourinho aquando do jogo entre os lamps e o Sporting na luz que ganhou 3-0 ter festejado um golo de joelhos e os adeptos do Sporting terem levado a mal tal atitude, pois o anti-benfiquismo mais uma vez ficou acima dos interesse do nosso clube.

    De salientar ainda o facto de após esta situação, Luis Duque bater com a porta pois entendeu que já não tinha condições para continuar, sendo que na altura até o proprio Dias da Cunha se pôs ao lado dos adeptos e também ele se mostrou contra a entrada de Mourinho em Alvalade.

    Conclusão, Luis Duque foi nos últimos anos a pessoa que mais fez de positivo na vida do Sporting. Com ele quebrámos um jejum de 18 anos com as entradas de Mpenza/André cruz e Cesar Pratas e dois anos depois com as contratações de João pinto e Jardel, tudo obra de Luis Duque.

    SL

    ResponderEliminar
  10. Claudio,

    Não estou a tirar a razão :D eu também me lembro disso precisava era dos link para espetar na cara de um colega meu :D.

    ResponderEliminar
  11. Lembro-me perfeitamente dessa história do Mourinho. O Vilarinho não renovou o contrato ao Mourinho (tinha contrato até final da época e o Mourinho queria alargar o prazo) porque já tinha decicido que o treinador que queria no Benfica era o Toni! Xiçaaa...

    O Mourinho demitiu-se após a vitória por 3-0 ao Sporting (o Benfica tinha na altura um equipa fraquissima! A defesa então tinha Diogo Luis, Dudic...) e o Inácio após essa derrota sai também. Luis Duque acertou tudo com Mourinho e só não veio porque a Juve Leo e o Beto capitão na altura não queriam o "lampião" Mourinho...e porque o Luis Duque não teve coragem. Este meus senhores foi o erro da década como é facilmente perceptivel.

    Aliás nós com treinadores somos uma miséria...e curiosamente lixamo-nos sempre com o Porto. Foi o Robson e depois o Mourinho. Por isso aviso os dirigentes do Sporting: VÃO BUSCAR O VILLAS BOAS!!! Sem medos!

    Cumprimentos

    Pedro Morgado

    ResponderEliminar
  12. Boas,

    Este sim, um debate que me entusiasma! Andei ausente dos últimos debates, o do último jogo, aqui na Madeira, e o das contratações/dispensas..Mas agora, quanto a mim, tudo relaciona-se com esta discussão. Porque nem vale a pena discutir jogadores sem primeiro abrirem os olhos para o caos do clube! E porque também, e apesar de CC, como qualquer outro, merecer um clube melhor organizado, acho que lhe falta mesmo algumas coisas ser treinador do Sporting. E, quanto a mim, viu-se isso mais uma vez no jogo com o Marítimo..

    Quando PB estava de saída e mesmo depois de sair, tive conhecimento da opinião de dois treinadores em relação ao Sporting..Um até era falado como possível sucessor de PB e esse disse que o próximo treinador do Sporting seria para "ser queimado"..O outro, analisando o Clube numa conversa informal, disse com conhecimento de causa, que o Sporting era um caos a nível de organização interna, sem regras firmes, sem rei nem dono, sem autoridade instituida, assumida e respeitada..

    Não vou obviamente revelar os nomes das pessoas, nem isso é importante porque afinal penso que já todos percebemos ambas as coisas. Seria mesmo difícil a transição da era PB, ainda mais num clube com a realidade do Sporting.

    Este é o grande desafio, organizar o clube, instituir um rumo, um projecto desportivo a longo prazo. Com princípios permanentes, com ideias fortes e com visão do que é o negócio do futebol em Portugal e lá fora! Isto passa por muita coisa, internamente e externamente. Não podemos ser utópicos, ingénuos nem medíocres nos objectivos!

    Só pergunto o que andaram os senhores engravatados a fazer estes anos todos, eles que são tão cotados nas bancas, nos bancos e nos negócios..Que projecto nos deixaram? Que visão a longo prazo idealizaram? Que bases construíram? Afinal têm os nomes na história, as fotos nas paredes do clube e ganharam protagonismo e publicidade gratis, para deixarem tudo sem rumo!

    SL

    ResponderEliminar
  13. @leo@

    Não sabia disso, então peço desculpas....desculpas??? XD
    VIVA AO SPORTING!!!!

    ResponderEliminar
  14. Quando abordei o tema "Mourinho" que já pertence ao passado, não foi minha intenção defender A ou B para treinador do Sporting, mas apenas incentivar os nossos dirigentes, nomeadamente Costinha,a preconizarem um rumo e não terem medo das reacções dos adeptos, precisam é de criar condições para um grande projecto ganhador seja com quem for.

    ResponderEliminar
  15. Luis duque foi o pior director que passou pelo Sporting Ainda hoje sofremos por tudo o que luís duque gastou em jogadores.luís duque hoje não aparece em alvalade e está a gozar uma boa vida a custa dos dinheiros dos impostos que eu pago ao estado.luís duque gastou uma fortuna digõ uma fortuna em jogadores e hoje ele diverte-se e eu sofro com as derrotas. há uma diferênça enquanto eu vou a alvalade ele desapareceu e só aparece quando estamos de rastos tudo a custa daquela fortuna que ele gastou..Assim também eu era rei..vejam a fortuna que el gastou em jogadores para sermos campeões e hoje andamos de rastos tudo por culpa dele..Eu sei daquilo que falo..Não me esqueço..

    ResponderEliminar
  16. Leo,

    Seguem uma série de links sobre o Episódio Sporting - Mourinho - benfica:

    http://www.record.xl.pt/noticia.aspx?id=00066424-3333-3333-3333-000000066424&idCanal=00000024-0000-0000-0000-000000000024

    http://www.record.xl.pt/noticia.aspx?id=00066449-3333-3333-3333-000000066449&idCanal=00000011-0000-0000-0000-000000000011

    http://www.record.xl.pt/noticia.aspx?id=00066806-3333-3333-3333-000000066806&idCanal=00000024-0000-0000-0000-000000000024

    http://www.record.xl.pt/noticia.aspx?id=00068509-3333-3333-3333-000000068509&idCanal=00000432-0000-0000-0000-000000000432

    http://www.record.xl.pt/noticia.aspx?id=00068459-3333-3333-3333-000000068459&idCanal=00000024-0000-0000-0000-000000000024

    http://www.record.xl.pt/noticia.aspx?id=00066517-3333-3333-3333-000000066517&idCanal=00000024-0000-0000-0000-000000000024

    http://www.record.xl.pt/noticia.aspx?id=00066521-3333-3333-3333-000000066521&idCanal=00000024-0000-0000-0000-000000000024

    http://www.record.xl.pt/noticia.aspx?id=00066516-3333-3333-3333-000000066516&idCanal=00000011-0000-0000-0000-000000000011

    ResponderEliminar
  17. Último anónino:

    Para mim, Luís Duque foi um pau de dois bicos.

    Em primeiro lugar, armou a estrutura do Sporting com as regras e as manhas necessárias para conseguir ultrapassar determinados podres do futebol português.

    Por outro lado, gastou mundos e fundos que lhe foram colocados à disposição por parte das pessoas que nada percebiam de futebol e confiaram no seu julgamento.

    Muitos dos que hoje bradam pelo regresso deste senhor devem lembrar-se que as vacas gordas já terminaram. Precisamos da sua atitude e da sua capacidade de decisão ou a simples presença que tinha junto do relvado, perto de todos os agentes desportivos.

    O Sporting "daquele" tempo faz falta a Carvalhal, fez falta a Bento, etc...

    Resta-nos saber aproveitar o que este Sporting tem para conseguir encaminhar ao Sporting "forte" e "unido" de então.

    SL

    ResponderEliminar
  18. O que é necessário para chegar aos ouvidos do JEB ou do COSTINHA que o nosso euipamento é o verde e branco as riscas com calções preto..JÀ CHEGA DAQUELA COR VERDE ALFACE OU DESMAIADO..Eu que sofro pelo Sporting exigo que a nossa equipa quando joga fora jogue de verde e branco as riscas com calções pretos..Alguém que diga ao JEB OU AO COSTINHA que o nosso equipamento sempre foi o verde e branco as riscas com calções pretos todos pretos,, Ou será que tenho ir a covilhã para ver o SPORTING jogar???

    ResponderEliminar
  19. ..

    Abordando a questão do treinador do Sporting para a próxima época, eu espero que tenhamos um novo treinador. Já o disse em outras ocasiões que CC não tem o perfil para estar à frente do clube por variadas razões que expliquei e também pela actual realidade do Sporting.

    Espero que não haja um sangria de entradas e saídas de jogadores. Espero que entrem alguns e que saiam poucos! Há jogadores que têm muito mais qualidade do que já demonstraram até porque todos eles também precisam de mais organização, mais regras, mais disciplina, mais estabilidade e tranquilidade para mostrarem o seu melhor. E precisam de um bom técnico, com qualidade, força e categoria, que os motive e entusiasme!

    Quanto a Shuster, tenho reticências...No Getafe muitos técnicos fizeram um excelente trabalho! O Shuster, o Laudrup e outros. Aquele pequeno clube é muito bem organizado! Mas prefiro o Shuster a muitos outros que oiço falar. Para vir Bolonis e Manueles Josés, prefiro que o Paulinho seja treinador..

    ResponderEliminar
  20. Como ja disse no meu blog www.31etal.blogspot.com o Sporting precisa de contratar dois ou três jogadores experientes e de qualidade que motivem as pessoas a ir ao estádio, sim são jogadores caros mas depois há que rentabilizar esses atletas e se o nosso clube jogar bom futebol estiver na lutas pelos titulos levará mais gente ao estádio, venderá mais lugares anuais, venderá mais produtos com a marca "Sporting, como dizia o outro "é só fazer as contas"

    ResponderEliminar
  21. Epá, vão buscar o Manuel José para treinador, chamem o Manolo Vidal para junto do balneário e criem um departamento de recrutamento de jogadores para a qeuipa senior liderado pelo luis freitas lobo, será assim tão dificil?!

    Vá que deixem lá continuar o Costinha a fazer o papel do presidente junto da equipa mas um bom dep. de recrutamento e um bom treinador são fundamentais.
    E não me venham dizer que o Sporting já tem um departamento destes desde a altura do bento/barbosa e que até funciona bem só que o problema é que os jogadores observados são muito caros para o clube. Porque se esse é o problema, que tal começarem a espiar divisões inferiores e outros campeonatos cujos jogadores sejam igualmente bons e a baixo custo?!

    Mas uma coisa é certa, não se fiem no villas boas que o homem não presta para nada. Tem é uma boa maquina de propaganda atras dele que o faz ser mais do que é. Acreditem, se este for o caminho, então estamos tramados.

    ResponderEliminar
  22. Na minha opinião o Carvalhal não deve continuar no SCP. Apesar de todos os contratempos que acabaram por colocar em causa o bom trabalho que até vinha a fazer, na época que aí vem é necessário motivar a malta e isso depende das expectativas que se irão criar. É necessário cortar com o que vai restar desta época. Não esquecer que para o ano existe a possibilidade de nem sequer irmos à fase de grupos da Liga Europa, o que implicaria que financeiramente seria um desastre. Assim, resta ao clube arrumar a casa, ir buscar um treinador que galvanize os sportinguistas e que consiga inovar dentro de campo. Espera-se também que sejam contratados bons jogadores e vendidos os maus e os que não querem ficar! Por fim, depois desta época não creio que para o ano vá existir uma grande vontade de comprar gameboxs, restando ao clube criar outras condições que motivem as pessoas. Por exemplo, entrar no campeonato do desenvolvimento dos núcleos com a venda de bilhetes e merchandising, onde neste momento vamos em terceiro.

    SL

    ResponderEliminar
  23. Neste momento temos um treinador que se agarrou ao lugar com unhas e dentes pois é uma oportunidade unica de se mostrar, se tem qualidade sim tem, se tem a suficiente não sei nem nunca saberemos, mas se não estivesse tão agarrado ao lugar já tinha batido com a porta após tanta desconsideração por parte da restante corja que o escolheu para treinador.
    Qual é o treinador que aceitaria treinar o SCP nas condições em que este aceitou? quantos tentaram contratar e quantos aceitaram? sempre se soube que era um treinador a prazom mas pelo menos merecia alguma consideração por parte de quem o meteu nisto.
    Quanto a Vilas Boas, não é treinador que me faça voltar a adquirir a gamebox, quero um treinador com obra feita, Shuster sim porque não, pelo menos já mostrou alguma coisa, ou Laudrup, ou Pekerman, mesmo um Boloni, um Manuel José, um Cajuda ou um Co Adriansen (que não gosto pessoalmente)são melhores opções pelo menos têm alguma experiencia, pois para mim essa historia de treinador jovem e com ambição não me faz qualquer sentido pois acho que todos querem ganhar.
    Relembro também que Vilas Boas já recusou o SCP ou nao fazer pressão para o vir treinar quando o Sporting o tentou trazer antes do Carvalhal.
    Seja quem for que venha só espero que tenha por parte desta direcção mais solidariedade, que este pobre Carvalhal teve.
    Boa sorte ao Carvalhal e entendo que no futuro venha a ter uma satisfação enorme por cada vez que vença o SCP mas acho que nem isso lhe podemos levar a mal pelo que lhe foi feito neste clube.

    ResponderEliminar
  24. E por falar em limpeza também estava na hora do sr costa do CD e do sr vitor pereira do CA pedirem a demissão pois ontem já era tarde..Se o herminio se demitiu esses dois senhores também deveriam de pedir a demissão pelo mal que fizeram ao futebol português..

    ResponderEliminar
  25. Já agora, uma vez que tanto se fala da possibilidade de contratar o Villas Boas, aproveito para informar que no próximo sábado pelas 18h00 dá na Sporttv o Académica vs Leiria, o que sem dúvida é um bom jogo para analisar. Eu vou ver para poder construir melhor a minha opinião, a qual já é bastante favorável.
    Algo que me deixa bastante satisfeito nesta possibilidade é de agora ser possível começar a construir uma equipa para jogar em 4x3x3 (ok, o Carvalhal também gostaria de ter essa possibilidade), a táctica em que jogam todas as camadas jovens e que traria os extremos de novo a Alvalade. E mesmo o facto do Liedson ter há bem pouco tempo referido que não gosta de jogar em 4x3x3, também justificou que era por não termos jogadores com as características dos que existem na Selecção. Espero que lhe façam a vontade (mais uma vez) e vão buscar o Quaresma e outro. Têm me dito que o Vieirinha anda a jogar muito pela Grécia, mas sinceramente não sei se poderia ter perfil para o SCP. Quem sabe, tal como ao Varela, não lhe tenham feito bem outros ares.

    ResponderEliminar
  26. Sem muito tempo para fazer comentários em profundidade acrescentaria que o meu amigo LMGM sintetizou bem a questão que aqui coloquei. Discordo apenas do timing para escolha do treinador, se este tiver alguma coisa a dizer na formação do plantel.

    Concordo também que o titulo de 99/00 nos ficou muito caro, embora o apoio que houve então, como diz o Hugo, bem necessário era hoje. PB teve-o formalmente, mas na prática e para o bem e mal, era ele que tinha que dar o corpo ao manifesto. CC ainda se pode queixar mais, como se sabe.

    Não contratar o Mourinho foi o erro da década? Se ele viesse para ganhar como ganhou em todo o lado onde passou foi um erro histórico na vida do clube cujas consequências são mais abrangentes que 10 anos.

    Também sou dos que prefere o Paulinho ao Manuel José, isto sem ofensa ao Paulinho. Co Adriansen seria interessante no pós-PB, como corte profundo de mentalidades. Esse trabalho, incompleto, foi já em parte conseguido por CC e julgo que quem vier a seguir terá uma base de trabalho interessante. Pekerman é um excelente treinador mas que nada ganhou e julgo que se a ideia é mudar que venha alguém com ambição. Se ele a tiver, apesar da idade... Mas julgo que é possível um treinador com ambição e curriculum e Valverde, talvez mais barato e mais pre-disposto seria uma boa aposta.

    Vilas Boas é sempre uma jogada de risco, já o era. Depois de CC demonstrar que o bom futebol é possível o risco tornou-se maior. Um fresh-start pode muito bem ser o aconselhável. Isto partindo do principio que as bases que o sustentem sejam sólidas.

    ResponderEliminar
  27. A questão da escolha de um treinador é das que mais apaixona a grande maioria dos adeptos, porque pressupõe um projecto, um ciclo, e potencialmente novas ideias, novos conceitos. Enfim, significa escolher um novo rosto para representar o que a equipa de futebol produzirá pelo menos durante um ou dois anos.

    Inegavelmente, contratar André Villas-Boas nesta fase é um risco. Nota-se na Académica o rigor e conhecimento tácticos que as equipas de Mourinho apresentam, nota-se um grande trabalho "científico" durante a semana, nota-se que sabe o que faz e sabe-se que aprendeu e ganhou durante anos a fio com o melhor treinador de futebol que existe neste momento. Contudo... que provas deu ele? O homem nem 6 meses de experiência como treinador tem, e o único clube que dirigiu foi a Académica de Coimbra. É preciso ter cuidado. Eu ponho facilmente a hipótese de ter um grande futuro pela frente, mas apostar nele para comandar um novo ciclo será sempre um maior risco do que apostar noutros nomes:

    Bernd Schuster - O facto de ter sido grande jogador nos anos 80 não vale de muito no que realmente conta para o caso: a valia como treinador. Fez um trabalho com altos e baixos no Real Madrid, mas creio que teve mais altos do que baixos. Não deverá ser um treinador barato, e quando se contrata um homem com um salário pesado o melhor é ter mesmo a certeza que dá garantias totais de qualidade. Não tenho a certeza se Schuster oferece essas garantias. Mas é uma hipótese. Quererá vir para Portugal? É outra questão a ter em conta, porque isto aqui não é só escolher e ir buscar, é preciso eles quererem.

    Laszlo Boloni - Não é preciso recordar o que Boloni fez no Sporting em 2001/02. É certo que tinha uma grande equipa, mas soube potenciá-la de modo a render muito. Integrou Quaresma, Ronaldo, é um homem que já conhece os cantos à casa e poderá ser importante se o Sporting decidir continuar a apostar em força nos jovens da formação para os próximos anos.

    Manuel José - Ouço falar muito de Manuel José, mas honestamente não sei se é o homem certo para um clube grande, que é o que o Sporting é. Evidentemente fez trabalhos de qualidade no estrangeiro e tem algum crédito por algumas coisas positivas em Portugal, mas na única oportunidade que teve para treinar um clube grande, foi uma miséria, apesar de o desgoverno e incompetência em que esse clube estava na altura mergulhado servirem como atenuantes. Alguns elogiam-lhe a mão pesada, mas se querem mão pesada têm o seguinte nome:

    Co Adriaanse - Se fosse preciso ir buscar algo de concreto sobre o homem, que não é, era só lembrar que há pouco tempo transformou uma equipa praticamente nova no novo campeão e vencedor da Taça (Porto), potenciando Bosingwa, Assunção, Quaresma, Anderson, Pepe e outros. Tem métodos de treino pouco ortodoxos e é provavelmente um homem com o qual é difícil lidar, o que poderia trazer alguns problemas ao Sporting, visto que o clube já de si é ou tem sido propício a casos e querelas. No entanto, a qualidade, o passado e o currículo fazem dele, na minha opinião, uma das principais opções.

    ResponderEliminar
  28. Domingos Paciência - O Jesus diz que a equipa do Braga foi montada por ele, o Domingos diz o contrário. Na minha opinião, o mérito é de ambos. Mas o trabalho de Domingos não é só o de Braga. Já no Leiria e na Académica demonstrou qualidades. É um homem que parece competente, tem conhecimento de causa, já tem trabalho feito e facilmente cria empatia com os adeptos (se a coisa correr bem, claro, porque se correr mal não há ninguém que agrade aos adeptos por muito simpático e positivo que seja). Penso no entanto que ainda lhe faltará mais algum tempo para poder dar garantias de ter sucesso num clube grande, e depois é preciso ver que o próximo treinador do Sporting vai ter em mãos um clube com pelo menos alguns resquícios de instabilidade. Domingos ainda não treinou nenhum clube sob grande pressão.

    Jorge Costa - A Jorge Costa aplica-se o que se aplica a Domingos, mas em menor grau, porque tem menos tempo de treinador, menos experiência e menos provas dadas. Mas faz parte, tal como Domingos, da nova vaga de treinadores que poderá ter um bom futuro pela frente, a vaga composta pelos que jogaram do fim dos anos 80 ao início do novo milénio. Para já, temos bons "representantes" dessa vaga no que diz respeito ao desempenho como treinadores.

    Haveria outros, mas também não vou estar aqui a descrevê-los um por um até ao fim da lista. Contudo, os descritos serão alguns dos principais. Não incluo Cajuda ou Machado nesse lote, porque, por razões diferentes, não lhes reconheço capacidades especiais para tomar conta da equipa do Sporting. Há um treinador que poderá ter futuro, que é Paulo Sérgio, mas esse terá que provar ainda durante mais algum tempo que é treinador para voos mais altos.

    Parto, como todos vocês, julgo eu, do pressuposto de que Carvalhal, como se previa, tem os dias contados. É difícil descortinar uma ocasião em que o trabalho de um treinador tenha sido tão difícil. Julgo que não deverão renovar com ele, porque de facto tem limitações visíveis no que toca à imagem que passa ou não passa para fora, mas resistiu e trabalhou como poucos conseguiriam. Faça-se-lhe essa justiça, e que daqui para a frente, em clubes de menor dimensão, possa ter sucesso.

    ResponderEliminar
  29. Mas independentemente do treinador, é preciso ver que o Sporting vai perder Veloso e Izmailov, e, quem sabe?, Moutinho. Com estes três e alguns retoques (um central, que poderia ser Rodríguez, um lateral-esquerdo, que podia ser Evaldo, um ala-direito, um ala-esquerdo, Quaresma, e possivelmente o regresso de Stojkovic, o que dependeria da viabilidade da sua permanência no grupo do Sporting, coisa sobre a qual nenhum de nós terá certezas), o Sporting poderia formar um onze forte, salpicado com mais e melhores opções no banco, mas sem os três será necessário fazer um investimento forte para dar à equipa a qualidade que ela já tem. Esse será o grande problema do Sporting... é preciso dinheiro para contratar jogadores de categoria, o que dependerá da SAD, e é preciso olho clínico para fazer apostas certas, o que vai depender da nova equipa técnica e de Costinha.

    Se isto fosse só escolher... escolhia Adriaanse. Mas o futebol do Sporting para a(s) próxima(s) época(s) não passa só pela escolha do treinador. Passa pela competência da SAD, pela paciência dos adeptos, pelo rigor na construção do plantel, pelo olho clínico nas contratações (terá de haver não só bons jogadores novos como também verdadeiras mais-valias que façam esquecer as que vão abandonar o clube no defeso) e por uma sensação geral de estabilidade, ou pelo menos de neutralidade, ou ausência de instabilidade. Mas passa sobretudo por ter como objectivo, da parte de quem manda, fazer do Sporting uma equipa capaz de competir com Porto e benfica, com as mesmas armas, a mesma força e o mesmo entusiasmo. Veremos em breve se é mesmo isso que os responsáveis do Sporting têm em mente, ou se virão com a frase "é o que podemos fazer com o que temos". Julgo que os sportinguistas estão fartos dessa frase e do que ela representa. Paulo Bento aguentou-se porque ganhou taças, mas a verdade é que a política do clube de há vários anos para cá coloca o Sporting objectivamente num patamar inferior ao dos históricos adversários, a cuja grandeza o Sporting nada ficar a dever quando olhamos para a sua história. Faça-se, então, jus à história, e que tenhamos um Sporting forte para o ano.

    ResponderEliminar
  30. Porra chega de experiências, O villas boas vai ser mais uma experiência.ele ainda não mostrou nada e eu já estou farto de ficar a mais de vinte e tal pontos.Quero um treinador que lute até ao fim pelo primeiro lugar..ainda falta seis jornadas e por este andar nem o quarto ficámos..e se ficarmos em quinto a nossa época vai começar a 15 de julho com um jogo da segunda eliminatória da uefa..E se ficarmos em quarto a nossa época começa a 29 de julho com a terceira eliminatória da uefa..faltam-nos três vitórias..SERÀ POSSIVEL ganharmos três jogos? Nos juniores temos uma equipa muito fraquinha..Eu estive em alvalade no sabado e para marcarmos um golo ao odivelas que é o penultimo foi preciso o renato neto rematar fora da area aos 85 minutos. Vai ser mais uma humilhação nos juniores a fase final..Lembrem-se aquilo que eu digo..Vai ser uma humilhação com o professor telmo a inventar..CHEGA DE PROFESSORES..Quero treinadores com o sporting no pensamento..e Há muitos LITOS BETO MANUEL FERNANDES VIDIGAL etc. etc..

    ResponderEliminar
  31. Renato:
    Estou contigo na questão das camisolas. E logo nós que temos a alternativa mais bonita que é a Stromp!

    ResponderEliminar
  32. Renato,

    Partilhe lá... qual foi "a outra" humilhação nos juniores na fase final?

    Quer ver uma coisa engraçada? Leia as declarações do treinador do Odivelas no final do jogo:

    http://www.academia-de-talentos.com/artigo/2010/3/28/juniores-sporting-3-0-odivelas

    E diga-nos também, já agora, em que "inventou" o Prof. Telmo Costa?

    Temos uma equipa fraquinha... Esta "equipa fraquinha" foi campeã 3 vezes, o ano passado em Juniores A e há 3 épocas em Iniciados A. Nos últimos 4 anos, só falharam o campeonato de Juvenis A, porque foram campeões distritais nos Juvenis B.

    Por isso, faça-nos um favor. A nós espectadores que compreendemos o que é formação e aos próprios jogadores: não vá mais vê os juniores. Não vá, simplesmente. Porque - nas palavras de um ex-treinador das camadas jovens do Benfica - também é porque em Alcochete se vive um ambiente saudável que o Sporting forma bem.

    E aproveite e leve essa conversa dos "professores" para junto dos seus amigos no café. É que o Sporting não é uma das melhores escolas do Mundo à toa. E quando se critica o que de melhor há no Mundo, é porque não se tem capacidade para compreender.

    ResponderEliminar
  33. Tenho visto muitos comentários a referir o risco inerente à contratação do Villas Boas. Eu não acredito que seja assim um risco tão elevado como têm referido por aqui. Até porque de certeza que o Costinha o conhece muito bem. Melhor do que qualquer dos outros treinadores aqui apresentados. E porque sei que o porto o sondou, também fico descansado relativamente à sua valia e potencial como treinador, pois raramente o porto tem falhado a esse nível. De resto, caso aconteça algo inesperado e AVB não ingresse no SCP, gostaria que mantivéssemos a aposta num treinador português. Depois desta época, contratar um estrangeiro para mim é que encerra elevados riscos. Assim, a minha alternativa seria o Inácio. Está a fazer um excelente trabalho na Naval, é sportinguista e sabe o que é preciso para ser campeão (mesmo quando um dos rivais tem o jardel). Se fosse eu a decidir, nunca contrataria um treinador estrangeiro, sobretudo para a próxima época. No entanto, dos nomes apresentados tenho uma boa imagem do Valverde. Embora não conheça o seu perfil de liderança, em que táctica joga, se costuma apostar nos jovens, como lida com a imprensa, se gosta de inventar nos jogos importantes, quais os seus métodos de treino, qual o seu nível salarial, se é disciplinador, se conhece o campeonato português, etc.

    ResponderEliminar
  34. Depois de ler o comentário do Miguel, só acrescentar uns pontos da minha lavra. Por sistema não gosto de "regressos ao passado" e por essa razão raramente considero como hipótese um treinador que já passou pelo clube, independentemente de reconhecer a muitos deles qualidade, faço uma enorme excepção para o Manuel Fernandes porque a sua oportunidade foi "à Carvalhal".

    Sobre o meu favorito nacional (Domingos) acrescentava o seguinte, um bom treinador não se reconhece só pela recuperação que faz de algumas equipas (como Manuel Fernandes fez em Leiria p.ex.) mas também por não estragar o que de bom encontra. Temos dois bons exemplos este ano, Domingos soube não estragar o Braga, Rogério Gonçalves conseguiu estragar tudo o que de bom Domingos deixou na Académica.

    Normalmente é mais difícil encontrar um treinador para uma equipa que está em alta do que para uma que está destroçada, manter a bitola alta é das tarefas mais difíceis que um novo gestor encontra (e um treinador não é mais que um gestor).

    Estrangeiros há muitos, e para dar e vender, gosto da escola holandesa, não gosto do Co Adriensen, um treinador brasileiro também não era mal pensado, devia continuar a ser o nosso mercado de eleição depois do nacional.

    ResponderEliminar
  35. Eu acho que a mentalidade portuguesa (e por arrasamento, a dos adeptos sportinguistas, que formam a parte interessada) tem tendência para ser menos tolerante para com treinadores portugueses do que para com estrangeiros. E nesse sentido, um Domingos ou um Manuel José teriam sempre mais dificuldades na hora de enfrentar resultados negativos. A paciência dos adeptos é decisiva neste momento para o Sporting. Por outro lado, se o Sporting souber proteger o balneário e acabar com as fugas de informação, pouco irá importar se o treinador vem de A, B ou C. Adriaanse é um homem que faz às coisas à sua maneira e dificilmente acata ordens superiores, e não se coíbe de criticar ou colocar de lado quem, para ele, não serve. Com essa rigidez e disciplina, que no Porto e noutros clubes roçou a dureza militar, montou um grupo que precisava de se focar e de enrigecer, depois de um ano de baldaria e displicência. Mas a direcção teria de saber dar-lhe espaço e saber lidar com ele. Lembro-me que no verão em que saiu do Porto (2006) ele próprio criou uma novela em torno do Hesselink. Praticamente "pedia" o jogador diariamente quando falava à comunicação social e queixava-se de não o ter. Que homem é que faz isso no Porto, comandado por Pinto da Costa? Adriaanse. Eu sou-vos sincero, gosto mesmo muito de Adriaanse, e não podendo vir para o Porto, que é o meu clube, por estar queimado lá devido ao que aconteceu, gostava de o ver de novo no futebol português, e acho que pelo menos em termos puramente técnicos poderia funcionar muito bem em Alvalade.

    ResponderEliminar
  36. Miguel:

    Gde (em todos os sentidos ;) ) cometário!

    Todos:

    Já disse durante o fim-de-semana: para treinador do SCP, venha um 'papá'!

    Alguém com experiência para enfrentar um balneário pouco solidário, ambicioso (fundamental), sabedor e, já agora, com nome minimamente apelativo. Tb é necessário fazer acreditar a massa adepta leonina.

    De tds os nomes que já li o q mais gostei foi o de Bernd Shuster. Pq não? É caro? Se tiver que se apostar e investir, invista-se num treinador conceituado! Com €€€ acredito que aceitaria treinar o SCP.

    Mas, já que estamos numa de sonhar alto, manifesto desde já o meu sonho antigo: ZICO.

    E o Felipão??? lol! Pelo menos ficavam as janelas do País bem enfeitadas... Mas um sargentão, um comunicador e motivador por excelencia tb não seria assim tão má ideia... Apesar da (má) saída da nossa selecção, sp simpatizei com Scolari. Falhou no Shelsea e agora anda perdido (ainda?) num pais e clube de nomes impronunciáveis...


    Co Adriense tb foi um dos nomes que avancei aquando da substituição de PB. Pekermen anda perdido pelo México e não tem feito nada de mt relevante no futebol sénior...


    Mais importante que o treinador é, sem duvida, montar-se uma estrutura minimamente competente e organizada. Para já e do pc que vi, tenho gostado de Costinha como DdF. A seguir com atenção.


    Abraço a todos. Mt bom o nível q encontrei hj na cx de comentários. Ainda mais que habitualmente. Estamos tds de parabéns.

    E VIVA o SCP! :)

    ResponderEliminar
  37. Eu sou portista mas para além de portista adoro futebol, e não só o que acontece dentro do campo, mas tudo o que o envolve em termos de construção, planos, estrutura, etc... É por isso que, mesmo tendo um ódio visceral ao benfica me dá gosto projectar coisas até para eles, como o plantel, o treinador e por aí fora. É óbvio que depois durante a época desejo ardentemente que percam todos os jogos, se possível com goleada, e que aquilo venha tudo abaixo como um baralho de cartas ridículo.
    Adoro a época do defeso porque é quando esse processo de construção, de integração de caras novas, de novos conceitos e novos projectos toma o seu lugar. E o Sporting é neste momento das equipas que mais prazer me dá projectar, discutir e analisar, sobretudo porque há muito onde se pode ou deve mexer actualmente no futebol do clube. Faço o mesmo com o Porto, mas no Porto é tão fácil identificar o que está mal ou que está a mais e o que deve ser retocado que nem dá prazer. O que não dá prazer é saber exactamente o que faz falta e o que deve ser dispensado e ver que os dirigentes do clube não fazem quase nada disso. Aí é frustrante.

    ResponderEliminar
  38. A CULPA DE MOURINHO NAO TER VINDO FOI DO DIAS DA CUNHA E DO CONSELHO LEONINO E NAO DA JUVE LEO COM QUEM LUIS DUQUE TINHA BOM RELACIONAMENTO.
    LUIS DUQUE POR MUITO QUE CUSTE A MUITA GENTE FOI O MELHOR QUE TIVEMOS NO FUTEBOL.
    QUANDO SE DIZ QUE LUIS DUQUE FOI UM GASTADOR EU PERGUNTO QUANTO GASTARAM OUTROS QUE NADA GANHARAM.
    A ESTRATEGIA DE LUIS DUQUE ERA INVESTIR FORTE PARA SER CAMPEAO E CRIAR UMA MENTALIDADE GANHADORA E AUMENTAR AS RECEITAS E DEPOIS JA NAO SERIA NECESSARIO UM INVESTIMENTO TAO ALTO.
    AS PESSOAS QUE CRITICAM LUIS DUQUE NAO SE ESQUEÇAM QUE ELE GANHOU 2 CAMPEONATOS POIS O SEGUNDO JA COM RIBEIRO TELES FOI CONSEQUENCIA DO TRABALHO E DA EQUIPA QUE LUIS DUQUE.
    NAO SOU ADVOGADO DE DEFESA DE LUIS DUQUE MAS NAO GOSTO DE VER SPORTINGUISTAS A NAO CONTAR A VERDADE DOS FACTOS SE NAO SABEM ESTEJAM CALADOS PORQUE LUIS DUQUE ATE PODIA TER GASTO MAIS MAS CONSEGIU O QUE NINGUEM CONSEGIU ESTA E A VERDADE.

    ResponderEliminar
  39. Interessante post e elevada discussão sobre o mesmo. Mais uma vez parabéns ao pessoal do " A Norte", que conseguem discutir Sporting com fervor e respeito.
    O tema do treinador vai ser de forma segura o elo mais forte dos próximos tempos. Para mim, expectante sobre a valia de André Villas Boas, inclino-me mais para um estrangeiro com conhecimentos do futebol português. Mas mais do o que o treinador, dossier a fechar rápido, Costinha e JEB terão que ser bastante capazes na forma como abordarão o mercado.

    ResponderEliminar
  40. Está interessante mas agora vou ver o Rambo, que está a dar no Hollywood.

    ResponderEliminar
  41. Não se cansem,

    Vilas Boas será treinador do Sporting

    Paulo Bento será treinador do FCP

    Edu Mart

    ResponderEliminar
  42. O que penso está 100 % aqui:

    http://hipocrisiasindigenas.blogspot.com/2010/03/parvalhal.html

    Para sermos respeitados temos que nos dar ao respeito. Por onde anda o meu grande Sporting?

    Saudações Leoninas

    ResponderEliminar
  43. LMGM,
    O 'Manel' Fernandes foi muitíssimo maltratado na sua passagem pelo Sporting e se Carvalhal tem razões de queixa do que dizem publicamente dele, o 'Manel' teve muitas mais do que disseram dele dentro do clube.

    Quanto ao treinador, gostava que fosse alguém disciplinador, tacticamente sábio e com mentalidade vencedora.

    Definido o perfil, vamos a nomes. No topo da lista temos... Mourinho, mas como dificilmente virá :), continuemos. Desde logo, digo que a inflexibilidade táctica de Zico e Filipão deixa-me algumas dúvidas, embora possam criar um espírito de equipa como poucos.

    Quanto a outros estrangeiros, como Shuster e Valverde, tinham de ser muito bem apoiados por um profundo conhecedor do futebol português, ainda assim, desses dois prefiro Valverde.

    No que se refere a portugueses, Villas-Boas é uma enorme incógnita e uma aposta de alto risco e embora possa ser frutuosa, prefiro o Domingos, ou até o Jesualdo.

    ResponderEliminar
  44. Por acaso é isso mesmo que antevejo: Villas-Boas em Alvalade e Bento no Dragão.
    E o dos túnels invencívels no clube da gaivota, a fazer figuras tristes na Champions.

    ResponderEliminar
  45. 10A,

    Jesualdo? Como portista digo-te, não vás por aí... Não vás mesmo. A não ser que não queiras ganhar jogos, jogar bem e queiras ter montes de esterco no plantel. O homem está lá há 4 anos e nenhum de nós pode mais com ele. Há por aí muito melhor, quer para o Sporting, quer para o Porto. Não me digam que gostavam de ver o Jesualdo a treinar o Sporting... Posso-vos garantir que jovens da academia não se aproveitava nenhum, porque é o que ele fez no Porto: deitou fora, que é mesmo o termo, uma série de putos com valor e deu indicações para comprar esterco sul-americano. Não sou xenófobo, mas se me perguntarem se prefiro ter uma equipa maioritariamente portuguesa ou uma maioritariamente latino-americana do mesmo valor, escolho a primeira... O Jesualdo beneficiou de uma estrutura montada e bem oleada e de um plantel construído pelo Adriaanse, onde só despontavam nomes como o Lucho e o Lisandro, que não foi ele que indicou. Ele limitou-se a gerir (mal) o muito bom que tinha e integrou outros bons jogadores, estabilizou a equipa, e nada mais. Basta ver as vergonhas que passámos nos últimos anos, e sobretudo neste. Não só não jogamos a ponta dum chavelho na maioria dos jogos como temos a equipa descaracterizada e sofremos goleadas contra os rivais e na Champions. Basta de Jesualdo. E vocês cometeriam um sério erro ao ficarem com ele algum dia ao leme da equipa.

    ResponderEliminar
  46. Miguel,
    Acredito em ti. Não és o primeiro portista com quem 'converso' que está desgostoso com o Jesualdo e é verdade que ele tem tendência para inventar em jogos importantes, o que dá muitas vezes mau resultado. Ainda assim confesso que ao referir o Jesualdo estava apenas a pensar alto, não foi nada de muito pensado, servia apenas de contraponto à questão que me assalta no AVB, que é a sua falta de experiência, é que se num ex-jogador como o Domingos ou o Jorge Costa temos alguém que respira futebol há muitos anos e conhece profundamente os balneários de uma equipa vencedora, o AVB constitui uma incógnita que o facto de ter sido olheiro do Mourinho e estar a fazer esta época pela Académica não desfaz. 'Não nego à partida um treinador que desconheço', mas será que este tiro no escuro pode mesmo acertar no alvo?

    ResponderEliminar
  47. Miguel, és um bardino, adepto de um clube MISERÁVEL.

    ResponderEliminar
  48. Miguel:
    Espero que releves o insulto, que só deixa mal quem o profere. Todos os comentários são bem-vindos, desde que respeitem a ideia que está por detrás deste blogue, que é honrar o Sporting Clube de Portugal.

    ResponderEliminar
  49. Lá está, é um risco. Um risco maior do que com outros. Pode ser algo de fantástico mas também pode ser um enorme fiasco... Mas tudo indica que será o treinador do Sporting. Não me acredito que o Porto o ponha no topo das preferências para substituir o Professor do Guarín, porque há por aí melhor, mas o Sporting, sim, já deu sinais evidentes de que é AVB o escolhido.
    Mas sejamos frontais: o André Villas-Boas só tem este crédito todo porque está fortemente associado ao Mourinho. Se não estivesse jamais se falaria tanto nele, como é óbvio. É por esse factor que todos estamos aqui a falar nele. Senão, seria apenas mais um, a treinar uma equipa do meio da tabela. E depositar uma grande dose de esperanças e energia num treinador só por ele ter trabalhado com outro que, esse sim, já deu provas do que vale, é sempre um tiro no escuro, e se correr mal Bettencourt vai afundar-se ainda mais aos olhos dos adeptos e sócios. Mas pode correr bem, não sei, não sei o que vale AVB ao certo... é esse o problema, não se sabe, não temos elementos suficientes para avaliar, era preciso tempo e oportunidades para isso. O Sporting está em vias de ter um treinador que não chega a ter um ano de experiência como técnico principal. Se correr mal, todos se lembrarão disso e vai ser um descalabro.

    ResponderEliminar
  50. Miguel, sendo portista, tás de parabens por saberes discutires futebol com elevação num grande blog leonino como a Norte de Alvalade! Os imputs proveitosos que possam ser dados são todos bem-vindos à discussão!

    A discussão está boa...

    ResponderEliminar
  51. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderEliminar
  52. Miguel,
    É verdade que o facto de ter privado com Mourinho faz parte da sua aura messiânica, mas eu confesso que sou pouco dado a questões de fé. Ainda assim, reconheço-lhe qualidades: com poucos recursos pôs uma equipa a jogar um futebol agradável, aparenta ter uma boa leitura de jogo e ser tacticamente flexível e se se concretizar a sua vinda no final da época, fica bem demonstrada a inteligência que teve ao não chegar ao Sporting no fim do reinado do PB com tudo a ferro e fogo. E se vier será o meu treinador favorito, é que um adepto - mesmo que pouco dado a questões de fé - faz sempre por acreditar que os nossos são sempre os melhores.
    Quanto ao Bento no Dragão, decerto que muitos sportinguistas te dirão isto, deixem que seja ele a escolher os jogadores :)
    Saudações Leoninas!

    ResponderEliminar
  53. Sim, é fundamental que o treinador que venha continue a apostar nos jovens da academia. Dá-me um gozo do caraças ver os putos na equipa principal do nosso clube! Isso e contratações cirurgicas, aproveitando sobretudo o mercado nacinal, são os 2 ingredientes para se ter um plantel competitivo. Foi por exemplo um erro não se ter ido buscar o Nenê (valeu a pena pagar-se metade pelo Postiga?), fala-se agora do Geromel...e na altura fugiu porquê?

    É indiscutivel que o nome Villas Boas está muito "colado" a Mourinho, mas tb me parece indiscutivel que o tempo que trabalhou directamente com Mourinho fez com que "crescesse" de forma muito rápida, isto é, 4 ou 5 épocas com o Mourinho e Rui Faria são um curriculum invejável.

    Pedro Morgado

    ResponderEliminar
  54. Miguel a boca do Leão de Alvalade não era pa ti, era para o anónimo que te insultou.

    ResponderEliminar
  55. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderEliminar
  56. Miguel, penso que o comentário do LdA era precisamente para o anónimo, não para ti. Como visitante regular desta casa, julgo que todos os que respeitem o Sporting são bem vindos, com excepção dos lampiões, claro :)

    ResponderEliminar
  57. Peço desculpa ao Leão de Alvalade, compreendi-o mal. Já ao anónimo, é claro que o ignoro. Um tipo que se dá ao trabalho de vir para os blogs insultar as pessoas com frases débeis porque não é capaz de mais e ainda por cima encoberto por um manto de anonimato só merece é que o ignorem. Deve ser benfiquista, mas nesse caso está de parabéns porque conseguiu escrever uma frase sem dar nenhum erro ortográfico, o que é raro por aquelas bandas.

    Volte-se então ao tema principal.

    ResponderEliminar
  58. Eh páh, sinceramente, já me custa repetir-me relativamente ao AVB.

    Vejamos:

    - Pegou numa equipa pela primeira vez esta época, ou seja tem meia época de traquejo enquanto treinador principal…
    - Numa equipa que, como diz o LMGM, se encontrava estabilizada pelo que basta não inventar mt (no SCP teria um desafio completamente diferente daquele que herdou na AAC),
    - Sem qlq experiência enquanto comandante de um balneário e equipe técnica, e td o que isso pode implicar num clube grande, com mt responsabilidade e enorme pressão mediática. Já para não falar na gestão de um grupo com tanto ‘desequilíbrio’ e/ou ‘imaturidade’ como o que se vem notando neste SCP.
    - Que com 32 anos (e apesar de toda a rica experiencia acumulada de convívio com Mourinho) tem tudo por fazer e para provar, nunca teve que se assumir e manteve-se sp numa posição cómoda enquanto mero observador / adjunto de Mourinho: um cargo de pouquíssima exposição,
    - Que não tem resultados para a apresentar, qt mais um cv, e atente-se, corre ainda o risco de apresentar na estreia da sua folha de serviço uma descida à liga vitalis…
    - Cujo jogo, assenta numa estratégia que não pode ser aquela que o SCP terá. Assumir–se como equipa de ataque constante ao invés de privilegiar um futebol de contenção e contra-ataque, como esta Académica.

    Perante td isto, pergunto: pq tanta esperança em AVB? Pq respirou o mesmo CO2 do Zé?

    Pode correr bem? Pois pode, no futebol tudo é possível, mas num clube como é neste momento o SCP, tem os condimentos todos para dar errado.

    O AVB não merece para já tamanha oportunidade e não se sabe se tem qlq capacidade para pegar numa equipa como a do SCP. Parece-me errado que 1) o SCP o tenha convidado e 2) sendo convidado, que ele venha aceitar, dando um passo muito maior para a perna que tem (pelo menos para já). Analisando racionalmente, diria q isto não é dar um tiro no escuro, isto é dar um tiro no escuro com francas possibilidades de fazer ricochete e acertar em quem se atreveu a dar o tiro…

    Nota adicional: No caso de estar já td acertado, acresce a falta de pudor, de lisura perante CC. Não é a forma correcta de se fazerem as coisas. O SCP tb se rege por uma conduta que não se coaduna com essa hipótese. Tal situação fere a história do Sporting.

    SL!

    ResponderEliminar
  59. Virgilio, a Académica estava estabilizada mas era no último lugar...o que convenhamos não me parece grande estabilidade. E ai assumiu o risco, não era fácil, na sua primeira época, começar a treinar uma equipa à 7ª jornada que tinha sofrida já 2 goleadas se não estou em erro.

    Agora eu sei que pode ser uma tiro no escuro mas também não o era Paulo Bento, Mourinho (sobretudo quando foi para o Benfica) ou mesmo o Carvalhal? Eu confesso que gostava de o ver no Sporting. Tenho feeling que pode sair dali um achado...

    Uma coisa é certa o que vier será o meu treinador e será esse que vou apoiar!

    Pedro Morgado

    ResponderEliminar
  60. Noticia da RTP

    André Vilas Boas no SPORTING

    eheheh...mais um para desmamar e mais uma época desportiva que vai valer ZERO.
    Plano financeiro adiado para Setembro. Jogada dos Roquetes para adiar (evitar)eleições antecipadas. Eles sabem como é...

    ResponderEliminar
  61. Noticia da RTP

    André Vilas Boas no SPORTING

    eheheh...mais um para desmamar e mais uma época desportiva que vai valer ZERO.
    Plano financeiro adiado para Setembro. Jogada dos Roquetes para adiar (evitar)eleições antecipadas. Eles sabem como é...

    ResponderEliminar
  62. Se me perguntassem o cenário que me vem à cabeça quando me sugerem a ideia de AVB à frente do Sporting, eu responderia que é um cenário positivo. O que o Sporting pode ficar a ganhar com ele é quase tanto como o risco que corre ao apostar nele. E se sair dali um pequeno Mourinho que faz do Sporting campeão? E se ele for mesmo um treinador de grande categoria, com grandes conhecimentos, com olho clínico para o reforço da equipa e com uma grande capacidade de liderança/gestão de balneário? E se...? Eu acho que convém começar a equacionar o futuro do Sporting com AVB como treinador, porque tudo indica que será esse o cenário que se vai verificar.

    Sobre a questão de ter tudo acertado com ele, de facto fica mal, mas em relação a Carvalhal tudo ficou logo mal desde o início, a partir do momento em que foi passada para o exterior a imagem de ser um treinador que só veio porque as primeiras opções não puderam vir, que nem sequer teve direito a apresentação, como quem apresenta um qualquer desgraçado e não o mostra por vergonha e medo que se riam dele. Carvalhal só se prestou a tudo isto porque, é preciso dizê-lo, esta era uma oportunidade única para pegar numa equipa grande. Aceitou, trabalhou, deu o corpo às balas, recebeu críticas injustas, tem pontos positivos, tem outros negativos, mas penso que merece o respeito de todos nós. Contudo, penso que não deve continuar. O facto de o Sporting estar a tratar ou já ter tratado da questão do futuro treinador nesta altura do campeonato (literalmente) não é surpreendente se tivermos em conta a forma como foi tratado e apresentado Carvalhal.

    ResponderEliminar
  63. Miguel (portista) queres mamar pichas de sportinguistas?

    ResponderEliminar
  64. Anónimo ... se não tens nada para dizer, nada digas.
    Vai brincar com a pilinha ou isso ...

    --------------------------------------------------------------------

    Miguel como é evidente subscrevo-te em praticamente tudo.
    Co Adrieense e André Villas Boas são os nomes positivos da lista dos possíveis. Todos os outros - exceptuando o Valverde - são de descartar.
    Manuel José não é uma anedota porque é um dinossauro que está no top5 dos treinadores portugueses com mais coisas ganhas em toda a carreira mas, é óbvio que para o Sporting nunca pode servir. Nem o Sporting nem nenhum Clube em Portugal. Custa-me ler metáforas simplórias que envolvam o Manuel José e o Paulinho: no tempo em que o MJ esteve ao serviço do Sporting nunca - que eu saiba - prejudicou ou deixou o Clube mal visto, antes pelo contrário. Estar-lhe-ei eternamente grato por ter o seu nome directamente ligado àquele que é até hoje o recorde ainda vigente nos derbies que nos opõem ao benfica: os 7-1.
    Pekerman é ilusão avançá-lo sequer como hipótese.
    Jesualdo, este sim, é uma anedota, como os portistas podem de resto verificar. E que um adepto portista extremamente inteligente como o Miguel consiga vê-lo não é de estranhar: o homem é francamente mau e tri-campeonato algum o esconde.

    Um abraço, e foi uma agradável surpresa encontrar-te aqui.
    Como calcularás o meu respeito por ti mantém-se intacto, como sempre se manteve, de resto.
    Vêmo-nos por aí.

    ResponderEliminar
  65. Virgílio, por mais imaturo e vazio que o seguinte possa parecer:

    O simples facto do PLF ser "fã" do Villas Boas faz-me entrar para o grupo dos que o desejariam ver em Alvalade.
    Não vou como é óbvio dizer que gosto do Villas-Boas ou que o Villas-Boas é um bom treinador: não o sei. Não vejo jogos da Académica, não conheço o homem de lado algum, por isso não sei.
    Mas duas coisas sei:
    - Vejo muita gente capacitada no mundo da bola falar bem dele, Mourinho inclusive.
    - Não vejo ninguém no mundo da bola falar mal dele, exceptuando adeptos.
    É claro que a comparação com a situação Mourinho / Duque não pode ser feita: o benfica do Mourinho - muito mais do que nos ter ganho 3-0 - apresentava um excelente futebol, e fê-lo com uma equipa bastante fraca em termos individuais. Isto era algo que se via.
    O que o Villas-Boas já fez ou não fez na Académica não é para esmagadora maioria dos adeptos visível porque imagino que os jogos da Académica não passem todas as semanas na televisão.

    É jovem. Estudioso. Vivido em termos de Clubes e estruturas que conhece. Será ambicioso. Tem muito a provar. E mais importante: está qualificado para exercer a profissão de Treinador de uma equipa de Futebol. Já muitos dos que o criticam não estão. E embora essas criticas sejam respeitáveis e naturais, não têm grande fundamento.
    É um pouco como eu dizer que o Jesualdo é uma anedota: não tem fundamento. Mas o Jesualdo ao menos tem trabalho (negativo) à vista, sempre o teve. Nunca o futebol das suas equipas foi bom.
    Nunca, exceptuando Braga. E o homem com quase 70 anos, alguns 40 como Treinador, o mais que tem são 2 ou 3 anos conseguidos no Minho.
    É pouco.

    ResponderEliminar
  66. Faltou algo bastante importante perdão:

    Subscrevo todas as palavras do Leão de Alvalade no original post.
    Pode de facto parecer "curto" reduzir neste momento a discussão Sporting à dupla Villas-Boas / Carvalhal. Pode não, é. Mas isso, como o post aliás diz, é uma consequência inevitável do traumatismo:
    Foram tantas sovas em tão pouco tempo que a esmagadora maioria dos sportinguistas vê-se incapaz de olhar a floresta ao longe. O estado adormecido em que o Clube vive é lamentável, no que aos dirigentes respeita. Esta tarde tive oportunidade de rever - senti alguma necessidade de fazê-lo - três completas entrevistas do PPC e algumas coisas mais do seu programa. Enquanto o fazia, senti uma profunda amargura por não ter hoje um Presidente capaz, forte, que se dê ao respeito, que respeite o Clube que serve e que não seja uma perfeita anedota em tudo o que diz e faz.
    No que se perspectiva e no que o futuro nos faz aguardar: é algo que não tem solução aparente.
    Resta-nos esperar que se engane, e comece a acertar.
    Mas como alguém aí para cima também disse: mesmo em estruturas fracas um Treinador e um grupo de futebolistas coeso podem por si ser suficientes para oferecer sucesso. Torna mais difícil, mas não impossibilita.

    ResponderEliminar
  67. Só uma importante correcção:

    Virgílio, não "não tem fundamento" tudo o que dizes do Villas-Boas. Esses argumentos que alinhas são válidos e verdadeiros: não é mentira que tem pouca experiência, não é mentira que o seu trabalho é desconhecido, e não é mentira que se calhar é mais fama do que outra coisa qualquer, fama essa proporcionada pela vivência próxima com o Mourinho.
    O que não tem fundamento é dizer-se: É mau treinador. Não serve. O Sporting não deve arriscar no que não conhece por inteiro.

    Deve, por todos os motivos e mais alguns, deve. E deve fazê-lo especialmente agora. Virar por completo a página. Precisamos de nomes novos e precisamos até que os nossos adversários sintam algum medo daquilo que eles também não conhecem. Não tenho dúvidas que o Villas-Boas causará esse efeito: "se calhar está mesmo ali alguma coisa muito boa."
    No fundo, a miséria é tanta que eu enquanto sportinguista preciso que me surpreendam. Não rejeito isso.

    O Villas-Boas rugirá alto, sinto, metáfora bacoca aparte.

    ResponderEliminar
  68. Ele prometeu:
    "Sporting vai estar muito forte na próxima época."

    Eles começam a chegar:
    "Diogo Salomão, avançado do Real SC, está a caminho do Sporting"

    Para o ano preparem-se, eles vêm ai...PARABENS JEB, VIVA O SPORTING!!!

    SL

    ResponderEliminar
  69. Eh eh eh!!

    Nao gosto de tripeiros e tenho todo o direito em o dizer.

    Gosto particularmente do "deve ser benfiquista". Quem diz mal dos corruptos é benfiquista segundo esse sujeito (miguel).

    Lampião?! eu?! FDX!!!

    Andrade estupido

    ResponderEliminar
  70. Bem... dois grandes "parabéns":
    O primeiro para o Miguel portista. Vir aqui, falar a sério, e dizer coisas com muito sentido sendo adepto do FCPorto não é para qualquer um.
    O segundo para a discussão... tirando os anónimos anti-Miguel isto está muito bom.

    Mas só um reparo: não acho que ter contrato assinado com o AVB seja mau. Mas, é verdade que não está à altura da história do Sporting... a história do Sporting está cheia de casos em que queríamos algo que não conseguíamos ter por sermos lentos de mais ;). Neste caso, parece óbvio que o JEB sempre quis o AVB e fez as coisas como elas devem ser feitas.

    Podem argumentar que faltou ao respeito ao Carvalhal, eu respondo que não faltou ao respeito ao Sporting. E duvido que se possa dizer que faltou ao respeito ao Carvalhal. O homem assinou contrato até ao final da época e sabia bem com o que contava.

    ResponderEliminar
  71. Agradeço a todos os que me dirigiram elogios e em especial ao MHumberto, com quem já tantas discussões futebolísticas tive noutras paragens. Sou um leitor mais ou menos assíduo deste blog e de outros sportinguistas, e como gostei tanto do tema do treinador e achei que tinha algo a dizer, optei por escrever aqui. É só isto.

    Ao anónimo... Caro amigo, se você me chama estúpido, imagine o que eu lhe poderia chamar a si por não conseguir produzir mais do que uma ou outra frase limitada. É dos poucos que não consegue contribuir com nada de palpável e produtivo para esta conversa interessante. Não sei qual é a sua idade física, mas a mental não deve ser muito avançada. Quando tiver algo de decente para dizer e quando tiver uma noção do que é respeitar as pessoas e as suas opiniões e do que é saber estar, pode chamar-me nomes, mas duvido que o faça porque nesse caso reconhecerá que eu não me meti consigo nem lhe fiz nada que me faça merecer ser insultado por si.

    ResponderEliminar
  72. Peço desculpa por só responder agora, mas não tive oportunidade para o fazer mais cedo.

    Duas notas (rápidas) apenas:

    “Virgilio, a Académica estava estabilizada mas era no último lugar...o que convenhamos não me parece grande estabilidade. E ai assumiu o risco, não era fácil, na sua primeira época, começar a treinar uma equipa à 7ª jornada que tinha sofrida já 2 goleadas se não estou em erro.”

    Caro Pedro Morgado,

    Assumiu o risco? Mas que raio de risco é esse? Queres situação de menor risco que essa? Espertinho o moço… Dali para a frente pior era impossível. Não conheço lugar nenhum abaixo de… ultimo. LOL! Portanto só dava mesmo para melhorar… ou então sim, fazer como esse prodígio de treinador que a AAC teve nas 7 jornadas iniciais, e estabelizar no ulrimo posto... ;)


    “O que não tem fundamento é dizer-se: É mau treinador. Não serve.”

    MHumberto, vais fazer o favor de me dizer onde digo que o AVB é MAU treinador… Resumindo, digo que é arriscado e depreende-se das minhas palavras q não defendo jogadas de risco para o SCP, no presente momento. Se correr mal, nem quero maginar o nível de contestação que se sobreporá no SCP. Se calhar é msm isso q alguns pretendem…

    Parece q se confirma a sua vinda e digo o seguinte com o coração nas mãos: Oxalá que apesar de td apontar para o contrário, TUDO CORRA PELO MELHOR!

    SL

    ResponderEliminar

Este blogue compromete-se a respeitar as opiniões dos seus leitores.

Para todos os efeitos a responsabilidade dos comentários são de quem os produz.

A existência da caixa de comentários visa dar a oportunidade aos leitores de expressarem as suas opiniões sobre o artigo que lhe está relacionado, bem como a promoção do debate de ideias e não a agressão e confrontação.

Daremos preferência aos comentários que entendermos privilegiarem a opinião própria do que a opinião que os leitores têm sobre a opinião de terceiros aqui emitida. Esta será tolerada desde que respeite o interlocutor.

Insultos, afirmações provocatórias ou ofensivas serão rejeitados liminarmente.

Não serão tolerados comentários com links promocionais ou que não estejam directamente ligados ao post em discussão.

Sporting Clube de Portugal

Sporting Clube de Portugal

Prémios

Sporting 160 - Podcast

Os mais lidos no último mês

Blog Roll

Leitores em linha


Seguidores

Número de visitas

Free HTML Counters

Ultimos comentários

Blog Archive

Temas

"a gaiola da luz" (1) 10A (1) 111 anos (1) 1ª volta Liga Zon/Sagres 10/11 (3) 2010-2011 (1) 2016 (1) 8 (4) AAS (7) ABC (3) Abrantes Mendes (3) Academia (15) Académica-SCP (1) adeptos (94) Adrien (18) AdT (1) adversários (82) AFLisboa (2) AG (19) Alan Ruiz (1) Alexander Ellis (1) alma leonina (59) ambição (10) andebol (34) André Geraldes (2) André Marques (2) André Martins (6) André Pinto (1) André Santos (5) anestesia (3) angulo (5) aniversário "A Norte" (3) Aniversário SCP (4) antevisão (41) APAF (11) aplausos ao ruben porquê? (2) Aquilani (1) aquisições (85) aquisições 2013/14 (16) aquisições 2014/15 (18) aquisições 2015/16 (17) aquisições 2016/17 (10) aquisições 2017/18 (5) arbitragem (92) Associação de Basquetebol (6) ataque (1) Atitude (9) Atletico Madrid (1) Atlético Madrid (1) atletismo (6) auditoria (4) autismo (1) AVB és um palhaço (1) aventureiro (1) Bacelar Gouveia (2) Balakov (1) balanço (5) Baldé (4) balneário (3) banca (2) Barcos (3) Bas Dost (3) Bastidores (70) Batota (18) Battaglia (1) Beira-Mar (2) Belenenses (4) Benfica (1) BES (1) bilhetes (2) binários (1) Boal (1) Boateng (1) Boeck (2) Bojinov (7) Bolsa (2) Borússia Dortmund (1) Boulahrouz (2) Brasil (1) Braz da Silva (8) Brondby (4) Bruma (18) Bruno Carvalho (100) Bruno César (3) Bruno de Carvalho (7) Bruno Martins (20) Bryan Ruiz (3) Bubakar (1) BwinCup (1) cadeiras verdes (1) Cadete (1) Caicedo (5) calendário (2) Câmara Municipal de Lisboa (3) Campbell (2) Campeões (2) campeonato nacional (21) campeonatos europeus atletismo (2) Cândido de Oliveira (1) Caneira (2) Cape Town Cup (3) Capel (4) carlos barbosa (4) Carlos Barbosa da Cruz (2) Carlos Carvalhal (5) Carlos Freitas (7) Carlos Padrão (1) Carlos Severino (4) Carriço (6) Carrillo (10) Carrilo (3) carvalhal (30) Caso Cardinal (1) Casos (6) CD Liga (3) Cedric (7) Cervi (3) CFDIndependente (1) Champions League 2014/15 (9) Champions League 2015/16 (5) Chapecoense (1) CHEGA (1) Ciani (1) Ciclismo (3) CL 14/15 (2) Claques (9) clássicos (8) Coates (4) Coentrão (1) Coerência (1) colónia (1) comissões (2) competência (2) comunicação (65) Comunicação Social (21) Consciência (1) Conselho Leonino (2) contratações (6) COP (1) Coreia do Norte (1) Corradi (1) corrupção no futebol português (2) Cosme Damião (1) Costa do Marfim (3) Costinha (45) Couceiro (13) crápulas (1) credores (1) crise 2012/13 (21) Crise 2014/15 (2) Cristiano Ronaldo (1) cronica (3) crónica (15) cultura (4) curva Sporting (1) Damas (3) Daniel Sampaio (3) debate (5) defesa dos interesses do SCP (7) Del Horno (1) delegações (1) depressão (1) Derby (42) Derby 2016/17 (1) derlei (1) Desespero (1) Despedida (2) despertar (3) dia do leão (1) Dias da Cunha (1) Dias Ferreira (6) Diogo Salomão (4) director desportivo (18) director geral (5) direitos televisivos (4) Dirigentes (28) disciplina (6) dispensas (22) dispensas 2015/16 (1) dispensas 2016/17 (2) dispensas 2017/18 (1) djaló (10) Domingos (29) Doumbia (1) Doyen (4) Duarte Gomes (2) Ecletismo (60) Eduardo Barroso (6) Eduardo Sá Ferreira (2) eleições (19) eleições2011 (56) eleições2013 (26) eleições2017 (9) Elias (5) eliminação (1) empresários (11) empréstimo obrigacionista (3) entrevistas (63) Épico (1) época 09/10 (51) época 10/11 (28) época 11/12 (8) época 12/13 (11) época 13/14 (4) época 14/15 (8) época 15/16 (5) época 16/17 (7) época 17/18 (1) EquipaB (17) equipamentos (12) Eric Dier (8) Esperança (4) estabilidade (1) Estádio José de Alvalade (4) Estado da Nação (1) estatutos (6) Estórias do futebol português (4) estratégia desportiva (102) Estrutura (1) Euro2012 (6) Euro2016 (1) Europeu2012 (1) eusébio (2) Evaldo (3) Ewerton (4) exigência (2) expectativas (1) expulsão de GL (1) factos (1) Fafe (1) Fair-play (1) farto de Paulo Bento (5) fcp (12) FCPorto (9) FIFA (2) Figuras (1) filiais (1) final (1) final four (1) finalização (1) Finanças (24) fiorentina (1) Football Leaks (2) Formação (88) FPF (14) Francis Obikwelu (1) Francisco Geraldes (2) Frio (1) fundação aragão pinto (3) Fundação Sporting (1) fundos (14) futebol (9) futebol feminino (1) futebol formação (1) futebol internacional (1) Futre (1) Futre és um palhaço (4) futsal (23) futsal 10/11 (1) futuro (8) gabriel almeida (1) Gala Honoris Sporting (3) galeria de imortais (27) Gamebox (2) Gauld (5) Gelson (1) Gent (1) geração academia (1) Gestão despotiva (2) gestores de topo (10) Gilberto Borges (2) GL (2) glória (5) glorias (4) Godinho Lopes (27) Gomes Pereira (1) Governo Sombra (1) Gralha (1) Gratidão (1) Grimi (4) Grupo (1) Guerra Civil (2) guimarães (1) Guy Roux (1) Hacking (1) Heerenveen (3) Hildebrand (1) História (18) Holdimo (1) homenagem (5) Hóquei em Patins (7) Hugo Malcato (113) Hugo Viana (1) Humor (1) i (1) Identidade (11) Idolos (3) II aniversário (1) Ilori (4) imagem (1) imprensa (12) Inácio (5) incompetência (7) Insua (2) internacionais (2) inverno (2) investidores (3) Iordanov (6) Irene Palma (1) Iuri Medeiros (1) Izmailov (26) Jaime Marta Soares (3) Jamor (3) Janeiro (1) Jardel (2) jaula (3) JEB (44) JEB demite-se (5) JEB és uma vergonha (5) JEB rua (1) JEBardadas (3) JEBardice (2) Jefferson (3) Jeffren (5) Jesualdo Ferreira (14) JJ (1) JL (3) Joana Ramos (1) João Benedito (1) João Mário (6) João Morais (5) João Pereira (6) João Pina (3) João Rocha (3) Joaquim Agostinho (2) joelneto (2) Jogo de Apresentação (1) Jorge Jesus (44) Jorge Mendes (3) José Alvalade (1) José Cardinal (2) José Couceiro (1) José Eduardo Bettencourt (33) José Travassos (1) JPDB (1) Jubas (1) judo (6) Juniores (7) JVL (105) Kwidzyn (1) Labyad (7) Lazio (1) LC (1) Leão de Alvalade (496) Leão Transmontano (62) Leonardo Jardim (11) Liderança (1) Liedson (28) Liga 14/15 (35) Liga de Clubes (12) liga dos campeões (12) Liga dos Campeões 2016/17 (11) Liga dos Campeões 2017/18 (3) Liga Europa (33) Liga Europa 11/12 (33) Liga Europa 12/13 (9) Liga Europa 13/14 (1) Liga Europa 14/15 (1) Liga Europa 15/16 (11) Liga Europa10/11 (16) Liga NOS 15/16 (30) Liga NOS 16/17 (22) Liga NOS 17/18 (1) Liga Sagres (30) Liga Zon/Sagres 10/11 (37) Liga Zon/Sagres 11/12 (38) Liga Zon/Sagres 12/13 (28) Liga Zon/Sagres 13/14 (24) Lille (1) LMGM (68) losango (1) Lourenço (1) low cost (1) Luis Aguiar (2) Luis Duque (9) Luís Martins (1) Madeira SAD (4) Malcolm Allison (1) Mandela (2) Mané (3) Maniche (4) Manifesto (3) Manolo Vidal (2) Manuel Fernandes (7) Marca (1) Marcelo Boeck (1) Marco Silva (27) Maritimo (2) Marítimo (3) Markovic (1) Matheus Oliveira (1) Matheus Pereira (3) Mati (1) matías fernandez (8) Matias Perez (1) Mauricio (3) Meli (1) Memória (10) mentiras (1) mercado (41) Meszaros (1) Miguel Lopes (1) miséria de dirigentes (2) mística (3) Modalidades (25) modelo (3) Moniz Pereira (7) Montero (7) Moutinho (3) Mundial2010 (9) Mundial2014 (3) Mundo Sporting (1) Nacional (1) Naide Gomes (2) Naldo (3) naming (2) Nani (3) Natal (4) Naval (3) Navegadores (3) negócios lesa-SCP (2) NextGen Series (3) Noite Europeia (1) nonsense (23) Nordsjaelland (1) NOS (1) Notas de Imprensa (1) notáveis (1) nucleos (1) Núcleos (9) Nuno André Coelho (2) Nuno Dias (3) Nuno Saraiva (2) Nuno Valente (1) o (1) O Roquetismo (8) Oceano (1) Octávio (1) Olhanense (1) Olivedesportos (1) Onyewu (7) onze ideal (1) opinião (6) oportunistas (1) orçamento (3) orçamento clube 15/16 (1) organização (1) orgulho leonino (17) Oriol Rosell (3) paineleiros (15) Paiva dos Santos (2) paixão (3) papagaios (8) pára-quedista (1) parceria (2) pascoa 2010 (1) pasquins (7) património (2) patrocínios (5) Paulinho (1) paulo bento (19) Paulo Faria (1) Paulo Oliveira (3) Paulo Sérgio (43) paulocristovão (1) Pavilhão (11) pedrada (1) Pedro Baltazar (8) Pedro Barbosa (5) Pedro Madeira Rodrigues (3) Pedro Mendes (4) Pedro Silva (2) Pereirinha (6) Peyroteo (2) Piccini (1) Pini Zahavi (2) Pinto Souto (1) plantel (31) plantel 17/18 (3) play-off (2) play-off Liga dos Campeões 17/18 (2) PMAG (3) Podence (1) Polga (5) Pongolle (5) Pontos de vista (15) por amor à camisola (3) post conjunto (5) Postiga (7) PPC (7) Pranjic (2) pré-época (2) pré-época 10/11 (7) pré-época 11/12 (43) pré-época 12/13 (16) pré-época 13/14 (16) pré-época 14/15 (22) pré-época 15/16 (20) pré-época 16/17 (12) pré-época 17/18 (9) prémio (1) prémios stromp (1) presidente (4) Projecto BdC (1) projecto Roquette (2) promessas (3) prospecção (2) Providência Cautelar. Impugnação (1) PS (1) Quo vadis Sporting? (1) Rabiu Ibrahim (2) râguebi (1) raiva (1) RD Slovan (1) reacção (1) redes sociais (1) Reestruturação financeira (17) reflexãoleonina (21) reforços (15) regras (4) regulamentos (1) Relatório e Contas (11) relva (10) relvado sintético (4) remunerações (1) Renato Neto (3) Renato Sanches (1) respeito (7) resultados (1) revisão estatutária (5) Ribas (2) Ribeiro Telles (4) Ricardo Peres (1) Ricciardi (2) ridiculo (1) ridículo (2) Rinaudo (8) Rio Ave (2) Rita Figueira (1) rivais (6) Rodriguez (2) Rojo (4) Ronaldo (12) rtp (1) Rúbio (4) Rui Patricio (18) Rui Patrício (4) Sá Pinto (31) SAD (25) Salema (1) Sarr (4) Schelotto (2) Schmeichel (2) scouting (1) SCP (64) Segurança (1) Selecção Nacional (38) seleccionador nacional (5) Semedo (1) SerSporting (1) Shikabala (2) Silly Season2017/18 (2) Símbolos Leoninos (3) Sinama Pongolle (1) Sistema (4) site do SCP (3) SJPF (1) Slavchev (1) slb (21) Slimani (11) Soares Franco (1) sócios (16) Sócrates (1) Solar do Norte (14) Sondagens (1) sorteio (3) Sousa Cintra (1) Sp. Braga (2) Sp. Horta (1) Spalvis (2) Sporting Clube de Paris (1) Sportinguismo (2) sportinguistas notáveis (2) SportTv (1) Stijn Schaars (4) Stojkovic (3) Sunil Chhetri (1) Supertaça (3) sustentabilidade financeira (40) Taça CERS (1) Taça Challenge (5) taça da liga (11) Taça da Liga 10/11 (7) Taça da Liga 11/12 (3) Taça da Liga 13/14 (3) Taça da Liga 14/15 (2) Taça da Liga 15/16 (4) Taça da Liga 16/17 (1) Taça das Taças (1) Taça de Honra (1) Taça de Liga 13/14 (3) Taça de Portugal (12) Taça de Portugal 10/11 (3) Taça de Portugal 10/11 Futsal (1) Taça de Portugal 11/12 (12) Taça de Portugal 13/14 (3) Taça de Portugal 14/15 (8) Taça de Portugal 15/16 (4) Taça de Portugal 16/17 (4) táctica (1) Tales (2) Tanaka (1) Ténis de Mesa (2) Teo Gutierrez (5) Tertúlia Leonina (3) Tiago (3) Tonel (2) Torneio Guadiana 13/14 (1) Torneio New York Challenge (4) Torsiglieri (4) Tottenham (1) trabalho (1) transferências (5) transmissões (1) treinador (90) treino (4) treinos em Alvalade (1) troféu 5 violinos (5) TV Sporting (5) Twente (2) Tziu (1) uefa futsal cup (4) Uvini (1) Valdés. (3) Valores (14) Veloso (5) vendas (8) vendas 2013/14 (2) vendas 2014/15 (1) vendas 2016/17 (5) Ventspils (2) Vercauteren (5) Vergonha (7) video-arbitro (5) Villas Boas (8) Viola (1) Virgílio (98) Virgílio1 (1) Vitor Golas (1) Vitor Pereira (6) Vitória (1) VMOC (7) Vox Pop (2) VSC (3) Vukcevic (10) WAG´s (1) William Carvalho (13) Wilson Eduardo (2) Wolfswinkel (12) Wrestling (1) Xandão (4) Xistra (3) Zapater (2) Zeegelaar (2) Zezinho (1)