quinta-feira, 29 de outubro de 2009

SÓ OS SÓCIOS SALVARÃO O SPORTING*


Nesta profissão de jornalista, que é a minha e sempre há-de ser, são muitas as vezes em que o texto se escreve primeiro e o título apenas ganha forma depois, para corresponder plenamente ao que foi escrito.

Este é um dos casos em que o título surge logo, em que o essencial fica dito no título.

Haverá quem se admire: salvar? Será esse o verbo justo ou não estará o escriba a exagerar?

Não estou, caros amigos. Infelizmente é preciso salvar o Sporting. E só os sócios podem fazê-lo, tão depressa quanto puderem antes que o que resta do nosso Sporting seja assimilado por uma instituição nominalmente sportinguista mas na qual os sócios só podem mandar através de interpostas pessoas ou grupos. Ora a prática conhecida de algumas destas e de alguns destes nem sempre corresponde aos interesses do Sporting.

Deixem-me que vos diga, em jeito de parêntesis, que não escrevo estas linhas sob a influência das insatisfatórias prestações desportivas do momento embora saiba como a disposição do adepto é volúvel e anda muito ao sabor do mau resultado de ontem logo disfarçado pelo bom que hoje se conseguiu.

Apesar de todos estarmos intensamente envolvidos nos acontecimentos da actualidade, não é isso que está verdadeiramente em causa agora. O que é fundamental é salvar o Sporting para que o Clube tenha futuro e este seja bem melhor que o presente.

A tal instituição nominalmente sportinguista de que vos falei atrás é a Sporting, SAD, sociedade desportiva que, paulatinamente, vai tomando conta de todo o Sporting, retirando assim os bens, activos, património e actividades do controlo dos sócios do Clube. Por muito que doa escrever e ler isto, por este caminho o Sporting transformar-se-á num clube de bairro, numa sociedade recreativa – com todo o respeito por instituições como estas – porque não está apenas a ser espoliado do seu futebol mas de quase tudo o resto.

Não tenho qualquer hesitação em reconhecer que teoricamente a criação da Sporting, SAD foi uma boa ideia. Tratava-se de instalar uma estrutura do Clube dedicada exclusivamente ao futebol, altamente profissionalizada e vocacionada para dinamizar o aproveitamento de recursos disponíveis e a criar. Acreditava-se que seria a melhor forma a dar um salto qualitativo propício à integração da mística, da grandeza histórica e da fabulosa escola de formação num todo harmonioso capaz de projectar o Sporting (notem que escrevo simplesmente Sporting) para o topo nacional e para um elevado patamar na Europa.

A ideia era boa, repito. E a modernização de estruturas, sobretudo a construção da Academia, prometia contribuir para o seu êxito.

A degeneração, porém, começou cedo. O facto de os presidentes José Roquette e Dias da Cunha, guiados por objectivos de eficácia e descentralização, terem separado as presidências do Sporting e da SAD, teve um efeito perverso que se manifestou imediatamente na gestão de Luís Duque e Miguel Ribeiro Teles, o dirigente que actua ininterruptamente na SAD desde a fase final da presidência de Roquette, já lá vão 10 anos.

O exercício da presidência da SAD por José Eduardo Bettencourt permitiu ainda atenuar um pouco o fosso orgânico criado entre o futebol profissional do Sporting e o resto do Clube, mas as estruturas de funcionamento da sociedade tinham-se enraizado profundamente com Duque e mantiveram-se, no essencial, até hoje. Houve esforços sérios, em 2004-2005, para restabelecer a ligação original entre o Sporting e a SAD mas o modo como os acontecimentos internos se precipitaram nessa altura foi uma das piores coisas que aconteceu na História do nosso Clube. No rescaldo desse período, durante o qual a agitação interna artificialmente fomentada conduziu à demissão de Dias da Cunha, o velho funcionamento “autónomo” da SAD foi restaurado, reforçado e adquiriu uma nova e mais gravosa atitude contra o genuíno sportinguismo: o novo presidente do Clube, Soares Franco, tornou-se presidente da SAD mas assumindo o status quo “tecnocrático” instalado na sociedade – da qual já tinham sido expurgadas, com poucas e honrosas excepções, todas as figuras carismáticas que asseguravam o amor à camisola, coisa que em Alcochete às vezes parece atrapalhar. Passou ostensivamente a confundir-se o sportinguismo genuíno com a filosofia da SAD – a maior das mistificações de que o Sporting tem sido vítima nos anos mais recentes.

A Escola de Futebol sportinguista é, efectivamente, de grande qualidade técnica mas carece de formação clubista, os jovens e os profissionais não conhecem como deviam conhecer a grandeza e a riqueza histórica do Clube que representam. Não sendo deles a culpa, só pode ser de quem os dirige.

Vale a pena contar uma pequena história elucidativa do modo como o Sporting e os seus dirigentes eleitos pelos sócios são olhados nas estruturas entretanto enraizadas na SAD. O episódio passou-se em 2005, quando a equipa sportinguista foi jogar a Middlesbrough, por sinal em mais uma jornada gloriosa desses tempos em que o Sporting praticava aquele que foi considerado o melhor futebol da Europa. Um funcionário da SAD membro da comitiva oficial mas que estava e está enganado no clube da Segunda Circular ao qual presta os seus serviços, não conseguiu esconder a irritação com a existência de sites na Internet feitos por sportinguistas cujas opiniões não coincidiam propriamente com a sua maneira de entender o funcionamento da SAD. Mas tinha uma explicação para isso. “Isso (esses sites) só pode ser coisa dos amigos do Dias da Cunha”. Assim falava o funcionário da SAD sobre o presidente do Clube, encarado como espécie de adversário ou mesmo inimigo. Três nomes se sucederam na Presidência do Sporting e tal funcionário ainda permanece em Alcochete, continuando a agir em nome do Sporting, recebendo tranquilamente o seu salário.

É um simples episódio, pode até nem ser muito relevante em termos globais mas tem  gravidade própria por exemplificar um tipo de mentalidade que se cultiva na sociedade que gere o futebol do Sporting.

É prematuro tecer juízos sobre a gestão do Presidente do Sporting, e também da SAD, José Eduardo Bettencourt, embora todos saibamos que mudou a Direcção do Sporting mas quase nada se alterou quanto aos gestores da SAD. Não podem queixar-se da falta de estabilidade; nós, sportinguistas, é que devemos queixar-nos da falta de resultados e, sobretudo, do conformismo e da falta de ambição do futebol profissional do Sporting.

Continuamos a assistir, porém, à influência da SAD sobre o Clube e não o contrário, como deveria acontecer, porque é neste que os sócios podem decidir.

Argumenta-se sempre que o Sporting Clube tem a maioria na SAD e que não perderia o controlo ainda que ficasse numa determinada situação de minoria. Como diriam os nossos irmãos brasileiros, essa “é conversa para boi dormir”. Há interesses muito activos na SAD, a começar pelos do grupo do sr. Joaquim Oliveira, que não se confundem com os interesses do Sporting Clube e dos sportinguistas. São minoritários, dirão. É verdade, mas não sejamos ingénuos. Nestas coisas em que o dinheiro e os interesses pessoais e de grupo mandam mais não é difícil que estruturas minoritárias, mas bem organizadas e influentes, consigam reunir apoios fundamentais entre os sectores maioritários. Nós, sócios do Sporting, não devemos estar tranquilos por intervir no futebol do nosso Clube apenas através de interpostas pessoas.

Essas pessoas foram eleitas pelos sócios, também é verdade. Mais uma vez não sejamos ingénuos. Que cada um reflicta um pouco sobre como funcionam as Assembleias Gerais e até as eleições. Nada a dizer quanto ao seu formalismo e a legalidade das decisões. Há muitas maneiras, contudo, de formar as opiniões e criar maiorias mesmo sem necessidade de recorrer à arruaça.

Uma delas é o chamado “buraco financeiro” do Sporting, que serve para justificar todos os alarmes e todas as medidas, mesmo que sejam de excepção e apresentadas como males menores e indispensáveis.

A gestão da SAD, ao que parece, nada tem a ver com esse “buraco”, apesar dos inquietantes resultados revelados nos momentos impostos por lei. A culpa parece ser do Sporting Clube e, claro, das gestões imediatamente anteriores a Franco.

Será? Enquanto o Sporting construía a Academia, o Estádio e todas as estruturas patrimoniais que, bem geridas, poderiam ser um pilar fundamental de sustentabilidade e desenvolvimento do Clube, as gestões da SAD – praticadas mais ou menos pelas mesmas pessoas desde 2000 – vendiam as principais pérolas da formação sportinguista enquanto compravam enormes talentos como Koke, Bueno, Tiui, Celsinho e mais uma camioneta de craques como estes, cada um faça o favor de puxar pela memória, consultar os arquivos pessoais ou dos companheiros de tertúlia ou talvez de navegar um pouco pela net. Sem falar já em casos como o aparecimento do dispensado Varela no FC Porto e na troca do considerado melhor júnior da formação pelo “consagrado” Postiga. Troca? Não, a SAD do Sporting ainda pagou por isso. Grande negócio.

Neste cenário, passo a passo e, segundo se diz, para obviar aos efeitos do tal “buraco financeiro”, vai-se vendendo o património, transfere-se a “marca” Sporting para a SAD, prepara-se a transferência da Academia para a SAD, talvez um dia o Estádio vá também para que então a relva seja bem cuidada… Para o Sporting Clube de Portugal pouco mais restará. Ao lado nasceu um novo clube, a Sporting, SAD, e aí os sócios já nada podem decidir.

Como escrevi no título cabe aos sócios salvar o Sporting e devolver o futebol, todo o futebol, ao Clube. Não há dirigentes portadores de um qualquer sopro divino que lhes permita dar a escolher entre as suas soluções ou o caos. O caos será se os sócios deixarem de poder decidir sobre o seu Clube e o seu futebol.

Não há “eu ou o caos”, seja quem for o “eu” em presença. A melhor solução, caros amigos, será a reunificação do funcionamento do Sporting Clube de Portugal sob a tutela dos seus sócios em circunstâncias claras que lhes permitam decidir, sem ser perante sofismas, a melhor maneira de salvar e relançar o Clube nos trilhos da sua História grandiosa. É essencial criar um dinâmico movimento de regeneração do Sporting no qual todos os sócios, portadores das suas diferenças e divergências, possam contribuir para o fim de todos estes equívocos e devolver ao Clube o que é do Clube.

Parece difícil, se calhar as condições não são favoráveis nem estão ao alcance da mão. Temos de agir e acreditar; não podemos ser conformistas à imagem do futebol que a equipa do nosso Clube actualmente pratica reflectindo as carências de sportinguismo nas estruturas que a envolvem.

O futebol tem que ser reintegrado no Sporting, não tenhamos dúvidas disso, a salvação do Clube passa por aí. Nem que seja extinguindo a SAD – um entre muitos outros passos que estão ao alcance da massa associativa desde que esta seja esclarecida, se organize e mobilize para restaurar o nosso querido Sporting Clube de Portugal.

José Goulão, jornalista

*Texto escrito para o "ANortedeAlvalade" por José Goulão, no âmbito da nossa iniciativa "Reflexão Leonina". Jornalista, comentador de assuntos internacionais, ex-director de comunicação do Sporting, cargo que englobava as direcções do jornal "Sporting" e do site oficial. Autor de vários livros sobre a história e feitos do Sporting, entre os quais "ABC do Sporting", Aprende e diverte-te com os 100 anos do Sporting", O meu 1º livro do Sporting", "A Taça das Taças".

44 comentários:

  1. Caro José Goulão,

    É uma honra poder contar com a sua participação. O texto está excelente, bastante contundente e infelizmente só vem demonstrar que existem muitos a servirem-se do SCP ao invés de servirem o SCP.

    Os sinais de que os sócios cada vez são menos importantes, estão à vista de todos. Desde o FSF dizer que queria um Clube sem sócios - haverá sinal mais nítido que este? - até à preparação do terreno por Oliveira e Costa, para as Assembleias Referendárias.

    Em relação à SAD e sua incompetência, basta atentar nos negócios feitos e para os quais o post chama a atenção.
    Têm sido sucessivamente ruinosos e tirando 2, 3 excepções (Hugo Viana, Nani), verdadeiramente revoltantes. Não só a nível desportivo, e aqui os exemplos são tantos mas tantos..., como a nível financeiro.
    Como é possível pagarmos por um lateral esquerdo medíocre, e estou a ser simpático porque o acho péssimo, como o Grimi, 4 milhões de €?!?! Pior, isto ter sido escondido de todos nós!!! Só neste exemplo podemos ver a postura - mentem-nos descarada e repetidamente - de quem nos dirige.

    Temo pelo futuro do SCP. Tivemos oportunidade de cortar radicalmente com o passado nas últimas eleições e optou-se por continuar com a "elite" que nos desgovernou nos últimos 14 anos. No fundo, eles foram o primeiro dos N planos de salvação que nos foram apresentados nestes anos. Com os resultados conhecidos.

    Espero que não seja tarde demais para os sócios salvarem o SCP. É que a indicação dada por muitos nas últimas eleições, é a de que acham que este é o rumo acertado.

    PS: Não posso deixar passar as declarações completamente aberrantes de JEB.
    Temos neste momento um treinador que não tem qualquer exigência. Não são os resultados que definem a sua permanência mas sim a sua vontade.

    E o discuros tendo me vista preparar-nos para o 2º objectivo (Liga Europa) devido ao falhanço em alcançar o 1º (Campeonato) já começou.

    ResponderEliminar
  2. Caro Senhor José Goulão

    Em primeiro lugar, cabe-me também a tarefa de agradecer a sua gentileza em participar neste nosso espaço de reflexão leonina.

    No que diz respeito à SAD, creio que temos possivelmente um certo desacordo: Ao contrário do que possam pensar, eu sou a favor da SAD. Mas por outro lado, sou frontalmente contra ao funcionamento a que temos assistido na SAD leonina.

    Ao longo de uma série de textos nos últimos meses, creio que tentei enunciar N situações que conseguiu resumir neste seu artigo. As sucessivas manobras "tapa-buracos" e a desculpabilização e/ou fuga às responsabilidades. Um sem fim de más decisões e total ausência de visão estratégica, etc.

    Noto com particular atenção o destaque realizado a Soares Franco, aquele que muitos apelidam de corajoso ou mesmo herói e que eu simplesmente não encontro adjectivos que me ajudem a descrever tudo o que de errado ele conseguiu gerar em torno do Sporting e que mais cedo ou mais tarde se tornará numa pesada herança para o nosso clube, isto é se não se tornou já.

    A "crise" no Sporting não é apenas finaceira ou desportiva, é acima de tudo cultural e estrutural. Os que apontam são os "Anti-qualquer coisa" ou os "amigos não sei de quem" mas os que defendem é que são os "Puros" e "verdadeiros".

    Somos diferentes... Pois somos... Nós, sportinguistas, não temos auto-estima e baixamos a cabeça ou fechamos os olhos perante os Grandes Senhores, profundos Sabedores e Iluminados, enviados para salvar o Sporting e nós, reles plebeus, devemos-lhes toda a vassalagem...

    Há uns tempos, o futebol português necessitava de um "25 de Abril". Será que o Sporting não precisa do mesmo?

    SL

    ResponderEliminar
  3. Há um protesto a ser organizado.

    Para quem quiser saber mais existe um mail para informações:
    agracio@sapo.pt

    ResponderEliminar
  4. Precisamos sim de 1 25 de abril, precisamos sim de uma revolução, de algo que nos devolva o nosso Sportinge não este clube que hoje em dia tem um leao ao peito mas poderia ter um gato, tal tem sido a passividade que dirigentes e boa parte de adeptos tem mostrado ao longo dos tempos!
    Lugares onde o empregado manda mais que o patrão, são lugares ingovernáveis!
    http://estesportingfornever.blogspot.com/

    ResponderEliminar
  5. Só para dizer que a foto é brutal!!!

    ResponderEliminar
  6. Tomámos a liberdade de vos adicionar na nossa lista de blogues Leoninos. Se possível, agradecíamos que adicionassem o nosso.

    http://estesportingfornever.blog...r.blogspot.com/

    Saudações Leoninas

    ResponderEliminar
  7. Bala,

    Que protesto é esse?Podes adiantar mais?

    ResponderEliminar
  8. Villas Boas no Sporting o mais rápido possivel. No fim da epoca o Pintinho vai busca-lo e depois ....

    ResponderEliminar
  9. Grande Zé,

    É um prazer ver-te por aqui na blogosfera leonina. Leões como tu - tantas horas ganhámos a debater o nosso Sporting - não podem desmobilizar, têm que estar sempre atentos e vigilantes, e isso é da tua essência enquanto Homem e sportinguista

    Um grande abraço deste teu amigo

    ResponderEliminar
  10. Como nota a este excelente artigo de opinião devo dizer que a sua publicação este aprazada para ontem. No entanto, porque o seu interesse está muito para lá dos resultados circunstanciais da equipa de futebol, entendemos fazê-lo só hoje.

    ResponderEliminar
  11. Caro José Goulão,

    Obrigado por estes esclarecimentos.

    Aqui ja se vê algo que muita gente tinha alertado para o monstro que hoje é a SAD do Sporting.

    Prezo a coragem destas palavras, palavras estas que deviam correr o mundo leonino.

    ResponderEliminar
  12. Como o autor escreve e bem ,isto é um problema que tem quase 10 anos onde apenas durante um ou dois anos pareceu estar afastado, daí não entender a fobia ao Paulo Bento,homem com H grande que dá a cara pelo SCP em tudo o que é sítio,não vejo mais ninguém a fazê-lo. Estamos com graves problemas na estrutura do Clube e SAD, considero mesmo que a SAD devia acabar,não sendo economista não sei como isso aconteceria e em que parâmetros é viável.
    Um grave problema são os 95% de votos no JEB, desculpem-me mas não podemos passar por cima deste número,é o presidente eleito essa é que é essa. O que fazer? Agora em Outobro é complicado fazer algo, planteis feitos,só abrem as inscrições em Janeiro e o SCP não tem tusto. Mandar embora já o PB? E quem vem? E essa pessoa quer mesmo vir? O outro clube deixa? E os jogadores que andam a passo claramente a fazer a cama ao treinador? Ficam? Pq? Se nem respeito ao Clube e companheiros mostram. O SCP nos ultimos anos enterrou-se até ao pescoço e o Paulo Bento é o menos culpado.

    Mário Duarte

    ResponderEliminar
  13. Antes de mais agradecer a participação nesta iniciativa do José Goulão, a sua opinião tem o "peso" que o resumo do seu currículo de trabalho Sportinguista ilustra.

    Há muita coisa que gostava de debater mas trata-se de um artigo de opinião e não de um debate. Como é afirmado o título diz tudo.

    Só os sócios salvarão o Sporting.

    Fica-me só uma dúvida que decorre quer do título, quer do restante artigo. Quando foi a última vez que os sócios salvaram o Sporting?

    Posso estar errado mas a conclusão que retirei do texto foi que é necessário devolver o clube aos sócios para eles o gerirem. Se esta conclusão está correcta a minha pergunta mantém-se, quando foi a última vez que os sócios salvaram o Sporting?

    Talvez a pergunta também seja possivel de fazer de outra forma, quando foi a primeira vez que os sócios deixaram de comandar o destino do Sporting?

    Mas, talvez, a resposta seja idêntica...

    ResponderEliminar
  14. Zé Manuel Goulão

    O que faz um gajo saber escrever. Puseste todo o que pensas, e que ao fim e ao cabo é o que vai na alma de tantos Sportinguistas. O que aqui deixaste é uma análise fria e cruel do estado da nação mas infelizmente é a nossa triste realidade.

    Há que tempos não estamos juntos para podemos discutir o nosso Sporting. Que saudades tenho das nossas conversas no autocarro a caminho do LNPN, vendo, já naquele tempo como o recreativo era empurrado para cima pelo sistema da época.

    Resta-me a esperança que este pessoal mais novo se vá enquadrando com gente da nossa idade para, quanto mais cedo melhor, devolver o Sporting à sua verdadeira essência.

    Um grande abraço

    ResponderEliminar
  15. Este texto é um tratado. Está cá tudo. Desde as loas originais à SAD milagreira, até ao (quase) completo domínio desta sobre o clube. Com narrações e exemplos lá pelo meio de como e por quem a SAD tem sido dirigida. Tais situações são de enrubescer de raiva, mas também de vergonha qualquer sportinguista que se preze.

    Faz-me lembrar ainda, aquela imagem que o LC tão bem aplicou no seu post, tb no âmbito deste ‘reflexão leonina’ que o ‘A Norte’ tem levado a cabo: o Clube que saiu à rua com a SAD pela trela e que, de repente, viu-se na trela levado pela SAD…

    Gostaria de saber como é possível reverter esta situação, sé é que é ainda possível reverter o que quer que seja. E extinção da SAD??? Humm, não tenho conhecimentos que defendam essa posição (vantagens, desvantagens, possibilidades do retrocesso), mas garanto que vontade não me faltaria…

    Uma vez que essa possibilidade me parece no mínimo remota, para já começava-se por alterar de alto a baixo (como já anteriormente referi) toda a estrutura SADista, começando por onde julgo q os efeitos serão mais imediatos na motivação quer de jogadores quer da massa associada e adepta leonina: equipa técnica, OUT!… De seguida contratar novo directo desportivo ou dar o trabalho de recrutamento do novo treinador a alguém (ou equipa) exterior à própria da SAD. Alguém que reconhecidamente tenha capacidade no mundo do , que trabalhe sob alçada directa do presidente e com o objectivo de ir preparando a próxima época e ir recuperando a equipa na actual. Sobre estes passos seria bom ver na ‘Bancada Nova’ o excelente texto do PLF. Esse alguém (ou equipa), poderá ter uma de duas opções: apostar forte desde já num treinador de ‘craveira’ ou, não existindo essa capacidade, em alguém de forma interina que passe o testemunho no final da época para o próximo treinador, mantendo-se como adjunto na futura equipa técnica (td deverá ser mt bem ponderado e debatido).

    Para o fim deste meu comentário deixo o mais importante: Caro Sr. José Goulão, quero manifestar o meu sincero agradecimento, os meus parabéns por este texto que tal diz o Algoncalves “deveria correr o mundo leonino”. E esta frase, com a qual concordo a 200%, diz tudo da qualidade deste magnifico post. Parece-me, inclusivamente, que pelo menos na blogosfera verde já está a fazer o seu efeito...

    Fica um último apelo: vamos começar a AGIR, vamos obrigar JEB a AGIR… Não podemos perder mais tempo. Caros consócios do SCP: "só os sócios salvarão o Sporting". Estamos à espera do quê???

    ResponderEliminar
  16. Sr Virgilio o que o sr propõe é algo a ser feito na reabertura da época, e nunca em Outubro,até pq é impossivel por questões de calendário futebolístico.Qt mt mandavas o PB para a rua...mas ficavam lá os outros (dirigente, jogadores etc) logo o efeito que todos desejavamos seria nulo a meu ver.

    ResponderEliminar
  17. Um texto escrito com sentimento, mas também com grande inteligencia. Fica pouco por dizer...

    ResponderEliminar
  18. Caro LS:

    Reabertura da época serve para contratar novos jogadores... Ora eu falo en contratar novos treinadores e/ou dirigentes da SAD, nem sequer mencionei acertos no plantel (q tb acho, logicamente necessário, principalmente nas laterais defensivas)... Haja é coragem (de JEB) para isso!...

    Cumprimentos.

    ResponderEliminar
  19. Sr Virgilo,despedir/contratar novos treinadores sem que exista mudanças no plantel é praticamente impossível,até pq são poucos os treinadores que aceitariam agora em Outubro treinar uma equipa que além de não ser a dele,tem problemas claros de disciplina e com uma SAD a deriva.Mundaças no Dep.de futebol talvez seja o mais indicado,alias considero P.Barbosa o Jimmy Hoffa português,não sei se está vivo, morto,escondido,etc.

    Cumprimentos

    ResponderEliminar
  20. São pcs os treinadores q aceitariam treinar o SCP... Um clube sem prestigio nenhum. Claro que o desemprego é bem melhor!

    Argumento RIDÍCULO. Já ouviu falar em chicotadas psicológicas? Ou o futebol para si cinge-se ao SCP de há 4 anos a esta parte?...

    Mais uma coisinha: o Jimmy Hoffa português não treina a equipa do SCP. Lembra-se de alguma melhoria no pós-despedimento do ultimo Dir. desportivo / dirigente da SAD do SCP?... Ah, e parece que o treinador já então era o mesmo...

    Cumprimentos.

    ResponderEliminar
  21. Antes de mais agradecer ao zé goulão pelo texto..Agora gostava que ele desse soluções pois o JEB foi eleito por 95 por cento dos sócios pagantes.

    ResponderEliminar
  22. Será possivel extinguir a SAD passando o futebol para o SPORTING?? Será que os 95 por cento dos sócios que votaram no JEB estão de acordo??

    ResponderEliminar
  23. O quê, já vai em 95% dos sócio pagantes? Julgava que JEB tinha sido eleito com 90% dos sócios fectivos VOTANTES... Pagantes e votantes é mt diferente, Renato.

    ResponderEliminar
  24. Sr Virgilio o sr alterou-se...por mim a minha troca de argumentos csg terminou. Fique bem.Mandar embora o PB para vir um treinador que está no desemprego,certamente que é por ser mt bom que está no desemprego.

    ResponderEliminar
  25. Sr LS, Eu nc me 'altero': sou sp do Sporting!

    Espero que nc tenha a infelicidade de cair no desemprego... (Mas, já agora, no que ao futebol diz respeito, lembro-me de 'n' grandes treinadores q passaram pelo desemprego. Só para que lhe conste)

    Olhe, fique bem e até uma próxima oportunidade.

    Continuo a despedir-me, cumprimentando-o. Faço-o sp com outro sportinguista.

    ResponderEliminar
  26. LagartoSempre,

    O Spalletti está no desemprego - até ontem pelo menos estava - e não é um mau treinador. Aliás esse argumento não tem nexo.

    ResponderEliminar
  27. JVL escreveu:
    Caro José Goulão,
    É uma honra poder contar com a sua participação. O texto está excelente, bastante contundente e infelizmente só vem demonstrar que existem muitos a servirem-se do SCP ao invés de servirem o SCP.

    -----
    Não posso estar mais de acordo.
    Infelizmente, os que criticam são tidos como traidores.
    Quando se manda Paulo Bento embora é apenas a reacção a uma pessoa que já provou não ter sensibilidade para gerir homens.
    Se a hora é inoportuna é porque apareceu um novo Presidente a dizer que com ele não era Sporting forever mas sim Paulo Bento forever.
    E os traidores somos nós????
    Claro que agora pedimos a cabeça do treinador por ser o problema mais visível mas não há dúvida que, a continuar este status quo a próxima cabeça será a do Presidente se os sócios quiserem efectivamente deixar de ser autistas e passarem a querer SALVAR O NOSSO SPORTING.

    PS - Peço desculpa por não conseguir trasnmitir por palavras tudo o que vai no meu coração.

    VIVA O NOSSO SPORTING!
    SALVEM O NOSSO SPORTING!

    ResponderEliminar
  28. Caro JVL,claro que não tem nexo,alias nada tem nexo desde que seja alguém a discordar da maneira como querem pôr e dispôr.Conheço esse Sportinguimo.Spalletti é de facto bom treinador,fez boas épocas quer em clubes de orçamentos baixos quer sobretudo na Roma,mas decerto concordará que não está no lote dos treinadores baratos,sim sei que é chato falarmos sempre de dinheiro, mas somos um clube sem cheta,temos pena.E iria Spelletti pegar na equipa agora?Duvido.
    Qt muito esperaria pela reabertura de mercado.
    Para mim as mudanças precisam de ser feitas primeiro a nível da estrutura do futebol,o SCP não tem Dep.Futebol...tem uma amostra disso.
    Por alguma razão Paulo Bento é que dá a cara pelo clube seja que tema for,qq dia vejo a comentar sobre ténis de mesa.
    A equipa não joga a ponta de um corno pq 80% não tem qualidade, e não seria o Spalletti a colocar o cepo do Abel,Grimi,Saleiros a jogar á bola.O Paulo Bento já esmifrou aquela equipa toda,já não dá mais.Viram contra o Guimarães? O homem estava desesperado,viram o lance em que ele quase entra e campo para chamar o Abel? Mais um pouco e tinha um AVC. Concordo com a mudança de treinador e toda a estrutura que suporta o futebol e a Sad, apenas discordo que este seja o momentos possivel para isso. Mudar apenas o treinador e ficar o resto...servia de 0.

    ResponderEliminar
  29. LagartoSempre,

    Se conseguir discutir sem ter ideias pré-concebidas, verá que haverá muito maior hipótese de se dialogar, como de compreender o que os outros dizem ou escrevem.

    O que não tem nexo é dizer-se que um treinador é mau por estar no desemprego. Se Paulo Bento saísse de Alvalade, e falo de PB como poderia falar do Rijkaard (com clube) ou do Juande Ramos (sem clube), seria pior treinador apenas por estar sem Clube?
    Percebeu agora ou ainda não?

    Quanto ao restante do seu comentário, é pena não poder continuar a dialogar consigo, até porque teria algo para lhe dizer uma vez que concordo num dos pontos que refere, mas não nos conhecemos e não admito insinuações sobre o meu Sportinguismo, sejam elas quais forem.

    Sendo assim, passe bem.

    ResponderEliminar
  30. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderEliminar
  31. Amiga Tite,

    Custa-me bastante ver esta situação de divisão reinante entre os Sportinguistas. Se uns são os carneiros, os acomodados, os outros são os lampiões e os traidores. A tolerância anda arredada dos debates. Basta discordar-se para sermos logo adjectivados de qualquer coisa.

    E depois fala-se em democracia. Isso lembra-me aquela frase: "Cá em casa é uma democracia desde que façam o que eu mando". No estado actual do SCP, é substituir "façam o que eu mando" por "concordem com o que eu digo."


    "PS - Peço desculpa por não conseguir trasnmitir por palavras tudo o que vai no meu coração."

    Compreendo perfeitamente.

    Viva o Sporting CLUBE de Portugal!!

    ResponderEliminar
  32. Sr jvl...fale de treinadores cuja na realidade possam eventualmente treinar o SCP e não treinadores que custam balurdios,já para não falar do pouco interesse que a nossa Liga desperta,o que não faltam aí são treinadores no desemprego,agora eu quero é que apresente um que de facto exista possibilidade de vir treinar o SCP nas condições hoje existentes dia 29 de Outubro e que seja uma mais valia.Apresentar treinadores para daqui a 6 meses eu tb consigo,e até pode de facto existir soluções crediveis,mas a verdade é que para agora é praticamente impossivel mexer na estrutura técnica.Olhe, mais depressa ia embora o Jimmy Hoffa do SCP e um tal Telles.

    ResponderEliminar
  33. JVL,

    já reparou que Jesus é quem reúne os fiéis mas que os apóstolos ficaram todos com o Bento?

    LagartoSempre (desculpe se não o trato por Mário Duarte, é que aquele réptil pelo menos tem dignidade e Mário Duarte é nome de cronista acéfalo),

    já que gosta tanto do Bento, e que acha que o demónio está Dept. de Futebol (e aparentemente no melhor amigo Barbosa), então diga-nos:
    (i) porque se entendeu reforçar o meio-campo (com 2 jogadores) e o ataque (com 2 jogadores) se o A78 e o LG18 são cepos e (ii) se o LG18 se tornou um cepo depois do PB ter pedido a sua contratação, volvidos 6 meses de treino e titularidade ou se foram os €4M que nele se "investiram" que lhe toldaram a capacidade de jogar futebol (que nunca teve).

    Pois...

    sabe, é que o PB é tão bom treinador, tão sagaz, que foi capaz de promover à equipa sénior do Sporting o 1º avançado dos juniores a ser dispensado (entre Owusu, Wilson Eduardo, Marco Matias e Luis Paez, escolheu aquele que não era titular...) e - entre tantas outras alarvidades deste consulado que parece nunca mais terminar - afirmou a pés juntos que, para ele, o MV24 era defesa central.

    LdA, JVL,

    queria escrever um post sobre a entrevista do JEB - que me obrigou a alterar a rotina para ver - mas, à parte um ou outro comentário absurdo (foram vários) ela trouxe o enorme vazio que envolve esta presidência. Vazio de ideias, vazio de medidas, vazio de responsabilidade, vazio de exigência, vazio de conteúdo...

    Entre outras pérolas, ficámos a saber que o que falta à equipa de futebol é cagança.

    E ao presidente do Sporting inteligência.

    ResponderEliminar
  34. Excelente texto, uma reflexão informada e ponderada, que é o que vem faltando no pensar Sporting. E olha de frente esta ideia que desde há anos vem sendo promovida, a de que o Sporting tem sido dirigido pelos seus "melhores", a de que não há alternativas melhores face a estes "desinteressados".

    ResponderEliminar
  35. Excelente. Porque não mistura tudo no mesmo saco.

    Como já várias vezes referi, sou a favor do "primado" Sporting Clube. A SAD teria o seu espaço de actuação, mas o Clube deveria estar sempre acima de tudo. Foi com FSF que a derrocada começou e com o golpe palaciano que afastou Dias da Cunha.

    Esta questão é independente do treinador e dos resultados.

    JEB faz um esforço, mas não sei se será possível fazer o regresso ao passado. E temo por isso.

    Quanto ao papel dos sócios, será sempre muito difícil, pelo menos enquanto os destinos forem decididos por 800 ou 900 pessoas.

    ResponderEliminar
  36. PLF,

    Suspeito que seja porque os fiéis responsabilizam e os apóstolos absolvem.

    Não me foi possível ver a entrevista do JEB mas pelo que fui lendo pela blogosfera e depois noutros sites, JEB voltou a lançar umas quantas "JEBardadas".

    Ontem dizia que tinha começado a preparação para o discurso do 2º objectivo. Quando depois leio isto:

    "Os jogadores sentiram que as pessoas exigiam e não tinham alternativa senão ganhar, mas os outros tiveram possibilidade de investir mais e também têm ambições. Acho que colocaram o patamar num nível que se calhar não era sustentável. A exigência condiciona a 'performance'."

    receio pelo pior. Não é este o discurso que se espera nem se aceita a um presidente de um dos grandes.
    É o primeiro presidente do SCP que me lembro que não sabe lidar com a pressão. Fala-se tanto nos jogadores e afinal o mau exemplo está no lugar mais importante.

    Fantástica também a inversão de discurso em relação ao fundo de jogadores do slb.

    Eu sugiro o segiunte: blackout do presidente. Poupava-nos e muito.


    Miguel,

    O problema SAD vs Clube reside exactamente aí. Ao invés da SAD estar ao serviço do Clube, ser um instrumento deste, assemelha-se cada vez mais a um eucalipto.

    ResponderEliminar
  37. Ah e depois de um ano em que atingimos os oitavos da LC, afirmar "só pegando em receitas das próximas épocas e jogar tudo num ano", leva-me a perguntar (novamente) que verba tínhamos para investir este ano? Não fosse a venda do CR ao Real e teríamos 0€ para investir era?

    É isto que os "melhores" e os "desinteressados", como diz e bem o jpt, nos têm para apresentar?

    ResponderEliminar
  38. Por falar em Mário Duarte, ele tem que receber bastante bem para escrever o que escreve.

    "... condenaram Paulo Bento à (in)evitável contestação nascida do imediatismo de que são feitos os dias de hoje."

    E depois há estas "verdades" que me irritam. Até parece que nas décadas de 50, 60 ou qualquer outra para o efeito, não era igual.

    ResponderEliminar
  39. Acho que continua a faltar exigencia no Sporting. Alias, os comentários do tipo "foram eleitos com 90% dos votos", "Não há alternativa", "calem-se se não conseguem encontrar soluções" são sintomaticos. Quem foi eleito é que tem de encontrar soluções. Ainda mais quando é eleito com um programa eleitoral tipo folha A4 em que tudo estava omisso. Quem foi eleito é que tem de ter a sensibilidade para perceber que os socios devem ser criticos porque só com um corpo critico e exigente é possivel melhorar. Cabe a quem foi eleito não ser autista e perceber que o Sporting precisa de união e não de guerra e encontrar as melhores soluções que sirvam o compromisso entre o que uns socios defendem e outros querem.

    Alias, a questão do treinador é emblemática. Claramente é um foco de guerra dentro do clube. Vale a pena manter essa guerra? O Sporting ganha com isso? Paulo Bento é assim tão bom que justifique manter este conflito aceso dentro do clube? E atenção porque não estou a falar nos meritos ou demeritos de Paulo Bento, mas apenas nos danos que esta questão está a provocar ao clube!

    Quem fala em 90% e em maiorias devia por os olhos nas 1000 pessoas que apareceram na ultima AG. Ou nos milhares que deixaram de ir á bola. A tal maioria silenciosa! As maiorias que votam são grandes, mas os que não estão são infinitamente mais. Queremos que eles voltem? O que temos para lhes oferecer? O caminho mais comodo para quem não está satisfeito é simplesmente ir embora. Eu não gosto de falar em clientes no ambito do Sporting, mas qualquer empresa sabe que muito mais perigosos que os clientes que reclamam são os que não dizem nada e simplesmente não voltam...

    Quem fala em maiorias devia pensar que clube quer para o futuro. O da tal maioria duns milhares que tudo come e tudo aceita ou o dos milhões que hoje não estão, voltaram as costas ao clube e não aparecem...

    ResponderEliminar
  40. JVL,

    tive a oportunidade de constatar esse facto - o de o Sporting ter apresentado contas negativas no exercício anterior quando dificilmente poderia ter mais receitas "ordinárias" (à excepção da diminuição de receitas das vendas de lugares anuais, que obviamente se prendeu com a qualidade exibicional do Sporting).

    Isto é, no último ano de mandato de FSF, subiu-se o orçamento significativamente (na ordem dos 10%) quando a probabilidade é que as receitas do ano seguinte fossem substancialmente menores caso, como veio a verificar-se (sem surpresa para ninguém, dado o novo formato) o Sporting não se qualificasse para a LC. E se no ano em que se qualificou para a LC, em que atingiu os 1/8s o Sporting foi deficitário, então o que seria se não se qualificasse...

    A inconsciência, como venho dizendo há muito, vem de antes. E por isso não me canso de referir que, aqui há uns meses, ainda não tinha começado a temporada, ainda o Sporting não tinha sido afastado da LC pela Fiorentina, dizia que o era necessário REDUZIR o orçamento para equilibrar o clube/SAD, por forma a - pelo menos! - deixar a linha deficitária.

    Estou a preparar um post sobre a entrevista de ontem, que achei vergonhosa (é triste quando é a 1ª coisa que me vem à cabeça quando acordo). Mas há uma coisa que, já agora, deixava por aqui...

    O Benfica investiu muitíssimo, e muito mais do que o Sporting.

    O FCPorto NÃO. O FCPorto gastou MENOS do que recebeu e - nessa medida - DESINVESTIU.

    ResponderEliminar
  41. Por outro lado, Moniz Pereira, conhecido pela sua actividade ligada ao atletismo no clube, entende que José Eduardo Bettencourt é uma espécie de salvador e disse mesmo que se os contestatários estão contra o presidente, que se mudem.

    «Estou absolutamente de acordo com tudo o que tem sido feito pela direcção do Sporting. Sou vice-presidente e também tenho a minha opinião e estou totalmente de acordo com o nosso presidente. Na minha opinião, foi o salvador do clube», explicou.

    O “Senhor Atletismo” admitiu que todos têm dificuldades e frisou que os chamados “adeptos” que estão insatisfeitos com José Eduardo Bettencourt devem ir-se embora, porque se constituem desta forma como «importante adversários».in TSF

    Se isto não é ser a voz do dono, o que será!? Por mais titulos que já tenha dado ao Sporting, é tempo de dizer basta a Moniz Pereira, a TUA HORA TAMBEM JÁ ACABOU!

    HTTP://ESTESPORTINGFORNEVER.BLOGSPOT.COM

    ResponderEliminar
  42. Caro PLV,aqui não a questão de gostar ou não de Paulo Bento,coisa que não tenho é memória curta,a "nossa" divergência é simples,para mts aqui o principal problema é o Paulo Bento,para mim não é.Period.
    O SCP tem problemas de fundo que a simples troca de treinador não resolve.Só isso.E não, garanto-lhe não tenho nada a haver com o cronista d´O Jogo salvo ser meu homónimo.

    ResponderEliminar
  43. Tenho 42 anos, sou SPORTINGUISTA até morrer, tenho uma paixão única peço SPORTING, não pelos negócios SAD´S e afins.
    Ainda me lembro da 1ª vez que fui a Alvalade ver o Sporting ao vivo, ver o nosso Sporting ganhar 3-0 ao Setubal.
    Dou comigo a pensar que o nosso Clube não tem futuro, vai ser mais um Belenenses, se não seria melhor acabar co isto tudo e ficarem as boas memórias.

    ResponderEliminar

Este blogue compromete-se a respeitar as opiniões dos seus leitores.

Para todos os efeitos a responsabilidade dos comentários são de quem os produz.

A existência da caixa de comentários visa dar a oportunidade aos leitores de expressarem as suas opiniões sobre o artigo que lhe está relacionado, bem como a promoção do debate de ideias e não a agressão e confrontação.

Daremos preferência aos comentários que entendermos privilegiarem a opinião própria do que a opinião que os leitores têm sobre a opinião de terceiros aqui emitida. Esta será tolerada desde que respeite o interlocutor.

Insultos, afirmações provocatórias ou ofensivas serão rejeitados liminarmente.

Não serão tolerados comentários com links promocionais ou que não estejam directamente ligados ao post em discussão.

Sporting Clube de Portugal

Sporting Clube de Portugal

Prémios

Sporting 160 - Podcast

Os mais lidos no último mês

Blog Roll

Leitores em linha


Seguidores

Número de visitas

Free HTML Counters

Ultimos comentários

Blog Archive

Temas

"a gaiola da luz" (1) 10A (1) 111 anos (1) 1ª volta Liga Zon/Sagres 10/11 (3) 2010-2011 (1) 2016 (1) 8 (4) AAS (7) ABC (3) Abrantes Mendes (3) Academia (16) Académica-SCP (1) adeptos (94) Adrien (19) AdT (1) adversários (82) AFLisboa (2) AG (19) Alan Ruiz (1) Alexander Ellis (1) alma leonina (59) ambição (10) andebol (34) André Geraldes (2) André Marques (2) André Martins (6) André Pinto (1) André Santos (5) anestesia (3) angulo (5) aniversário "A Norte" (3) Aniversário SCP (4) antevisão (41) APAF (11) aplausos ao ruben porquê? (2) Aquilani (1) aquisições (85) aquisições 2013/14 (16) aquisições 2014/15 (18) aquisições 2015/16 (17) aquisições 2016/17 (10) aquisições 2017/18 (5) arbitragem (92) Associação de Basquetebol (6) ataque (1) Atitude (9) Atletico Madrid (1) Atlético Madrid (1) atletismo (6) auditoria (4) autismo (1) AVB és um palhaço (1) aventureiro (1) Bacelar Gouveia (2) Balakov (1) balanço (5) Baldé (4) balneário (3) banca (2) Barcos (3) Bas Dost (3) Bastidores (70) Batota (18) Battaglia (1) Beira-Mar (2) Belenenses (4) Benfica (1) BES (1) bilhetes (2) binários (1) Boal (1) Boateng (1) Boeck (2) Bojinov (7) Bolsa (2) Borússia Dortmund (1) Boulahrouz (2) Brasil (1) Braz da Silva (8) Brondby (4) Bruma (18) Bruno Carvalho (100) Bruno César (3) Bruno de Carvalho (7) Bruno Martins (20) Bryan Ruiz (3) Bubakar (1) BwinCup (1) cadeiras verdes (1) Cadete (1) Caicedo (5) calendário (2) Câmara Municipal de Lisboa (3) Campbell (2) Campeões (2) campeonato nacional (21) campeonatos europeus atletismo (2) Cândido de Oliveira (1) Caneira (2) Cape Town Cup (3) Capel (4) carlos barbosa (4) Carlos Barbosa da Cruz (2) Carlos Carvalhal (5) Carlos Freitas (7) Carlos Padrão (1) Carlos Severino (4) Carriço (6) Carrillo (10) Carrilo (3) carvalhal (30) Caso Cardinal (1) Casos (6) CD Liga (3) Cedric (7) Cervi (3) CFDIndependente (1) Champions League 2014/15 (9) Champions League 2015/16 (5) Chapecoense (1) CHEGA (1) Ciani (1) Ciclismo (3) CL 14/15 (2) Claques (9) clássicos (8) Coates (4) Coentrão (1) Coerência (1) colónia (1) comissões (2) competência (2) comunicação (65) Comunicação Social (21) Consciência (1) Conselho Leonino (2) contratações (6) COP (1) Coreia do Norte (1) Corradi (1) corrupção no futebol português (2) Cosme Damião (1) Costa do Marfim (3) Costinha (45) Couceiro (13) crápulas (1) credores (1) crise 2012/13 (21) Crise 2014/15 (2) Cristiano Ronaldo (1) cronica (3) crónica (15) cultura (4) curva Sporting (1) Damas (3) Daniel Sampaio (3) debate (5) defesa dos interesses do SCP (7) Del Horno (1) delegações (1) depressão (1) Derby (42) Derby 2016/17 (1) derlei (1) Desespero (1) Despedida (2) despertar (3) dia do leão (1) Dias da Cunha (1) Dias Ferreira (6) Diogo Salomão (4) director desportivo (18) director geral (5) direitos televisivos (4) Dirigentes (28) disciplina (6) dispensas (22) dispensas 2015/16 (1) dispensas 2016/17 (2) dispensas 2017/18 (1) djaló (10) Domingos (29) Doumbia (1) Doyen (4) Duarte Gomes (2) Ecletismo (60) Eduardo Barroso (6) Eduardo Sá Ferreira (2) eleições (19) eleições2011 (56) eleições2013 (26) eleições2017 (9) Elias (5) eliminação (1) empresários (11) empréstimo obrigacionista (3) entrevistas (63) Épico (1) época 09/10 (51) época 10/11 (28) época 11/12 (8) época 12/13 (11) época 13/14 (4) época 14/15 (8) época 15/16 (5) época 16/17 (7) época 17/18 (1) EquipaB (17) equipamentos (12) Eric Dier (8) Esperança (4) estabilidade (1) Estádio José de Alvalade (4) Estado da Nação (1) estatutos (6) Estórias do futebol português (4) estratégia desportiva (103) Estrutura (1) Euro2012 (6) Euro2016 (1) Europeu2012 (1) eusébio (2) Evaldo (3) Ewerton (4) exigência (2) expectativas (1) expulsão de GL (1) factos (1) Fafe (1) Fair-play (1) farto de Paulo Bento (5) fcp (12) FCPorto (9) Fernando Fernandes (1) FIFA (2) Figuras (1) filiais (1) final (1) final four (1) finalização (1) Finanças (24) fiorentina (1) Football Leaks (2) Formação (89) FPF (14) Francis Obikwelu (1) Francisco Geraldes (2) Frio (1) fundação aragão pinto (3) Fundação Sporting (1) fundos (14) futebol (9) futebol feminino (1) futebol formação (1) futebol internacional (1) Futre (1) Futre és um palhaço (4) futsal (23) futsal 10/11 (1) futuro (8) gabriel almeida (1) Gala Honoris Sporting (3) galeria de imortais (28) Gamebox (2) Gauld (5) Gelson (1) Gent (1) geração academia (1) Gestão despotiva (2) gestores de topo (10) Gilberto Borges (2) GL (2) glória (5) glorias (4) Godinho Lopes (27) Gomes Pereira (1) Governo Sombra (1) Gralha (1) Gratidão (1) Grimi (4) Grupo (1) Guerra Civil (2) guimarães (1) Guy Roux (1) Hacking (1) Heerenveen (3) Hildebrand (1) História (18) Holdimo (1) homenagem (5) Hóquei em Patins (7) Hugo Malcato (113) Hugo Viana (1) Humor (1) i (1) Identidade (11) Idolos (3) II aniversário (1) Ilori (4) imagem (1) imprensa (12) Inácio (5) incompetência (7) Insua (2) internacionais (2) inverno (2) investidores (3) Iordanov (6) Irene Palma (1) Iuri Medeiros (1) Izmailov (26) Jaime Marta Soares (3) Jamor (3) Janeiro (1) Jardel (2) jaula (3) JEB (44) JEB demite-se (5) JEB és uma vergonha (5) JEB rua (1) JEBardadas (3) JEBardice (2) Jefferson (3) Jeffren (5) Jesualdo Ferreira (14) JJ (1) JL (3) Joana Ramos (1) João Benedito (1) João Mário (6) João Morais (5) João Pereira (6) João Pina (3) João Rocha (3) Joaquim Agostinho (2) joelneto (2) Jogo de Apresentação (1) Jorge Jesus (44) Jorge Mendes (3) José Alvalade (1) José Cardinal (2) José Couceiro (1) José Eduardo Bettencourt (33) José Travassos (1) JPDB (1) Jubas (1) judo (6) Juniores (7) JVL (105) kickboxing (1) Kwidzyn (1) Labyad (7) Lazio (1) LC (1) Leão de Alvalade (496) Leão Transmontano (62) Leonardo Jardim (11) Liderança (1) Liedson (28) Liga 14/15 (35) Liga de Clubes (12) liga dos campeões (12) Liga dos Campeões 2016/17 (11) Liga dos Campeões 2017/18 (5) Liga Europa (33) Liga Europa 11/12 (33) Liga Europa 12/13 (9) Liga Europa 13/14 (1) Liga Europa 14/15 (1) Liga Europa 15/16 (11) Liga Europa10/11 (16) Liga NOS 15/16 (30) Liga NOS 16/17 (22) Liga NOS 17/18 (2) Liga Sagres (30) Liga Zon/Sagres 10/11 (37) Liga Zon/Sagres 11/12 (38) Liga Zon/Sagres 12/13 (28) Liga Zon/Sagres 13/14 (24) Lille (1) LMGM (68) losango (1) Lourenço (1) low cost (1) Luis Aguiar (2) Luis Duque (9) Luís Martins (1) Madeira SAD (4) Malcolm Allison (1) Mandela (2) Mané (3) Maniche (4) Manifesto (3) Manolo Vidal (2) Manuel Fernandes (7) Marca (1) Marcelo Boeck (1) Marco Silva (27) Maritimo (2) Marítimo (3) Markovic (1) Matheus Oliveira (1) Matheus Pereira (3) Mati (1) matías fernandez (8) Matias Perez (1) Mauricio (3) Meli (1) Memória (10) mentiras (1) mercado (41) Meszaros (1) Miguel Lopes (1) miséria de dirigentes (2) mística (3) Modalidades (25) modelo (3) Moniz Pereira (7) Montero (7) Moutinho (3) Mundial2010 (9) Mundial2014 (3) Mundo Sporting (1) Nacional (1) Naide Gomes (2) Naldo (3) naming (2) Nani (3) Natal (4) Naval (3) Navegadores (3) negócios lesa-SCP (2) NextGen Series (3) Noite Europeia (1) nonsense (23) Nordsjaelland (1) NOS (1) Notas de Imprensa (1) notáveis (1) nucleos (1) Núcleos (9) Nuno André Coelho (2) Nuno Dias (3) Nuno Saraiva (2) Nuno Valente (1) o (1) O Roquetismo (8) Oceano (1) Octávio (1) Olhanense (1) Olivedesportos (1) Onyewu (7) onze ideal (1) opinião (6) oportunistas (1) orçamento (3) orçamento clube 15/16 (1) organização (1) orgulho leonino (17) Oriol Rosell (3) paineleiros (15) Paiva dos Santos (2) paixão (3) papagaios (8) pára-quedista (1) parceria (2) pascoa 2010 (1) pasquins (7) património (2) patrocínios (5) Paulinho (1) paulo bento (19) Paulo Faria (1) Paulo Oliveira (3) Paulo Sérgio (43) paulocristovão (1) Pavilhão (11) pedrada (1) Pedro Baltazar (8) Pedro Barbosa (5) Pedro Madeira Rodrigues (3) Pedro Mendes (4) Pedro Silva (2) Pereirinha (6) Peyroteo (2) Piccini (1) Pini Zahavi (2) Pinto Souto (1) plantel (31) plantel 17/18 (3) play-off (2) play-off Liga dos Campeões 17/18 (4) PMAG (3) Podence (1) Polga (5) Pongolle (5) Pontos de vista (15) por amor à camisola (3) post conjunto (5) Postiga (7) PPC (7) Pranjic (2) pré-época (2) pré-época 10/11 (7) pré-época 11/12 (43) pré-época 12/13 (16) pré-época 13/14 (16) pré-época 14/15 (22) pré-época 15/16 (20) pré-época 16/17 (12) pré-época 17/18 (9) prémio (1) prémios stromp (1) presidente (4) Projecto BdC (1) projecto Roquette (2) promessas (3) prospecção (2) Providência Cautelar. Impugnação (1) PS (1) Quo vadis Sporting? (1) Rabiu Ibrahim (2) râguebi (1) raiva (1) RD Slovan (1) reacção (1) redes sociais (1) Reestruturação financeira (17) reflexãoleonina (21) reforços (15) regras (4) regulamentos (1) Relatório e Contas (11) relva (10) relvado sintético (4) remunerações (1) Renato Neto (3) Renato Sanches (1) respeito (7) resultados (1) revisão estatutária (5) Ribas (2) Ribeiro Telles (4) Ricardo Peres (1) Ricciardi (2) ridiculo (1) ridículo (2) Rinaudo (8) Rio Ave (2) Rita Figueira (1) rivais (6) Rodriguez (2) Rojo (4) Ronaldo (12) rtp (1) Rúbio (4) Rui Patricio (18) Rui Patrício (4) Sá Pinto (31) SAD (25) Salema (1) Sarr (4) Schelotto (2) Schmeichel (2) scouting (1) SCP (64) Segurança (1) Selecção Nacional (38) seleccionador nacional (5) Semedo (1) SerSporting (1) Shikabala (2) Silly Season2017/18 (2) Símbolos Leoninos (3) Sinama Pongolle (1) Sistema (4) site do SCP (3) SJPF (1) Slavchev (1) slb (21) Slimani (11) Soares Franco (1) sócios (16) Sócrates (1) Solar do Norte (14) Sondagens (1) sorteio (3) Sousa Cintra (1) Sp. Braga (2) Sp. Horta (1) Spalvis (2) Sporting Clube de Paris (1) Sporting160 (1) Sportinguismo (2) sportinguistas notáveis (2) SportTv (1) Stijn Schaars (4) Stojkovic (3) Sunil Chhetri (1) Supertaça (3) sustentabilidade financeira (40) Taça CERS (1) Taça Challenge (5) taça da liga (11) Taça da Liga 10/11 (7) Taça da Liga 11/12 (3) Taça da Liga 13/14 (3) Taça da Liga 14/15 (2) Taça da Liga 15/16 (4) Taça da Liga 16/17 (1) Taça da Liga 17/18 (1) Taça das Taças (1) Taça de Honra (1) Taça de Liga 13/14 (3) Taça de Portugal (12) Taça de Portugal 10/11 (3) Taça de Portugal 10/11 Futsal (1) Taça de Portugal 11/12 (12) Taça de Portugal 13/14 (3) Taça de Portugal 14/15 (8) Taça de Portugal 15/16 (4) Taça de Portugal 16/17 (4) táctica (1) Tales (2) Tanaka (1) Ténis de Mesa (2) Teo Gutierrez (5) Tertúlia Leonina (3) Tiago (3) Tonel (2) Torneio Guadiana 13/14 (1) Torneio New York Challenge (4) Torsiglieri (4) Tottenham (1) trabalho (1) transferências (5) transmissões (1) treinador (90) treino (4) treinos em Alvalade (1) troféu 5 violinos (5) TV Sporting (5) Twente (2) Tziu (1) uefa futsal cup (4) Uvini (1) Valdés. (3) Valores (14) Veloso (5) vendas (8) vendas 2013/14 (2) vendas 2014/15 (1) vendas 2016/17 (5) vendas 2017/18 (1) Ventspils (2) Vercauteren (5) Vergonha (7) video-arbitro (5) Villas Boas (8) Viola (1) Virgílio (98) Virgílio1 (1) Vitor Golas (1) Vitor Pereira (6) Vitória (1) VMOC (7) Vox Pop (2) VSC (3) Vukcevic (10) WAG´s (1) William Carvalho (13) Wilson Eduardo (2) Wolfswinkel (12) Wrestling (1) Xandão (4) Xistra (3) Zapater (2) Zeegelaar (2) Zezinho (1)