quarta-feira, 16 de junho de 2010

Medo do escuro


Numa pequena viagem pela blogosfera é possível identificar os aproximadamente 3.497 problemas que afectaram ontem a nossa selecção, todos eles são óbvios e resumem-se no resultado final. Um empate a zero, sem magia nem glória. Pior do que este relambório de problemas só as desculpas da tanga que são uma imagem de marca de quem não quer assumir responsabilidades, ou pior não sabe como se assumem responsabilidades.

Li poucas referências à qualidade do adversário, li e ouvi muitas referências a rankings ou ratings (já nem sei em qual é que estamos bem e em qual estamos mal) mas em dezenas de comentadores e analistas este jogo era muito importante, era o primeiro, tínhamos de ganhar e ponto final. Porquê? O último jogo é para perder? O próximo está ganho?

O medo do escuro, que normalmente todos nós desenvolvemos na nossa infância, é um dos medos mais inócuos que existem, que se saiba fora da tela do cinema o escuro nunca magoou ninguém, já sei que vou ser desmentido por todos aqueles que deram um certeiro pontapé na mesinha de cabeceira quando regressavam à cama, mas fora estes, o escuro, enquanto entidade não faz mal a ninguém.

Porque é que desenvolvemos então esse pavor? Trata-se de uma armadilha da nossa prodigiosa mente que cria para seu divertimento, monstros debaixo da cama, demónios dentro de armários e mãos fantasmagóricas que nos gelam o sangue provocam calafrios.

Voltemos ao futebol. O jogo de ontem foi um jogo de equilíbrios, o resultado final é o reflexo da competência de cada uma das equipas em não permitir que o seu adversário lhe invadisse o quarto e lhe apagasse a luz de uma qualificação.

Não tivemos oportunidades é verdade, mas também não as permitimos, andaram ambos (os 22 ou 28) a bailar no hall de entrada e deixaram as balizas virgens.

A melhor forma de eliminar o medo do escuro é adormecer e entregar a nossa mente ao reino dos sonhos e da ilusão. Esta seria uma das primeiras soluções que daria à nossa selecção, um sonho. Claro que um sonho que fosse suficientemente forte para eliminar os fantasmas que por ali pairam (o próximo deve ser ter de ganhar à Coreia por muitos golos...). Quer o destino que esse sonho esteja ali à mão de semear. O quê? Fácil!

Quero eliminar a Espanha!

A partir deste momento o único objectivo da selecção na África do Sul devia ser este, eliminar a Espanha. Demónio dos demónios para qualquer português que se preze e que também não reúne grandes simpatias pelos sul-americanos que defendem as nossas cores. Vencidos os fantasmas e com os corações a palpitar de coragem vamos lá resolver a parte mais fácil.

Ó Carlos, arruma lá o 4-3-3 no mesmo sítio que o guardou o Carvalhal e põe o único sistema em que a maioria dessa malta têm rotinas de jogo nos seus clubes, o 4-4-2.
Agora espera pela segunda parte do jogo da Coreia para me fazer a vontade que eu enfio-te o Oliveirinha sem bigode debaixo da cama e tu vais ver o que é ter medo do escuro.

18 comentários:

  1. Eu não sou apaixonado nem sofro pela Selecção mas esses medos e fantasmas têm razão de ser.
    As contas são muito simples e são iguais para as 2 Selecções, a Portuguesa e a Africana:
    - Os jogos com o Brasil são para perder, em tese.
    - Os jogos com a Coreia do Norte são para ganhar, em tese.
    - No confronto entre as 2 - jogo de ontem - decidir-se-ia quem avançaria em frente com o Brasil.
    Portugal teve a sorte - a mesma sorte (chouriçada de todo o tamanho) que teve no apuramento - na questão do calendário. Somará 3 pontos no próximo jogo, e a Costa do Marfim provavelmente não mas ... Portugal sofreu há bem pouco tempo 6, 7 ou 8 golos do Brasil, e a Costa do Marfim não, por isso é natural que alguns fantasmas existam ...

    Mais devem existir quando Portugal é incapaz de marcar golos. Não será pelos golos sofridos que Portugal não se apurará é certo, porque salvo erro se não foi a Selecção menos batida da Qualificação foi das menos mas ... todos aqueles empates a 0, o empate a 0 com Moçambique (Moçambique ou a Selecção com quem jogou há 1 mês) e o empate a 0 de ontem lá está ... são fantasmas.
    Mas há ainda um 1 fantasma maior, que é impossível de ser escondido: a ausência de futebol no jogo da Selecção, a ausência de tudo, tudo o que não seja a tal coesão defensiva que lhe permite não sofrer golos.
    Tudo o resto, não existe.

    Portugal teve a sorte de apurar-se, essa já ninguém lhe tira.
    Em condições normais, com o Futebol que (não) joga, ou sairá do Mundial agora ou sairá na 1º ronda dos jogos a eliminar.
    A não ser ... que o Queirós esteja a contar com 4 ou 5 brilharetes do Ronaldo em outros tantos jogos, que permitam à Selecção avançar umas fases e ser eliminada lá mais para a frente.
    Vamos ser claros: Portugal não joga nada. E quem não joga nada é bom que sinta algum medo porque ao menos vai mostrando que tem noção que não joga nada, e esse é o caso dos adeptos pelo menos ...
    Equipa lenta.
    Meio-campo lento e vazio de ideias.
    Deco, Mendes, Meireles, tudo jogadores muito parecidos e lentos.
    Liedson algo deslocado do jogo da equipa.
    O Danny - este sim - foi bem avançado pelo Queirós, mas também não mostrou muito ... e o Ronaldo não pode estar em todas.
    O Coentrão é uma merda mas como é jovem e português todos dizem que é bom, o Paulo Ferreira é o que sempre foi, seguro, e os centrais são muito bons ... a defender.
    É uma equipa razoável, mas não é mais do que isso. Falta o mais importante: motor. O motor pode ser o Ronaldo, mas se o for depois fica a faltar lá à frente. Se o Ronaldo estiver lá à frente, não há quem pegue no jogo cá atrás.
    Em termos simplistas é isto. Tudo muito vulgar.
    O Simão nem cantos sabe marcar. E o Eduardo não é guarda-redes que garanta defesas impossíveis, daquelas que decidam rondas a eliminar, portanto não há muito a esperar ... muito que não saia dos pés do CR7.
    Eu não gosto dele mas de facto tenho de reconhecer que é um jogador extraordinário, simplesmente fenomenal.
    É o jogador mais completo que o Futebol alguma vez viu ... logo a seguir ao Romagnoli.

    ResponderEliminar
  2. A campeã do Mundo não vai ser a Espanha, nem a Alemanha, nem nenhuma Selecção Europeia: vai ser o Brasil.
    Não é um Brasil cintilante e fantástico, mas Selecções Brasileiras cintilantes e fantásticas há muito que não existem, mas ... é uma Selecção sem falhas, forte em todos os departamentos.
    É a mais capaz de todas, em todos os aspectos.

    A Espanha de quem muitos esperam muito não vai ganhar nada. Falta-lhe aquilo que costuma faltar a Selecções como a Holandesa por exemplo: consistência e mentalidade. Crónico problema espanhol de resto, porque boas e dotadas Selecções quase sempre as tiveram.

    Brasil ou Eslováquia, a vencedora será uma destas.
    E em segundo ficarão as Super Águias, com 2 golos do Amokachi.
    E um 3º do Amunike, numa combinação com o Rufai.

    ResponderEliminar
  3. Já agora: as equipas asiáticas, simplesmente fantásticas.
    Jogo colectivo, enérgico, a jogar sem temor e com jogadores a querer destacar-se, com fome de palcos ... é muito bom ver.
    Jogam muito bom futebol. Tudo muito certo e deixam tudo em campo, atributo que nunca se poderá esperar de Selecções compostas por jogadores a jogar em Campeonatos da Europa: por norma jogadores bons mas acomodados, sem aquela ponta de motivação extra.
    Um pouco como o Rocky III, lembram-se?
    É mais ou menos isso. Os Campeonatos do Velho Continente precisam disso: fazer as malas e apanhar a camioneta para Los Angeles, e ir treinar do ginásio antigo do Apollo.
    Sem isto nada feito. O Brasil vencerá sempre, ou quase sempre.

    ResponderEliminar
  4. Já agora uma última palavra para a Costa do Marfim e para a Nigéria:
    As Selecções Africanas perderam a magia de outros tempos. Lá está ... perderam a pureza, e ganharam os vícios dos Campeonatos Europeus.
    É uma pena.

    Verdadeiro Futebol agora só poderá ver-se jogador por:
    - Mulheres.
    - E Asiáticos.
    É este o melhor Futebol do Mundo neste momento.

    ResponderEliminar
  5. ... logo a seguir ao Romagnoli claro.

    ResponderEliminar
  6. Preciso de lume. Vou usar o fogão, um momento.

    ResponderEliminar
  7. Pronto.
    Siga o Mundial, e a festa do Futebol, mas com tabaco, e muito Romagnoli.
    Lembram-se do Romagnoli a partir o Jorge Costa, naquela meia-final em 1999, no particular que o FC Porto fez no México?
    Eu lembro: simulou para a esquerda e foi dormir. Adeus.

    ResponderEliminar
  8. MHumberto, tenho aqui isqueiro se for preciso.

    As selecções asiáticas, como quase todo o oriente, têm sonhos não têm fantasmas... nem medo do escuro.

    Só as preocupa não serem perfeitas a cada segundo do seu dia a dia, são uns chatos.

    ResponderEliminar
  9. O grupo da morte do Mundial, deve ter este nome por causa de uma agência qualquer teve a sua primeira jornada.

    O mais forte ganhou ao mais fraco, os outros cavaleiros do apocalipse empataram.

    Conclusão: Portugal não joga nada e só cá está porque tem a sorte ... do Romagnoli

    ResponderEliminar
  10. LMGM:
    Medo e escuro são duas palavras correctas para classificar o momento desta selecção, mas que contextualizo de forma diversa da que fazes.

    Medo:
    É o que tem caracterizado a postura das equipas e que tem contribuído para os resultados que se têm verificado. Foi isso que se sentiu no jogo de ontem em ambas as equipas, embora me pareça que foram os africanos que melhor souberam lidar com isso.

    Escuro:
    É a perspectiva deixada pelo jogo português. Não por causa do empate, que deixa as 2 equipas em pé de igualdade, mas pelo que a selecção NÃO jogou. Não concordo que não houve oportunidades, diria que houve 2. E elas ajudam a distinguir o que ambas as equipas fizeram no relvado. A nossa, no remate do Ronaldo, resulta de um iniciativa individual e longe da área, a deles, do Drogba, resulta de uma jogada que envolve vários jogadores marfinenses e é dentro da área. Quantas vezes conseguimos estender o nosso jogo de uma área a outra, marcando presença na área, em condições de finalizar. Sendo o empate um resultado aceitável creio que os marfinenses me pareceram mais evoluídos no seu jogo colectivo que nós. O que não deixa de ser estranho, se contabilizarmos o tempo que os 2 seleccionadores levam no comando das equipas. Ericksson acabou de entrar e Queiroz já leva 2 anos.

    Não creio que o problema esteja no sistema de jogo. Qualquer um deles tem virtudes e inconvenientes. O problema é a forma como são aplicados. Sem largura nem profundidade do nosso jogo, que se pode conseguir em 4x3x3 ou 4x4x2, não vamos a lado nenhum.

    Também eu quero eliminar a Espanha. Mas isso, neste momento, é querer comer a pastilha que está no fundo do épá, sem ter ainda sequer o gelado na mão. E se não tens dentes para comer o gelado (Costa do Marfim) podes pensar em mascar a pastilha (Espanha)?

    ResponderEliminar
  11. Complementando:
    Se estamos no grupo da morte e não matamos arriscamo-nos a morrer. E tendo o Brasil como candidato nº1, não matar a Costa do Marfim deixa-nos numa posição incómoda. É isso que de alguma forma justifica o pessimismo que se instalou e que, se bem me lembro, não é de agora.

    ResponderEliminar
  12. LdA. eu conto pelo menos mais duas oportunidades, o cabeceamento do Liedson e o remate do Gerzinho (grande responsavel pelos problemas do Paulo Ferreira e não a falta de qualidade deste).

    Portugal jogou com medo, como aliás tem jogado muitas vezes, é por essa razão que tento procurar soluções. O medo combate-se de diversas formas, por vezes é com mais medo ou com um medo superior - "Se não comes a sopa toda vem o policia e leva-te preso." - perfiro abordar essa questão pelo sonho acreditando que é uma força capaz de superar o medo.

    Sobre o escuro, ponho a solução no conforto. Temos naturalmente medo do desconhecido e o escuro é algo que se desconhece. A selecção joga num sistema que não lhe é confortavel (ou pelo menos assim aparenta) o jogo não flui quando o adversário coloca dificuldades. Entra-se assim num ciclo vicioso, o desconhecido cria medo, o medo liberta fantasmas e a acção fisica fica limitada.

    O Deco refere essa questão quando diz que foi "convidado" a executar funções que desconhece, os seus movimentos não podem ser naturais nessas condições mas esforçados e declarados.

    É por essa razão que mais depressa arriscaria uma mudança táctica para devolver o conforto ofensivo à equipa do que continuar a triturar jogadores em posições onde eles não rendem (Liedson, Deco, Duda, etc.)e perdem confiança.

    ResponderEliminar
  13. ""Quero esclarecer que nunca tive e não tenho qualquer problema como o treinador e jamais foi minha intenção colocar em causa a liderança e as decisões do professor Carlos Queiroz. As minhas palavras foram proferidas a quente e sem o melhor discernimento, pois o jogo tinha terminado há pouco e sentia-me profundamente frustrado por não ter ajudado a equipa a ganhar", refere o médio num comunicado publicado no site da Federação Portuguesa de Futebol (FPF).

    Deco, que foi substituído aos 62' por Tiago, acrescenta que "a primeira parte do jogo não correu bem" e que na segunda "havia mais espaço", pelo que sentia que poderia "ajudar a equipa". "Nenhum jogador gosta de ser substituído e eu muito menos. Acreditava que a qualquer momento podia fazer uma assistência ou até um golo que decidisse o jogo. Daí a minha frustração. Motivada principalmente por não poder ajudar a minha equipa. Mas em momento algum quis por em causa o treinador", sublinha" in A Bola

    É a isto que eu chamo combater o medo com um medo superior...

    ResponderEliminar
  14. Medo e escuro... Escuro e medo. Medo do escuro. O escuro que provoca o medo... Pois.

    Dêem-se as voltas que se derem a verdade é só uma: mesmo com todos aqueles gigawatts a iluminar o relvado, NÃO JOGAMOS UM CU.

    E quem tem cu tem ... medo. E quem tem medo, compra um cão e não vai ao mundial... Se for ao mundial sem cão, tem medo. E está a porra de um ciclo vicioso montado que dificilmente será quebrado por Queiroz, qt mais invertê-lo. O homem é muito organizadinho e estudioso e científico e etc e tal, mas ouvi-lo dever ser ó contrário de viver um sonho, creio que se aproximará mais de um autentifico pesadelo, e já se sabe que os pesadelos dão muito medo e provocam suores e desgastam e cansam... Acho que o carisma do Professor estava no bigode… Dps desta espécie de Sansão do futebol moderno o ter cortado nc mais foi o mesmo….


    Como ouvi, li e vi mts afirmarem: Queirós não é líder, não motiva e ainda por cima o seu discurso, pelos vistos, não só é incompreensível para adeptos, tb o é para os próprios jogadores e, lá está, é Indecifrável e mete medo ao susto.


    A ‘oitava-maravilha-do-mundo-futebolistico’ Romagnoli ainda joga? E q tal chamá-lo para treinar a selecção?...

    ResponderEliminar
  15. Qual Romagnoli qual quê!

    Ó LMGM a 'Miss? que segura a lâmpada com tanto geitinho não é treinadora nem nada?

    Pelo menos não me irritava sp que as câmaras de tv apontam para o banco português e focam a moleirinha (ou toda a restante envolvência)do 'Mister' ... Não, não... não foi só o bigode que 'voou'...

    ResponderEliminar
  16. Virgilio, com monstros daqueles debaixo da cama quem é que quer dormir.

    ResponderEliminar
  17. LOL... Pois, muita insónias teria eu com tais monstros...

    A porra dos monstros dos anúncios da google é que voltaram a aparecer...

    Mais uma assombração. Será que existe alguma correlação entre o mau futebol e anúncios da google? Sei q são ambos indesejados no 'ANorte', mas parece que andam de mãos dadas, c’um caraças…

    ResponderEliminar

Este blogue compromete-se a respeitar as opiniões dos seus leitores.

Para todos os efeitos a responsabilidade dos comentários são de quem os produz.

A existência da caixa de comentários visa dar a oportunidade aos leitores de expressarem as suas opiniões sobre o artigo que lhe está relacionado, bem como a promoção do debate de ideias e não a agressão e confrontação.

Daremos preferência aos comentários que entendermos privilegiarem a opinião própria do que a opinião que os leitores têm sobre a opinião de terceiros aqui emitida. Esta será tolerada desde que respeite o interlocutor.

Insultos, afirmações provocatórias ou ofensivas serão rejeitados liminarmente.

Não serão tolerados comentários com links promocionais ou que não estejam directamente ligados ao post em discussão.

Sporting Clube de Portugal

Sporting Clube de Portugal

Prémios

Sporting 160 - Podcast

Os mais lidos no último mês

Blog Roll

Leitores em linha


Seguidores

Número de visitas

Free HTML Counters

Ultimos comentários

Blog Archive

Temas

"a gaiola da luz" (1) 10A (1) 111 anos (1) 1ª volta Liga Zon/Sagres 10/11 (3) 2010-2011 (1) 2016 (1) 8 (4) AAS (7) ABC (3) Abrantes Mendes (3) Academia (16) Académica-SCP (1) adeptos (94) Adrien (19) AdT (1) adversários (82) AFLisboa (2) AG (19) Alan Ruiz (2) Alexander Ellis (1) alma leonina (59) ambição (10) andebol (34) André Geraldes (2) André Marques (2) André Martins (6) André Pinto (1) André Santos (5) anestesia (3) angulo (5) aniversário "A Norte" (3) Aniversário SCP (4) antevisão (41) APAF (13) aplausos ao ruben porquê? (2) Aquilani (1) aquisições (85) aquisições 2013/14 (16) aquisições 2014/15 (18) aquisições 2015/16 (17) aquisições 2016/17 (10) aquisições 2017/18 (5) arbitragem (94) Associação de Basquetebol (6) ataque (1) Atitude (9) Atletico Madrid (1) Atlético Madrid (1) atletismo (6) auditoria (4) autismo (1) AVB és um palhaço (1) aventureiro (1) Bacelar Gouveia (2) Balakov (1) balanço (5) Baldé (4) balneário (3) banca (2) Barcos (3) Bas Dost (3) Bastidores (72) Batota (19) Battaglia (1) Beira-Mar (2) Belenenses (4) Benfica (1) BES (1) bilhetes (2) binários (1) Boal (1) Boateng (1) Boeck (2) Bojinov (7) Bolsa (2) Borússia Dortmund (1) Boulahrouz (2) Brasil (1) Braz da Silva (8) Brondby (4) Bruma (18) Bruno Carvalho (100) Bruno César (3) Bruno de Carvalho (9) Bruno Martins (20) Bryan Ruiz (5) Bubakar (1) BwinCup (1) cadeiras verdes (1) Cadete (1) Caicedo (5) calendário (2) Câmara Municipal de Lisboa (3) Campbell (2) Campeões (2) campeonato nacional (21) campeonatos europeus atletismo (2) Cândido de Oliveira (1) Caneira (2) Cape Town Cup (3) Capel (4) carlos barbosa (4) Carlos Barbosa da Cruz (2) Carlos Carvalhal (5) Carlos Freitas (7) Carlos Padrão (1) Carlos Severino (4) Carriço (6) Carrillo (10) Carrilo (3) carvalhal (30) Caso Cardinal (1) Casos (6) CD Liga (3) Cedric (7) Cervi (3) CFDIndependente (1) Champions League 2014/15 (9) Champions League 2015/16 (5) Chapecoense (1) CHEGA (1) Ciani (1) Ciclismo (3) CL 14/15 (2) Claques (9) clássicos (8) Coates (4) Coentrão (1) Coerência (1) colónia (1) comissões (2) competência (2) comunicação (68) Comunicação Social (21) Consciência (1) Conselho Leonino (2) contratações (6) COP (1) Coreia do Norte (1) Corradi (1) corrupção no futebol português (2) Cosme Damião (1) Costa do Marfim (3) Costinha (45) Couceiro (13) crápulas (1) credores (1) crise 2012/13 (21) Crise 2014/15 (2) Cristiano Ronaldo (1) cronica (3) crónica (15) cultura (4) curva Sporting (1) Damas (3) Daniel Sampaio (3) debate (5) defesa dos interesses do SCP (7) Del Horno (1) delegações (1) depressão (1) Derby (42) Derby 2016/17 (1) derlei (1) Desespero (1) Despedida (2) despertar (3) dia do leão (1) Dias da Cunha (1) Dias Ferreira (6) Diogo Salomão (4) director desportivo (18) director geral (5) direitos televisivos (4) Dirigentes (28) disciplina (6) dispensas (22) dispensas 2015/16 (1) dispensas 2016/17 (2) dispensas 2017/18 (1) djaló (10) Domingos (29) Doumbia (1) Doyen (4) Duarte Gomes (2) Ecletismo (60) Eduardo Barroso (6) Eduardo Sá Ferreira (2) eleições (19) eleições2011 (56) eleições2013 (26) eleições2017 (9) Elias (5) eliminação (1) empresários (11) empréstimo obrigacionista (3) entrevistas (63) Épico (1) época 09/10 (51) época 10/11 (28) época 11/12 (8) época 12/13 (11) época 13/14 (4) época 14/15 (8) época 15/16 (5) época 16/17 (7) época 17/18 (1) EquipaB (17) equipamentos (12) Eric Dier (8) Esperança (4) estabilidade (1) Estádio José de Alvalade (4) Estado da Nação (1) estatutos (6) Estórias do futebol português (4) estratégia desportiva (104) Estrutura (1) Euro2012 (6) Euro2016 (1) Europeu2012 (1) eusébio (2) Evaldo (3) Ewerton (4) exigência (2) expectativas (1) expulsão de GL (1) factos (1) Fafe (1) Fair-play (1) farto de Paulo Bento (5) fcp (12) FCPorto (9) Fernando Fernandes (1) FIFA (2) Figuras (1) filiais (1) final (1) final four (1) finalização (1) Finanças (24) fiorentina (1) Football Leaks (2) Formação (89) FPF (14) Francis Obikwelu (1) Francisco Geraldes (2) Frio (1) fundação aragão pinto (3) Fundação Sporting (1) fundos (14) futebol (9) futebol feminino (1) futebol formação (1) futebol internacional (1) Futre (1) Futre és um palhaço (4) futsal (23) futsal 10/11 (1) futuro (8) gabriel almeida (1) Gala Honoris Sporting (3) galeria de imortais (28) Gamebox (2) Gauld (5) Gelson (1) Gent (1) geração academia (1) Gestão despotiva (2) gestores de topo (10) Gilberto Borges (2) GL (2) glória (5) glorias (4) Godinho Lopes (27) Gomes Pereira (1) Governo Sombra (1) Gralha (1) Gratidão (1) Grimi (4) Grupo (1) Guerra Civil (2) guimarães (1) Guy Roux (1) Hacking (1) Heerenveen (3) Hildebrand (1) História (18) Holdimo (1) homenagem (5) Hóquei em Patins (7) Hugo Malcato (113) Hugo Viana (1) Humor (1) i (1) Identidade (11) Idolos (3) II aniversário (1) Ilori (4) imagem (1) imprensa (12) Inácio (5) incompetência (7) Insua (2) internacionais (2) inverno (2) investidores (3) Iordanov (6) Irene Palma (1) Iuri Medeiros (1) Izmailov (26) Jaime Marta Soares (3) Jamor (3) Janeiro (1) Jardel (2) jaula (3) JEB (44) JEB demite-se (5) JEB és uma vergonha (5) JEB rua (1) JEBardadas (3) JEBardice (2) Jefferson (3) Jeffren (5) Jesualdo Ferreira (14) JJ (1) JL (3) Joana Ramos (1) João Benedito (1) João Mário (6) João Morais (5) João Pereira (6) João Pina (3) João Rocha (3) Joaquim Agostinho (2) joelneto (2) Jogo de Apresentação (1) Jorge Jesus (44) Jorge Mendes (3) José Alvalade (1) José Cardinal (2) José Couceiro (1) José Eduardo Bettencourt (33) José Travassos (1) JPDB (1) Jubas (1) judo (6) Juniores (7) JVL (105) kickboxing (1) Kwidzyn (1) Labyad (7) Lazio (1) LC (1) Leão de Alvalade (496) Leão Transmontano (62) Leonardo Jardim (11) Liderança (1) Liedson (28) Liga 14/15 (35) Liga de Clubes (12) liga dos campeões (12) Liga dos Campeões 2016/17 (11) Liga dos Campeões 2017/18 (8) Liga Europa (33) Liga Europa 11/12 (33) Liga Europa 12/13 (9) Liga Europa 13/14 (1) Liga Europa 14/15 (1) Liga Europa 15/16 (11) Liga Europa10/11 (16) Liga NOS 15/16 (30) Liga NOS 16/17 (22) Liga NOS 17/18 (5) Liga Sagres (30) Liga Zon/Sagres 10/11 (37) Liga Zon/Sagres 11/12 (38) Liga Zon/Sagres 12/13 (28) Liga Zon/Sagres 13/14 (24) Lille (1) LMGM (68) losango (1) Lourenço (1) low cost (1) Luis Aguiar (2) Luis Duque (9) Luís Martins (1) Madeira SAD (4) Malcolm Allison (1) Mandela (2) Mané (3) Maniche (4) Manifesto (3) Manolo Vidal (2) Manuel Fernandes (7) Marca (1) Marcelo Boeck (1) Marco Silva (27) Maritimo (2) Marítimo (3) Markovic (1) Matheus Oliveira (1) Matheus Pereira (3) Mati (1) matías fernandez (8) Matias Perez (1) Mauricio (3) Meli (1) Memória (10) mentiras (1) mercado (41) Meszaros (1) Miguel Lopes (1) miséria de dirigentes (2) mística (3) Modalidades (25) modelo (3) Moniz Pereira (7) Montero (7) Moutinho (3) Mundial2010 (9) Mundial2014 (3) Mundo Sporting (1) Nacional (1) Naide Gomes (2) Naldo (3) naming (2) Nani (3) Natal (4) Naval (3) Navegadores (3) negócios lesa-SCP (2) NextGen Series (3) Noite Europeia (1) nonsense (23) Nordsjaelland (1) NOS (1) Notas de Imprensa (1) notáveis (1) nucleos (1) Núcleos (9) Nuno André Coelho (2) Nuno Dias (3) Nuno Saraiva (4) Nuno Valente (1) o (1) O Roquetismo (8) Oceano (1) Octávio (1) Olhanense (1) Olivedesportos (1) Onyewu (7) onze ideal (1) opinião (6) oportunistas (1) orçamento (3) orçamento clube 15/16 (1) organização (1) orgulho leonino (17) Oriol Rosell (3) paineleiros (15) Paiva dos Santos (2) paixão (3) papagaios (8) pára-quedista (1) parceria (2) pascoa 2010 (1) pasquins (7) património (2) patrocínios (5) Paulinho (1) paulo bento (19) Paulo Faria (1) Paulo Oliveira (3) Paulo Sérgio (43) paulocristovão (1) Pavilhão (11) pedrada (1) Pedro Baltazar (8) Pedro Barbosa (5) Pedro Madeira Rodrigues (3) Pedro Mendes (4) Pedro Silva (2) Pereirinha (6) Peyroteo (2) Piccini (1) Pini Zahavi (2) Pinto Souto (1) plantel (31) plantel 17/18 (3) play-off (2) play-off Liga dos Campeões 17/18 (5) PMAG (3) Podence (1) Polga (5) Pongolle (5) Pontos de vista (15) por amor à camisola (3) post conjunto (5) Postiga (7) PPC (7) Pranjic (2) pré-época (2) pré-época 10/11 (7) pré-época 11/12 (43) pré-época 12/13 (16) pré-época 13/14 (16) pré-época 14/15 (22) pré-época 15/16 (20) pré-época 16/17 (12) pré-época 17/18 (9) prémio (1) prémios stromp (1) presidente (4) Projecto BdC (1) projecto Roquette (2) promessas (3) prospecção (2) Providência Cautelar. Impugnação (1) PS (1) Quo vadis Sporting? (1) Rabiu Ibrahim (2) râguebi (1) raiva (1) RD Slovan (1) reacção (1) redes sociais (1) Reestruturação financeira (17) reflexãoleonina (21) reforços (15) regras (4) regulamentos (1) Relatório e Contas (11) relva (10) relvado sintético (4) remunerações (1) Renato Neto (3) Renato Sanches (1) respeito (7) resultados (1) revisão estatutária (5) Ribas (2) Ribeiro Telles (4) Ricardo Peres (1) Ricciardi (2) ridiculo (1) ridículo (2) Rinaudo (8) Rio Ave (2) Rita Figueira (1) rivais (6) Rodriguez (2) Rojo (4) Ronaldo (12) rtp (1) Rúbio (4) Rui Patricio (18) Rui Patrício (4) Sá Pinto (31) SAD (25) Salema (1) Sarr (4) Schelotto (2) Schmeichel (2) scouting (1) SCP (64) Segurança (1) Selecção Nacional (38) seleccionador nacional (5) Semedo (1) SerSporting (1) Shikabala (2) Silly Season2017/18 (2) Símbolos Leoninos (3) Sinama Pongolle (1) Sistema (4) site do SCP (3) SJPF (1) Slavchev (1) slb (22) Slimani (11) slolb (1) Soares Franco (1) sócios (16) Sócrates (1) Solar do Norte (14) Sondagens (1) sorteio (3) Sousa Cintra (1) Sp. Braga (2) Sp. Horta (1) Spalvis (2) Sporting Clube de Paris (1) Sporting160 (1) Sportinguismo (2) sportinguistas notáveis (2) SportTv (1) Stijn Schaars (4) Stojkovic (3) Sunil Chhetri (1) Supertaça (3) sustentabilidade financeira (40) Taça CERS (1) Taça Challenge (5) taça da liga (11) Taça da Liga 10/11 (7) Taça da Liga 11/12 (3) Taça da Liga 13/14 (3) Taça da Liga 14/15 (2) Taça da Liga 15/16 (4) Taça da Liga 16/17 (1) Taça da Liga 17/18 (1) Taça das Taças (1) Taça de Honra (1) Taça de Liga 13/14 (3) Taça de Portugal (12) Taça de Portugal 10/11 (3) Taça de Portugal 10/11 Futsal (1) Taça de Portugal 11/12 (12) Taça de Portugal 13/14 (3) Taça de Portugal 14/15 (8) Taça de Portugal 15/16 (4) Taça de Portugal 16/17 (4) Taça de Portugal 17/18 (2) táctica (1) Tales (2) Tanaka (1) Ténis de Mesa (2) Teo Gutierrez (5) Tertúlia Leonina (3) Tiago (3) Tonel (2) Torneio Guadiana 13/14 (1) Torneio New York Challenge (4) Torsiglieri (4) Tottenham (1) trabalho (1) transferências (5) transmissões (1) treinador (90) treino (4) treinos em Alvalade (1) troféu 5 violinos (5) TV Sporting (5) Twente (2) Tziu (1) uefa futsal cup (4) Uvini (1) Valdés. (3) Valores (14) Veloso (5) vendas (8) vendas 2013/14 (2) vendas 2014/15 (1) vendas 2016/17 (5) vendas 2017/18 (1) Ventspils (2) Vercauteren (5) Vergonha (7) video-arbitro (5) Villas Boas (8) Viola (1) Virgílio (98) Virgílio1 (1) Vitor Golas (1) Vitor Pereira (6) Vitória (1) VMOC (7) Vox Pop (2) VSC (3) Vukcevic (10) WAG´s (1) William Carvalho (13) Wilson Eduardo (2) Wolfswinkel (12) Wrestling (1) Xandão (4) Xistra (3) Zapater (2) Zeegelaar (2) Zezinho (1)